InícioInício  PortalPortal  CalendárioCalendário  GaleriaGaleria  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  
Compartilhe | 
 

 4ª temporada!

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2  Seguinte
AutorMensagem
Nekiba
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 2492
Pontos : 3690
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 24
Localização : No pico do Himalaia

MensagemAssunto: 4ª temporada!   Ter Jun 28, 2011 9:25 am




Capítulo 92: Happy Fucking Birthday!


-----------------(Num cinema qualquer de Phallus)---------------------

Bia: Sério, Iago, você não é muito de me chamar pra sair, por que resolveu me chamar agora?

Iago: Porque eu queria ver esse filme com você ué, não posso?

Indivíduo no cinema: Ssshhhiu!!

Bia: Mas... é estranho porque... Nunca achei que você quisesse assistir Lembranças. ‘-‘

Spoiler:
 

Iago: E só porque é filme de mulher eu não posso ver?

Outro indivíduo: Sssshhhhiu!

Bia: Hahahaha... Falei nada, oxê X3

------------------------------

Mansão Norris...


Chuck Norris: *com uma prancheta e uma caneta em cima do ouvido* Andem seus imprestáveis! Encham todas as bexigas com gás hélio!! Aquele gás que te deixa com voz de pato! Não não Nekiba sua mula! Os brigadeiros tem que ficar do lado esquerdo do bolo! Hustler seu imprestável! Coloca fitinhas em TODAS as linhas!

Todos: *obedecendo* ç.ç

Nascimento: Isso mesmo! Tem que ser duro com essa cambada!!

Nekiba: O Norris-sama ta um tanto animado com a festa. -.-

Geh: É.

Taty e Karol, que sabiam voar, não precisavam de escadas então colocaram a faixa escrita “FELIS ANIVERÇÁRIO BIA UINAMOTO”

Karol: Er... Taty-san, acho que tem alguma coisa errada com essa faixa.

Taty: *olha pra faixa* Nuoooossa! Quem foi o analfa que escreveu nessa faixa?

Leandro: *chega na mansão* Hm? Ah, olha a faixa que eu escrevi aí? *pose “eu sou foda”* UwU/

Karol: Ta explicado... =w=

Set: *indo pegar um brigadeiro* *¬*

Yuki: *da um tapa na mão dele* Não coma agora, Set! u.u

Set: Ittai, Yuki-chin!! É que ta com uma cara tão boa >.<

Wagner: *aparece do nada* Gostaram? Fui eu mesmo que fiz! UwU/

Yuki: Breve hei de experimentar o seu prato.

Wagner: Hein? O.o

Set: Traduzindo: Depois eu como isso que você fez! ;D

Chuck Norris: WAGNER SUA MULA MANCA! VOCÊ NÃO DEVERIA ESTAR NA COZINHA?!

Wagner: G-Gomen, Norris-sama!! >.<

Chuck Norris: E aqueles imprestáveis do Kyo e da Miwa estão lá fora recebendo o pessoal?

Wagner: Ta, pelo menos deve ta.

Na entrada da mansão, Miwa e Kyo estavam vestidos de host e hostess recebendo o pessoal, como verdadeiros anfitriões.

Kyo/Miwa: Irasshai masen!

Tsuki: Então é aqui que vai ser a festa da Bia?

Kyo: *segura a mão dela e aproxima o rosto* Pode entrar que o meu coração vai te acompanhar.

Tsuki: T-Ta bom... Kyo-kun. ^///^ *entra na mansão*

Ike: *chegando junto com Keinichi* Sugeeeee! Que mansão enorme!

Keinichi: *chapado* E ela ta falando comigo aew! @_@


De volta pra dentro da mansão...

Chuck Norris: Hades, comunica com o pessoal aí!

Hades: *com aqueles mini fones com microfone [tipo os que os apresentadores de TV usam]* Asuka, Juh, Criss, como tão indo aí nas compras?

---------------

Asuka: *idem o Hades* Ne, o Juh foi agora pra loja de roupas comprar uma camiseta bem bonita pra aneue e... JUH?!

Juh: *sendo expulso da loja pelos seguranças* Nhaa eu prometo que nunca mais me agarro com um bofe no provador! T_T

Asuka: Hades... o Juh acaba de ser expulso da loja de roupas, então uma camiseta como presente ta fora de questão. E por que raios você foi provar uma camiseta que era pra Bia??!

Criss: *chega com uma guitarra Gibson Les Paul*



Criss: Isso sim que é um presente! Autêntica, usada pelo próprio Slash!!

Asuka: O quê que a Bia vai fazer com uma guitarra se ela não sabe tocar, seu animal!!??

Hades: O que?!

Asuka: Não falei com você!

Juh: Danna, você conhece muito pouco da Bibih e de mitologia grega. Não sabia que Apolo é o deus das artes, e por isso conhece tudo de música... da isso na mão da Bibih que ela aprende na hora!

Asuka: Quando foi que você estudou mitologia grega? O.o

Juh: É uma boa pergunta! ^w^

Criss: Vambora logo pra lanchonete que eu quero me abastecer!

Asuka: Mas a gente precisa voltar!

Criss: Mas eu to com fomeeeee!~~

Asuka: Hades, o Criss não ta cooperando!

Hades: Deixa comigo, to indo aí!

------------------------

Chuck Norris: Ótimo! Han, e como ta indo aí?

Han: *o mesmo que o Hades* Aya, Thaysa, Mirella, como ta indo com o Green Day?

-------------------

Thaysa: *idem a Han* Er... é que o Green Day... ta um pouquinho caro... ^~^’

Mirella e Aya conversavam com os integrantes do Green Day na sala de reuniões deles.

Aya: Mas é só uma festa lá em Champz, vocês tocam só algumas músicas pela metade do preço.

Billie Joe [o vocalista]: 36.000 dólares ou nada feito! u.u

Mirella: Ainda quer em dólares?

Billie Joe: Aham, e fora pagar o nosso voo até Champz!

Thaysa: E agora o que a gente faz, Han-chan?

Han: Bom... eles que pediram... vamos usar o plano B!

Thaysa: O plano B? É, situações desesperadas pedem medidas desesperadas. Gente, plano B.

Thaysa aponta a arma pro Billie Joe, Mirella aponta uma metralhadora pro Mike [baixista] e Aya coloca a espada no pescoço do Tré [baterista].

Thaysa: Vocês não tão entendendo... vocês VÃO tocar na festa da Bia-chan lá em Champz! ^w^

Billie Joe: ... Como eu dizia, rumo à Champz! ^^’

----------------

Chuck Norris: Não esqueçam que na hora que o Green Day chegar vocês liberam a Selena Gomez que a gente amordaçou, ok?

Nascimento/Kyara: *do lado da Selena* Ok! o/

Selena: *amordaçada* ^x^’ (pensa) HELP! HELP MEEE!!

Chuck Norris: E você Rie? Como ta indo aí?

Rie: *com o mesmo aparelho do Hades e da Han* Jammal, Bruh, ta me ouvindo?


---------------------

Jammal: *idem o Rie* Agente ta aqui no mesmo cinema da Bia-san.

Bruh: E a Bruh ta ajudando! xw^/

Indivíduo: Ssssshhhhiu!!

Bruh: Mandaram a Bruh ssshh... x.ç

Jammal: *cochichando* Por enquanto ta tudo sobre controle, Rie-san, o Iago ta conversando com a Bia... parece que... eles tão discutindo... um cara mandou o Iago sshh... O Iago avançou nesse cara! Ai! Agora a Bia ficou brava e ta saindo! Eu repito! A Bia-san ta saindo do cinema! *se esconde*

Bruh: *se esconde também*

Bia: *saindo* Nunca mais vou num cinema com você, Iago! u.u

Iago: *indo atrás dela* Desculpa Bia! Eu tava protegendo você! Ele mandou você sshh!

Pessoal no cinema: SSSHHH!!

Iago: VÃO SE FUDER!! Ò.Ó

-------------------

Rie: Jammal! Bruh! Não deixa eles saírem! Aqui ainda não ta nada pronto!

------------------

Jammal: Eu vou chamar o Goro Jr.! /o/

Bruh: Bruh vai tentar atrasar eles! \o\

Bia já estava lá fora do shopping e Iago seguia ela tentando convencer ela a voltar pro cinema, quando Bruh, vestida de criança pobre pára na frente dos dois segurando um copo.

Bruh: Ow, tia, será que num dá pa sinhora da uma dá uma ajuda aí pa nossa família que nóis ta pricisando, uma ajudinha de um cunt já da, sinhora.

Bia: Own coitadinha! ó.ò Iago, dá um cunt pra ela!

Iago: *procurando nos bolsos e tira um cunt* Ta aqui, menininha.

Bruh: (pensa) Iago-san no BAKAAA!! Era pra você enrolar um pouco! Falava que não tinha troco e procurava de loja em loja que trocassem pra você! Ou falava que não tinha mas ia trabalhar e daqui a um ano você me vinha com o dinheiro! x.O

Iago: (pensa) KUSOOOO!!! Se eu tivesse pensado nisso antes!! O.Ò

Bruh:...

Iago: *com o dinheiro na mão*...

Bia: Vai dar ou não?

Bruh: É que... além de tudo... eu tenho paralisia nas mãos e não posso pegar o dinheiro! x.ç

Bia: *olhando bem pra cara dela* Hmmmm... eu conheço esse tapa-olho... e_e

Bruh: *suando* x.O

Goro Jr.: *aparece do nada* BAIXINHAAAAAA!!!

Goro Jr. era o filho do Goro, da Máfia Angel, era igualzinho Goro, mas um pouco menor.

Bia: GORDÃÃÃÃÃÃÃÃOOOOO!!!

Goro Jr./Bia: *se matando* HYAAAAAAAAAAAAAAAAAA!!!

-----------------------

Chuck Norris: E você Leandro? Não vai fazer nada?

Leandro: Eu sou convidado aqui, não preciso fazer nada! u.u

Chuck Norris: *olhar mortal* PRECISA SIM!! Eu to mandando!

Leandro: P-Para... não grita... ú.ù

Chuck Norris: *pedala* Vai agora lá ajudar na cozinha!

Leandro chega na cozinha e lá estavam Wagner, Akane, Geh e Hani-shi ajudando na cozinha.

Leandro: Wagner, seu sortudo! Duas lolitas e uma MILF só pra você!

Wagner: Ah... você! u.u

Akane: Ohayo, Leandro-sama! ^w^

Hani: Fala Leandro! o/

Geh: ...

Leandro: Eu não vou dividir a mesma cozinha que o Wagner. Geh, me defenda! u.u

Geh: Não.

Leandro: Como não?

Geh: Não quero

Leandro: Não quer por que?

Geh: Não vou, não enche!

-----------------------

Goro Jr.: WAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHH!! DEVOLVE O BRINQUEDO DO JUNIOOOR!!! TT-----TT

Bia: *segurando o porrete dele atrás das costas* Não não não, Junior foi um mal menino! Então Junior vai ficar sem o brinquedo! *joga o porrete pro infinito e além*

Goro Jr.: NOOOOOOOOOO!!!! *vai atrás*

Bia puxa Iago pelo braço e vai seguindo em direção à Mansão Norris.

Jammal: Rie-san! Rie-san!

Rie: *no mini fone* Jammal! E aí? Conseguiram atrasar a Bia?

Jammal: A Bruh se vestir de mendiga não funcionou e o Goro Jr. foi inútil! Ç.Ç

---------------------------

Rie: Façam alguma coisa logo! Lutem com ela! Fica provocando ela pra ela correr atrás de você sei lá! Faz alguma coisa!!

BOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOMMMM

Chuck Norris: Que porra foi essa?!

Thaysa, Mirella e Aya entram na Mansão arrastando os membros do Green Day.

Thaysa: Aqui ta o Green Day como você pediu, Norris-sama.

Aya: E desculpa pelo avião todo destruído em frente a sua casa... e pelo jardim pegando fogo...

Mirella: E por atropelar um convidad-

Aya: E por atropelar um convidado.

Chuck Norris: =A=’

Rie: Er... Norris-sama... tem um tempinho? ^^’

Chuck Norris: O que foi agora?

Rie: O Goro Jr. foi inútil! A Bia vai chegar aqui em 10 minutos! >.<

Chuck Norris: 10 MINUTOS! CADÊ A ASUKA, O JUH E O CRISS COM O PRESENTE??

Nekiba: O Hades-sama foi atrás dele agora pouco. ‘-‘

Chuck Norris: É bom ele voltar logo antes que os quatro levam um Roundhouse na bunda!!


------------------------

Jammal: Rie-san! Rie-san! Por que não responde?!

Bruh: Jammal no baka! Você não sabe usar o mini fone, dá aqui pra Bruh. *toma o mini fone do ouvido dele*

Jammal: Itte, Bruh!! O Rie-san deixou o mini fone comigo! *toma dela*

Bruh: Jammal! Devolve!

Jammal e Bruh ficam brigando pelo mini fone até que eles deixam cair e o mini fone quebra no meio.

Jammal/Bruh: =A= xA=’

----------------------

Rie: *tira o mini fone com tudo* Ai carai! O fone deu um curto! >.O

Chuck Norris: E o que isso quer dizer?

Rie: Talvez o fone do Jammal e da Bruh tenham quebrado.

Chuck Norris: O QUEEEEE??? COMO A GENTE VAI SE COMUNICAR COM O JAMMAL E COM A BRUH??

Hades chega arrombando a porta da frente junto com Asuka e Juh e segurando Criss Angel amordaçado.

Asuka/Juh: Tadaimaaa! =w=

Criss: =X

Chuck Norris: Onde vocês estavam?!

Hades: Esse aqui já não vai mais dar problemas, Chuck!

Chuck Norris: Rápido! Soltem ele! Ele tambem vai precisar ajudar! Estamos com problemas!

Han: *olha na janela* TEM ALGUÉM CHEGANDO!!

Chuck Norris: Puta merda! A Bia chegou!

Uma correria, todo mundo se atropelando, capotando, alguém joga um sapato no interruptor pra apagar a luz e a confusão aumenta com tudo escuro.

Nascimento: CALEM A PORRA DA BOCA!! Tem que ser surpresa!

Todo mundo fica em silêncio e a porta se abre, alguém entra na mansão.

Todos: SURPRESAAAAAAAAAA!!

Preston: ‘-‘

Chuck Norris: PRESTON!!

Preston: Desculpa, tava muito trânsito e eu cheguei atrasado.

Lety: *chega logo atrás dele* Então aqui que é a Mansão Norris? *O*

Preston: Grande coisa, eu tenho uma mansão igual a essa.

Asuka: Esse cara! Ele quer pegar a minha aneue!

Lety: Se acostume, ele é sempre assim! =_=

Preston: Eu sou mesmo! E me orgulho, porra!

Já chegando pertinho da Mansão, Bia tava sendo puxada por Iago, mas ela o arrastava mais pra perto.

Bia: Me deixa ir pra casa, Iago!

Iago: Por favor! A gente ainda não passou no boliche! A gente ainda não foi karaokê! Eu quero cantar no karaokê!!

Bia: Você canta mal pra caralho! Deixa eu ir pra casa que eu to com fome!

-----------------------

Kyo: KYAAAAAAAAAAAAAAAHHHH!!! A Bia ta chegando pessoal!!

Chuck Norris: A BIA TA CHEGANDO! TODOS AOS SEUS POSTOS!!

O pessoal começa a se preparar, todo mundo correndo igual Toy Story quando o Andy ta chegando e todo mundo tem que ficar no seu lugar de costume.

Asuka: E quem apaga a luz? ‘-‘

Chuck Norris: Eu não posso sair dessa posição.

Preston: Eu to aqui na frente pra Bia me ver, nem vem, caralho.

Nascimento: Alguém vai logo apagar a merda da luz!

Hades: Vai você então.

Nascimento: Taty-chan, vai lá.

Taty: Mas se eu sair dessa posição vai desfazer a pose.

Chuck Norris: Desde quando a gente precisa de pose?! Somos as Forças Especiais Ginyu por acaso?!

Criss: Aff... *bate palmas e a luz apaga*

Chuck Norris: Agora façam silêncio.


------------------------

Bia: Nossa, ta escuro lá dentro.

Iago: O Tio deve ta dormindo.

Bia: *abrindo a porta* Vamos acordar ele porque não é hora pra dormir!

Iago: Não queira acordar o Tio... não queira! O.O

Todos: SURPREEEEEEEEEEEESAAAAAAA!!! =D [só a Aya que não sorriu, ta gente?]

Bia: (pensa) Hm... novidade... (fala) OOoooooOOOoooHHHhhh!!! Tudo isso pra miiiim?? *w*

A banda Green Day começa a tocar Happy Birthday to you versão rock com a Selena Gomez cantando

http://www.youtube.com/watch?v=rpPaKNSh7-k
[O vídeo não tem nada ver com Green Day ou Selena Gomez mas use a imaginação]



Bia: GREEN DAAAAAAAY!!! SELENAAAAAAAA!! Nhaai genteee não precisava! XD

O pessoal todo começa a cantar junto com a banda e com a Selena, todo mundo se reúnem em volta da Bia e levantam ela [igual o time da Espanha fez com o técnico quando foram campeões].

Preston: *cola na Bia* Eu fiz essa festa especialmente para você, seu presente eu vou te entregar depois no meu quarto! ;D

Lety: *bate na cabeça dele com o cabo da espada* NÃO MENTE!

Asuka: Espera... Han, Lana-chan, Karol, vocês já tem tudo preparado, não?

Han/Lana/Karol: Pode crer! *tiram uma cartela de ovos não sei da onde*

Asuka: *idem*

Bia: O-oh...

Chuck Norris: Não! Vão sujar o carpete!

Preston: Eu não vou permitir! Lety, meu ajuda!

Asuka, Karol, Han e Lana começam a atirar ovos em Bia, Preston e Lety rebatiam os ovos com a espada.

Convidados: *levam gemadas na cara*

Um ovo ia acertar Bia, Preston e Lety não iam alcançar, mas Bia começa a esquentar o ambiente, esquenta tanto que choca o ovo, fazendo nascer um pintinho dele.



Miwa/Juh: OBA! PINTO! *¬*

Bia: *pega o pintinho* Owwwnnt! Que fofo! Adorei o presente, gente!

Os que atacaram os ovos: =A=’

Miwa: Nhaaa Bia, abre o meu presente e o do Juh?

Juh: Abre o nosso presente, Bibih! *-*

Bia: Ta bom, cadê o presente?

Miwa/Juh: *tiram a roupa e, Miwa por baixo usavam lingerie e Juh uma sunguinha de oncinha* TADAÁÁÁA!! =D

Bia: WAAAAHH!!! ÒAÓ’

Yuki: Mortais promíscuos! u.u

Bia: Eu não vou querer isso!! Ò.Ó

Karol: Se você não quer, eu quero.

Yuki: Demônia!

Karol: Bicha!

Chuck Norris: Sem lutas aqui!!


Karol: Abre o meu agora Bia! ^_^

Asuka: Se o da Miwa e do Juh foram assim imagina a da Karol!

Karol: Nah, não tem nada dessas coisas. u.u *entrega um presente*

Bia: *abre* OOOOHHHH!!! UM DEATH NOTE!!! *O*



Bia: *abraça a Karol* Valew meeeeeeeesmo, Karol!! Do fundo do coração! ÇwÇ

Asuka: Nhaaaa que injusto!! Por que só a Bia pode ter um Death Note e eu não?! ç.ç

Iago: A Asuka... com um Death Note?

--------------------imaginação do Iago on-------------------

O mundo todo destruído, cheio de pessoas mortas e Asuka sentada numa pilha de cadáveres.

Asuka: *com o Death Note e uma caneta* MWAHAHAHAHAHAHAHA! MWAAAAHAHAHAHAHA!!

------------------imaginação do Iago off------------------------

Akane: Eu e a Geh-sama também trouxemos um presente Bia-sama. ^w^

Geh: Pra você, Bia-san. *entrega o presente*



Bia: KYAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHH!!! KAWAAAIII!! *-*

Chuck Norris: (pensa) Hm... vamos ter churrasquinho de gato amanhã na janta! *¬*

Nekiba: O MEU! O MEU! O MEU! =D *entrega um embrulho pequeno*

Bia: *abre* Er... q-que legal... Nekiba ^^’



Todos menos Bia e Nekiba: *tentando segurar a risada*

Preston: Puta, que bosta! XD

Nekiba: *cantinho da depressão* Eu... fiz com tanto carinho T-T

Bia: *olhar mortal pro Preston* Retire o que disse! Ò.Ó

Kyo: Bia... Não se preocupe com esses presentes fúteis, você está prestes a ganhar o melhor presente de mim! UwU/

Bia: Me dá! *0*

Kyo: *fica parado encarando ela* ...

Bia: Cadê?

Kyo: *aponta pro rosto* Ta aqui, pode admirar o quanto quiser! ¬w¬

Bia: Er... não é nada... que eu possa usufruir? ‘-‘

Wagner: Hey, Kyo, você não comprou o presente que eu te mandei comprar?

Kyo: Não, eu gastei o dinheiro! >.<

Wagner: V-Você gastou o dinheiro?!! No que você gastou?! Ò.Ó

Kyo: *tira uma corrente com um W e um K nela* Comprei isso... pra você. *veste no Wagner* Pra você sempre se lembrar de mim quando eu estiver longe. ^_^

Wagner: K... Kyo... O///O

Bia: KYAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHH!!! MOOOOOOEEEEEEE!!! *O* Esse foi o melhor presente que eu ganhei até agora! *o*

Asuka: Espera só até ver o que eu comprei! UwU

Bia: O que? O que? O que? =D

Asuka: *tira uma bazooka do bolso [não me pergunte como]* Pra você, aneue! =D

Bia: Ooooowwwnnn... uma bazooka!! Eu sempre quis uma bazooka! =,D

Mirella: *joga a bazooka que ela comprou no lixo* Ah, droga! u.u

-------------------------------------

Bia/Chuck Norris/Kyara: *na frente do bolo* ^_^

Todos menos Bia: Parabéns pra você, nessa data querida, muitas felicidades, muitos anos de vida!

Iago: E pra Bia nada!

Todos: TUDOOO!!

Pastor Metralhadora: TUTÔ!

Iago: Então como é que é?

Todos: É... é pique, é pique ((Preston: É PICA! É PICA)) é hora é hora é hora! ((Preston: É rôla é rôla é rôla)) RÁ-TIM-BUM ((Preston: No-seu-cú!)) BIA! BIA! BIA!

Chuck Norris: *olhar mortal pra Preston* Ò.Ó

Preston: O segundo olhar mortal que eu ganho hoje em menos de duas páginas do Word. ‘-‘

Leandro: Faz um discurso! Discurso! Discurso! Discurso... Dis...

Todos:...

Leandro: ...curso... dis... er... deixa pra lá. ‘-‘

Set: DISCURSO!

Todos: Discurso! Discurso! Discurso!

Leandro: Por que só com ele? =A=

Bia: Bom... Eu nem sei o que dizer gente, eu realmente agradeço à todos vocês por virem na minha festa, pelos presentes que vocês me deram, só a presença de vocês aqui já é um presente.

Todos: OOOWWWWNNN...

Bia: Eu na verdade nem sei quantos anos eu to fazendo porque lá no Olimpo era tudo diferente, inclusive eu agradeço à você Suze por ter vindo sem querer me jogar no Tártaro.

Todos menos Bia: SUZE?? HAHAHAHAHAHAHAHAHA!!! XD

Bia: E eu... realmente agradeço... e é melhor eu apagar logo essa velinha. ‘-‘

Karol: Deixa que eu apago. *mata a vó do Kyo* Pronto, apaguei a velha!

Kyo: VOVÓÓÓ!! T-T

Lix: Faz um pedido!

Bia: *pensa um pouco* Já sei! =D *assopra a vela*

Lix: E aí, o que você pediu?

Bia: Na-ah! O pedido tem que ser confidencial! ;P

Preston: Ah, Bia, antes que eu me esqueça, eu também comprei teu presente.

Bia: Ah, e o que é, Preston-san? ^-^

Preston se ajoelha na frente de Bia e abre uma caixinha que tinha esse anel dentro dela


Bia: O////////////////////////////O’

Iago/Lety: *se mordendo de ciúmes* Ò.Ó#

Preston: Bia, quer se casar comigo, porra?

Todos menos Preston: !!

Kyara: Owwwwn que lindo!

Bia: P-Preston-san... e-eu...

Preston: *se levanta e segura o queixo de Bia* Não precisa responder agora, ok? Só pense no assunto... ;D

Fica aquele silêncio chato, constrangedor, Bia espantada, Iago e Lety bufando de ciúmes, acho que a única que sorria era Kyara mesmo, e o Nekiba, mas ele é bobo alegre e sorri o tempo todo. Até que a Thaysa finalmente quebra o gelo colocando uma música.

Thaysa: Então! Isso é uma festa ou é um velório?! Que comece a festa!

Bia corta o bolo e todos comem e se divertem na festa, todo mundo comemorando e dançando, os mais safadinhos [lê-se: Miwa, Juh, Wagner...] foram para os quartos com seus pares e fizeram bastante séquiço! Todos brincaram de verdade ou desafio [que é só um outro nome pra “vamos sair beijando o primeiro retardado que aparecer na frente”] e também encheram a cara até ficar de ressaca no dia seguinte... e a festa da Bia foi FODA!


-----------------------------------------------

comente aqui, ou não! ^3^
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nekiba
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 2492
Pontos : 3690
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 24
Localização : No pico do Himalaia

MensagemAssunto: Capítulo 93: Extreme Makeover: Reconstrução Total!   Sex Jul 01, 2011 6:33 pm

Capítulo 93: Extreme Makeover: Reconstrução Total!


Olha que cidade bonita e tranquila que é Phallus [você não está vendo porque está lendo, mas se você conseguisse ver a minha mente, ia ver como é uma cidade bonita]
Essa é uma cidade bem segura, porque, além de ser a cidade onde três Fodões moram [Chuck Norris, Nascimento e Taty] tem uma força policial incrível com a Comandante da Polícia de Phallus, Thaysa Maximo... Até a casa dela é uma casa tranq-

-MORRAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA!!!

Eita porra!! O que ta acontecendo lá!?!?

Na casa da Thaysa...

Geh: Loucas...

Aya: Fica fora disso, Geh! Isso é entre eu e essa cópia do Henry Sobel!

Mirella: Olha só quem fala! *imitando o Pikachu* Pika pika! Pikachu!

Geh: *segurando a risada*

Aya: Ah é?! *pega um saquinho de moedas*

Mirella: O-o-o que você vai fazer com isso?!

Aya: Hehehehe! Olha só o que eu faço com isso! *despeja as moedas no chão*

Mirella: *pula pra pegar cada moedinha* NÃO!! NÃO FAZ ISSO COM OS MEUS BEBÊS!!

Aya: *chuta Mirella*

Mirella: Ora sua!! *avança em Mirella e começa a lutar mano a mano*

Geh: *bem desanimada* Parem... parem... não briguem... ah, vou dormir... *sai*

Aya dá um soco na parede rachando o concreto, Mirella pega Aya pela roupa e enfia na parede rachada fazendo um buraco, depois joga Aya pra cima e dá um murro na barriga dela, Aya pega o braço de Mirella e dá um mata-leão.

Aya: Pede água! Pede água!

Mirella dá um tranco se soltando do mata-leão e joga Aya na outra parede fazendo outro buraco.

Geh: Aff... não dá pra dormir com essa barulheira... *vê a briga* Tsc... *pega o telefone*

------------------------

Thaysa: *chupando um pirulito no seu escritório* Nhaaaa... tédiooooo...

*toca o telefone*

Thaysa: *atende* Presídio Municipal de Phallus, Comandante Maximo falando.

Geh: *do outro lado da linha* Nee-san, vem aqui...

Thaysa: Geh? Por que?

Geh: A Aya-san e a Mirella-san se matando de novo.

Thaysa: Ah, acabei de ouvir alguma coisa quebrando! Já to indo aí!

------------------------

Mirella: *toda arrebentada* Aahhh... aahhh... aaahhh...

Aya: *idem* Aaaahhh... ahhhh... aaahh...

Geh: *quase dormindo* Já...?

Thaysa: *chega derrubando a porta que já tava toda arrebentada* Que merda que vocês fizeram aqui!?

Mirella/Aya: *falando juntas, mas num dava pra entender então não compensa escrever alguma coisa*

Thaysa: Calem a boca as duas! Olha o que a briga de você fizeram na minha casa!!

Mirella/Aya: Culpa dela! Não, culpa sua! Não, sua!

Thaysa: Chega! Não importa de quem foi a culpa! Vocês quase destruiram a casa!

Asuka: *entra na casa* Thaysa-chan, eu preciso d-... Que bagunça é essa aqui?

Thaysa: A luta dessas duas! *apontando pra Aya e Mirella*

Asuka: Ah, queria ta aqui pra ver!

Thaysa: E agora? Como eu vou cobrir esses prejuízos?

Asuka: Eu poderia pedir pro meu Pai te ajudar, mas ele já ta nervoso de tanto que ele tem que pagar por coisas que eu e o nee-nee quebramos...

Thaysa: Aw... droga!

Asuka: Mirella! Aya! Acho que vocês tem uma coisa pra falar pra Thaysa-chan, né?

Mirella: Me perdoe, Thaysa, não vai acontecer de novo! Eu estou morando de favor então não devia ter feito isso!

Aya:...

Asuka: Ayaaaaa!

Aya: Tsc... desculpa... Thaysa...

Thaysa: Bom, eu desculpo vocês, mas o que me preocupa é como eu vou cobrir os prejuízos...

Geh: *saindo de casa*

Thaysa: Aonde você vai Geh?

Geh: Resolver.

Todos – Geh: ???

---------------------------------

No dia seguinte...

Thaysa: *acordando* Aff... nem consegui dormir direito com esse buraco no teto...

-BOM DIA FAMÍLIA MAXIMOOOOOOOOOOOOOOO!!!!

Thaysa: WAH!! Da onde veio isso!?!

Geh: *já acordada* A ajuda chegou.

Aya: *entra no quarto de pijama* Thaysa! O que foi isso?!

Thaysa: E-eu vou lá fora ver!

Thaysa, Aya, Geh e Mirella saem de pijama mesmo, do lado de fora estavam um cara de aparentemente 40 anos mas se vestia e com um penteado de jovem, um homem de aparentemente 35 anos que você olha pra ele e já pensa “ele é viado!”, uma mulher que já tava quase chorando, um careca que parecia o primo magro do Vin Diesel e um tiozão de óculos.

Ty [O que tem alma jovem]: *gritando num megafone* Viemos pra Reconstruir a sua casa, Sra. Maximooooo!!! Uhuuuuuuuuuuuuuu!!!

---------------------------

Ty Pennington – Designer irritante

Ty: Quando a gente chegou lá e viu aquelas pessoas pensamos *no megafone* “UHUUUU! VAMOS COLOCAR ESSA CASA PRA BAIXOOOO!!!”

---------------------------

Thaysa: Er... posso ajudar vocês?

Ty: *no megafone* Viemos reconstruir sua casa caindo aos pedaços!

Thaysa/Aya/Mirella/Geh: *tapam os ouvidos*

Geh: Nee-san, fui eu que chamei eles, eles são do Extreme Makeover.

Michael [O viado]: E nós vamos levar vocês para um hotel TO-TAL-MEN-TE luxuoso! Vai ser um arraso, bi!

---------------------------

Michael Moloney – Desginer viado

Michael: A coisa mais gratificante é ver aqueles rostinhos espantados e pesando “Ai! O Extreme Makeover!” Tipo assim, nada paga isso! É tudo!

----------------------------

Ty: Aham! E como aqui em Gonorrhea não tem bosta nenhuma de luxuosa vocês vão para esse hotel de luxo no *no megafone* EMIRADOS ÁRABES UNIDOOOOOOOOS!!!!

Aya: *tapa os ouvidos* Tanto lugar pra mandar e vão mandar a gente pros Emirados Árabes?!

Mirella: Sssshh! Não reclama!

Jill [A mulher]: *fazendo um carinho na cabeça de Thaysa* Não se preocupem... tudo vai dar certo daqui pra frente... *segurando o choro*

---------------------------

Jillian Harris – Designer chorona

Jill: Só de pensar o quanto essas meninas sofreram, o quanto que ela passaram só pra ter aquela casa caindo aos pedaços... *limpa as lágrimas* Ahhh, os negros são mesmo batalhadores... *começa a chorar*

----------------------------

Ty: Agora vocês podem entrar na nossa limousini e vão direto para Dubai nos Emirados Árabes Unidos! Porque a gente não queria gastar mais grana além do que a gente vai gastar na reconstrução, então vai Dubai mesmo! *pisca*

Thaysa: B-bom, obrigado então!

Aya: To desconfiando disso, Thaysa.

Thaysa: Eles vão reconstruir a minha casa que você e a Mirella destruiram, veja isso como um presente! A Geh chamou eles, eles são confiáveis, não são Geh?

Geh: São.

Thaysa: Viu? Pra bom entendedor, meia palavra basta.

Assim, Thaysa, Geh, Aya e Mirella entram na limousini e vão embora até o aeroporto pra voar para Dubai nos Emirados Árabes Unidos.

Ty: *no megafone* PRONTO CAMBADA! DERRUBEM ESSA CASAAAAAAAA!!!

Vem um trator e derruba a casa com uma daquelas bolas gigantes de metal.

Ty: *no megafone* COLOCA TUDO PRA BAIXOOOOOOO!!!!! UHUUUUUUUUUU!!! EU JÁ TOMEI 26 XÍCARAS DE CAFÉ HOJE!! UHUUUUUUUUUUUUU!!!!

Ed [O careca]: Fuck, cara chato, man!

-----------------------------------

Ed Sanders – Designer careca e britânico

Ed: Eu gosto de reconstruir as casas, expor as minhas idéias, no final ver as pessoas felizes, mas aguentar o Ty com o megafone não dá!

-----------------------------------

Asuka: Ai ai... mais um dia chato de trabalho...

Iago: É... pensa bem, pelo menos a gente pega um bandido fraco e tem o resto do dia pra nós! Quem é o procurado dessa vez?

Asuka: Um tal de Beira-mar... dizem que ele é perigoso...

Iago: Eu sou mais perigoso!

Asuka: Hey, aquela não é a casa da Thaysa-chan?

Iago: Tão destruindo ela! Bando de filhos da puta! *corre até lá* O que vocês tão fazendo seus bastardos!?!?

Iago dá uma bicuda no trator derrubando o mesmo e o cara que pilotava.

Michael: *gritinho de bicha* AAAAAAAAAAAAAHHHHH!!

Cara que pilotava: Orra meu, mandaca, meu!

Ty: *com o megafone* QUEM É VOCÊ?!?!

Iago: Quem são vocês! O que vocês estão fazendo na casa da Thaysa-chan?! E por que ta gritando em um megafone?!

Jill: *chora* Huuuuuuuaa... ele é mau!

------------------------------

Ty: Quando aquele cara loiro apareceu eu fiquei tipo “Whatafuck?!” mas aí depois eu fiquei tipo “Uau!”, mas depois eu fiquei mais “Wow...” entende?

-------------------------------

Paul [O velho]: Hey... saiam daqui, temos que terminar essa casa e... Caugh! Caugh! Argh!... Continua?

http://www.youtube.com/watch?v=EeJuHfoRfAE&feature=related

Asuka: Ow seus fracassados! Saiam agora da casa da Thaysa-chan!

Ty: *com o megafone* Mas nós vamos reconstruir ela!!

Asuka: *com as mãos nos ouvidos* N-não precisa gritar! Bom, já que é assim, vamos ajudar nee-nee!

Iago: E o Beira-mar?

Asuka: Depois a gente pega!

--------------------------------

Enquanto isso, em Dubai... [nuss, que rápido!]

Mordomo: Aqui será o quarto de vocês, família Maximo...

Thaysa: Uaaaaau...

http://4.bp.blogspot.com/_TSvly6B1EI0/S2bviYC29CI/AAAAAAAAGWc/n56Hdvs0gAU/s400/hotel-ritz-paris.jpg

Mirella: Q-quanto luxo!

Aya: Nunca vi nada parecido!

Thaysa: Essa é a minha cama! Falei primeiro! *joga uma mala em uma cama*

---------------------------------

Michael: Nhaaaaaii que bofes gostosos! *babando*

Iago/Wagner/Kyo/Leandro/Juh: *sem camiseta, só com macacão de carpinteiro*

Juh: Né? Eles são os bofes mais gostosos que eu já vi!

Michael: Nhaaaaiii você é bicha também!

Juh: IRMÃÃÃÃÃ! *abraça o Michael*

Miwa: *agarra o Ed* Nhaaaai gostei desse carequinha! Ele é bonito!

Ed: Er... hehehe... *corando*

Ty: *com o megafone na orelha de Ed e Miwa* VOLTEM AO TRABALHO VOCÊS DOOOOIS!!

Bia/Karol: *já carregando várias madeiras*

Paul: Hey! Vocês duas! Esperem! Não é pra colocar em qualquer lugar essa madeiras! Deixa que eu carrego! *pega uma madeira* Vocês tem que primei- *CLACK* Aaargh! Minha coluna!

Karol: *pega umas madeiras* Só fala onde é pra levar, tiozinho!

Bia: *idem Karol* A gente não envelhece nunca, então fica sussa!

-----------------------------

Paul DiMeo – Designer tiozão

Paul: Ai ai... é tão bom ser jovem... agora me deem licença, preciso tomar meu remédio pra bronquite... ou era pra pressão alta?

-------------------------------

Jill: E nós vamos ajudar essa família... porque... *chora* Eles merecem... tadinhos... sofreram tanto...

Nekiba/Han/Akane: *consolando ela* Pronto, pronto, passou...

Kyo: *segura a mão da Jill* Venha comigo, você nunca mais terá que chorar de novo...

Ty: *com o megafone* VAMOS!! VAMOS!! MEXAM-SE!! MEXAM-SE!! LARGUEM DE MOLEZA!! VAMOS TRABALHAR!! UM! DOIS! UM! DOIS!

Ed: Um dia eu juro que eu pego esse megafone e enfio no-

Miwa: Nhaaaw você fica tão gatinho nervoso, Ed-san!

Ed: Er... hehehe, você acha?

Assim, a equipe do Estreme Makeover [se vocês assistem o programa, sabem que não só esses cinco que reconstroem a casa, tem mais de 200 carpinteiros junto com eles] junto com a equipe da Asuka ajudam a reconstruir a casa da Thaysa que tava curtindo a vida boa lá em Dubai junto com Mirella, Geh e Aya.

Thaysa/Aya/Mirella/Geh: *em frente a piscina em umas cadeiras de praia tomando suco e curtindo o sol*

Thaysa: *vestindo um biquini roxo* Aaaaahhh~ Eu não quero voltar nunca mais...

Aya: *vestindo um biquini laranja* Nem eu...

Thaysa: Aya-chan ta se divertindo?!

Aya: To ué? Só porque eu sou uma samurai não quer dizer que eu não me divirta!

Mirella: *de biquini verde* Bom, então você gostaria que o Hijikata-san estivesse aqui, né?

Thaysa: Hahahahaha!

Aya: Ainda nisso! Esqueçam disso, estamos aqui pra relaxar...

Mirella: Mas você não negou agora, negou?

Aya: Aff... eu ignoro vocês... *levanta e sai*

Thaysa: Olha o que você fez, magoou a Aya-chan...

Geh: *de biquini branco* É.

Mirella: Eu só tava brincando... mas eu vou lá pedir desculpas... *levanta e sai também*

Aya estava em uma barraca comprando água de côco [eu não sei se côco ainda tem acento, mas eu escolhi colocar pra não confundir com água de cocô, ia ficar nojento] Mirella chega junto pra trocar uma idéia.

Mirella: Aya, desculpa por aquilo...

Aya: Não se preocupe, eu não fiquei brava.

Mirella: Eu não to falando daquilo do Hijikata-san, eu to falando de ontem, da briga.

Aya: Hm... Bom, na hora eu fiquei um pouco nervosa por você ter dito que eu era fraca.

Mirella: Não disse que você era fraca, disse que você não me venceria em uma luta!

Aya: Traduzindo: Fraca!

Mirella: Viu? Você me chamou de fraca!

Aya: Bom, não vamos discutir aqui, estamos de folga e estamos aqui para nos divertir, não vamos decepcionar a Thaysa e a Geh brigando, certo?

Mirella: Certo...

Aya:...

Mirella:...

Aya:... *pega a água de côco e paga*

Mirella:...

Aya:... *bebe um gole*

Mirella:... *olhando pro nada*

Aya:...

Mirella: Hehe, é por isso que a gente briga...

Aya: Hm?

Mirella: A gente não tem muita comunicação...

Aya: É... então, Mirella, já estamos dormindo no mesmo quarto a mais de um mês, me fale um pouco sobre você... *bebendo a água de côco*

Mirella: E deve ser por isso que a gente não tem comunicação, eu não tenho quase nada pra falar de mim... Mas me fale de você, Aya... Desde quando usa espada?

Aya: *pára de beber e respira um pouco* Eu acho que... desde sempre... Eu nunca conheci os meus pais e vivi sempre sozinha... roubava pra me sustentar, mas na época que eu comecei a roubar eu já estava aprendendo a usar a espada... eu não me lembro de praticamente nada do meu passado, mas eu tenho alguns flashes de memória... de um homem, ele que me ensinou o caminho da espada... acho que foi isso que me salvou...

Mirella: Oh... então você não lembra de nada? *paga uma água de côco pra beber também*

Aya: Pouquíssimas coisas... só alguns flashes...

Mirella: Algumas coisas do nosso passado são melhores serem esquecidas... você tem sorte de ter esquecido tudo...

Aya: Não, não tenho! Eu queria lembrar de alguma coisa a não ser flashes! Você que tem sorte de não entender essa dor!

Mirella: Dor? Acha que não dói ter lembranças que você nunca quis ter? Acha que não dói lembrar de você sendo chutada, cuspida e massacrada? Sendo obrigada a matar, a destruir famílias para o bem das pessoas que querem o seu mau... o que você sentiria ao lembrar de estar no chão mergulhada numa piscina do seu próprio sangue, cheio de corpos de soldados em volta de você, você olha para o seu próprio corpo e o vê vermelho de sangue...?

Aya:...

Mirella: ...Enquanto o seu colega ao lado pede para você mata-lo porque ele não aguenta mais sentir dor, mas os seus braços estão quebrados e você mal consegue segurar uma arma e atirar nele... o inimigo consegue pegar você e o seu colego para torturarem e obrigar vocês a falarem alguma coisa...

Aya:...

Mirella: Não venha me falar de dor, Aya...

Aya:...

Mirella: Hehe... a gente realmente não se dá bem... *bebe a água de côco*

Thaysa: *chega com Geh* Hey meninas! Vocês tão conversando bastante, isso é bom de se ver! *sorri*

Mirella:...

Aya: Tsc... *vai embora*

Thaysa: Ué... que bicho mordeu ela?

Mirella: Ela ta gripada... *bebe mais um pouco* (pensa) Cohen, Naomi, Phillip... Como vocês estão indo?... Droga... eu não devia ter lembrado disso...



CONTINUA...

--------------------------------------

comente AQUI! Por favor cry
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nekiba
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 2492
Pontos : 3690
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 24
Localização : No pico do Himalaia

MensagemAssunto: Capítulo 94: Need for Thaysa: Most Wanted!   Sex Jul 01, 2011 6:41 pm

Capítulo 94: Need for Thaysa: Most Wanted!


Carpinteiro 1: *sentado tomando um suco* Rapaiz, tu ta vendo que hômi forrte aquele dus cabelo louro? Carrega pedra mais que nóis!

Carpinteiro 2: *sentado* Rapaiz vi, viste? Cabra hômi de mai!

Carpinteiro 3: *idem* Rapaiz, té as menina forrte de mai, viste?

Carpinteiro 4: Rapaiz, cada cabra forrte da pexte duma muléxtia! Bom pra nóis que nóis discansa!

Enquanto os carpinteiros descansavam, Asuka, Iago, Bia, Karol, Han, Akane, Wagner, Leandro, Nekiba, Kyo, Miwa e Juh faziam a maior parte do serviço, carregando pedras, tijolos, madeiras, cimento... rapaiz, trabai duro di hômi forrte da muléxtia!

Ty: *no megafone* V-vamos... mexam-se... caramba!! ELES FAZEM TUDO SOZINHOS!! *vai pra câmera* SOZINHOOOOOOS!!!

Michael/Ed: *com um taco de baseball mirando a cabeça de Ty*...

Ty: O que vocês vão fazer com esse tacos de baseball? Agora não é hora pra jogar baseball! *no megafone* É HORA DE CONSTRUIIIIIIIR!!! UHUUUUUUUUUU!!! EU TENHO UMA TATUAGEEEEEEM!!! MEU CACHORRO SE CHAMA REYNALDOOOOO!!!

Michael/Ed: *soltam os tacos pra tapar os ouvidos* AAAAARGH!!

Jill: *chorando* É tão lindo ver que nosso trabalho ta indo tão bem! Huuuuuaaaa...

Kyo: *solta a escada que estava segurando e vai até ela* Não chore princesa, o seu príncipe encantado chegou para oferecer seu ombro amig-

Wagner: *capengando na escada* K-KYO!! ERA PRA VOCÊ SEGURAR A ESCADA!! E-E-EU VOU CAIR!!

Wagner cai em cima de uma tábua que estava com uma parte em cima de um andaime, e outra ponta da tábua tinha uma bacia de cimento, a bacia de cimento sai voando e cai na cabeça de Akane.

Akane: *com o balde de cimento na cabeça* Hmmmmfmfmmm!! Hmmm!!

Akane sai correndo sem saber o caminho e tropeça caindo com o cabeção acimentado bem no megafone de Ty.

Todos menos Ty: WEEEEEEEEEEEEEEEEEEE!!!

Ty: EU TENHO UM RESERVAAAAAA!!! *pega outro megafone* UHUUUUUUUUUUUU!!! VAMOS TRABALHAR!! AGORA PERDEMOS UMA BACIA DE CIMENTO!! VAMOS GIRAR O TONEIRO DE NOVOOOOOOO!!!

Paul: Karol-san, alguma vez você já quis muito morrer?

Karol: Já... mas no momento estou com vontade de matar...

[Eu já fiz um bico de pedreiro uma vez, tive que ficar carregando pedras, carregando terra, me cortei na mão, tive que usar uma luva dos caras suados de lá, aí o suor entrava na minha ferida, tinha que lavar o rosto na água suja... e no final do dia ganhei 30 conto... nem voltei no dia seguinte... estudem, crianças... estudem...]

---------------------------

Enquanto essa equipe trabalhava árduamente [gostou do vocábulo?] na construção da casa, Thaysa e Geh trocavam uma idéia no quarto [sim, Geh estava falando] Aya estava deitada fingindo que estava dormindo, enquanto Mirella estava na sacada do hotel olhando pro céu numa noite estrelada.

Mirella: (pensa) A noite ta linda... minhas amigas estão felizes... mas por que eu to com esse presentimento ruim?

Thaysa: *chega* Mirella-ch-... digo, Mirella! Escuta essa piada aqui que eu contei pra Geh!

Mirella:...

Thaysa: Qual a diferença entre um pênis e um laranja?

Mirella: Não sei, qual a diferença entre um pênis e uma laranja?

Thaysa: Ta precisando chupar mais laranja ein! Hahahaha! A Geh também caiu, mas ela não entendeu! Hahaha!

Mirella:...

Thaysa: Er... Mirella?

Mirella: O que? Eu tava com a cabeça longe, desculpa, Thaysa, não ouvi o que você disse...

Thaysa: Nah, deixa pra lá... por que você ta aqui sozinha?

Mirella: Eu... tava querendo ficar sozinha um pouco...

Thaysa: Tem alguma coisa te incomodando?

Mirella não diz nada na hora, mas tem uma rápida lembrança de um homem alto, com barba, uma marca azul que cortava todo o rosto na horizontal, dos olhos pra cima não se via nada, ele usava um capuz que cobria os olhos, ele apontava o dedo na direção de Mirella e falava com ela.

???: Pode ir embora, Mirella... pode fugir se quiser... Mas você ainda me verá de novo, não pense que eu não posso te encontrar porque eu posso...

Mirella se perde nessa lembrança e só desperta na hora em que Thaysa estala os dedos na frente dos olhos distantes da garota israelita.

Thaysa: Oi! Mirella-chan! Mirella-chan! Nem se eu te chamar de Mirella-chan você não acorda? Ta moscando?

Mirella: Er... me desculpe, Thaysa... eu vou lá no saguão esfriar a cabeça... com licença... *sai*

Mirella sai do quarto do hotel deixando Thaysa com cara de ué, Aya acompanha os passos dela sem levantar da cama.
Ela chega ao sagão e fica olhando pro nada pensativa, mas um homem do outro lado da rua chama sua atenção, ele tinha estatura média, pele bem clara, cabelo moicano punk loiro com as pontas vermelhas [era aquele cabelo que é careca e só o meio arrepiado, estilo punk mesmo], um casaco camuflado preto e branco e uma calça do mesmo jeito, botas de soldado, ele tinha um piercing na orelha que era preso por uma corrente até outro piercing no nariz [deu pra entender esse piercing?], ele tinha uma tatuagem na cabeça em forma de círculo e outro círculo no meio ligado com uma risca vermelha [deu pra entender essa tatuagem?]. Ele encarava Mirella com um olhar seco, quando Mirella solta um olhar confuso ele sorri e some depois que um carro passa na sua frente.

Mirella: (pensa) N-não pode ser...! Aquele não...!

Mirella vai pra fora do hotel até a rua, ela sai procurando no meio do povão que bebia e festejava, em alguns cantos da cidade ela conseguia ver esse homem, mas nunca conseguia vê-lo por completo. Até que ela chega em uma parte da cidade menos habitada.

Mirella: ...Cohen! É você?

--------------------------

Aya: ...E é por isso que eu acho que ela ta estranha, Thaysa... ela ta desse jeito já faz uns dias, eu percebi...

Thaysa: Eu também percebi alguma coisa estranha na Mirella, acho melhor eu ir falar com ela... *levanta*

Aya: Acho melhor você ficar, Thaysa, talvez ela queira ficar sozinha um pouco.

Thaysa: Eu só vou ver o que ela tem... *falava enquanto saía do quarto* Depois eu deixo ela sozinha, ela vai se sentir melhor depois de desabafar... *sai*

Aya: Aff... E o que você tem a dizer sobre isso?

Geh: ...Nada...

Aya: Sabia...

----------------------------

No lugar onde Mirella estava já não tinha ninguém, já estava escuro, só as luzes fracas da cidade iluminavam o lugar, que era uma estrada que ficava do lado de um muro que dava vista pro mar.

Mirella: Cohen... se for você, aparece!

Esse homem aparece agaichado em cima do muro bem do lado de Mirella.

???: Mirella! Sentiu a minha falta?

Mirella: C-... Cohen...?!

Cohen: Por que ta impressionada, Mirella? O Hassan-sama disse que você voltaria pra nós, não disse? *desce do muro e coloca as mãos no bolso enquanto da um sorriso sínico*

Mirella: M-mas como...? Você mudou tanto, Cohen!

Cohen: *chega bem perto dela* Mirella... você não sabe o que nós passamos depois que você fugiu... A luta que nós tivemos... mas graças ao Hassan-sama, nosso Deus... tudo está bem agora... nós só temos mais uma missão pra cumprir para o Hassan-sama pegar o trono que é dele...

Mirella: Hassan nunca foi Deus... e nem nunca será!

Cohen: Ele é sim... Israel e a Palestina são dele! Ele tem todo o poder agor-

Mirella: Você ficou louco, Cohen! Assim como o Hassan! O poder subiu a cabeça de vocês!

Cohen: Mirella... você vem com a gente! Vai fazer parte do exército de Hassan-sama! Eu, você, a Naomi, o Phillip, assim como nos velhos tempos!

Mirella: ...A Naomi... e o Phillip... estão bem?

Cohen: Melhores do que nunca, graças a Hassan-sama!

Mirella: M-mas... eu não posso ir com vocês, eu não vou voltar pra guerra, eu tenho uma nova família aqui!

Cohen: *saca uma submetralhadora* Ah você vem sim! Por bem ou por mal! *sorriso de psicopata*

-------------------------

Thaysa: *andando pelas ruas* Caramba, onde essa Mirella-chan foi se meter? Ela disse que ia pro saguão...

Depois de Thaysa andar mais um pouco, ela se depara, a alguns metros dela, com Cohen, que sorria pra ela.

Thaysa: Qual o problema daquele cara?

Cohen: *saca uma arma e começa a atirar na direção de Thaysa*

Thaysa se abaixa e tenta se proteger dos tiros, as pessoas na rua se desesperam e fogem gritando, alguns tiros acertaram umas pessoas.

Thaysa: *saca a arma e aponta pra Cohen* PARADO! POLÍCIA!

Cohen continua atirando na direção dela, mas Thaysa consegue escapar dos tiros. Cohen começa a correr, entrando nos becos enquanto Thaysa o perseguia e atirava contra ele, Cohen de vez em quando virava para atirar contra a policial.

Cohen: *pára e começa a atirar contra Thaysa*

Thaysa: *se esconde atrás de um latão de lixo*

Os tiros passavam rente ao rosto de Thaysa, depois que Cohen pára pra recarregar a arma, Thaysa se vira começa a atirar contra Cohen que começa a correr de novo.

Thaysa o persegue e gritava para ele parar, Cohen a ignora e atravessa uma rua movimentada quase sendo atropelado pelos carros, Thaysa vinha logo atrás, ela pula em cima de um carro e se apóia no vidro da frente, ela começa a atirar na direção de Cohen que corre pra dentro de um beco, o motorista do carro que Thaysa estava em cima perde o controle, Thaysa pula do carro antes que ele batesse em um poste.

Thaysa entra nesse mesmo beco que Cohen entrou, mas ela não vê ninguém a não ser mendigos com cara de assustados. De cima de uma casa, Cohen aparece atirando contra Thaysa, um dos tiros acerta de raspão na barriga dela abrindo um corte profundo.

Thaysa: Argh! *se esconde atrás de um latão de lixo* Aaaargh! Ta sangrando muito!

Thaysa rasga um pedaço de roupa e amarra na barriga estancando o sangue, os mendigos fugiam dos tiros de Cohen, mas muitos deles foram atingidos morrendo na hora.

Thaysa: Porra! Filho da puta! *se vira e começa a atirar, mas ninguém estava lá*

Thaysa vai correndo na direção dos tiros, ela vê uma careca com um moicano entrando em um estacionamento vazio, ela na hora vai atrás. Chegando lá estava tudo vazio e silencioso, tudo o que ela ouvia era sua própria respiração e as gotas de sangue que pingavam de sua barriga.

Thaysa: Apareça e se entregue pacificamente! Ninguém precisa se machucar... mais do que eu já me machuquei...

Um pé com a mesma calça que Cohen usava acerta Thaysa na cara fazendo ela derrubar a arma, Cohen aparece na frente da policial e dá um cotovelada na cabeça dela, aproveita que ela estava um pouco tonta e vira um chute no braço dela fazendo ela cair no chão, desarmada e quase desmaiando.

Cohen: *aponta a arma pra cabeça de Thaysa* Quais são as suas ultimas palavras, policial! Hahahahaha!

Thaysa: (pensa) É o meu fim... eu to desarmada... mal consigo me mexer... e o sangue na minha barriga ta jorrando mais...

Cohen: *puxa o cabelo de Thaysa deixando ela de joelhos* Eu falei com você, sua piranha!

???: Deixa que eu faço isso, Cohen!

Thaysa: (pensa) Essa voz... Mirella?

Mirella sai de trás de um pilar carregando uma pistola e vai em direção a Thaysa e Cohen.

Cohen: Isso, Mirella! Mostra pra mim que você se desprendeu totalmente da sua vida aqui e mate essa policial!

Thaysa: *babando sangue*... Uhh... uhhh... Mirella... por que...?

Mirella: Não precisa falar mais nada, Thaysa... só morre quieta! *atira nela*

Thaysa arregala os olhos e nem geme com o tiro, e aos poucos vai caindo enquanto o sangue jorrava.

Cohen: Isso... sua policial escrota!

Cohen ia chutar Thaysa, mas Mirella segura ele antes disso.

Mirella: Chega, temos que ir!

Atrás de Mirella chegam mais três pessoas, uma delas era um homem afro-descendente, bem alto e forte, com um óculos escuro com as pontas acentuadas pra cima [deu pra entender esse óculos?], ele tinha um moicano e uma barba só na mandibula [deu pra entender essa barba?], ele usava um piercing no nariz daqueles de boi mesmo, usava uma regata branca, uma calça camuflada verde e botas de exército, também usava uma grande corrente de ouro em volta do pescoço.

Do lado dessa cópia do Mr. T, vinha uma garota de estatura média, pele clara, cabelo roxo, curto na altura do pescoço e uma franja de lado, tinha grandes olhos azuis-turquesa, seios médios, ela tinha um piercing no lado do nariz [esse vocês conhecem, é bem comum] e outro na sobrancelha, usava uma regata verde escura e nos braços usava uma faixa listrada verde claro e verde escuro que ia do cotovelo até metade das mãos, usava uma saia preta e botas de exército pretas.

E no outro lado estava um homem com a pele muito clara, quase branca por completo, olhos brancos com o contorno preto, o cabelo era azul-bebê e liso, ele usava um cachecol bem grande que cobria a boca, não usava camiseta e a calça era daquelas bem largas em baixo, igual a de um samurai, usava também uma sandália com meia.

???¹: Mirella, Cohen, tudo pronto pra ir!

???²: Eu tenho pena desses tolos!

???¹: Aff... cala a boca Phillip!

???²: Já disse que meu nome agora é Mr. P! Vê se aprende, Naomi!

Naomi [a garota]: Você é irritante, Mr. P!

Mr. P [o afro-descendente]: Eu tenho pena de você também!

???³: Vocês dois são irritantes, vamos logo que o Hassan-sama está nos esperando... *cara de despreocupado*

Cohen: Valew Junsho! Só assim pra eles calarem a boca!

Junsho: Mesmo estando faz pouco tempo no exército de Hassan-sama, ele põe muita confiança em mim, não gostaria de desaponta-lo.

Mirella: Vamos indo, não quero mais perder tempo aqui, temos que chegar logo em Jerusalém.

Cohen: E o que vamos fazer com essa policial?

Thaysa ainda estava acordada, mas nem conseguia falar ou se mexer, só sangrava e cuspia sangue.

Mirella: Deixa ela aí, não vai demorar muito até morrer.

Mr. P: Eu tenho pena dessa policial.

Cohen: Hahahahaha! Vai virar comida de urubu!

Naomi: Tem urubu em Dubai?

Cohen: Deve ter, é Arábia...

Cohen, Mirella, Naomi, Mr. P e Junsho entram em um carro preto e grande, e vão embora do estacionamento deixando Thaysa sangrando no chão.

Thaysa: J... Jerusalém...? *vai fechando os olhos até apagar*



CONTINUA...

------------------------------------------

ここにコメントを、してください!
Koko ni komento o, shite kudasai!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nekiba
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 2492
Pontos : 3690
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 24
Localização : No pico do Himalaia

MensagemAssunto: Capítulo 95: Mirella... Nos aguarde!   Sex Jul 01, 2011 6:44 pm

Capítulo 95: Mirella... Nos aguarde!


Michael: Nhaaau a casa nem ta pronta ainda e já ta ficando Fa-bu-lo-sa! Um arraso, bi!

Juh: Nhai bofe, você tem que conhecer uns amigos meus, o Mario e o Margarida!

Michael: Nhai! E comigo vai ser os três M’s!

Juh: Mario, Margarida e Michael! Nhai que mágico!

Leandro: *sentado fumando um cigarro*...

Wagner: *carregando mármore* Oi! Levanta daí e vem ajudar seu vagabundo!

Leandro: O que eu ganho com isso?

Wagner: Não sei, mas se você não trabalhar vai ganhar um olho roxo!

Leandro: *levanta* E quem vai me dar?

Wagner: Já eu te mostro!

[bom, como ultimamente tem mais leitoras fãs de moe, vou ser obrigado a fazer isso]

Kyo: *corta a mão no mármore* Aaaaaaaaaah!! M-me cortei! Cortei minha linda mão!

Wagner: Kyo! *joga o mármore longe*

Akane: *toma as marmoradas na cabeça* AAAGH!

Wagner: *segura a mão do Kyo* V-você ta bem?

Kyo: T-ta ardendo um pouco...

Bia/Asuka/Karol/Miwa/Juh/Michael/Jill: *páram de trabalhar pra ficar assistindo*

Wagner: Baka... tem que ter mais cuidado... *coloca um curativo na mão dele*

Kyo: Ainda arde um pouco... *corando*

Wagner: *beija em cima do curativo* Agora vai sarar...

Kyo: W-Wagner...! *cora mais*

Bia/Asuka/Karol/Miwa/Juh/Michael/Jill: MOOOOOOOOOOOEEEEEEEEEEEEE!!!!!!!!!

Jill: *chorando* Huuuuuuuuaa... o moe é tão lindo!

Michael: Então isso é o moe, Jujuzinho?

Juh: Aham! É mágico não é?!

Michael: É MÁGICO!!

Iago: C-chega de moe... por favor!

Ty: Se eu fosse um adepto ao moe eu gritaria “moe” no megafone!

Ed: Ainda bem que você não é então!

Ty: Deixa eu testar! *no megafone* MOOOOOOOOOOOOOOEEEEEEEEEEEEEEEEEE!!!!!!

Iago/Ed: *jogam Ty no chão e espancam*

Miwa: Não batam no Ty! Ele é gatinho!

-------------------------------

Tudo escuro, e aos poucos Thaysa vai abrindo seus olhos e, mesmo que meio abafado, consegue ouvir a voz de Aya e Geh chamando seu nome.

Thaysa: (pensa) Aya-chan... Geh-chan... são vocês...?

Aya: Thaysa! Acorda!

Geh: Thaysa-nee-san! Tudo bem!?

Thaysa: *acorda* A-Aya-chan! Geh-chan! Cadê a Mirella! *tenta levantar* I-Itte!! *volta pra cama*

Geh: Vê se não se esforça, Thaysa-nee-san.

Aya: Da Mirella eu não sei, mas eu fiquei preocupada e fui atrás de você, daí eu te trouxe pra esse hospital.

Thaysa: Como você me achou?

Aya: Balas do mesmo revólver que o seu no chão, manchas de sangue, essas coisas...

Thaysa: Ah, você é bem atenciosa afinal, Aya-chan.

Aya: Você entrou em confronto com quem? Quem te deu esse tiro?

Thaysa: Esse de raspão na barriga foi um cara meio punk com roupa do exército, chamavam ele de Cohen, mas o tiro que me perfurou foi a Mirella.

Aya/Geh: M-MIRELLA?!

Médico: *entra na sala* Bom, meninas, hora da visita acabou.

Aya: P-por que a Mirella fez isso!?

Thaysa: Não sei! Vai pra Jerusalém, Aya-chan! É pra lá que a Mirella foi!

Médico: Vamos, meninas, a Srta. Maximo precisa descansar!

Aya: Me fala mais alguma coisa!

Thaysa: Eu não acho que a Mirella seja uma má pessoa, eu só-

Médico: Quem vai querer pirulito?

Thaysa: Uh! Uh! Pirulito! Meu! Meu! Me dá! *olhinhos brilhando*

Aya: Thaysa!

Thaysa: *pega o pirulito* Hmmm!

Aya e Geh são obrigadas a sair da sala, Thaysa precisava descansar, mas Aya não sabia o que fazer com Mirella.

Aya: Eu não sei o que fazer com Mirella...

Foi o que eu acabei de narrar, você não precisa repetir a minha narração!

Aya: *levanta e vai saindo*

Geh: Pra onde você vai, Aya-san?

Aya: Geh, você volta pra Champz, eu vou pra Jerusalém!

Geh: Você não pode ir pra Jerusalém sozinha!

Aya: Eu preciso acertar umas contas com a Mirella, não se envolva nisso porque vai ser perigoso... *sai do hospital*

------------------------------

No dia seguinte...

Ty: *no megafone* CAMBADAAAAAAAAAAAA!!! É HORA DE CONVERSAR COM A FAMÍLIA MAXIMO E VER COMO ELES ESTÃO INDO EM DUBAAAAAAAAAAI!!!

A equipe do Extreme Makeover e a equipe da Asuka vão até um laptop onde a família que tem sua casa reformada conversam com a equipe, quem já viu Extreme Makeover alguma vez sabe do que eu to falando. Ty abre o laptop, mas do outro lado só tinha a Geh.

Ty: *no megafone* GEEEEH! CADÊ O RESTO DA FAMÍLIA?!?!

Ed: Não precisa gritar no megafone! Ela ta do outro lado da câmera seu idiota!

Geh: Ty-san, posso falar com a Asuka-senpai?

Ty: *no megafone* AAAAS-

Asuka: To aqui! To aqui! Não grita! Fala, Geh, cadê a Thaysa-chan, a Aya e a Mirella?

Geh: Eu realmente não sei o que fazer agora, a Mirella deu um tiro na nee-san, agora ela ta no hospital e a Mirella foi pra Jerusalém.

Iago: Jerusalém! Onde fica isso!?

Han: Em Israel, como você não sabe disso?!

Geh: E agora a Aya-san foi atrás da Mirella, então eu estou sozinha.

Bia: Aya idiota! Não pode deixar a Geh-chan sozinha assim!

Wagner: Sabia que essa Mirella não era alguém de confiança!

Juh: Então a Thaysa-chan morreu?!

Geh: Não, ela ta internada no hospital aqui em Dubai, não corre risco de vida, amanhã ela vai ser transferida pra um hospital aí em Phallus.

Asuka: Kuso! Mirella maldita! Tomara que a Aya acabe com ela!

Karol: Eu to torcendo pra Mirella acabar com a Aya!

Geh: O problema é esse, a Mirella não ta sozinha, tinha um homem com ela que quase matou a nee-san, e devem ter outros.

Leandro: A Aya não vai conseguir sozinha!

Asuka: Ta certo! Geh, volta pra cá! Fica na minha casa enquanto a sua casa não ta pronta! Nós vamos pra Jerusalém!

Iago: Como a gente vai pra Jerusalém, aniki!?

Asuka: Com o iate do meu Pai! *pisca*

Iago: Ficou louca!? Ele mata a gente se descobrir!

Asuka: Relaxa, ninguém vai contar pra Ele! Certo?

Resto menos Iago: Certo...

Asuka: Ótimo! Eu to indo pra casa pegar o iate do meu Pai emprestado-

Wagner: Vai roubar né?

Asuka: Não! Pegar emprestado, depois eu devolvo! E quem quiser ir comigo me sigam!

Iago: Fazer o quê? Eu to preso a você com sangue mesmo! *ri*

Asuka: Sabia que você não ia me decepcionar nee-nee!

Han: Você sabe que sempre pode contar comigo, senpai! Sempre!

Asuka: Han, sua maníaca! É claro que você vem!

Bia: Eu também vou com vocês! Eu quero ajudar a Thaysa-chan e também não quero ficar aqui pra levar bronca do Norris-sama se ele descobrir que você roubou o iate dele.

Asuka: Aneue! Você é foda!

Wagner: Bom, se for por esse motivo então eu também vou.

Asuka: Certo, Wagner! Sabia que você não ia me desapontar! *pisca*

Wagner: Você eu nunca desapontaria, minha princesa!

Leandro: Se esse fraco vai, então eu também sou obrigado a ir pra mostrar a minha superidade a ele.

Ty: *no megafone* Superioridade.

Leandro: Não me corrége num megafone!

Wagner: Vamos ver quem se dá melhor então, Leandro!

Nekiba: E-e-e-eu... eu não luto nada, vocês sabem! E alguém precisa ficar pra cobrir vocês pro Norris-sama né?

Juh: Eu ajudo o Neki-bofe nessa parte!

Kyo: V-vocês vão precisar de mim pra isso também né? Eu fico com o Juh e o Nekiba!

Juh: Você vai ficar comigo, bofe?! *olhos brilhando*

Kyo: Ficar no mesmo lugar e só!

Miwa: Bom, eu tenho medo de ficar muito tempo longe e ficar sem sexo, então eu fico também...

Akane: E-eu também vou ficar, sabe? Eu realmente quero terminar a casa da Thaysa-sama e-

Asuka: Ah não! Você vem! Da ultima vez na nossa viajem pra Livorno duas médicas não foram o suficiente, se for uma só vai ser mais difícil ainda!

Akane: M-mas eu não quero ir, Asuka-sama! Eu tenho medo!

Asuka: Você vai justamente pra perder o medo! Livorno não foi o suficiente pra você perder o medo?

Leandro: E quanto às agulhas com veneno que eu te dei, Akane-chan? Não vão servir?

Akane: N-não é isso, Leandro-sama, é que eu não gosto de lutar, de guerras e essas coisas, e esse país ta em guerra todos os dias... eu não gosto de guerras!

Wagner: Kawaiiii~*

Asuka: Você vai nem que eu tenha que te sequestrar! Eu sei que se meu Pai te pressionar pra falar alguma coisa você vai falar, então você tem que ir pra gente se precaver!

Karol:...

Asuka: E você, Karol? Vai emprestar a sua força?

Karol: Hehe... Nah, acho que eu vou ficar aqui...

Wagner: O que?! Mas você é muito mais forte que muitos aqui! A gente precisa de você!

Karol: Vocês estão indo pra salvar a Aya, pra que eu vou querer ir até Jerusalém em Israel, uma cidade que é considerada cidade dos anjos, pra salvar uma pessoa que eu não gosto?

Iago: Essa briguinha de vocês é idiota! Já ta me dando nos nervos!

Karol: Não posso fazer nada, Iago, se fosse só pela Thaysa-chan eu ia com todo prazer, mas como a gente vai ter que dar apoio pra Aya eu prefiro ficar aqui.

Han: Mas... Karol...

Asuka: Deixa, se ela quer ficar deixa ela ficar, vamos só nós!

Asuka vai correndo na frente em direção a sua casa pra roub-... digo, pegar o iate emprestado e ir em direção a Israel, os outros olhavam por um tempo pra Karol e depois seguiam Asuka.

Bia: *ia seguir Asuka mas volta* Karol, tem certeza que você vai ficar? Sempre lutou do nosso lado.

Karol: É, mas dessa vez eu vou ficar aqui, Bia. Me façam o favor de voltar vivos, eu preciso do sangue de vocês pra me satisfazer!

Bia: Hahaha! Ta bom, Karol, tchau! *segue Asuka*
.
.
.
Ty: *no megafone* OK! QUEM FICOU AQUI É PRA TRABALHAR!! ANDA! ANDA! TRABALHANDO!

Os que ficaram menos Karol: Aaaaaaahhhh

Karol: *saindo* Eu vou pra casa, vou deitar um pouco.

-----------------------------

Enquanto isso, na garagem da Mansão Norris...

Asuka: *empurrando o iate pra fora* Pssssiu, não faz barulho, nee-nee!

Iago: *idem* Eu não to fazendo barulho! Só tem que tomar cuidado pra não riscar isso, ou o Tio mata a gente!

Asuka abre a garagem e vai tirando o iate junto com Iago, do lado de fora, Bia, Wagner, Akane, Han e Leandro esperavam, todos carregaram o iate até a praia mais próxima, que não era muito longe.

Agora, antes de todos embarcarem, vamos explicar um pouco da geografia de Champz. Champz é uma ilha que fica entre a Itália e a ilha Sardegna [acho que esse é o nome dessa porra], Phallus, a capital e o centro financeiro de Champz, tem suas praias, e uma delas é isolada, e foi lá que Asuka e os outros levaram o iate.

Asuka: Bom gente, dessa vez a líder não vai ser a Akane-chan! Vou ser eu! Alguém contesta!?

O resto: Não, não.

Asuka: Ótimo! Como vocês já devem saber, Jerusalém ta sempre em guerra, e na guerra tem soldados, e muitos soldados formam um exército, e o que eu temo é encontrar um exército e só nos sete termos que lutar, por isso eu trouxe um reforço!

No canto do iate estavam Hani-shi, Criss Angel, Tsuki, Lana e Preston.

Lana: Só to indo pra não levar bronca, mas eu to com medo!

Iago: Relaxa, Lana-chan, eu te protego!

Hani: Eu vou poder ver você em ação, Han.

Han: O mesmo eu digo de você, nee-san! *pisca*

Hani: *apertando as bochechas dela* Nhaaaaw como você é fofa, Han-chan! Hohohoho!

Han: *cara de cú*

Tsuki: Obrigado por lembrar de mim, Asuka.

Asuka: De boa, o autor sempre esquecia de você, pelo menos tem alguém pra lembrar né? Você vai ser útil com a sua macumba.

Tsuki: NÃO É MACUMBA!

Criss: Hehe! Faz tempo que eu não tenho uma boa luta, tomara que eu encontre inimigos fortes! *treinando socos no ar*

Bia: Criss-san é tão forte quanto a Karol, não é?

Criss: Não, na verdade ela é um pouco mais forte que eu, na minha humilde opinião. Mas eu to indo mesmo pra tentar convencer minha antiga pupila a voltar.

Preston: Valew por me chamar, Asuka! Tava mesmo com vontade de arregaçar com alguém!

Asuka: Disponha, Preston! *pisca*

Wagner: Ok, antes de embarcarmos, vamos repassar a viajem! *abre um mapa* Como Champz ta meio isolado, nós vamos ter que contornar a Itália passando por Palermo, aí vamos entrar no Mar Mediterrâneo e passar pela Grécia, Turquia, e aí sim chegaremos em Israel, mas temos que tomar cuidado, Gaza e Israel ficam no mesmo lado, se cairmos dentro da Faixa de Gaza não temos como sair e vamos ser bombardeados pelos israelitas, então temos que cair direto em Israel, e mesmo chegando em Israel vamos andar muito até chegar em Jerusalém.

Asuka: Certo, certo, vamos pular essa parte chata e ir pra parte interessante, quem vai quebrar a cara de quem? Eu quero quebrar a cara de Mirella!

Iago: *na cabine do iate* Não deve ser tão difícil pilotar isso... *acelera com tudo* WAAHAAAAAAA!!

Todos no iate: KYAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHH!!!! *se segurando em alguma coisa*



CONTINUA...

-----------------------------------

Comenta Aqui, porra!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nekiba
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 2492
Pontos : 3690
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 24
Localização : No pico do Himalaia

MensagemAssunto: Capítulo 96: Hassan = Alguém que todos conhecemos!   Sex Jul 01, 2011 6:55 pm

Capítulo 96: Hassan = Alguém que todos conhecemos!


Em algum lugar em Jerusalém...

Mirella, junto com Cohen, Naomi, Mr. P e Junsho, saem de um carro preto e colocam seus pés em solo israelita.

Cohen: Aaaahhh~ é tão bom estar em casa! E pensar que logo isso vai estar em paz de novo...

Junsho: Vamos nos apressar, Hassan-sama não gosta de esperar. Vamos Mirella, vou te levar até ele.

Mr. P: Se você não viesse para o nosso lado de novo, Mirella, eu teria pena de você!

Naomi: Essa sua imitação do Mr. T já ta me enchendo!

Mirella: Me leve até o Hassan-sama, Junsho Fuma-san.

Junsho: Claro, siga-me...

Junsho, Cohen e Mr. P foram na frente, Mirella e Naomi foram atrás, Cohen e Mr. P estavam discutindo em voz alta, então Mirella e Naomi podiam conversar sem que Junsho escutasse.

Naomi: Você resolveu mesmo vir para o nosso lado, Mirella-sa... digo, Mirella?

Mirella: Por que você tem dúvidas?

Naomi: Não sei, você sempre foi tão contra os ideais do Hassan-sama, e... Você sabe, o Hassan-sama costumava ser árabe...

Mirella: Só mudei de idéia... só isso...

Naomi: ...Eles te ameaçaram, né?

Mirella: ...Bom... sim, eu tive que matar uma companheira pra provar que eu sou fiel a Hassan-sama agora.

Naomi: Mas ameaçaram te matar?

Mirella: ...Foi, disse que ele iria atrás de mim... e ele veio, através de vocês, mas ele veio... Hassan-sama sempre foi cuidadoso assim, é típico dele.

Naomi: O Hassan-sama me ameaçou também... disse que mataria minha família, meus amigos e depois me mataria... Mas o Hassan-sama usou o Junsho-san pra isso.

Mirella: Quando foi que ele chegou? Esse Junsho.

Naomi: Já faz alguns anos, ele é um ninja que foi treinado por Kotaro Fuma, ou pai dele.

Mirella: Um ninja no exército de Israe-

Junsho: Vocês duas, chega de conversa, já chegamos.

Todos esses vão entrando numa base militar subterrânea em um canto de Jerusalém bem escondido, uma parte das bombas que são lançadas na Faixa de Gaza saem daqui, tudo muito bem planejado por Hassan.
Todos esses cinco vão passando por um corredor onde os soldados militares estavam de costas pra parede, e quando eles passavam, os soldados batiam continência. Finalmente eles passam por aquele longo corredor e chegam na sala principal onde estava Hassan olhando num radar e mandando bombas aleatóriamente.

Junsho: Hassan-sama, trouxemos a Mirella.

Cohen: *cara de psicopata* Ela matou uma amiga, Hassan-sama!! Hahahahaha! Ela ta muuuuito do nosso lado!! Hahahahaha!

Hassan: Awww... isso é ótimo... *se vira* Deixa eu ver o seu rosto, Mirella...

O homem bem alto com o capuz cobrindo quase todo o seu rosto vai até Mirella e segura o rosto dela. Diferente das lembranças de Mirella, a barba dele estava muito maior.

Hassan: Você continua linda como sempre... essa cicatriz que eu te dei ficou ainda melhor... Finalmente me reconheceu como seu líder?

Mirella: Sim, Hassan-sama... Ou devo dizer... Osama Bin Laden?

Dentro do capuz de Hassan se escondia sua verdadeira face, que agora com a barba longa era mais fácil de se ver, o rosto de Osama Bin Laden.

Hassan: Ótimo, agora você vai fazer parte do meu exercito e juntos vamos completar a nossa missão.

Cohen: Conta pra ela a missão! Hassan-sama, conta! Conta! Conta! *quase babando*

Hassan: Encontrei uma forma perfeita de parar com a guerra entre Israel e Palestina.

Mirella:...

Hassan: Eu vou detonar Israel, e depois detonar a Palestina, a Faixa de Gaza, a Cisjordânia e todos esses países que trazem a guerra! E assim finalmente eu vou reinar em um mundo sem guerra.

Mirella: !!

Hassan: Que cara é essa? Fala como se isso fosse difícil pra mim...

Mirella: N-não... Hassan-sama tem tal poder, é normal usa-lo...

Hassan: Lindo! E vamos começar ainda hoje!

Mirella: Hassan-sama, só quero ter certeza de que meus amigos em Champz e em Dubai ficarão bem.

Hassan: Hahaha! Não se preocupe, Mirella, eu não tenho nada contra Champz... A não ser que eles sejam contra mim, claro.

Cohen: Vamos explodir logo! Eu quero explodir alguma coisa, porra!!

Hassan: Calma, Cohen, você vai ter a sua oportunidade.

Cohen: Hahahahaha! Não vejo a hora! *cara de psicopata*

Mr. P: Eu tenho pena desses tolos!

Hassan: Hmmm... estou sentindo a presença de algumas pessoas, protestando do lado de fora...

Cohen olha em uma espécie de binóculos [tipo aqueles de submarino pra ver fora do submarino, só que esse de dentro dava pra ver as ruas de Jerusalém] E do lado de fora, várias pessoas estavam protestando, com faixas, algumas escritas “Chega de guerra”, “Não queremos bomba”, “No guerra, Yes sexo” e etc. No meio dessas pessoas tinham até mulheres e crianças.

Cohen: Eles estão indo contra a sua vontade! Hassan-sama!

Hassan mexe em algumas máquinas e aperta um botão, uma bomba explode em baixo dos pés desses protestantes, matando todos ou a maioria.

Mirella: Você pode fazer isso!? Com o nosso próprio povo!?

Hassan: Claro que eu posso! Fica tranquila que a culpa, na maioria das vezes cai na Palestina, nas outras vezes foi só uma infelicidade ou um teste de alguma bomba nova.

--------------------------------

Wagner: *pilotando o iate com cara de bravo*...

Iago: Vai ficar bravo só porque eu acelerei com tudo?

Wagner: Claro! Eu sei pilotar isso! Não é tão fácil pra amadores!

Iago: *tentando segurar a risada* Ta bom... Eu vou ver o mar.

Iago sai pra ver o mar, o iate já estava passando pelo lado de Palermo [Itália] e já estava no Mar Mediterrâneo, se você esqueceu ou tem dislexia, eu vou explicar quem estava no iate, eram Iago, Wagner, Asuka, Bia, Akane, Han, Leandro, Lana, Tsuki, Criss, Preston e Hani-shi.

Bia: *olhando bem distante no mar*

Asuka: Pra onde você ta olhando, aneue?

Bia: Ah, mais pra frente é onde fica a Grécia, ainda não da pra ver daqui, mas já vamos chegar.

Asuka: E o que tem de tão interessante na Grécia?

Bia: É de onde os deuses saíram! Aqui moram meus conterrâneos! Infelizmente é perigoso eu ficar lá, sendo a casa de tantos deuses eu posso ser pega pelo Suze.

Asuka: Hm, que acontece se ele te pegar?

Bia: Hehe, eu vou pro Tártaro, só isso!

Asuka: Tártaro não aquele neg-

Bia: Sei, aquele negócio branco que fica no dente de quem não escova... não, o Tártaro é um lugar onde o Suze gosta de jogar os outros!

Asuka: HAUHAUHAUAHU! Eu sei, tava zuando!

Bia: Hehe... sabia que é daqui que você pode ir para o Olimpo e para o Submundo?

Asuka: Sério?

Bia: É só uma lenda, mas eu sei que o Padrinho ta sempre por aqui, vai ver que é isso...

Asuka: Ah, eu queria ir pro Olimpo, tem uns deuses muito bonitos e uns muito fortes, eu ia conseguir um namorado e uma briga! *pisca*

Bia: Hhuahuahauhaauh! Você é foda, Asuka.

----------------------

Wagner: Pára de mexer aí!

Han: Mas tem tantos botões, o que acontece se eu puxar essa alavanca?

Wagner: O iate simplesmente vai sair em dispa-

Han: *puxa*

Wagner: RAAAAAAAAAADAAAAAAAAAAAAA!!!!

Todos do iate: KYAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHH!!!!

O iate sai com tudo e o povo do iate quase é jogado pra fora e tem que se segurarem em algum lugar pra não saírem voando.

------------------------

Hassan: Espera... tem mais gente...!

Junsho: Deixa eu ver. *olha naquele binóculos de antes* Não vejo ninguém, Hassan-sama.

Hassan: Mas eu sinto essa pessoa... ela está em Jerusalém Oriental... a parte leste de Jerusalém!

Um soldado qualquer: Senhor, essa é uma área palestina, já temos soldados nessa área para confrontar os palestinos!

Hassan: Mandem matar essa pessoa!

Um soldado qualquer: Ta bom! Eu vou reportar ao comand-

Um radio na cintura desse soldado é ligado, esse rádio serve para os soldados se comunicarem entre si.

Voz de um soldado: M-mandem reforços!! Ela é muito forte! É um demônio! Aaaagh!! Soc- *sai do ar*

Hassan: Mandem reforços nessa área! Matem qualquer um que não seja um militar!

Em Jerusalém Oriental, os soldados corriam e atiravam desesperados, tinham muitos corpos de soldados no chão, muitos feridos mas todos lutavam.

Soldado1: E-ela é um monstro!

Soldado2: Eu vou embora!

Soldado3: Não recuem! Atirem! É só uma garota com uma espada! *começa a atirar*

Um soldado vem voando todo ensanguentado e acerta esse soldado que atirava.

Aya: *suja de sangue* Vermes... não conseguem derrotar uma garota?!

Aya sai passando a espada em vários soldados, vários atiravam, mas como o número de soldados era bem maior, alguns soldados acertavam os próprios companheiros com os tiros, Aya se enfiava no meio dos soldados e saía decepando cada um deles, mesmo com as armas eles não conseguiam derrotar Aya.

Aya: Onde ta a Mirella, seus bastardos!?!? *sai decepando uma par de soldado* Hehe... Hehehehe... HAHAHAHAHA!! VOCÊS SÃO UNS LIXOS!! *sorriso de psicopata*



CONTINUA... Oohh... Hassan agora é Osama Bin Laden! =O

----------------------

Já sabe né?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nekiba
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 2492
Pontos : 3690
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 24
Localização : No pico do Himalaia

MensagemAssunto: Capítulo 97: Aya VS Exército de Israel inteiro!   Sex Jul 01, 2011 6:57 pm

Capítulo 97: Aya VS Exército de Israel inteiro!


Aya estava sentada em uma pilha de soldados mortos e ensanguentados, a roupa dela que era laranja estava vermelha com o sangue deles, assim como seu rosto, a espada dela estava coberta em vermelho.

Aya: Yare, yare... soldados inúteis... nem me deram a oportunidade de usar a espada que o Hijikata-san me deu... hahahaha... Hahahahaha!

Mais uma renca de soldados vinham com suas tropas e várias armas, armas de grosso calibre, alguns deles vinham de escudo.

Aya: *pega a espada do shinsengumi, usando as duas espada* Hehehehe! Já tava ficando entediada! Venham me pegar, seus fracassados!!

Os soldados começam a atirar de longe, Aya rebatia as balas com a espada, os movimentos com a espada eram de uma velocidade absurda, Aya ainda pega um corpo de um soldado e usa como escudo pra avançar na tropa.

Soldado1: Ela ta vindo!

Soldado2: Não tenham medo! Atirem!

Soldado3: *atirando* Ela ta se defendendo com um corpo de um soldado!

Os Cães do Governo começam a avançar, no total eram 15 cães, três deles pulam em Aya, pra se defender ela joga o corpo do soldado em um deles, os outros dois ela enfia a espada na barriga dos cães. Os cães sobreviviam mesmo com uma espada enfiada na barriga.

Aya: Tsc... Parece que esses totós vão ser complicados!

O terceiro cachorro ataca Aya por trás, ela vira e coloca um dos cães na frente, ainda aproveita pra bater nesses dois cães com o outro cão enfiado na espada como um porrete canino, um quarto cão ataca Aya pelo lado, ela se defende do mesmo jeito de antes com o cão espetado na frente, Aya puxa as espadas abrindo os estômagos dos cães e cortando a cabeça dos outros dois.

Soldado235: E-ela derrotou quatro Cães do Governo rápido assim!?

Soldado14: Impossível! Nunca ninguém fez isso antes!!

Um quinto, um sexto e um sétimo cão atacam Aya pela frente, ela dá um pulo pra esquivar, mas um cão pula junto e morde Aya no ombro de raspão, mas só de raspão já abriu uma ferida fodida!

Aya: AARGH! *corta a garganta desse cachorro*

Aya monta em cima do sexto cão [sim, eles eram tão grandes que davam pra se montar como um cavalo] o sétimo cão ataca Aya por cima, ela rapidamente enfia a mão no olho do cão que ela estava montada e levanta a cabeça dele, fazendo o sétimo cão enfiar os dentes no rosto do sexto, Aya aproveita e enfia a espada na cabeça do sexto cão, atravessando e enfiando a espada na garganta do sétimo pelo outro lado.

Soldado45: Ela já derrotou sete Cães!?

Soldado74: Mas ela está ferida no ombro agora! Guardem munição, não atirem ainda!

Cinco cães cercam Aya, dois atacam pelos lados, ela pula pra esquivar, no alto pulam mais dois, ela enfia a espada no céu da boca deles atravessando o crânio, mas os dentes de sabre deles acabam atingindo Aya, ela puxa as espadas arrancando um pedaço da cabeça dos cães, antes de cair no chão ela enfia as espadas nas cabeças dos cães em baixo. O décimo segundo cão a ataca e consegue derruba-la, mas Aya se defende dos dentes do cão com as espadas.

Aya: Aaagh... uugh....!!

O cachorro babava e rosnava em Aya, ela usva toda a força que tinha pra tentar empurrar o cão, até que ela abre os braços, consequentemente abrindo junto a boca do cão, um movimento sutil com as mãos ela perfura a língua e o céu da boca desse cão, o cachorro se solta de dor, Aya não perde tempo e enfia as espadas nos olhos do cão.

Soldado4: Ela é muito sanguinária!

Soldado5: Como nós vamos lutar com ela se nem os Cães do Governo estão conseguindo!

Soldado6: Só sobraram três cães!

Enquanto os soldados discutiam, Aya já tinha arrancado a cabeça desses cães que sobraram, ela estava mais suja de sangue ainda, com algumas feridas no corpo, e ainda com aquele sorriso de psicopata no rosto.

Aya: E aí?! É isso que vocês usam pra tentarem me matar?! Chiwawas?!

Soldado: ATIIIIIREM!!

Aya foi mais rápida e fez espetinho de Cão do Governo nas duas espadas, com os corpos duros e grandes dos cães era mais fácil de defender dos tiros, Aya consegue se enfiar no meio dos soldados, assim quando os outros soldados atiravam acertavam os companheiros ao invés de Aya.

Um soldado avulso da guerra: *falando num radinho* H-Hassan-sama!! Ela... ela... matou todos os cães que trouxemos!!

-------------------------

Hassan: O... O que?! Impossível um ser humano comum derrotar os cães do governo!

No rádio: Mas ela conseguiu! E agora está matando todos os soldados!!

Hassan: Chame os Gigantes! Eles dão conta!

No rádio: O-Os Gigantes?! Sim, senhor!

---------------------------

Aya: *decepando uma par de soldados e rindo* VAMOS SUAS PUTINHAS!! ISSO É TUDO O QUE VOCÊS TÊM?!?!

Mais alguns soldados mortos, e todo o resto começa a se afastar de Aya.

Aya: O que aconteceu com vocês?! Desistiram?! DESISTIRAM, VERMES?!

Vêm chegando atrás desse exército, sete homens, todos eles de dois metros pra cima.

O primeiro era Gordo, 2,75 de altura, pele escura, barba preta e grande, usava um capacete de exército e sem camisa, usava um porrete com espinhos [igual o do Goro].

O segundo era Kuroda, 3,95 de altura, asiático, tinha um bigodão fu-man-chu, cabelo curto, usava um casaco de pele e sem camisa por baixo, calça preta e botas, sua arma era um tchaco enorme.

O terceiro era Ballack [sim, tinha o mesmo nome do jogador], era loiro, olhos verdes, 2,58 de altura, pele clara, usava um capacete marrom, um colete cinza e calça e botas pretas, sua arma era uma bola de metal maior que a sua cabeça presa por uma corrente. [quem já jogou The King of Fighters? Ta ligado o Chang? O gordão do time do Kim? Era a mesma bola que a dele]

O quarto era Tohh, 4 metros, usava um capéu de palha bem largo, fumava um charuto, pele negra, barba, roupa de exército, sua arma era um par de tonfa [sabem o que é? Tipo aqueles barato que o Hibari Kyoya usa, pra quem conhece KHR!]

O quinto era Jyuuren, 2,50 de altura, pele clara, ele tinha pequenos chifres, era careca, usava uma camisa havaiana aberta e uma bermuda, fumava um cigarro e sua arma eram umas garras parecidas com a do Wolverine.

O sexto era Bob, 4 metros e 15 [o mais alto entre eles], afro-descendente, usava óculos escuros, máscara de gripe suína, usava só uma calça branca e botas, sua arma era uma espada de mais de dois metros.

O sétimo era Daniel, 3,05 de altura, pele clara, cabelo liso, usava óculos de grau, regata preta, calça marrom camuflada, botas e sua arma era uma marreta de mais de dois metros. [ufa... cansei...]

Bob: Hahahaha! Não conseguem vencer uma garotinha?!

Daniel: Vocês são uma vergonha para Jerusalém!

Ballack: Ela é linda, da até dó de matar...

Tohh: Dó o caralho! Demorou pra morrer!!

Ballack: Você fala demais, Tohh...

Gordo: Chega de conversa... hora de derramar um sangue!

Aya: Hehe... agora que vai ficar interessante!

---------------------------

Mirella: Tem certeza que os Gigantes vão funcionar, Hassan-sama?

Hassan: Além dos Gigantes, temos o nosso exército aqui do outro lado de Jerusalém. [é que Jerusalém é tão dividido que eu nem sei mais em qual lado eles estão]

Cohen: Hahahahaha! Essa pessoa é forte, mas vai morrer com os Gigantes! Certeza!!

Mr. P: Eu tenho pena dessa tola...

Hassan: O-O que?!

Mirella: Qual o problema, Hassan-sama?

Hassan: Sinto a presença de mais pessoas! Mas... estão tão longes...

Naomi: Longes quanto?

Hassan: Nessa distância... devem estar passando entre a Turquia e Cyprus!

Junsho: T-Turquia?!

Cohen: O Senhor consegue sentir uma presença tão longe assim?!

Hassan: Geralmente não... É que... essas presenças são extremamente fortes... e são muitas!!

Mirella: (pensa) N-não! A Bad Girl e os amigos dela! Por que você veio?!

----------------------------

Wagner: *pilotando* Vê se não faz mais isso?!

Han: *cheio de galos na cabeça* Desculpa... eu sou curiosa ué!

Wagner: Guarda essa curiosidade pra você! Já ta quase acabando a gasolina, caramba... [iate é à gasolina?] Se pá nem vamos chegar em Israel...

Asuka: Não fode?!

Wagner: Sério, com o impulso que o Iago e a Han deram gastou muita gasolina...

Leandro: Se esse for o problema eu posso criar uma pequena ilha pra gente descansar através da matéria prima alquímica.

Asuka: Não vamos descansar! Enquanto estamos empacados aqui a Aya ta apanhando lá em Israel e a Mirella ta de boa!

Akane: Não vamos pra Israel? Que triste! (pensa) AEEEEEEE!!! VIVAAAA!! MARAVILHAAA!!

Iago: Ah, eu lembro que o Tio guarda um galão de gasolina extra no andar de baixo!

Asuka: Ótimo! Vamos usar!

Akane: (pensa) Awww budega!

-------------------------

Hassan: Precisamos abater essas forças antes que elas pisem em Israel, Mr. P, Naomi, vocês vão atrás deles.

Mr. P: Por que eu tenho que ir primeiro? Só porque eu sou negro?!

Naomi: Eu to indo com você idiota!

Mr. P: Vocês não têm pena de mim?

Naomi: Você só ta com medo porque as pessoas que estão vindo são tão fortes quanto essa que ta derrotando o exército, seu frango!

Mr. P: Mentira! Eu nego! Calúnia! CALÚNIAAAA!!

Hassan: Naomi, Mr. P, vão logo, não podemos deixar eles chegarem em Israel! *entrega um radar pra Mr. P* Usem isso pra saber a localização desses indivíduos.

Mr. P e Naomi saem dessa base subterrânea e vão para o solo.

Naomi: Onde eles estão?

Mr. P: Segundo o radar, devem estar no mar ainda.

Naomi: No mar? Ótimo! Minha especialidade!

Mr. P: Ser filha de Poseidon tem suas vantagens nessa hora, não é Naomi?

Naomi: Mas você que vai levar a gente, você que sabe voar.

Mr. P: Firmeza!

Nos tríceps de Mr. P saem dois propulsores a jato, outros dois saem das panturrilhas, saía assim mesmo, como se fosse um transformer.

Naomi: Eu vou ter que ir nas suas costas? E se eu me queimar?

Mr. P: É só você não chegar perto dos braços e pernas, Naomi. Sobe logo! Vai na fé!

Naomi: Seu ciborgue maldito! *monta nas costas de Mr. P*

Os jatos ligam soltando fogo e quase queimando Naomi, mas ela como filha de Poseidon, o deus dos mares, era fácil pra não se queimar. Até então entende-se que Naomi é filha de Poseidon, por isso tem controle da água e dos mares, e Mr. P é um ciborgue, mas seus truques ainda são uma incógnita.

-----------------------------

Aya: *ofegante* Aaaahhh... ahhhh... aaahhh... aaahhh...

Daniel: Já cansou? Nem começamos!

Aya: Eu tava lutando desde que eu cheguei, você tava sentado comendo rosquinha até agora! [Resposta á lá Ronaldo!]

Daniel desce sua marreta em cima de Aya, ela esquiva pulando pra trás, Jyuuren estava atrás e ataca ela com suas garras, ela consegue defender com as espadas.

Aya: (pensa) K-kuso... ele é muito forte!

Aya não aguenta e sai dali fazendo Jyuuren enfiar as garras no chão e ficar preso, Ballack chega por trás com sua bola de aço enorme e mira na direção de Aya, mas Aya esquiva e a bola acerta a bunda de Jyuuren.

Jyuuren: AAAAAAAAAAAAHHH!! MINHA BUNDA!!

Ballack: Vê se não ficano caminho, Jyuuren!!

Aya vai na direção de Bob e vice-versa, Bob desce aquela espada enorme em cima de Aya [a espada era maior que ela], a japa só se defende com as duas espadas, mas ela vai afundando no chão, quase quebrando suas pernas.

Aya: Aaaargh! (pensa) Esse é mais forte que o chifrudo!

Aya mexe as espadas empurrando o braço de Bob pro lado, com a outra espada ela enfia no braço de Bob, na dor, o Gigante dá um soco em Aya afundando ela no chão.

Soldado1: Hahahaha! Ela foi esmagada! O Gigante Bob matou ela!

Soldado2: Como esperado do Gigante Bob!

Quando Bob tira a mão do chão, Aya nem estava lá, e sim nas costas do Gigante.

Bob: Sai das minhas costas!! *tentando pegar ela*

Kuroda: *chega correndo com o tchaco* HUYAAAAAAAAA!!!

Kuroda bate com o tchaco nas costas de Bob, mas não acerta Aya, a japa aproveita pra subir no braço do japonês gigante e enfia uma espada no pescoço dele, a outra espada ela enfia no rosto, Bob revida com a espada na direção de Aya, mas como a japa esquiva, Bob acaba fazendo um corte do rosto até o peito de Kuroda.

Kuroda: Oooooohhhh!! *cai ensanguentado*

Bob: K-Kuroda!!

Aya ficava rodeando os gigantes, Tohh atacava com os tonfa, mas não conseguia acerta-la, ela era pequena demais pra ele.

Tohh: Pára de se mexer, sua vaca!!

Aya: *risada de psicopata* Hahahahaha! Vamos, gigantes!! Vocês são os únicos fortes aqui! Me derrotem! KYAAAAHAHAHAHAHAHAHA!!

Ballack: Zombando da gente... tão linda...

Daniel: Não se distraia, Ballack!

Jyuuren: *ainda preso com as garras no chão* Alguém me ajuda aqui, pô!!




CONTINUA...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nekiba
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 2492
Pontos : 3690
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 24
Localização : No pico do Himalaia

MensagemAssunto: Capítulo 98: O Iate se Foi... Nossos Dias Estão Contados!   Dom Jul 03, 2011 9:55 am

Capítulo 98: O Iate se Foi... Nossos Dias Estão Contados!


Naomi: *nas costas do Mr. P* Já ta chegando?

Mr. P: *voando* Er... segundo o radar ta quase...

Naomi: Isso aqui não vai mais rápido não?

Mr. P: O que?! Mina, isso aqui é tecnologia de ponta! Não tem como ser mais rápido que eu já to!

Naomi: O problema é ficar no ar tanto tempo... tenho um pouco de medo de Zeus me descobrir e me jogar no Tártaro...

Mr. P: Eu to ligado... olha lá! Estamos chegando, tem um barco a...

Os olhos de Mr. P dão zoom e vão indo mais a frente mostrando o iate vindo com Asuka e os outros.

Mr. P: Um iate à uns duzentos metros! Se segura!

Naomi: Hehe, quem precisa de “byakugan” quando se tem um ciborgue?

Mr. P aumenta a velocidade e já estava quase alcançando o iate, que já estava passando do lado de um arquipélago.

Lana: Ano... Wagner-san, o que é esse ponto verde no radar?

Wagner: Ah, quer dizer que tem alguma coisa se aproximando... estranho, essa é uma área isolada, nem nós devíamos estar aqui.

Iago: Vai ver que é um avião de caça da polícia, sei lá! Vão tentar expulsar a gente!

Wagner: Vai lá fora ver, Iago.

Iago vai pro lado de fora da cabine do iate e olha pra cima, ele consegue ver Mr. P bem pequeno chegando.

Iago: Aniki, uma piada.

Asuka: Manda!

Iago: O que é um pontinho preto no céu?

Asuka: *olha pra cima*

Mr. P: Hehehe... esse tiro vai matar eles!

A mão de Mr. P abre no meio, e sai uma espécie de tubo dela, desse cano sai um pequeno míssil em direção ao iate.

Asuka: Nãããão!! Vai zoar o iate do Pai!!

Akane: O que a gente faz?!

Bia: Deixa comigo! *fecha os olhos e se concentra*

O míssil esquiva do iate e entra na água, explodindo longe deles.

Mr. P: Merda! Como eles fizeram isso?!

Naomi: Da pra sentir daqui! Eles tem um meio-sangue com eles, mas é mais forte! Provavelmente um filho de Apolo! Essa pessoa concentrou o calor em outro lugar, assim o míssil seguiu esse calor longe deles.

Mr. P: Como você sabe?

Naomi: Meio-sangues conseguem sentir um ao outro.

Mr. P: Nesse caso... *aponta os dedos indicadores pro iate* ...Hora de fuzilar! Eu tenho pena desses tolos!

Mr. P começa a atirar pela ponta dos dedos, os tiros atingem o iate, quase furando o casco. Todos do iate procuram se proteger dos tiros [mas só aqueles que morrem se forem atingidos, a Asuka, o Iago, a Bia, o Preston e o Criss ficaram pra fora]

Criss: Deixa comigo! *entra na frente dos tiros* Specchio!

Os tiros entram numa dimensão como um espelho e voltam na direção de Mr. P e Naomi, os tiros acertam o negro mas não acontece nada. Mr. P passa rente ao iate, enquanto Naomi faz uma onda jogar o iate pra cima.

Povo do iate: KYAAAAAAAAAAAAAAHHHH!!!!

Leandro: Protegam-se! Eu cuido disso! *com alquimia faz outra camada de casco pra proteger o iate*

Mr. P volta com tudo soltando dois mísseis na parte de baixo do iate, com o impacto forte, Leandro e Bia são jogados pra fora.

Iago: BIAAA!! LEANDROOO!!

Naomi: No mar... minha especialidade!

Bia: *submerge* Aaagh!... aaahh... ahhh... *fica nadando*

Naomi: *pula de Mr. P na direção de Bia*

Naomi desce com um chute com os dois pés na cabeça de Bia, mandando ela pra baixo d’água, Naomi tinha a vantagem porque podia respirar de baixo d’água.

Bia: (pensa) D-droga! Ela é uma filha de Poseidon! Ela ta com a vantagem!

Bia tenta dar um soco em Naomi, mas seu movimento estava ficando bem mais lento, Naomi esquiva sem se preocupar muito e começa a dar uma sequencia rápida de socos e chutes em Bia.

Bem perto da onde acontecia essa luta, Leandro nadava até uma ilha próxima, Mr. P começa a voar rodeando Leandro, o ciborgue começa a atirar e o alquimista vai pro fundo, os tiros passam de raspão em Leandro, Mr. P estende o braço na direção de Leandro, a mão dele sai presa por uma corrente, busca Leandro e puxa pra cima.

Leandro: Aaaakkh! Ahhh... aaahhh...

Mr. P: *da vários socos na barriga de Leandro*

Leandro: Aaaaaahhkk!!

Mr. P: *joga Leandro pra ilha*

Leandro: *sai capotando* Aaahh... uuhh...

Mr. P: *desce pra mesma ilha que Leandro* Eu tenho pena de tolos iguais a você!

Leandro: *levanta capengando* O que você é...? Como você consegue fazer aquilo?

Mr. P: Eu não preciso dar satisfações a você, alquimista, eu vi o que você fez antes do iate cair na água, impressionante suas habilidades alquímicas.

Leandro: Aquilo é só um pouco... Andróide...

Mr. P: Eu não sou um andróide, sou um ciborgue!

Leandro: NÃO ME CORRÉGE!! Ahá! Você me disse o que é você! Suspeitei desde o princilpil...

Mr. P: Princípio!

Leandro: Não me corrége!

Mr. P: Então, alquimista, posso saber o seu nome?

Leandro, com muita calma, tira uma caixa de cigarros do bolso, pega um cigarro e coloca na boca, mas não acende porque não tinha isqueiro.

Leandro: Eu sou aquele que irá cavar a sua sepultura... eu sempre quis dizer isso!

Mr. P: Então vem, alquimista! *posição de luta*

Leandro: Certo, ciborgue! *idem*

-------------------------

Wagner: *pilotando o mais rápido que podia* O que foi aquilo?!

Criss: Não sei, mas a Bia e o Leandro ficaram!

Han: Vamos voltar pra ajudar eles!

Iago: Não! A Bia e o Leandro sabem se cuidar, quanto mais pessoas estiverem com a gente, melhor.

Hani: O Iago-kun ta certo, Israel tem muito armamento pesado, soldados, exército, precisamos de pessoas do nosso lado! Pisa fundo, Wagner, o quanto antes chegarmos, melhor!

Asuka: Droga, aneue! Vê se faz o favor de vencer!

Preston: Porra! Eu que devia ta lá, caralho!

Wagner: Precisamos de você no campo de batalha, Preston.

Preston: Eu tava falando por causa daquela gatinha de cabelo roxo!

Todos: *tombam*

-------------------------------

Aya: *tentando parar em pé* Aaahhh... aaaahh...

Mesmo Aya tendo derrotado um dos Gigantes, o Kuroda, ainda faltavam seis deles, todos eles eram enormes e incrivelmente fortes, e Aya já estava quase esgotada.

Bob: Vai, garota, desista, se entregue ao exército e morra pacificamente!

Aya: Cadê... a Mirella?

Daniel: Quem é Mirella?

Bob: Sei lá... Deve ser uma amiga dela...

Aya: É alguém que eu tenho que acertar umas contas.

Jyuuren: *ainda com a mão presa no chão* Hehehe! E nós temos contas pra acertar com você!

Ballack chega por trás de Aya, mas como ele era grande e pesado a japa o percebeu logo, a bola gigante de metal dele vai em direção a ela, Aya se joga pro lado e a bola quase esmaga a perna dela.

Os Gigantes: Hahahahahahaha!

Daniel: Mal consegue se mexer, hahahaha!

Tohh: HUAAAAAAAA!! *ataca Aya com os tonfa*

Tohh vai com tudo pra cima de Aya com os tonfa, ela conseguia esquivar, mas já estava muito cansada, mas mesmo cansada ela pensa numa estratégia.

Tohh: Ta esquivando por quê?! Ta esquivando por quê?! Hahahahaha!

Jyuuren: Hey! Hey! Ela ta vindo pra cá! Ela ta vindo pra cá!

Aya passa por baixo de Jyuuren e pára atrás dele, todos ficam olhando pra Jyuuren que estava com uma cara de desespero.

Aya: Hehehe...

Ballack: Jyuuren! Ta tudo bem?

Jyuuren: Ah... Aaahh! AAAAAHHHH!!

Jyuuren vai andando pra trás sem o braço direito, o braço direito ainda estava lá com as garras enfiadas no chão. Aya tinha cortado o braço de Jyuuren fora quando passou por baixo dele.

Jyuuren: *se joga no chão* AAAAAAAAAAGH!! MEU BRAÇOOOO!!

Tohh: D-desgraçada...!!

Aya: (pensa) Droga... ainda tem cinco deles, mas eu já to quase no meu limite! Eu vou ter que pegar o pouco de energia que eu ainda tenho e...

Aya sai correndo pro lado oposto dos Gigantes. Mais pra frente, esse Cão do Governo perdido estava andando sem rumo, o bicho olha pra Aya e corre pra ataca-la.

Aya: (pensa) Um daqueles cachorrões agora? *solta um sorriso* Perfeito!

Aya ia bater de frente com o cão, o cão ia bater de frente com Aya, mas Aya dá um pula e enfia as espadas nas costas do cão e monta nele.

Gordo: MATA!

Gordo ia bater com o porrete em Aya em cima do cão, mas o cachorro percebendo que ia se ferir, morde o porrete de Gordo, ferindo a boca com os espinhos do porrete. O cão machucado se vira e começa a correr com Aya nas costas.

Ballack: Ela ta fugindo num Cão do Governo!

Bob: Vamos atrás!

Tohh: Não tem como, caralho! Não tem como correr mais rápido que um Cão do Governo!

Daniel: Temos que tentar! *corre*

Outros Gigantes: *idem*

Aya: *em cima do cão* Hehe... assim é bem mais fácil... dá pra descansar, os gigantes estão longe agora... merda... meu corpo ta doendo...

Daniel: *no rádio* Hassan-sama! A piveta conseguiu escapar em um Cão do Governo!

--------------------------

Hassan: Pode deixar... segundo o que eu to sentindo... ela está vindo diretamente pra cá, agora ela morre, nosso exército desse lado de Jerusalém é dez vezes mais poderoso! Hahahahaha! Gigante Daniel, volte com os outros Gigantes e mandem médicos pra tratar dos Gigantes feridos! Essa intrusa vai morrer!

Mirella: (pensa) Aya, sua idiota, por que não ficou com a Thaysa e com a Geh?

Junsho:...

--------------------------

Wagner: Gente, estamos quase lá! Já consigo ver o solo israelita daqui!

Bia: Eu também consigo ver!

Asuka: *ajeitando as luvas de luta* Aeeee! Vou chutar a bunda da Mirella!

Wagner: Espera... o que é aquela risca verde em quase todo o lugar?

Han: *pega um binóculo* Nossa! Israel ta mais distante do que a gente pensava, gente...

Hani: *coloca o binóculo no lado certo*

Han: Ah não! Estamos perto mesmo! E aquela marca verde é...

Wagner: É o que?

Han: Não é uma marca... são soldados...

Preston: Porra... puta que pariu... caralho... buceta...

Akane/Lana: *tapam os ouvidos*

Na verdade aquela entrada de Israel estava tão cheia de soldados, que de longe parecia uma outra camada de chão verde.

Han: E não são só soldados! Eles tem tanques de guerra!

Akane: Asuka-sama! Eu quero voltar!

Lana: Kyaaaaaaaaah! Me protege, Iago-san! *abraça Iago*

Iago: Calma... calma... eu te protejo...


Han: Olha! *aponta pra cima*

Um monte de aviões vão chegando perto do iate. Eram os aviões das forças aéreas israelenses.

Criss: Aeronautica? Eles estão vindo com tudo!

Akane: Eu quero voltar!!

Preston: E a Marinha também!

Vários navios da marinha israelense vinham pelos lados, pela frente e por trás do iate, cercando-o.

Tsuki: Fodeu!

O coronel da aeronáutica pára bem em frente a porta do avião, da ordens aos seus homens para pularem de pára-quedas, armados.

Preston: Asuka, presta atenção nesse porque você ainda não viu, porra!... Devil Slash!

Uma lâmina negra, maior que o Zansatsu de Karol, sai da espada de Preston com um movimento que ele faz com ela. A lâmina corta a asa do avião do coronel, e ainda parte mais outros aviões atrás.

Coronel da Aeronautica: WAH!! C-Como?!

Os aviões caem todos no mar, obrigando os outros da aeronautica a pularem de pára-quedas no mar.

Asuka: *cara de WATAFAQUI*

Preston: Por isso que eu peguei leve com você aquela vez, Asuka, caralho!

Os navios da Marinha vinham logo após, os marinheiros não estavam ligando se passavam com os navios por cima dos aeronautas que caíram na água, só queriam atingir o iate.
O Coronel da Marinha, era um senhor bigodudo que usava um óculos escuro. Parecia bem cuidado pra idade.

Marinheiro figurante: C-Coronel Lins! Eles são mais fortes do que o Hassan-sama disse!

Coronel Lins: Hmmm... Um deles tem uma arma fodônica... E eu achava que isso eram lendas... ATAQUEM COM TUDO QUE TIVEREM!!

Os navios da Marinha atiravam com canhões para o iate, os amigos de Asuka que eram mais fortes ficavam para proteger.

Iago: NÃO DEIXEM ESTRAGAR O IATE DO TIO NORRIS!!

Iago rebate uma bola de canhão de volta para o navio com um soco. Asuka faz o mesmo, mas com um chute. Criss usa o Specchio jogando a bola de canhão de volta. Preston rebatia as bolas com a espada como se estivesse jogando baseball. Hani-shi as rebatia com seu chicote que não era um chicote comum.

Wagner: Todos que não podem rebater bolas de canhão pra dentro da cabine! *entra na cabine*

Han: *olhando Asuka, Iago, Criss, Preston e Hani* Esses cinco... são monstros?

Uma bala de canhão ia acertar Akane, nenhum dos cinco “monstros” conseguiu rebate-la, mas antes que a ruiva morresse, Lana libera a técnica do clã Miya, fica extremamente rápida e empurra Akane antes que ela fosse atingida. Mas a bola de canhão fez um buraco no iate.

Asuka: O IATE!!

Criss: Hora de acabar com isso! *tira a camiseta e pula na água*

Hani: O que ele vai fazer?!

Criss some na água, e aparece bem atrás do Coronel Linsno navio da marinha.

Coronel Lins: *começa a suar frio* U-uh...?!

Criss: Paese delle Meraviglie!

De repente, o Coronel Lins começa a ver apenas espelhos, para onde ele olhava tinham espelhos, ele usava golpes de artes marciais para quebra-los e tentar ver alguma coisa, mas cada vez que ele quebrava um, dois apareciam.

Coronel Lins: Droga! Homens! Onde vocês estão?!?!

Criss: *aparece em todos os espelhos ao mesmo tempo* Desculpa... Seus homens não podem mais te ajudar... HAHAHAHAHAHA!!

Criss continuava rindo enquanto os espelhos começavam a girar na cabeça de Lins, isso na mente dele, então os marinheiros olhavam Lins procurando algo no ar e achavam que ele tinha fumado maconha.

Um marinheiro acerta Criss na nuca com um chute, cancelando o Paese delle Meraviglie, libertando Lins da ilusão.

Marinheiro: Não subestime a marinha israelita!

Os marinheiros cercam Criss, mas o ilusionista automaticamente fica mais rápido, quase invisível, roubando a arma de todos antes que eles percebessem.

Criss: Vocês não são nada sem essas armas!

Mas em solo israelita, o exército ainda não se mexeu.

Soldado qualquer: *olha pra trás* Hm? Coronel Joy! Tem alguém chegando montado em um Cão do Governo!

Joy [era o mesmo que falou com Hassan no rádio]: Ah... é a garota que o Hassan-sama mencionou... vamos acabar com ela também antes que os outros intrusos no barco cheguem! Pode ser que sejam parceiros!

Aya: (pensa) Droga... ta cheio de soldados ali... Mas por que eles estão de costas pra mim?

Joy: TANQUES DE GUERRA, AJUDEM A MARINHA E A AERONAUTICA! EXPLODAM O BARCO INTRUSO!! HOMENS, ATAQUEM A GAROTA, NÃO SE IMPORTEM EM MATAR O CÃO DO GOVERNO!!

Todos os sodados se viram e apontam suas armas para Aya em cima do cão, os que estavam na linha de frente [era na verdade a linha de fundo, mas como eles viraram, aí trocou] começam a atirar na direção de Aya.

Aya: Merda! *levanta o cão como se fosse um cavalo fazendo o cão levar os tiros*

Han: *com o binóculo* Wagner, os soldados viraram de costas! Parece que eles estão atirando pra trás!

Wagner: O que?! Por que eles fariam isso?!

Tsuki: Talvez outra ameaça.

Lana: Aya-san!

Akane: A Aya-sama ta lá no meio?!

Wagner: Não sei! Mas eu vou com tudo pra chegar mais rápido! Estejam preparados pra enfrentar um exército! Avisem os que estão lá fora pra se segurarem!

Wagner puxa aquela alavanca que acelera, a mesma que Iago e Han puxaram, o iate acelera com tudo e vai alcançando o solo israelita.

Joy: ATIREM!!

Os tanques de guerra começam a atirar, um tiro acerta no casco do iate, estragando a maior parte dele, outro tiro atinge a proa [se é que tem proa em um iate] fazendo entrar água.

Wagner: Merda! Estamos afundando!

Asuka: NOOOOOOOOOO!!!

Preston: Não temos tempo pra isso! *tira a camisa e pula na água*

Preston nada até o navio da Marinha onde estava o Coronel Lins, logo ele sobe e derrota todos os marinheiros.

Marinheiro qualquer: C-CORONEL!!

Preston: *dá um soco nesse marinheiro mandando ele pro além*

Coronel Lins: Maldito! *dá um tiro em Preston*

Preston: *leva o tiro no peito* Argh! Desgraçado! *joga Lins na água com uma voadora* AE CAMBADA! PEGUEI UM NAVIO NOVO!

Uma bala de canhão ia na direção da cabine onde estava Wagner e os outros.

Wagner: ABANDONAR NAVIO! PULEM PRO MAR!!

Todos pulam do iate pro mar, a bala de canhão acerta o iate destruindo e o afundando ainda mais.

Asuka: *sendo puxada por Preston para o navio da Marinha* NOOOOOOOOOOOOO!!! O PAI VAI ME MATAAAAAR!!!

Iago: *subindo no navio com Lana nas costas* E A MIM TAMBÉM!!



CONTINUA...

-----------------------------------------------------

Comente aqui, por favorzinho com açucar em cima~ *-*
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nekiba
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 2492
Pontos : 3690
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 24
Localização : No pico do Himalaia

MensagemAssunto: Capítulo 99: Leandro VS Mr. P! Bia VS Naomi!   Dom Jul 03, 2011 9:59 am

Capítulo 99: Leandro VS Mr. P! Bia VS Naomi!


Mr. P: *atirando com as pontas dos dedos*

Leandro: *cria uma barreira de uma gosma verde com alquimia*

Mr. P: (pensa) Como ele ta molhado porque acabou de sair da água a alquimia dele vai sair diferente. Por isso que ele não pôde acender o cigarro antes. Eu posso usar isso ao meu favor.

Mr. P dá um pulo tão forte que racha o chão, passa por cima da barreira de Leandro.

Leandro: Merda!

Mr. P: FIST SHOT!

Mr. P lança a mão fechada como um tiro, Leandro esquiva as preces, mas o ciborgue lança um míssil desse buraco onde ficava a mão na direção do alquimista.

Leandro: (pensa) Isso não dá pra esquivar!

Leandro levanta pra correr e o míssil atinge o chão do lado dele, jogando Leandro longe com a explosão.

Mr. P: *voando* Hahahaha! Fuck yeah! Eu tenho pena de alquimistas como você!

Leandro: *todo arrebentado no chão* Uh... Uh... Ainda não acabou... ciborgue...

Mr. P: Oh yeah?! Toma essa!

O moicano de Mr. P começa a subir e abre no meio, do meio do moicano sai uma arma de raio laser.

Leandro: Q-que... é isso? *brilho nos olhos* QUE LEGAL!! Um laser do moicano!!

Mr. P: MOHAWK LASER!

Um raio laser vermelho sai do moicano de Mr. P, Leandro tenta fugir mas sua perna estava machucada, o alquimista cria um casco de proteção de árvores em volta de si.

Mr. P: Não vai funcionar, alquimista!

O laser atinge o casco e o corta ao meio, destruindo o que tinha dentro dele.

Mr. P: Hehehe! Game over!

Mas quando o casco abre despedançando, Leandro não estava mais lá.

Mr. P: ??

Dois galhos grossos [AAII!!] de ávore vêm em zigue-zague por trás de Mr. P, antes que o ciborgue pudesse fugir os galhos enrolam ele o prendendo.

Mr. P: M-Merda!!

Leandro: *lá em baixo acendendo um cigarro* Eu tenho que te agradecer, ciborgue. Se não fosse a explosão do seu míssil da mão me secar eu ainda estaria molhado e não conseguiria fazer essas coisas.

Mr. P: Cara, isso é apertado! Mohawk laser! *corta os galhos com o laser do moicano*

Mr. P ia caindo, quando Leandro cria espinhos de cacos de vidro em baixo do ciborgue, mas Mr. P liga seu jato nas panturrilhas indo em direção ao Leandro, estendendo os braços mirando um soco na boca do oponente.

Leandro: (pensa) Te peguei!

Quando Mr. P estava pra atingir Leandro, o alquimista dá um pulo, agarrando nas costas do ciborgue e quase queimando a cara no fogo do jato, mas num movimento rápido ele coloca as mãos sobre os propulsores e os destroi.

Mr. P: Merda!

Mr. P e Leandro aterrissam capotando no chão, Mr. P monta em cima de Leandro e começa a socar a cara dele, Leandro coloca a mão no peito do ciborgue decompondo aquela parte.

Mr. P: *se afasta* !!

Leandro: *levanta limpando o sangue do canto da boca*

Mr. P: Que merda que você fez? Como você destruiu meus jatos e quase destruiu meu peitoral blindado?

Leandro: É fácil... é só deteriorar a matéria prima do metal do seu corpo, fazer isso com alquimia não é muito difícil.

Mr. P:

Leandro: Claro... isso não é para idiotas entenderem... *cara de “aff”*

Mr. P: Eu? Idiota?! Se eu sou idiota, como eu construi esse corpo perfeito para batalhas!?

Leandro: Perfeito que tem falhas contra a minha alquimia!

Mr. P: Sua alquimia? Tudo o que você faz são plantinhas e fazer as coisas explodirem! Minhas partes mecânicas fazem muito mais! Você solta um raio laser do seu cabelo? Acho que não!

Leandro: *olhinhos brilhando e babando* Tenho que admitir... que isso é muito legal!

Mr. P: Hehehe! Mas se achou que os mísseis nas mãos, os tiros dos dedos e o moicano a laser eram só o que eu tinha, então presta atenção nesse! *abrindo o zíper da calça*

Leandro: *arregala os olhos e deixa o cigarro cair da boca*

Mr. P: Hehehe! Contemple o meu incrível... BAZOOKA’S DICK!

No meio das pernas de Mr. P, no lugar da anaconda, tinha uma bazooka preta toda equipada.

Leandro: Você tem uma bazooka no lugar do seu pênis?! Que legal! É burrice mas é legal!

Mr. P: Bazooka’s dick!!

Mr. P recarrega a bazooka igual uma 12 [parecia que ele estava se masturbando] e começa a dar tiros em Leandro.

Leandro: *tentando esquivar* Merda! Sinto como estivesse esquivando de gozadas!

Mr. P: *recarrega e atira* Fuck you, alquimista!

O lugar estava sendo destruído pela luta dos dois, a ilha era pequena, não tinha muito lugar pra fugir, Leandro estava quase sendo atingido pelo Bazooka’s dick.

Leandro: *cria uma barreira de madeira*

Mr. P: Hahaha! Acha que madeira vai parar um tiro de bazooka?! *se masturb-... digo, recarrega e atira*

O tiro de bazooka acerta a barreira explodindo inteira, mas levanta mais chamas do que o esperado.

Mr. P: Hmf... deve ter usado ácool pra aumentar as chamas e se esconder... moleque esperto!

Leandro: *de trás da barreira* Ainda não!

Leandro tira um tubo de ensaio do bolso e faz uma mistura loka que só quem entende de química sabe, que acaba produzindo um gás, as chamas aumentam ainda mais.

Mr. P: E vai fazer o que? Se esconder melhor com mais fogo?

Leandro: Não... *fica de quatro na frente do tubo de ensaio com gás* Vou dar mais potência!

Leandro solta um peido aumentando e muito a potência do gás levando as chamas pra cima de Mr. P [quem já peidou na frente de um isqueiro? É igual só que muito mais potente]

Mr. P: FUUUUUUUUUUUUCK!! *é atingido pelo fogo*

Leandro aproveita as chamas pra acender outro cigarro e espera o fogo baixar, depois que o fogo abaixa só se vê fumaça na ilha inteira.

Leandro: *dá uma tragada* Não foi tão difícil quanto eu pensei que seria...

Quando a fumaça vai abaixando, Mr. P se levanta com a pele do rosto e do braço direito rasgadas, óculos escuros quebrados, mostrando as partes robóticas do seu corpo em baixo da pele.

Leandro: Oh não! É o Exterminador do Futuro negão!

Mr. P: Hasta la vista... baby! *aponta o bazooka’s dick pra Leandro*

----------------------------

Bia: *sobe pra superfície* Merda! Essa menina é duron- *é puxada pelo pé para o fundo*

Naomi: *dá três socos na barriga de Bia e joga ela pra cima, pra fora d’água*

Bia: Buaakh! Aaahh...!! *nadando*

Naomi: *sobe bem alto em cima de uma corrente de água* Filha de Apolo, huh?

Bia: Como adivinhou? Poseidon sabe fazer profecias?

Naomi: Eu senti um calor a mais.

Bia: Isso ainda não é nada... sabia que eu também sou filha de Atena...

Naomi: Huh? Então provavelmente tem uma estratégia muito bem elaborada pra me vencer?

Bia: Heheh! Acertou!

A água começa a esquentar aos poucos, até sair fumaça.

Naomi: O q-que?!

Bia continua esquentando até a água começar a borbulhar. Naomi é obrigada e sair da água com uma corrente d’água mandando ela pra ilha logo perto [uma perto da onde estava acontecendo a luta entre Mr. P e Leandro]

Bia: Hahahaha! Não aguentou a água quente?

Naomi: Aaaaai! *com algumas partes do corpo vermelhas* Eu sabia que você poderia esquentar as coisas, mas não sabia que podia tanto.

Bia: *vai nadando até a ilha* Não subestime uma filha de Apolo e Atena, filha de Poseidon.

Naomi: Naomi Maehara, muito prazer.

Bia: Prazer, Bia Winamoto.

Naomi: O que você e seus amigos querem em Israel, Winamoto?

Bia: Salvar umas amigas, Maehara!

Naomi: Vou ter que te impedir, desculpa!

Bia sente ser puxada, quando olha pra trás tinha uma corrente de água puxando os pés dela. A água sobe no resto do corpo de Bia até a boca e o nariz.

Bia: *se afogando* Aaaahkk! Kkohh!

Bia se joga no chão tentando cuspir a água, mas a água saia do mar para entrar nela cada vez mais.

Naomi: Se esquentar essa água não vai fazer mal nenhum a mim!

Começa a sair vapor da boca, nariz e ouvido de Bia. Naomi fica espantada e Bia levanta um sorriso no rosto.

Bia: Pode não fazer mal a você, mas pode me salvar.

Bia dá uma arrancada com tudo, muito rápido pra Naomi ver, a morena dá uma cotovelada no queixando mandando a outra pra cima, sem perder tempo Bia pega Naomi no ar com um chute na barriga afundando ela no chão, Naomi reage torcendo o pé da outra fazendo-a cair e ainda afunda a cabeça dela no chão com o braço.

Naomi: Será que você consegue evaporar isso? TSUNAMI!

Todo o mar em volta delas levanta em uma onda de mais de 100 metros, rodeando a ilha como um muro de Berlim, a onda fecha e vai caindo no meio da ilha pra esmagar as duas.

Naomi: Eu sobrevivo em um tsunami, mas e você?

Bia: !!

A onda gigante cai no meio da ilha devastando tudo, mas no meio de toda aquela água Bia levanta com uma espada brilhante apontada pro alto.

Bia: ATALIA!

O poder da Atalia dispersa toda a água que estava na ilha, mas a ilha estava molhada, Bia também estava toda molhada e com as roupas molhadas coladas no corpo [isso não vem ao caso, mas só pra alegrar a imaginação dos 4 leitores homens que leem isso] e além disso, Naomi tinha sumido.

Bia: Cadê você?!

Naomi: *em baixo d’água*...

Bia: Não adianta se esconder! Eu sinto o seu calor!

Bia passa a espada cortando o chão, o corte vai até o mar, dividindo como se fosse Moisés no mar vermelho [mas só um poquinho, não abriu aquela passagem toda não]

Naomi: *esquiva por pouco* Merda!

Toda a água que estava no chão da ilha é sugada e de repente o chão ficou completamente seco, chega a rachar.

Bia: O que aconteceu?

Naomi é lançada na ilha como um jato e começa a lutar mano-a-mano com Bia. Mas depois de trocarem alguns socos e chutes elas se afastam pra respirar.

Naomi: Deve estar se perguntando como o chão secou tão rápido se estava encharcado agora a pouco? Eu tenho controle total sobre a água dos mares...

Naomi estende a palma da mão para Bia, uma esfera de água começa a se formar na frente da palma.

Naomi: ...Eu posso manipular a água do mar do jeito que eu quiser!

A água do mar em volta da ilha começa a sair e se juntar a essa esfera, fazendo uma esfera enorme, passando de um mero “rasengan” pra uma porra duma “genki-dama”.

Bia: Não se eu impedir!

Bia avança em Naomi com a Atalia, mas Naomi lança essa esfera que parecia um kamehameha de água em Bia, que só podia se defender com a espada e ainda estava sendo arrastada pela força da água.

Naomi: Não adianta tentar fazer a água virar vapor com o calor, essa é a água de quase todo o mar em nossa volta, é tão potente que assim que virar vapor vai voltar a ser água.

Toda aquela água começa a ser perfurada por flechas brilhantes que atingem Naomi, que usa o resto de água que sobrou pra proteger os pontos vitais do corpo das flechas, mas ela foi atingida em várias outras partes.

Naomi: *no chão* Aaah... Uugh...!

Bia: *segurando o Faon, o arco brilhante* Se é pra apelar, então eu também vou apelar! Bow of Apollo!

-----------------------------

Joy: Malditos, roubaram o navio do Coronel Lins!! Fale para os tanques de guerra atirarem com tudo!!

Soldado qualquer: Mas... Podemos acertar aliados...

Joy: Não importa! Só faça o que eu mando!

Soldado qualquer: S-sim!!

Preston: *pilotando o navio* Hehehe! Agora é tudo nosso!

Asuka/Iago: *no cantinho do desespero* Eu vou morrer... eu vou morrer...

Akane: Asuka-sama! Iago-sama! Ajudem aqui!

Criss: Asuka! Iago! Ajudem a proteger esse navio!!

Os mesmo que rebateram as balas de canhão antes voltam pra ajudar, Wagner vai pilotar o navio da Marinha. O Coronel da Aeronautica sai da água com um pulo, acertando Wagner com um chute e invadindo o navio da marinha.

Wagner: Argh... Tsc...!

Coronel da Aeronautica: Daqui vocês não passam!

Lana vem do alto com um chute no coronel, mas ele defende com o braço sem problemas e joga Lana, isso abre um espaço para Wagner que acerta uma joelhada e uma sequencia de socos nesse coronel.

Lana aproveita a deixa e pilota o navio enquanto Wagner lutava, mas o Coronel Lins sai da água com sangue nozóio.

Coronel Lins: HEYAAAAAA!! *desce um golpe de karatê que quebra o leme*

Lana: *esquiva* Droga, o leme!

Lins/Lana: *lutando mano-a-... mina?*

Joy: Malditos, só o Lins e o Ayho não vão dar conta... CONTINUEM LUTANDO! EU VOU PARA LÁ!

Joy dá um pulo na água e sai correndo por cima dela, como se fosse Jesus Cristo... ou a Dani Bolina. Ele alcança o navio roubado, mas Han já estava lá.

Han: Não se mova...

Joy já estava preso nos fios cortantes de Han, mas ele dá um sorriso e se mexe mesmo assim dando um soco em Han, o Tenente leva vários cortes no rosto e no corpo, mas nem liga. Ele saca duas pistolas e começa a atirar em Han, a Inathi vai defendendo com duas kunais, um chicote chega enrolando no pescoço de Joy, tão apertado que vai tirando o ar dele.

Hani: *segurando a outra ponta do chicote* Vamos ver se você é tão durão assim...

Hani puxa Joy para si, dá um chute no estômago dele, o joga para o ar e afrouxa o chicote, fazendo com que o Tenente voasse para looooonge longe... Ao infinito e além.

O Coronel Ayho [Da Aeronautica] continuava no mano-a-mano com Wagner, mas de uma hora pra outra, o Coronel começa a ficar mais lento, abrindo vantagem para o alemão que dá um soco no estômago dele, que desmaia na hora.

Wagner: Já? Eu fiquei tão forte assim?

Akane: *atrás de Ayho, segurando uma agulha* Ah, isso é morfina, Wagner-sama! *sorriso fofo*

Wagner: (pensa) Prefiro acreditar que eu fiquei mais forte mesmo.

Mesmo Lana estando com a técnica do clã Miya ativado, ela não dava conta da força e velocidade de Lins, que como era um homem velho e mais experiente, era bem mais forte que Lana.

Tsuki: Hora de mostrar o fruto do meu treinamento... Ghost!

Aquela fantasminha com tuberculose, Ghost, levanta do chão.

Ghost: No que posso ajudar, Tsuki-sam-... Cogh! Agh! Cof! Cof! *cospe sangue*

Tsuki: Faça o seu trabalho, Ghost!

Ghost: Entendido!

Ghost corre até Lins e atravessa a mão no Coronel, como ela era um fantasma ela consegue sem dificuldades, logo Lins cai no chão desmaiado, assim como Ayho.

Lana: *ofegante* Obrigada, Tsuki-san!

Soldado qualquer: N-não pode ser... Olha!! Os invasores derrotaram os Coronéis da Marinha, Exército e o Tenente Joy!

Asuka: Aproveitem agora! Vamos direto para o solo israelita, cambada!! Eu vou vingar o iate do Pai!!



CONTINUA...

------------------------------------------------

Seu IP foi selecionado na sua cidade! Clique aqui, comente e ganhe seu prêmio!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nekiba
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 2492
Pontos : 3690
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 24
Localização : No pico do Himalaia

MensagemAssunto: Capítulo 100: Karol levanta voo... ou vôo... maldita reforma!   Dom Jul 03, 2011 10:03 am

Capítulo 100: Karol levanta voo... ou vôo... maldita reforma!


O navio roubado da marinha com Asuka e os outros estava chegando em solo israelita, lá, os soldados tentavam parar Aya, mas a japonesa era muito rápida e estava controlando muito bem o Cão do Governo, fazendo-o de escudo, e ainda cortava os soldados com as duas espadas.


Asuka: Olha! Aquela é a Aya arregaçando os soldados!

Soldado qualquer: Q-quem a gente ataca primeiro?! A japonesa ou os int- *é cortado por Aya* WAAAAGH!

Soldado qualquer2: MEL DEEEELS!!! *é cortado também* WAAAGH!!

Alguns marinheiros que caíram no mar tentavam subir no navio roubado, mas era impossível com tanta gente forte para pará-los.

Asuka: Saiam da nossa frente!

Os soldados ignoram Aya por enquanto e atiram no navio e nas pessoas do navio, destruindo o mesmo, Asuka e Iago dão um Roundhouse kick nos soldados, Preston usa o Devil Slash, Criss usava o Paese delle Meraviglie, Han jogava explosivos e Hani chicoteava os soldados.

Aya: *sai do meio de um monte de soldados* VOCÊS ESTÃO TENTANDO ME MATAR TAMBÉM?!

Han: Hehe... Essa Aya...

Um soldado avulso da guerra: H-Hassan-sama! Eles invadiram o solo israelita! Eu repito! Eles invadiram o solo israelita!

---------------------------

Hassan: Invadiram?

Soldado no rádio: E são muitos! Eles usam poderes estranhos, Hassan-sama! A Marinha e a Aeronáutica foram derrotadas, o Exército está sendo massacrado agora!!

Mirella: (pensa) Conseguiram passar pela Marinha e pelo Exército... como esperado da Bad Girl e os amigos dela...

Cohen: O QUE?! Quem esses babacas pensam que são! Deixa eu jogar uma bomba neles!

Junsho: Cohen, controle-se!

Cohen aperta um botão mandando uma bomba pra lá, onde acontecia a guerra.

Asuka estava sentando a porrada em alguns soldados e acaba encontrando Aya no meio.

Aya: Asuka!

Asuka: Aya!

Aya: Por que vocês vieram?!

Asuka: Você ia sobreviver se viesse sozinha?!

A bomba estava quase caindo no meio da guerra, ia expodir e matar todos os soldados e mais alguns dos intrusos.

Criss: Retromarcia! *manda a bomba para um tanque de guerra*

Aya: *enquanto cortava uns soldados* Asuka! Temos que chegar logo onde ta a Mirella!

Asuka: *enquanto sentava a porrada nos soldados* E você sabe onde ela ta?!

Aya: Não!

Asuka: Merda! Se pelo menos o Nekiba-senpai tivesse aqui ele poderia farejar!

Aya: Não seja por isso! *pega um soldado pela gola e coloca a espada no pescoço dele* FALA ONDE TA A MIRELLA! FALA!

Asuka: Boa! *pega um soldado e começa a bater a cabeça dele no chão* FALA ONDE TA A MIRELLA OU EU ESMAGO SEU CRÂNIO!!

-------------------------------------

Enquanto esse povo estava lutando em Israel, em Champz as coisas eram ainda mais tensas.

Karol/Nekiba/Juh/Kyo/Miwa/Bruh/Jammal:...

Chuck Norris: Então... eu só vou perguntar mais uma vez... Onde foi parar todo mundo?

Kyo: N-n-nós não sabemos... Norris-sama...

Chuck Norris: MENTIRA!

Kyo: AAAH!!

Chuck Norris: Juh... você mora aqui... devia saber onde foi parar mais da metade da família!

Juh: M-mas eu não sei, Norris-sama, eu... saí com o Michael-bofe depois de trabalhar na nova casa da Thaysa-chan, depois que nós voltamos não vimos mais eles...

Chuck Norris: Não sei por que, mas isso me cheira a mentira...

Nekiba/Juh/Kyo/Miwa/Bruh/Jammal: *quase cagando nas calças*

Karol: *de boa*

Chuck Norris: Nekiba... você sempre foi alguém que eu pude confiar... não gostaria de fazer essa confiança quebrar, gostaria?

Nekiba: C-claro que não, Norris-sama! Olha, se eu soubesse onde eles foram eu diria, mas não falaram nada pra mim, como ninguém da minha casa sumiu junto eu não fiquei sabendo de nada.

Chuck Norris: Boa desculpa, mas ainda me cheira a mentira!

Bruh: *quase chorando* Bruh não sabe de nada, Norris-sama, se Bruh soubesse Bruh contava!

Jammal: *idem* É, Norris-sama! Eu nunca sei de nada nessa fic, pôxa, ser personagem secundário é um saco!
[Mas é verdade, eles não estavam juntos, tadinhos]

Miwa: Eu saí pra transar com o Ed-chan, Norris-sama, nem percebi que eles saíram.

Chuck Norris: Tudo o que eu ouço de vocês são mentiras, mentiras e mais mentiras... Eu não queria espancar vocês até vocês falarem, mas parece qu-

Karol: Norris-sama, eu estava junto com eles, eles me disseram que iriam para o Rio de Janeiro, ajudar a expulsar os traficantes, com eles foram a Asuka, o Iago, o Wagner, a Akane, a Lana, a Han, o Leandro, a Bia e mais um povo.

Chuck Norris:...

Karol: Foi o que eles me disseram, me chamaram pra ir junto, mas eu não tava a fim.

Chuck Norris: Hm... Rio de Janeiro, huh? Ótimo, Kyara, chame a Taty e o Nascimento, nós vamos para o Rio trazer esses pirralhos de volta!

Kyara: Sim, Chuck!

Chuck Norris: E Karol, se eu descobrir que era mentira, todos vocês vão pagar!

Nekiba/Juh/Kyo/Miwa/Bruh/Jammal: *engolem seco*

Karol: Tenho tanta certeza nisso que eu mesmo assumo a culpa por todos caso esteja mentindo.

Kyara: Chuck, ela não assumiria um responsabilidade dessas a não ser que estivesse mesmo falando a verdade. Eu acho que a Karol-chan não ta mentindo.

Karol:...

Chuck Norris: Bom, eu vou confiar nela, eu to indo para o Rio de Janeiro. *sai junto com Kyara*

Juh: Karol! Ficou doida menina! Norris-sama vai te matar!!

Nekiba: Eu não quero perder uma filha!!

Karol: Relaxa gente, ele não vai me matar. *levanta e vai saindo*

Miwa: Como não?! Você mentiu pra ele! Você ouviu o que ele disse! E você ainda assume a culpa toda!

Karol: Mas eu não vou estar aqui pra levar bronca. *levanta e vai saindo*

Miwa: Ein?

Karol: Eu vou estar em Jerusalém quando ele voltar... *sai*

Todos:...

Kyo: HEY, NORRIS-SAMA VAI DESCONTAR NA GENTE!! ELA NOS ENGANOU!!

Juh: ARMOU PRO NOSSO LADO! KAROL TRAIÇOEIRA!!

Karol pega um mapa e vai até essa mesma praia onde saíram com o iate.

Karol: Eu posso me arrepender disso depois, mas quem liga?

E ela levanta voo em direção a Israel, deixando o resto do pessoal em Champz.

------------------------------

Hassan: *falando pelo rádio* Os Gigantes estão prontos?... Ótimo, eles vão lutar mais uma vez.

--------------------------

Iago: *coloca um soldado contra a parede* Agora você fala onde ta a Mirella ou eu arranca seu intestino!!

Soldado: N-não! Eu falo! Eu falo!

Iago: FALA!!

Soldado: Em Jerusalém, não Jerusalém Oriental, Jerusalém mesmo! Tem uma passagem subterrânea bem na entrada, difícil de ver, e só quem ta lá dentro pode abrir, vocês não vão conseguir!

Iago: É o que vamos ver! *segura o soldado pelo pescoço* Você vai levar a gente até lá pra eu ter certeza que você não ta mentindo! GENTE! VAMOS PRA JERUSALÉM! TEM UMA PASSAGEM SUBTERRÂNEA!

Mas todos ainda estavam lutando contra os soldados, não dava pra todo mundo sair de lá assim.

Asuka: Droga! Como nós vamos pra lá?! *chuta um soldado no pescoço*

Wagner: Vamos só alguns de nós! O resto fica aqui lutando! *chuta um soldado na barriga esquivando de um tiro*

Asuka: Mas quem fica e quem vai?! *soco no queixo de um soldado*

Aya: *cortando uns soldados* Eu não quero saber, eu vou enfrentar a Mirella, então eu vou com o Iago.

Asuka: Nada disso! Eu vou arregaçar a Mirella! Nee-nee, leva a gente até lá!

Akane: *ofegante* Asuka-sama... me leva... por favor... não aguento mais...

Um soldado chega por trás de Akane e aponta a espingarda pra cabeça dela, Asuka arrebenta o soldado com um Roundhouse Kick e pega Akane.

Asuka: Vem, você vai ter uma luta decente, mas não contra esse exército!

Preston: *arregaçando os soldados com a espada* Eu vou ficar! Eu to gostando disso!

Criss: Então é nóis! *segura um soldado* Damme il tu cuore!

Criss coloca a mão no peito desse soldado e vai arrancando o coração dele aos poucos.

Soldado: M-mas... o que? N-não! Não!

Han: Asuka-senpai! Deixa eu ir com você!

Iago: Quem for, vem logo! *sai correndo com o soldado* Você vai me falar o caminho, seu vagabundo!

Tsuki: *invoca alguns espíritos* Vão, possuam essas almas fracas!

Um espírito entra em um soldado, esse soldado começa a atirar nos companheiros.

Soldado1: H-Hey! O que você ta fazendo?! *leva um tiro* Aaagh!!

Soldado2: O que você ta fazendo?! *também leva um tiro*

Os espíritos possuem alguns soldados que começam a atirar contra os companheiros.

Lana: *usa a técnica secreta do clã [aquele olho dela lá]* Sword of Fire! *junto com o Sword of Fire fica mais foda ainda derrotando todo mundo*

Hani: *jogando várias kunais e shurikens nos soldados*

Wagner: (pensa) Ta cheio de soldados armados aqui, tanques de guerra, é questão de tempo até eu levar um tiro, eu vou com a Asuka-chan.

Iago sai correndo segurando o soldado, atrás dele vão Asuka, Aya, Akane, Han e Wagner.

Iago: Wagner! Se você for, quem vai ficar pra cuidar da Lana-chan?

Wagner: Relaxa, ela ta em boas mãos!

Iago olha pra trás e Lana estava cercada por soldados, mas Criss aparece ali no meio, levita os soldados com ilusão e manda eles pra longe.

Iago: Ta, se ta com o Criss eu me preocupo menos... *aperta mais o soldado* Fala o caminho!

Soldado: E-eu falo! Eu falo! Continuem indo reto até onde eu disser!

Eles andam mais um pouco e é bem lá estavam seis dos sete Gigantes que lutaram com Aya, Jyuuren não estava lá e Kuroda estava com vários pontos no rosto.

Ballack: Quantas meninas lindas! E a invasora de antes ainda esta aí!

Tohh: Estou pronto pra matar mais!!

Han: Q-que enormes!

Os soldados páram de lutar quando os gigantes aparecem, deixando Preston, Criss, Tsuki, Lana e Hani confusos.

Bob: *contando* Quatro, cinco, seis... Tem cinco lá e seis aqui... Isso da um total de... *fazendo as contas* Er...

Daniel: Onze, seu idiota!

Gordo: NÓS SOMOS MAIS FORTES!!

Gordo desce o porrete em Asuka, que mesmo com Akane nas costas, acerta um Zidane Head Round Strikes no porrete, destruindo-o.

Gordo: O... meu porrete!

Aya: Esses caras são fortes, eles vão atrasar muito a gente...

O chicote de Hani-shi acerta Gordo com tudo no peito, jogando o infeliz longe. Preston chega na voadora no peito de Bob, tirando o ar do coitado.

Tsuki: Podem ir, deixa com a gente.

Daniel: MALDITOS!!

Jyuuren ia atacar Tsuki com um único braço que sobrou, mas Ghost aparece com tudo na frente dele o assustando.

Daniel: *com a voz fininha* KYAAAAAH!!

Aya, Asuka, Akane, Han, Wagner e Iago com o soldado seguem em frente, deixando os outros para enfrentarem os Gigantes.

Iago: Wagner, volta! Ajude eles!

Wagner: Por que?!

Enquanto Tsuki peitava Daniel, Hani peitava Gordo, Preston peitava Bob, Criss peitava Ballack, Lana peitava sozinha Tohh e Kuroda.

Tohh: Deixa que eu te ajudo já que você ta machucado, Kuroda.

Kuroda: *balança a cabeça postivamente*

Tohh tenta acertar Lana com um tonfa, mas ela esquiva e acerta um chute no pescoço dele, ela tenta usa a Sword of Fire, mas Kuroda bate nela com o tchaco, isso da passagem para Tohh acertar o tonfa bem no estômago de Lana, fazendo-a cuspir sangue.

Tohh: Hehehehe! Essa garotinha não tem nenhuma chance! Hehe... Uh?

Wagner: *com a mão enfiada no ânus de Tohh* Desse tamanho brigando com uma garotinha e ainda precisa de ajuda?!

Lana: (pensa) Mas foi você que lutou comigo com a ajuda da Bruh quando nos conhecemos, Wagner. *gota*

Wagner: Eu vou ser o seu oponente!

Wagner vira um chute nas pernas de Tohh, o gigante era forte demais e aguenta o chute, e ainda bate em Wagner com o tonfa.
Lana reage e corte Kuroda no braço com a Sword of Fire, agora ela poderia lutar uma luta justa.

Akane: Acha que o Wagner-sama pode lutar com aquele homem grande?

Asuka: Mesmo se não puder, ele não pode deixar a Lana lutar contra dois caras enormes daqueles.

E continuaram correndo.



CONTINUA...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nekiba
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 2492
Pontos : 3690
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 24
Localização : No pico do Himalaia

MensagemAssunto: Capítulo 101: Fazer amizade com vilões virou clichê, mas a Naomi e o Mr. P são legais demais   Dom Jul 03, 2011 10:05 am

Capítulo 101: Fazer amizade com vilões virou clichê, mas a Naomi e o Mr. P são legais demais


Leandro: *escondido atrás de um monte de pedras que ele mesmo criou* Droga! Vai ser impossível vencer esse Exterminador do Futuro!

Mr. P: *explodindo as coisas em volta com o Bazooka’s dick* I’LL BE BACK!!

Leandro: O único jeito vai ser... destruir igual eu destrui o jato e o peito dele... mas vai ser bem estranho eu pegando naquele negócio com as mãos...

Mr. P: APAREÇA ALQUIMISTA!! *atira*

O tiro acerta do lado das pedras que Leandro se protegia, ele sai daquele abrigo e, com alquimia, faz uma ponta com a terra do chão na direção de Mr. P, o ciborgue esquiva, mas a ponta rasga a camiseta dele.

Mr. P: Sem camiseta vai ser mais fácil! Nipple’s gun!

Dois canos pequenos saem dos mamilos de Mr. P, tiros começam a sair dos mamilos dele na direção de Leandro. Leandro faz a mesma barreira de antes para se proteger.

Leandro: *olhos brilhando muito* Agora ele ta soltando tiros dos mamilos!! Ele é muito legal!!

Agora Mr. P atacava com o Bazooka’s Dick e o Nipple’s Gun, Leandro mal conseguia se esquivar, mas ainda tinha chances de destruir o Bazooka’s Dick.

Leandro: (pensa) Eu tenho que correr até ele, no caminho eu faço alguma coisa com alquimia pra me proteger, depois eu agaixo pra não levar nenhum tiro dos mamilos e já destruo a bazooka! Lá vou eu!

Leandro desenha um círculo com o dedo no chão, usa alquimia pra transformar a matéria dentro daquele círculo em uma rocha mais fina pra não ficar tão pesado, Leandro tira aquela parte do chão e a sua como um escudo.

Mr. P: Vamos alquimista! Apareça! *atira com o bazooka’s dick e com o nipple’s gun*

Leandro vai correndo na direção dele com o escudo, mas essa mula albina, esse jegue do agreste, fez o escudo muito grande e não conseguia ver pra onde ele tava correndo, passa metros longe de Mr. P que só assistia ele correndo pro nada com cara de “wtf?!”, Leandro tromba em um coqueiro e cai no chão derrubando o escudo.

Leandro: Aiii... minha cabeça...

Mr. P: *vai andando até chegar perto dele* Hehehehe! Não dá pra acreditar que alguém como você pode fazer uma coisa tão complicada como alquimia!

Leandro: (pensa) Merda... ele ta muito perto... eu vou morrer...

Mr. P: *chega pertinho do Leandro, quase esfregando a bazooka na cara dele* Hehehe! Quais são suas ultimas palavras, alquimista?

Leandro: (pensa) Espera... eu que sou burro? Esse cara esqueceu que eu posso destruir a matéria das coisas? A bazooka ta bem na minha frente, basta eu ser esperto... (fala) Minhas ultimas palavras são: ...Vai se foder, ciborgue!

Leandro segura na bazooka bem firme com as duas mãos, mas não acontece nada.

Leandro: (pensa) O-O QUE?!?! ACABARAM AS MATÉRIAS?!?! LIX-CHAN, ESSA SUA LUVA ME SACANEOU!!!
[Pra quem não lembra, o Leandro lutava com aquelas luvas que ele ganhou da Lix que já tem matérias primas básicas da alquimia embutidos]

Mr. P: Que porra que você ta tentando fazer?!

Leandro: Er... eu... *levanta a cabeça olhando pra Mr. P* Se eu te fizer um oral você me deixa vivo?

Mr. P: HAHAHAHAHAHAHA!! Desculpa alquimista... mas você não faz o meu tipo!

Mr. P carrega a bazooka e ia atirar no rosto do Leandro, explodindo a cabeça dele, mas não sai nenhum tiro da bazooka.

Leandro:... *quase cagando nas calças*

Mr. P: Ué... cadê o tiro?!

Leandro: Hehe... hehehe... sua munição também é limitada! Hahahahahaha!!

Mr. P: Droga! Eu usei muita munição à toa!

Leandro: Hehe... *levanta* Parece que você é um gênio mais idiota que eu...

Mr. P: *segura a cabeça dele* Não! Você é mais idiota que eu! Você tava agaichado, fora do alcança do meu Nipple’s Gun, agora você ficou de pé, com a cabeça na altura dos meus mamilos...

Leandro: (pensa) Merda, pra quê que eu fui levantar?!?!

Mr. P: Agora, já que eu vou te matar, posso saber pelo menos o nome de quem eu vou matar?

Leandro: (pensa) O que eu vou fazer? O que eu vou fazer?! (fala) Eu sou... o príncipe do planeta Vegeta! Me chamo Vegeta-sama!!

Mr. P: Haah!! *solta Leandro* V-Vegeta-sama! Agora que você disse, parece mesmo! Meu Deus, eu lutei contra o Vegeta! Eu sou seu maior fã cara! Aqui no exército é difícil termos acessos a mangás, mas eu e meus amigos sempre dávamos um jeito, e a gente sempre escolhia Dragon Ball pra ler! Eu adorava ver você no magá, Vegeta-sama!

Leandro: *faz a mesma pose do Vegeta* Humpf... obrigado... *indiferente*

Mr. P: *olhos brilhando* Kyaaaaaaaaah! O jeito frio e indiferente é muito mais emocionante ao vivo!!

Leandro: *tentando ao máximo imitar o Vegeta* Não entre no meu caminho, verme miserável!

Mr. P: Sim! Sim, Vegeta-sama! Eu sou um verme miserável! P-posso te pedir um favor, Vegeta-sama?

Leandro: Humpf... diga, o que é?

Mr. P: Pode me ensinar a fazer um kamehameha?

Leandro: (pensa) Fodeu! Fodeu! Como eu vou fazer isso?! (fala) E-er... bom... primeiro a posição das pernas...

Mr. P: *faz certinho antes de Leandro* É assim né?! Eu brincava de Dragon Ball com a Naomi, Mirella e o Cohen, aprendi os movimentos!

Leandro: Muito bem, agora canalize seu ki nas palmas das mãos.

Mr. P: Como eu faço isso?

Leandro: Canalizando!

Mr. P: Ah ta... *fecha os olhos e se concentra*

Leandro: Agora diga... kaaaaa...

Mr. P: Kaaaaa...

Leandro/Mr. P: Meeeeee... haaaaa... meeeeee...

Mr. P: HÁÁÁÁ!!
.
.
.
.
Mr. P: E aí?

Leandro: Você não ta canalizando seu ki direito...

Mr. P: Ah, deixa eu tentar de novo! *faz a pose* Kaaaaa... meeee... haaaaa... meeee... HÁ!
.
.
.
.
Leandro: Não é uma coisa que se aprenda fácil, filho.

Mr. P: Mas eu lembro que em um capítulo o Kuririn faz um kamehameha sem querer, assim do nada!

Leandro: MAS... o Kuririn treinou com o Gok-... digo, com o Kakarotto e o Mestre Kame desde pequeno, lembra-se?

Mr. P: Verdade!

Leandro: Quer dizer que pra se fazer um kamehameha você precisa de um histórico de treinamente de anos! Depois de treinar por muito tempo você vai conseguir fazer um kamehameha facilmente!

Mr. P: Certo! Posso te pedir outra coisa, Vegeta-sama?

Leandro: Aff... vai, pede logo!

Mr. P: Pode fazer um kamehameha pra eu ver? *olhos brilhando*

Leandro: C-como?

Mr. P: Vamos! Eu sempre quis ver um legítimo kamehameha!

Leandro: Agora não dá, eu estou sem ki... enquanto isso você pode tentar concertar seus jatos, preciso voltar para os meus amigos...

Mr. P: Vegeta-sama não pode voar também?

Leandro: Eu to sem ki, esqueceu?! Verme!

Mr. P: D-desculpa, Vegeta-sama! Vou agora mesmo concertar os jatos!!

-----------------------------

Naomi: *em baixo d’água esquivando das flechas* (pensa) Droga! Esse arco é perigoso... Winamoto, você tem sorte de poder ganhar armas do seu pai e da sua mãe...

Bia, em terra firme, continua atirando na água onde estava Naomi. Um redemoinho sai do mar na direção do ar, no topo desse redemoinho estava Naomi de braços cruzados e olhando para Bia.

Bia: *aponta o arco pra Naomi*

Naomi: Deixa eu te fazer uma pergunta, Winamoto!

Bia: *abaixa o arco* O que é?

Naomi: Se você é uma meio-sangue... ou uma deusa, tanto faz... deve estar sendo procurada por Zeus também, não é?

Bia: Aham, e como você é filha de Poseidon, aposto que ta do lado do Suze!

Naomi: Na verdade não, Zeus tamb-... Suze?!

Bia: É, é que Zeus ao contrário é Suez, se concertar fica Suze!

Naomi: Hahahahahaha! Suze, vou começar a chamar ele assim!

Bia: Hehehe, o pessoal no Acampamento sempre ria disso...

Naomi: Bem, mas o problema é que o Suze também ta atrás de mim pra me-

Bia: Me jogar no Tártaro... já sabia...

Naomi: É... o que eu queria te perguntar é: Você não tem medo de usar os seus poderes livremente, sem que o Suze perceba?

Bia faz o Faon voltar a ser o pingente de clave de sol e faz sumir a Atalia.

Bia: Bom, é claro que eu pensei nisso, mas a segurança dos meus amigos é mais importante pra mim, contanto que eles estejam a salvo não importa o que vai acontecer comigo...

Depois que Bia disse essas palavras, Naomi tem uma rápida lembrança do passado.

--------------------flashback on-----------------------

Mirella: *segurando um pedaço de madeira* Naomi! Fica atrás de mim!

Naomi: *escondida atrás da Mirella* M-Mirella! Cuidado!

Três soldados estavam parados na frente delas, rindo e com alguns porretes.

Soldado1: Hehehehe! Que garotinhas indefesas! Como mandaram garotinhas pra guerra?

Soldado2: Hahuahuahauhauahu! Vamos matar elas mais devagar! Garotinhas devem morrer rápido!

O terceiro soldado bate com um pedaço de madeira em Mirella, que se defende com o pedaço de madeira que segurava, mas os outros soldados chutam Mirella, a jogam no chão e pisam em cima.

Naomi: MIRELLA!!

Soldado3: Ta preocupada com o que, cabelo roxo? Logo você que vai morrer!

Naomi mesmo desarmada levanta pra enfrentar os soldados, mas depois de algumas pauladas, Naomi cai no chão ensanguentada.

Soldado2: Hahaha! Vamos acabar logo com isso!

Esse soldado mirava na cabeça de Naomi com um porrete, uma pancada daquelas mataria Naomi na hora, mas quando ia acertar, Mirella entra na frente e é atingida na costela.

Naomi: Mirella!

Mirella: *no chão* Uhh... uh... tirem as suas mãos da Naomi! Eu não me importo de me machucar! Mas se machucarem a Naomi...

-----------------flashback off---------------------

Naomi: Entendo... Seus amigos tem sorte de ter uma amiga como você.

Bia: Mas Poseidon é seu pai né? Ele não pode facilitar pra você?

Naomi: Na verdade... meu pai também estava me caçando pra me jogar no Tártaro. Esses deuses, eles não se importam com a própria família!

Bia: Bom, eu ganhei essas armas dos meus pais, e Hades, o meu padrinho, e a Perséfone, ou tia Per como eu chamo ela, sempre estiveram do meu lado, Hefesto também deu uma ajuda, e eu vi dois filhos de Eros acharem que tinham sido abandonados, mas na verdade Eros estava sempre olhando por eles... nem todos os deuses são iguais.

Naomi desce daquela corrente d’água até o chão, parando na frente da Bia.

Naomi: Sabe, Winamoto...

Bia: Pode me chamar de Bia! *sorri fofamente*

Naomi: Sabe, Bia, fazia tempo que eu não me entendia tanto assim com uma pessoa... o Phillip e o Cohen ficaram tão distantes, o Hassan-sama então nem se fala... Eu gostei de você, Bia...

Bia: Sério? *olhos brilhando* Eu também nunca me dei tão bem assim com alguém que eu lutei, tirando a Asuka e a Karol, e também tem a Annabeth-nee-san, e também o Kratos-san!

Naomi: Nossa, você tem tantos amigos assim?

Bia: Isso é pouco! Eu não falei do povo da minha casa! Tem o Chuck Norris-sama, a Kyara-san, o Iago, o Juh, a Lana-chan, a Akane-chan-

Naomi: Nossa... Bia, eu nunca achei que eu faria isso, mas eu to vendo que agora eu tenho a oportunidade... Por favor, Bia, me ajude a derrotar o Hassan-sama!

Bia: N-Naomi... eu...
.
.
.
.
Bia: Quem é Hassan?

Naomi: *tomba*

--------------------------------

Cohen: Hassan-sama! Deixa eu jogar uma bombas! Por favor! Ou então me manda pra guerra!

Hassan: Tenha paciência, Cohen, eu tive que ter paciência pra adquirir meu poder completo não tive?

Junsho: Humpf... piscopata...

Mirella: (pensa) Será... será que o Hassan-sama ta ainda mais forte que antes?

Hassan: Sinto mais pessoas chegando, e cada vez mais perto.

Cohen: Isso é um sinal! Deixa eu ir que eu acabo com todos!!

Hassan: *pega um radio comunicador* Tenente Joy... Tenente Joy, responda!... foi derrotado...

Junsho: Hassan-sama, agora eu tenho que concordar com o Cohen, acho que devia mandar a mim, o Cohen e a Mirella para a guerra.

Hassan: Deixa eu ver... pelo que me parece... tem cinco pessoas vindo. Junsho, Mirella, vocês vão.

Cohen: Hã?!?! E eu Hassan-sama?!?!

Hassan: Você ta de castigo! Quem mandou lançar aquela bomba!

Cohen: *senta no banquinho da disciplina no canto da sala*


Junsho: *já saindo* Vamos, Mirella, não me atrase!

Mirella: Tsc... cara arrogante... *sai também*

Cohen: Isso não é justo, Hassan-sama!!


Hassan: Precisa ter paciência... Eu tive, não tive? E olha como eu sou hoje. Sabe por que eu não te mandei ainda?

Cohen: Por que?

Hassan: Dois do que estão vindo são norrianos!

Cohen: N-Norrianos?! Quer dizer... filhos de Chuck Norris?!

Hassan: Exatamente... e eu, como já me encontrei com Chuck Norris no passado, sei como vai ser impossível pra você vence-los.

Cohen: E acha que a Mirella e o tal do Junsho são mais fortes que eu?!

Hassan: Na verdade não, eu só espero que a Mirella e o Junsho parem alguns deles, se meus calculos estiverem certos, pelo menos um desses norrianos virá pra cá... quero destruir essa raça com as minhas próprias mãos! Essa maldita raça norriana que me fez sofrer por tanto tempo!!

Hassan fica um pouco mais nervoso, a sala onde ele estava começa a tremer, Cohen sente suas pernas bambearem, quase cai com esse poder.



CONITNUA...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nekiba
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 2492
Pontos : 3690
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 24
Localização : No pico do Himalaia

MensagemAssunto: Capítulo 102: Part. Especial Jack Sparrow!   Dom Jul 03, 2011 10:09 am

Capítulo 102: Part. Especial Jack Sparrow!


Dentro de um avião, vindo de Dubai para Champz, uma aeromoça passava com uma bandeja com amendoins para Geh, que estava sentada em uma das cadeiras.

Aeromoça: A senhorita gostaria de amendoins, água ou café?

Geh: Não.

Aeromoça: A senhorita do seu lado gostaria?

Geh: Não. Ta dormindo.

Aeromoça: Ah, entendo, a viajem para Dubai foi tensa né? Espero melhoras pra ela.

Geh: Ta.

Aeromoça: *sai*

Geh: *cobre um pouco mais quem deveria estar do lado dela, ou seja, Thaysa* Pronto, assim ninguém descobre.

Geh na verdade cobria um boneco grande, feito de pano pela própria Geh com as suas habilidades de estilista, por isso ficou muito parecido com Thaysa. [pra você ver como a Geh é foda na costura] Mas um boneco de pano não se compara a uma pessoa então Geh cobriu o boneco com um cobertor.

--------------------------

Em outro avião, indo em direção a Jerusalém, uma aeromoça servia alguns petiscos.

Aeromoça: A senhorita gostaria de alguma coisa?

Thaysa [a verdadeira]: Vocês tem pirulitos? *sorri*

-----------------------------

Agora, em outro navio indo em direção a Israel, um monte de piratas corriam ou pulavam no mar.

Pirata1: Ch-chamem o capitão!

Pirata2: *correndo* CAPITÃÃÃÃÃO!!

De dentro do barco sai um homem alto, com a pele parda, barba rala com tranças no cavanhaque, maquiagem nos olhos, um pano vermelho na cabeça e roupas de pirata. Esse era Jack Sparrow... Aliás, Capitão... Capitão Jack Sparrow.

Jack Sparrow: O que ta acontecendo no meu barco!

Karol: *segurando dois piratas pela gola* Me leva agora pra Israel, ou eu mato toda a sua tripulação e também te mato!

--------------------------------

Tsuki: Poltergeist!

Um monte de fantasmas saem do chão e atacam Daniel, fazendo cortes pelo seu grande corpo, o gigante tentava se defender com a marreta, mas só atravessava os fantasmas.

Preston: Devil Slash!

O Devil Slash ia na direção de Bob, mas o gigante defende com a espada, cortando o golpe de Preston, mas o Foda já estava atento e pega Bob distraído com um chute na fuça.

Hani: *joga uma shuriken em Gordo* Shuriken Bunshin! *as shurikens se multiplicam acertando Gordo por inteiro*

Ballack: HUAAAAAA!! *ataca Criss com a bola de metal*

Criss: Specchio!

A bola volta para Ballack, acertando-o no próprio nariz.

Lana: *acertando uma sequencia de socos e chutes em Kuroda numa velocidade incrível*

Kuroda: HYA!! *tenta acertar o tchaco em Lana, mas ela era rápida demais para ele*

A única luta que estava de igual para igual era com Wagner e Tohh, ambos estavam com bastante energia e a velocidade de Wagner compensava a força de Tohh.

--------------------------------

Iago: *quase sufocando o soldado*

Soldado: Vocês pode até chegar no fim, mas o Hassan-sama vai matar vocês!! Vocês não tem chances!

Asuka: Cala a boca! Que saco! Só continua falando o caminho!

Soldado: Ok. Vire a esquerda a cinco quilometros.

Asuka: Melhor assim!

[Só pra quem não lembra, os que ainda estão andando são Asuka, Iago, Han, Akane e Aya]

Mais a frente, vinha um jipe andando muito rápido na direção desses que sequestraram o soldado.

Aya: O que é aquilo?

Han: Parece um jipe.

Aya: Eu sei o que é um jipe, eu só quero saber o que ta fazendo aqui?!

Soldado: Aha... hahaha... Hahahahahahaha!

Iago: Qual é a graça!?

Soldado: Prestem atenção! Olha quem está no jipe! São Mirella e Junsho Fuma! Dois soldados do exército do Hassan-sama! Vocês estão mortos! Hahahahaha!

O jipe chega na frente deles e encosta derrapando. [Ó, Mirella devia participar do próximo Velozes e Furiosos]

Aya: MIRELLA! *saca a espada*

Asuka: *se posiciona pra lutar* Nada disso Aya! Quem vai pegar a Mirella vou ser eu!

Iago/Soldado: Hmmmmm... você vai pegar a Mirella então?!

Junsho: Então você conhece essas pessoas, Mirella?

Mirella: Sim, eu conheço, mas não tenho nenhuma relação com eles.

Junsho: Eu sabia que o Hassan-sama não poderia confiar em você!

Mirella: Como eu já te disse, Junsho, eu não tenho nada com essas pessoas! Nenhum sentimento!

Asuka: Desgraçada! Deixou a Thaysa-chan no hospital! Se você tivesse matado ela eu te arrebentaria agora mesmo!

Junsho: Então... você não matou a policial de verdade, Mirella?

Mirella: Foi um tiro ruim, me desculpe.

Asuka: *socando o ar* Vamos Mirella, você e eu! Agora! Vamos! Lá fora!

Aya: Asuka, sai daqui, eu que tenho contas pra acertar com a Mirella! *sacando a espada*

Asuka: De jeito nenhum, ela deu um tiro na Thaysa-chan!

Mirella: Tenho certeza que você gostaria de enfrentar o Hassan-sama.

Asuka: Quem é Hassan? É comida de cachorro?

Mirella: É o homem mais forte de Israel!

Aya: É, Asuka, vai atrás do Hassan, deixa a Mirella comigo...

Mirella vai correndo de lado sem tirar os olhos de Aya que corria na mesma direção que ela com uma das espadas na mão.

Asuka: É bom esse tal de Ração ser forte! [Ta, peguei a piada da Nathy-chan, e daí? Ela deixa, não deixa?]

Junsho: Infelizmente, eu não vou deixar nenhum de vocês quatro passarem, eu estou em um nível completamente diferente da Mirella.

Han: Que cara arrogante!!

Soldado: J-Junsho-sama! Me ajuda! Eu fui capturado!

Junsho: Só os lixos são capturados, e lixos não merecem viver!

Junsho joga uma kunai na direção do rosto do soldado, mas Iago coloca a mão na frente da kunai, que perfura a mão dele.

Iago: Ele é meu informante, você não vai matar meu informante!!

Junsho some e aparece atrás de Akane, que estava atrás de todo mundo, Junsho tira uma espada pequena de ninja da cintura e ataca na direção da cabeça de Akane, mas Han entra na frente defendendo com duas kunais.

Han: Vai, Asuka-senpai, Akane-chan, Iago! Vão até o tão do Ração! Esse cara é meu!

Junsho: Você tem certeza de que quer me enfrentar sozinha?

Han: Tenho, eu sei que pode ser difícil, eu sei que tem riscos de eu morrer, eu vi nesse pouco tempo que você é um ninja habilidoso, mas eu não vou recuar, porque eu tenho a confiança dos meus amigos... e mesmo que eles queiram ficar pra me ajudar, eu vou te enfrentar sozinha e provar que eu sou capaz de muito mais... não é mesmo pessoal?....... Pessoal? *olha pra trás e já estavam todos lá na puta que pariu* NEM OUVIRAM MEU DISCURSO?!?!

Junsho: Vocês são patéticos!

Junsho ia atacar Han, mas Han abre os braços, expondo uma par de fio cortante que estava amarrados do chão até os dedos de Han [não, não cortava os dedos dela porque ela usava um protetor]. Junsho corta os fios com uma kunai, Han pula bem alto após isso, Junsho se prepara pra pular, mas explosivos que Han tinha deixado lá explodem, levantando uma nuvem de fumaça, Han posa bem longe dali.

Han: Nível maior que a Mirella? Acho que não... isso foi muito fácil...

Junsho: *do lado direito da Han* Não vai ser tão fácil assim...

Junsho2: *do lado esquerdo da Han* Nem um pouco fácil...

Junsho3: *atrás da Han* É possível que você morra...

Junsho4: *saindo do meio da fumaça* Será que você descobre qual é o original?

Han: Bu-... Bunshin no jutsu...!!

Do meio da fumaça da explosão saem mais uns quatro Junsho’s, todos eles atacam Han simultaneamente. [gostou do vocábulo?].

-----------------------------

Naomi: ...Então, foi assim que o Hassan-sama ganhou tanto poder...

Bia: Então ele conhecia o Norris-sama desde muito tempo!

Naomi: Aham, e ele busca poder pra conseguir vingança...

Bia: Nossa que cara idiota! E por causa disse ele quer destruir Israel e Palestina?

Naomi: É, segundo ele, ele quer acabar com as guerras, com a fome, com a pobreza e com a violência...

Bia: Acabar com a fome, com a pobreza e a violência? Eu não quero ser pessimista, mas... é impossível!

Naomi: Na verdade ele tem um plano muito simples que vai acabar com a fome e com a pobreza e com a violência... que é matar todos os pobres e os famintos e destruir os presídios de todo o mundo...

Bia: O-o que?! Como isso vai acabar com a fome, pobreza e violência?

Naomi: Pensa bem, se não tem famintos no mundo então não tem fome, se não tem pobres no mundo então não tem pobreza, se não tem gente guerreando no mundo então não tem guerras, se destruir os presídios e matar os presos, os crimes reduzem ao máximo... esse é o mundo de paz que o Hassan-sama quer...

Bia: Naomi-chan! Me manda pra esse Hassan agora! Vamos derrotar ele com as nossas próprias mãos!

Naomi: T-ta bom, com você eu fico mais tranquila... Sobe nas minhas costas.

Bia o faz e Naomi pula dentro da água, a filha de Poseidon pega impulso e sai igual um torpedo [Um torpedo real, não aquela mensagem de celular], indo muito rápido

Bia: WEEEEEEEEEEEEEE!! Desse jeito é mais rápido! E mais divertido!

Naomi: Olha a onda!!

Bia: WEEEEEEEEEEEEEEE!! Mãe! Sem as mãos! *levanta os braços*

Leandro: *vê as meninas passando pelo mar*...

Mr. P: *concertando os propulsores a jato* ♪Cha-la... head cha-la! Não importa o que aconteça seeempreee... tenho a força e o podeeeeer!♪

Leandro: Ow, Mr. P, não tem como ir mais rápido com isso? Estamos atrasados!

Mr. P: Calma, Vegeta-sama, isso é um processo complicado, mas já to acabando... Depois você me mostra o Kamehameha?

Leandro: Já falei que te mostro, mas to sem ki agora, como você achou que eu tava fazendo alquimia? Com ki! Só termina seu serviço aí!

Mr. P: Ok... *continuando* ...Mas sabe, acabei de lembrar de uma coisa... o Vegeta não fazia o Kamehameha...

Leandro: C-como assim? *suando*

Mr. P: Ele fazia o Big Bang Attack!

Leandro: D-deixe de ser insolente, verme!! Eu sou Vegeta-sama, prícipe do planeta Vegeta! Sei quase todas as técnicas de ki, inclusive o kamehameha!

Mr. P: M-me perdoe, Vegeta-sama!! *continua trabalhando*

----------------------------

Jack Sparrow+Todos os piratas: ♪Nós estamos todos bêbados, bêbados de cair! E todos que não estiverem bêbados, dêem o fora daqui!♪

Karol: *cara de “que merda que eu me enfiei”*

Jack Sparrow: ♪O teto de ferro fodido, sol direto na chapa, tudo já resolvido com duas garrafas de Grappa...♪

Karol: Com licença, Seu Sparrow, isso não vai mais rápido?

Jack Sparrow: *já bebaço* Ezze é o mázimo desse navio pirata! Maz é meu navio... favurito! *abraça o leme encochando e beijando*

Todos os piratas: WHOOOOOOOOOOO!!! *enchendo a cara*

Pirata1: Ow gatinha! Vamo lá pro fundo do navio dá um cutuco! Hahahahaha!

Karol: Eu só não te mato porque eu vou precisar de você depois! *enchendo a cara de cerveja*



CONTINUA... hic!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nekiba
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 2492
Pontos : 3690
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 24
Localização : No pico do Himalaia

MensagemAssunto: Capítulo 103: Aya VS Mirella! Han VS Junsho!   Dom Jul 03, 2011 10:20 am

Capítulo 103: Aya VS Mirella! Han VS Junsho!


Aya corria pra dentro de um prédio abandonado, um prédio caindo aos pedaços, de uns 7 andares apenas.

Aya: (pensa) Droga, essa Mirella é rápida, como ela conseguiu entrar aqui?

Aya anda mais um pouco por dentro desse prédio condenado, andando devagar pra tentar ouvir alguma coisa de Mirella que tinha entrado nesse prédio.

Aya: Mirella!... Cadê você?!... Não foge!!

Mirella aparece em um buraco no teto e começa a atirar com uma submetralhadora em Aya, que só corria e se defendia com a espada e se refugia pela escada, subindo naquele andar onde estava Mirella.

Aya: Por que ta fugindo, Mirella?

Mirella: Eu não estou fugindo, só te arrastei até a minha armadilha, e você acabou de morder a isca.

Mirella dá um tiro no teto, fazendo cair parte do mesmo em cima de Aya, a mestiça [agora não é mais japa, é mestiça!] corta aquele pedaço do teto com a espada, mas ao mesmo tempo Mirella pula nas duas partes desse teto caído, pegando impulso até o andar de cima.

Aya: Até quando vai ficar fugindo?!

Aya ouve mais uns barulhos de tiros e de concreto quebrando, e deduz que Mirella subiu mais um andar.

Aya: Ela vai me fazer subir até o ultimo andar? Ta certo, Mirella, eu vou morder a sua isca!

Aya vai subindo as escadas e ouvindo barulhos de tiro, mas na escada do sétimo andar, Mirella desce do teto virando um chute em Aya fazendo-a derrubar a espada até os andares de baixo e se apoiar no corrimão que já estava podre.

Aya: P-porra!

Mirella pega a cabeça de Aya e bate na parede fazendo um buraco até o outro lado, Aya segura a mão de Mirella e pula com os dois pés no rosto de Mirella, só assim pra ela soltar a mestiça.

Aya aproveita e dá uma cotovelada na barriga de Mirella, mas a judia segura o braço de Aya, torcendo até quase quebrar, Aya solta um grito de dor e dá três cabeçadas em Mirella até se soltar.

Aya: *quase caindo da escada*...

Mirella: *limpa o sangue do nariz* Pega a sua outra espada... eu sei que você luta melhor com ela.

Aya: Pra te vencer eu posso fazer isso com as mãos nuas!

Aya finge que dá uma de direita, mas da uma de esquerda, mas como essa já é velha Mirella percebe e se defende com o braço e revida com um de direita no meio da cara de Aya, fazendo ela cair e rolar alguns degraus abaixo.

Mirella: Ainda não percebeu que luta mano-a-mano não é o seu forte? Você precisa da sua espada.

Aya se levanta, limpa o sangue no canto da boca e bate na roupa tirando o pó, o olhar de Aya era frio, um olhar com sede de sangue, mas Mirella já viu muitos desses na sua vida, por isso não se intimidou.

Aya: *saca a espada* Você vai se arrepender de me fazer sacar a espada.

Mirella pega uma pistola e dá um tiro em Aya, mas a mestiça corta a bala ao meio, mas um pedaço da bala passa de raspão pelo rosto de Aya, mesmo assim ela avança em Mirella, tentando um corte no pescoço, mas Mirella esquiva igual o Neo do Matrix, dá um chute no braço dela, e sobe para o piso do sétimo andar.

O lugar parecia mais um estacionamento abandonado, com só alguns muros beixos em volta do lugar, que já estava caindo aos pedaços, não tinha teto, já tinha sido destruído na guerra, e os pilares estavam pela metade e quebrados.

Mirella: É só questão de tempo até a nossa batalha derrubar esse prédio por completo...

Aya: Então por que você nos trouxe pra cá?

Mirella: É como um jogo, entende? Você precisa me derrotar antes desse prédio ser destruído pela nossa luta, e eu não pego leve, e sei que você também não pega leve, uma luta como a nossa destruiria esse prédio caindo aos pedaços. Assim que uma derrotar a outra precisa sair daqui antes que desmorone, enquanto a outra...

Aya: Fica aqui e é soterrada pelos escombros do prédio...

Mirella: Exatamente...

As duas começam a se encarar e vão andando em volta daquele piso sem tirar os olhos uma da outra, até que Aya reage e vai pra cima de Mirella, a israelita mira com a pistola em Aya, mas a mestiça da um pulo e desce com a espada na cabeça de Mirella, mas a que estava em baixo corre esquivando do corte, corte que cortaram um pedaço dos muros que as protegiam de cair, e ainda fez um corte no chão.

Mirella: Encurtando a vida desse prédio?

Aya: Me diz, Mirella, por que atirou na Thaysa?

Mirella: Fiquei sabendo que ela está viva, infelizmente meu tiro não foi muito bom.

Aya: Não, você evitou a morte dela de propósito, uma atiradora como você não erraria um tiro, você evitou algum ponto vital dela pra deixa-la viva. E você poderia ter me matado ali na escada agora a pouco, mas não o fez. Por que?

Mirella não diz uma palavra, só encara Aya com aquele olhar seco e frio de um soldado. E no meio do silêncio, um pedaço daquele piso, onde Aya tinha cortado, se quebra e cai, e vai caindo mais uns pedaços daquele canto quebrado.

Mirella: Devia se preocupar em me derrotar, Aya, antes que esse prédio desmorone e nós duas sejamos soterradas nos escombros até a morte.

Aya: Você não quis matar a Thaysa em Dubai, você não quis me matar na escada agora a pouco, isso porque os nossos laços com você são muito fortes para serem quebrados-

Mirella: Aya, me enfrente logo de uma vez!

Aya: E você ainda pensa na gente como a sua família! Mas para proteger a mim, a Thaysa e a Geh dos seus superiores você se fez de vilã-

Mirella: Cale-se e lute comigo, Aya!!

Aya: Por que não simplesmente pediu a nossa ajuda? Eu posso não me dar muito bem com você, Mirella, mas você é importante para as pessoas que eu amo, por isso eu não pensaria duas vezes em lutar do seu lado, em matar aqueles que querem a sua morte, porque você é minha família... Mirella...

Mirella continua com a cabeça baixa, com sombras cobrindo os olhos e não diz nada por alguns segundos.

Mirella: Você espera que eu páre de lutar e dê as mãos com você, e juntas voltamos pra Champz cantando Kumbaiá My Lord?

Aya: *se posiciona pra lutar* Não... eu ainda tenho que acertar as contas com você... *avança em Mirella*

-----------------------------

Han estava sendo chutada de um lado para o outro como uma bola de vôlei pelos vários Junsho’s multiplicados pelo Bunshin no Jutsu [e eu não copiei Naruto nessa!! O Bunshin no Jutsu é uma técnica comum de qualquer ninja!]

Junsho1: E quanto aquele discurso? *chuta Han pra outro Junsho*

Junsho2: Não iria me derrotar? *idem Junsho1*

Junsho3: Não ia ficar mais forte? *idem*

Junsho4: Está sendo patética! *chuta ela pro chão*

Han: Uuhh... uhh... *tentando se levantar toda ensanguentada* (pensa) C-caralho... como o soco dele arde tanto? Parece que minha pele é rasgada a cada golpe que eu levo!

Han ficava no chão gemendo e tentando levantar, ela estava muito machucada, enquanto Junsho estava normal. Os Junsho’s somem restando apenas um, o original.

Junsho: Não percebe que você não pode vencer alguém do clã Fuma?

Han: Errado... você já caiu na minha armadilha, Junsho Cigarro!

Spoiler:
 

Han levanta puxando os fios que estavam enrolados em Junsho por todo o corpo.

Junsho: O que é isso? Foi enquanto eu estava brincando de vôlei com você?

Han: Aham, eu enrolei todos os seus clones, pelo menos um deles teria que ser você!

Junsho: Mas mesmo assim, não irá me vencer!

Han: Ah é? Basta eu puxar esses fios!

Han puxa todos os fios com toda força, uma pessoa normal seria cortada tão profundamente que perderia o movimento de alguns membros, mas no caso de Junsho, os fios rasparam na sua pele saindo até faisca.

Han: O QUE?!

Junsho enrola os fios nas próprias mãos e puxa Han para si, dá uma cabeçada nela, fazendo Han sangrar muito na parte onde foi atingida, o ninja chuta Han, estourando os fios da sua mão.

Junsho: Inútil! Ainda se considera do clã Inathi?

Han: *com a mão na testa sangrando muito* Aaaargh...!! Arde!!

Junsho: Deve estar se perguntando o porquê dos meus golpes rasgarem a sua pele, não é?

Han: Na verdade não, mas pode falar.

Junsho: Minha pele é diferente de qualquer outra pessoa, ninguém do meu clã tem essa técnica... Minha pele é feita de pequenas farpas de aço afiadas, tão minúsculas que é quase impossível se ver a olho nu, por isso toda vez que eu te acerto, essas farpas de aço rasgam a sua pele.

Han: Bom, então eu acho que também não vou poder te acertar sem me machucar?

Junsho: Exatamente, por isso você nunca irá me vencer, e dentre todos os subordinados do Hassan-sama, eu sou o mais forte entre eles!

Junsho some e aparece bem na frente de Han e começa a distribuir socos e chutes por todo seu corpo, e a tortura com seus golpes durante alguns minutos, até Han ficar quase que coberta de vermelho com o próprio sangue e com as roupas quase rasgadas por inteiras.

Han: *capengando* Uhh... uhh...

Junsho: Isso porque eu nem comecei a usar as técnicas do clã Fuma. Oni Tessen! [Leque do demônio, ou alguma coisa assim, se não for foda-se também!]

As farpas no punho de Junsho aumentam de tamanho, ficando em forma de leque com as pontas afiadas, e com esse leque, Junsho dá um soco na barriga de Han, fazendo o leque afiado entrar na barriga dela.

Han: Buukkhaagh!! *cospe sangue bagarai*

Junsho: Desista em quanto pode, Inathi! *socando mais algumas vezes*

Han: AARGH!! AAAHKK!!

Junsho: Agora emplore por sua vida! *soca outra vez* E aceite morrer de forma deplorável, para acabar de vez com o clã Inathi!

Junsho ia socar Han outra vez, mas Han coloca a mão na frente, e as farpas perfuram sua mão, transpassando.

Junsho: E-estúpida! Você está se machucando a si mesma!

Han: Eu não me emporto... em ser socada... pisoteada... ou chutada... mas nunca me peça pra desistir!

Han segura o rosto de Junsho com força, mesmo com as farpas rasgando a pele de sua mão, e enfia a cabeça do ninja no chão, rachando o solo, e ela ainda tira a mão do leque e sai dali correndo.

Junsho: *levantando* Sua...!!

Junsho olha para baixo e vê pelo menos quatro explosivos em sua volta, antes que ele pudesse escapar, os explosivos explodem levantando uma nuvem de fumaça e fogo, jogando Han para ainda mais longe.

Han: *sai capotando* Aahk! Ahh!

Ela continua caída ofegante no chão, mas estava confiante na vitória, já que ela explodiu uma porrada de explosivos em volta do oponente, qualquer ser humano morreria, mas ela esqueceu de que Junsho Fuma não era humano, e sim, um shinobi.

Han: Hehe... eu derrotei... o capanga mais forte do Ração... haha... a Asuka-senpai vai ficar orgulhosa de mim...!

Mas no pico daquela nuvem de fumaça, Junsho sai pulando igual um macaco, sua pele estava rachando, tinha quebrado algumas farpas, suas roupas estavam rasgadas, ele estava sem o seu cachecol que cobria a boca, agora Han via a boca exposta de Junsho, que era na verdade uma boca monstruosa, sem os lábios, só os dentes demoníacos expostos, tipo aquela do Greed do Fullmetal Alchemist, mas a do Junsho era permanente, porque tipo, se você pensar bem nem é possível falar com uma boca daquelas, você precisa dos lábios pra formar palavras, não tem como ter uma boca daquela, entende? É muito irreal, não tem muita lógica, tipo, eu nunca fiz uma autópsia, mas não tem como arrancar os lábios de uma pessoa, tem?

Han: M-mas... como?!

Junsho: *com olhar assassino pra Han* !!



CONTINUA...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nekiba
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 2492
Pontos : 3690
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 24
Localização : No pico do Himalaia

MensagemAssunto: Capítulo 104: Dalila, the bitch!   Dom Jul 10, 2011 2:17 pm

Capítulo 104: Dalila, the bitch!


Naomi: *nadando a jato, com Bia nas costas* Já estamos chegando!

Bia: Nossa! Tem um monte de gente ali!! A gente vai ter que lutar contra esse exército pra passar? E o Ração?!

Naomi: Relaxa, eu to na água, minha especialidade, eu consigo pegar um pequeno impulso aqui...

Antes que Naomi e Bia chegassem na margem, uma onda enorme se forma em volta das duas, fechando e deixando as duas no meio de uma espécie de túnel de água.

Naomi: Segura firme!!

Naomi e Bia são lançadas por esse impulso d’água, e as duas saem voando passando por cima da guerra.

Lana: *olha pras duas* B-Bia-san!?

Preston: *idem* Bia! *com um sorrisão*

Criss: Kyaagh!! A otaku!! *se esconde atrás de um dos Gigantes*

Daniel: Mas que raios é aquilo?!

Bia: WEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE!!!!! *levanta os braços* NAOMI-CHAN, ISSO É MELHOR QUE O PLAYCENTER!!

----------------------------

Akane: Aaaahhh... aaahh... Asuka-sama... Iago-sama... to cansada!

Iago: *segura no pescoço do soldado* Ow! Você ta mesmo mandando a gente pro lado certo?!

Soldado: Eu disse que vocês não iam conseguir! É longe mesmo!

Asuka: Algum atalho?!

Soldado: B-bom... dizem que a base do Hassan-sama é subterrânea, como eu não sei o tamanho, pode ser tão grande que podemos estar em cima dela agora...

Iago: E VOCÊ SÓ FALA ISSO AGORA?!?!

Soldado: Vocês não perguntaram!!

Asuka: Ah é, como se fosse a coisa mais normal do mundo perguntar “Se a gente abrir um buraco no chão a gente chega lá?”

Iago: Boa idéia, aniki! Faz um buraco no chão!

Asuka começa a dar vários murros com toda força no chão, mas só aumentava um buraco que ela estava cavando.

Asuka: Acho que não tem nada aqui...

Mas o chão começa a rachar, a rachadura vai até os pés de Iago junto do soldado, o chão se quebra em baixo deles, e ambos caem à uns setenta metros de profundidade.

Iago/Soldado: KYAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHHH!!!

Asuka: NEE-NEE!!

Akane: IAGO-SAMA!!

Os dois caem até o fim, o lugar onde eles caíram era pequeno, parecia com um calabouço, mas era muito fundo até mesmo para Iago sair dali.

Iago: *levantando* Aaaaii... Porra, você não disse que a gente poderia ta em cima da base do Ração?!

Soldado: Eu disse que “poderia”! Mas eu nunca estive lá, só sei o caminho porque me falaram!!

Iago: Que porra de lugar é esse?!

Soldado: *quase chorando* Não seiiii... não gritaaaa!!

Iago: Droga, parece que não tem saída daqui...

Asuka: *de lá de cima* Neeeee-neeee... ta tudo bem aí?!

Iago: Aham! Eu vou tentar sair daqui, enquanto isso esse cara aqui vai guiar vocês até o lugar certo dessa vez.

Soldado: Eh? Eh? Como? Eu to aqui em baixo, se nem você consegue subir até lá como eu vou?

Iago: *sorriso malicioso*...

Soldado: E-eu não to gostando disso...

Iago: *pega o soldado pelos braços e começa a girar* PEGA ANIKIIIIIII!!! *lança o soldado*

Soldado: KYAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHHHHHHH!!!!!!!!!!

Asuka: *pega o soldado pela cueca, fazendo ele ficar de ponta cabeça com a bunda branca aparecendo* PEGUEI!! Credo, toma um sol nessa bunda...

Soldado: Aaaaaaaaaaah!! Socorro!! Minha bunda ta aparecendo!

Asuka: *puxa ele pra cima* Pronto...

Akane: Vai ficar tudo bem aí, Iago-sama?!

Iago: Vou ficar bem! Cara... acho que isso é karma... fiquei zuando tanto os mineiros que foram soterrados no Chile que isso voltou pra mim...

Asuka: A gente ta indo nee-nee, vê se encontra uma saída, ta?

Iago: Falow! Vão logo, não pode perder tempo!

Asuka: Ta certo! Vamos soldado bunda branca! Vamos Akane! *sai com Akane e o Bunda Branca*

Iago: Cacete... agora pra sair daqui... se eu destruir as paredes eu posso ser soterrado... e nessa profundidade eu não sei se eu vou poder sair...

Iago começa a ouvir alguma coisa atrás das paredes, como se você uma voz gemendo, a voz vai aumentando, parecia que pedia por socorro.

Iago: O que isso?! Tem alguém aí?!

???: *do outro lado da parede* O-olá... por favor... me ajuda... socorro!

Iago: (pensa) É uma voz de uma garota... eu preciso salva-la!! *pose de herói* Moça, fica calma! Eu vou te salvar!

???: *do outro lado da parede* Olha... eu to presa por correntes, mas tem uma passagem secreta por aí... tenta ver alguma parte oca nas paredes.

Iago: *coloca o ouvido na parede e vai batendo pra ver se tinha alguma parte oca* Hmmm... acho que achei!

Iago chuta aquela parte e uma porta secreta, entrando em uma sala que era outra espécie de calabouço. No meio da sala, tinha uma mulher de aparentemente 20 anos, cabelo vermelho cor de sangue, olhos verdes perolados, corpo escultural, seios fartos, rosto angelical, ela usava somente uma blusinha branca rasgada cobrindo só uma parte dos seios e também uma calcinha fio-dental. Ela estava presa por correntes em uma máquina de tortura medieval.

Iago: *cai o queixo* Uaaaaaaaaaaaau!!

???: Er... pode me ajudar, senhor?

Iago: Pode me chamar de Iago, e é claro que eu vou te ajudar!

Iago pega as correntes e usa toda força pra quebrar as correntes, até que ele consegue soltar a moça.

???: Se solta... ufa... nossa... você é muito forte, Senhor Iago...

Iago: *mostra o muqui... peraí, muqui o caralho, o braço dele parecia uma rocha!!* Hehe... eu treino muito sabia?

???: Hmmm... entendo... meu nome é Dalila.

Iago: Dalila, lindo nome!

Dalila: Então, senhor Iago, como eu posso retribuir por ter salvado a minha vida?

Iago: *passando a maõ no cabelo dela e olhando aquele corpo da moça* Não precisa, só de saber que a senhorita está a salva isso já é bom pra mim! *pisca*

Dalila: Vamos... não seja bobo... eu sei o que você quer... e eu posso te dar...

Dalila passa a mão no peitoral de Iago, em seguida tira a camisa que ele trajava, a moça salva continua passando a mão no corpo do rapaz e beijar seu pescoço.

Iago: Hmm... Esse é um ótimo modo de retribuir...

Dalila: Huhuhuhu... você é engraçado, gostei de você...

A moça puxa a nuca de Iago para si dando um beijo, tímido no começo, mas vai aumentando a intensidade conforme eles roçavam os lábios. Até que depois de algum tempo eles se afastam para buscar ar.

Dalila: E então...?

Iago: Uau... eu... *sente alguma coisa estranha, e não era tesão* Aaaagh!! Uuugh!

Dalila: Iago! O que foi...?! *sorriso malicioso*

Iago: Minha cabeça! Aaagh!

A visão de Iago começa a embaçar, ele começa a suar, o coração disparar, aquilo era muito diferente de tesão ou prazer, era dor, uma sensação estranha, como se seu corpo estivesse sendo pressionado e fosse ser esmagado.

Iago: O-o que ta acontecendo?! E-eu não consigo me mexer!! O que você fez?!

Dalila: Huhuhuhuhu! Você é engraçado... foi uma pena fazer isso com você, você é tão gatinho, a gente poderia ter se conhecido melhor...

Iago cai no chão sem conseguir se mexer, mas seu corpo tremia.

Dalila: Mas agora, você é...

Iago pára de tremer e seus olhos perdem o brilho, ele para de respirar, como se ele estivesse morto de olhos abertos.

Dalila: Meu brinquedinho...

Iago se levanta com aquele mesmo olhar morto, encarando Dalila.

Iago:...

Dalila: Vamos, meu brinquedinho... me leve até a sua priminha!

Dalila puxa uma escada do teto e começa a subir, Iago vai atrás dela sem dizer nada, mas a moça pára de subir, assim Iago também pára.

Dalila: Sabe, vai ser muito cansativo subir tudo isso, você vai ter que me carregar nas suas costas.

Iago:... *coloca Dalila nas suas costas e começa a subir carregando ela*...

Dalila: Isso... bom menino... *pega um radinho* Hassan-sama?

-------------------------

Hassan: *atende* Dalila? O que foi?

Dalila: Eu peguei um dos norrianos! Ele é meu brinquedinho agora!

Hassan: Isso é impressionante, Dalila! Sabia que seus poderes seriam ótimos para essa batalha...

Dalila: Então, depois que passarmos dessa missão nós podemos nos casar e eu posso colocar as minhas mãos na sua grana... digo, no seu corpo lindo, né?

Hassan: Sim, Dalila, você terá tudo que sempre quis ter, você será a minha deusa!

Dalila: S-sim! Hassan-sama!

Hassan: Me chame de... Bin.

Dalila: Sim, Bin! *desliga o rádio*

Hassan: Cohen...

Cohen: *roendo as unhas* Uh?

Hassan: Como a Dalila já se livrou de um dos norrianos, acho que você pode entrar na guerra agora.

Cohen: *levanta num pulo* SÉRIO?! Não vejo a hora! Não vejo a hora! Eu quero matar alguém!!

Hassan: Mas... daquele jeito que nós combinamos...

Cohen: Sim, Senhor! Devo ir para aquele mesmo lugar de antes?

Hassan: Vai!

Cohen: Sim! *pega uma par de arma* To indo! Hahahahahaha! Valew DALILA!!! *sai*

Hassan: Pronto... agora que eu me livrei desse infortúnio, eu vou colocar o meu plano em prática...


-----------------------------

Pirata: Capitão Jack Sparrow! Estamos chegando!

Jack Sparrow: *pega o binóculo* Deixa eu ver... Nossa... Ainda estamos muito longe...

Pirata: *vira o binóculo para o lado certo*

Jack Sparrow: Ah ta, agora eu vejo! [Já usei essa piada antes, mas foda-se] São muitos soldados!

Karol: Hmmm... já consigo sentir a presença da Asuka... E sentir o cheiro do suor dela... Hmmm *lambendo os dedos*

Todos os piratas+Jack Sparrow: *encurvados pra esconder a ereção*

Karol: Eu vou daqui mesmo! *sai voando*

Jack Sparrow: Ela pode voar?! Que mágico!!

Soldado qualquer: Tem piratas chegando!

Jack Sparrow: Fomos descobertos!! May day! May day!

Os piratas pulam do navio pirata indo em direção ao solo israelita, todos armados até os dentes, começa uma batalha de tiros entre o Exército israelita contra os piratas de Jack Sparrow... Digo, Capitão, Capitão Jack Sparrow.



CONTINUA...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nekiba
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 2492
Pontos : 3690
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 24
Localização : No pico do Himalaia

MensagemAssunto: Capítulo 105: A Morte de Mirella! Naomi VS Junsho!   Dom Jul 10, 2011 2:21 pm

Capítulo 105: A Morte de Mirella! Naomi VS Junsho!


Han: Ele... não morreu?!

Junsho aterrissa rachando o chão, e do nada aparece na frente de Han dando uma joelhada na boca dela, Han nem o viu chegando, o ninja já some e aparece atrás dela com um chute no pescoço, logo já aparece do lado com um soco no rosto, e assim Junsho foi brincando com Han, era tão rápido que ela não conseguia ver seus movimentos.

Han: (pensa enquanto apanha) O-outro Bunshin no Jutsu?!... Não... ele é um só agora... isso é a velocidade de um ninja?

Junsho se afasta depois de ter massacrado Han, agora a garota estava tonta de tanto apanhar, fora o sangue que escorria pelo seu corpo inteiro.

Han: Eu... não vou aguentar... *cai de joelhos*

Junsho: *vai andando em direção a ela*...Devia ter me ouvido antes e fugido... agora é tarde!!

Han: *começa a chorar* Asuka-senpai... me desculpa... me desculpa... *cobre o rosto com o braço direito* Eu vou perder essa... eu vou te decepcionar...

Han não era o tipo de pessoa de se abalar facilmente, ou ficar triste, muito menos de chorar, mas decepcionar a sua senpai era uma das piores coisas que podia acontecer para ela.

Junsho: *chuta o rosto dela* Agora é tarde para lamentar... só aceite a sua morte, Inathi! *faz um selo ninja* Shi no Kaze no Jutsu! [Alguma coisa como “Técnica do vento da morte”. Não tava com saco pra ficar pesquisando palavras em japonês]

Junsho faz um movimento com os braços criando uma lança em forma de vento em cada mão, essas lanças vão na direção de Han cortando o chão mesmo não encostando nele, mas antes que atingisse a Inathi, uma corrente d’água cai na frente de Han deixando Naomi e Bia na frente do jutsu, Bia pega a Atalia e rebate as lanças de vento, desfazendo-as.

Bia: O que você ta fazendo com a Han, seu corno?!

Han: B-Bia...-san?

Bia: Naomi-chan... esse é o Ração?

Naomi: Não, mas ele é perigoso... dentre os subordinados do Hassan-sama ele é o mais forte!

Junsho: Naomi... então você também vai trair a vontade de Hassan-sama?

Naomi: Junsho... Hassan nunca foi Deus! Nem nunca vai ser!

Junsho: Entendo... sabia que não podia confiar em você, Naomi, nem naquela Mirella!

Naomi: Bia, como filha de Apolo você deve ter o dom da cura, certo?

Bia: Tenho. Por que?

Naomi: Então, cuida da sua amiga, ela parece estar perdendo muito sangue. Deixa o Junsho comigo!!

Junsho: Você? Me enfrentando? Se é assim que quer morrer, traídora, então eu vou ter que te matar!

O ninja estende a mão para a filha de Poseidon, lançando várias farpas de aço afiado nela, mas Naomi já foi esperta criando várias camadas de água para diminuir a força da penetração das farpas, e já se afasta pois sabe a técnica de Junsho.

Enquanto isso, Bia vai cuidar da amiga machucada [e como tava machucada] Han estava caída no chão, coberta com o próprio sangue. Bia ajoelha do lado dela, tira a pulseira que reprime seu poder [a Bia ainda usa isso, lembrem-se] e vai colocando a mão sobre as feridas.

Bia: Fica calma, Han, você vai sentir um pouco de dor, mas logo passa. *começa a curar as feridas*

Han: Uuuugh! Aaaagh!! Aargh!!

Bia: Só fica calma, as feridas já estão fechando...

Han: Bia... Bia, por favor... não conta pra Asuka-senpai que eu perdi...

Bia: Er... tudo bem, Han, eu não vou contar pra ninguém...

Uma corrente d’água sai do chão em baixo de Naomi, mandando-a com impulso pra cima de Junsho com o punho cerrado no meio da fuça do infeliz, chegando a lança-lo longe com a força.

Naomi: *com a mão sangrando* Merda... tenho que tomar mais cuidado com isso...

[Você deve estar se perguntando: “Mas, uai, a Naomi não lutava só na água?” Quem disse que ela luta só na água? A especialidade dela é na água, porque se você não sabe, o solo tem água infiltrada também, a água penetra no solo, a Naomi só ta tirando a água de lá... Bad Girl também é cultura!]

--------------------------------------

Aya ataca Mirella com a espada, a israelense [meu irmão me falou que não é israelita, é israelense, já arrumei] se defende com duas submetralhadoras, e empurra o cano das armas na frente do rosto de Aya [não pensem besteira], com medo de ser fuzilada na cara, Aya abaixa e dá uma rasteira na mais alta, que se apoia na mão esquerda e já vira uma voadora giratória na mestiça [ela é mestiça de japones com japonesa... é mestiça ué] Aya leva três chutes na cara, mas continua de pé e passa a espada na perna de Mirella, mas acaba acertando uma faca amarrada naquele lugar. As duas se afastam para se prepararem.

Mirella: *ofegante* Aaaahhh... aaahhh...

Aya: *idem* Aaaahhh... aaaahhh... sortuda...

Outras partes do prédio começam a rachar, já estava quase destruído por completo, várias rachaduras fundas no chão, os pilares em baixo já estavam se partindo.

Mirella: Nossa luta chegou em um ponto que só de estarmos nesse prédio encurta a vida dele.

Aya: Hehe... significa que somos fodas...

Mirella: Pena que uma de nós vai morrer, eu realmente gostaria de te conhecer melhor, Aya...

Aya: Eu também queria saber mais sobre você... sabe, em todos esses meses morando com você, eu sinto que só agora, lutando, nós estamos nos entendendo...

Mirella: *sorri* Eu penso o mesmo, mas, uma de nós vai morrer hoje!

Mirella saca a submetralhadora e começa a atirar na direção de Aya, que corre em volta no piso do prédio, as balas iam destruindo o lugar volta, Aya avança em Mirella ricocheteando as balas com a espada e ainda corta a israelense na barriga.

Mirella: Aaaaaargh!! *cuspindo sangue*

Aya ataca Mirella com a espada, mas a mais alta se defende com uma faca enquanto com a outra mão tentava estancar o sangue que saía da barriga. Mirella chuta Aya com os dois pés e se afasta, o mais rápido possível, ela rasga um pedaço da roupa e amarra em volta do corte para estancar o sangue, mas continuava sangrando muito.



O prédio começa a tremer mais do que antes, em volta de todo o prédio começa a rachar, misturando com outras rachaduras, e mais partes do prédio começam a cair.

Mirella: Aya... por que você não vai? O prédio vai desmoronar, você precisa voltar pra Thaysa e pra Geh.

Aya: Desculpa Mirella, mas você vai ter que vir junto, eu não saio daqui sem você!

Os muros caem, o chão racha, o prédio treme e nenhuma das duas queria desisitir primeiro.

Mirella: Rápido, Aya! Me deixa aqui pra morrer! A Thaysa precisa de você!

Aya: Você planejava isso desde o começo né? Fingir que mata a Thaysa, fugir e se fazer de vilã e morrer aqui. *guarda a espada na bainha* Eu também já pensei em morrer, em abandonar a vida, pra quê continuar vivendo se todos te odeiam? Pra quê viver se você deveria estar morta?

O prédio continuava rachando cada vez mais, tremendo cada vez mais, não dou mais dois minutos pra esse prédio, vamo bater uma aposta?

Aya: Mas, eu conheci pessoas que me estenderam a mão, pessoas que não ligavam para o meu passado sanguinário, e eu também não ligo para o seu passado, e você também não precisa ligar pro meu passado! Só volta pra casa comigo pra gente poder brigar e discutir de novo!

O prédio racha no meio e dá um tranco, as duas que lutavam caem no chão e o prédio começa a diminuir, já quebrando, mas Aya se levanta e se aproxima de Mirella, estendendo a mão para a mesma, Mirella desiste e segura a mão de Aya.

Mirella: *sorri* Desculpa Aya, mas quem tem que ir é você...

A israelense segura firme no braço de Aya e joga a mestiça de lá de cima, na mesma hora o prédio se parte e começa a desmoronar, mesmo assim Aya vê Mirella sorrir inocentemente enquanto entrava no meio dos pedregulhos do prédio.

Aya só assistia a cena espantada enquanto caía de lá de cima, mas como tava em slow motion pra dar mais emoção, deu tempo de ela pensar.

Aya: (pensa) Mas... por que...? Estávamos tão perto... Estávamos nos entendendo... mas você preferiu morrer e me deixar viva...

Aya continuava caindo e vendo aquele prédio desmoronar na frente dela.

Aya: (pensa) Mas... você calculou errado... cair do sétimo andar de um prédio, com todas as feridas no meu corpo, é fatal até pra mim... acho que você não contava que eu ia ser tão teimosa a ponto de ficar no prédio até a ultima hora... É, Mirella... acho que nós duas vamos morrer mesmo, talvez quem sabe nos encontremos na pós vida...

Aya fecha os olhos e abre os braços com um sorriso inocente no rosto, aceitando sua morte assim como Mirella aceitou, mas logo ela se sente como se estivesse flutuando, era uma sensação boa.

Aya: (pensa) Já morri...? Foi tão tranquilo assim...? Eu to no paraíso...? *abre os olhos e vê Karol voando com ela no colo* !!!

Karol: Fala Aya!!

Aya: VOCÊ?! SEU DEMÔNIO! EU DEVO TER IDO PARA O INFERNO!!

Karol: Pára de gritar! Ou eu te jogo daqui de cima!

Aya: E-eu to viva?! Eu não morri?!

Karol: Infelizmente não, eu te salvei, você ia rachar a cabeça caindo dessa altura.

Aya:... *com cara de cú*

Karol: Nem “obrigada” vai falar?!

Aya: Da onde você...?! M-me põe no chão! Eu não preciso que alguém como você me salve!!

Karol: Basta você dizer “obrigada, Karol, por salvar a minha vida”!

Aya: NÃO!! Eu não quero ficar em dívida com você! É humilhante! Por que...?! Já sei! Você me salvou porque quer me estuprar! Me larga!!

Karol: Aff... que nojo! Eu posso ser bi, mas eu ainda gosto mais de homem do que de mulher, e mesmo assim, entre todas as meninas dessa fic você é a única que não me atrai nem um pouco!

Aya: Sua...!! A Mirella!! Volta! A gente tem que ajudar ela!

Karol: A menina da cicatriz? Você tava lutando com ela? Aposto que você apanhou igual mulher de malandro!

Aya: Só volta, criatura!!

Karol, ainda carregando Aya, da meia volta indo na direção do prédio desmoronado, as duas descem e Aya já corre para o meio dos escombros procurando por Mirella.

Aya: *levantando umas pedras* Mirella!! Cadê você?! Responde!!

Karol: Acho que ela já morreu, não adianta procurar...

Aya: Cala a boca! Ainda da pra salvar ela se a gente encontrar!

Alguns pedregulhos se mexem perto delas, logo depois um gemido, Aya encontra Mirella tentando sair dos escombros, mas sua perna e braço esquerdos estavam soterrados. A israelense estava completamente ensanguentada, suja com os pedregulhos, completamente acabada.

Aya: Mirella! *vai até ela*

Karol: *vai até ela, mas bem mais despreocupada*...

Aya: *ajoelha do lado de Mirella* Hey, Mirella... você... não ta morta!

Mirella: É... a-ainda não... *cospe sangue*

Aya: Não fala nada! A gente vai te ajudar!

Mirella: Espera... aaagh!

Mirella com muita dificuldade tenta levantar a pedra no braço soterrado, Aya ajuda ela, pois a pedra era pesada, e em baixo dessa pedra, Mirella segurava a espada que Aya tinha deixado cair no começo da luta.

Mirella: V-você... esqueceu... a sua espada... a espada do shinsengumi... hehe... é uma espada muito legal, cuide bem dela...

Aya: T-ta! Mas agora fica quieta! A gente vai te levar até a Bia ou a Akane-chan! E você-

Mirella: Não... não da mais pra mim... *cospe sangue* Coogh!! É questão de tempo até eu perder todo o sangue do meu corpo... acho que... eu finalmente vou me encontrar com o Punk... eu estava sentindo falta dele... mas saber que você está viva já me deixa feliz...

Aya: NÃO! Você vai voltar pra casa comigo! Pra gente poder brigar até encher o saco da Thaysa!!

Mirella: C-cuide bem da Thaysa... amigas assim não se encontra em todo lugar... *cuspindo mais sangue* Cogh! Cogh!!

Aya: *segurando o choro* Cala a merda da boca! Você não vai morrer! Mirella!!

Mirella já ia fechando os olhos, sua respiração, que já estava ruim, ia diminuindo, não restava mais muito tempo para Mirella. Mas Aya tem uma lembrança que poderia ser a salvação.

---------------------flashback on------------------------------

Karol: Acho que o Iago só precisa de um incentivo a mais.

Leandro: O que é?

Karol: *pega Bia e vai morder o pescoço dela*

Asuka: *puxa Karol* Wowowowowow!! O que você vai fazer?!

Karol: Me solta, eu sei o que eu to fazendo! *pega Bia de novo* Tooka Kookan! *morde o pescoço de Bia*

Leandro: Tooka Kookan? Troca equivalente?

Quando Karol termina de morder o pescoço de Bia, é Karol que cai no chão inconsciente e Bia acorda.

--------------------flashback off----------------------------

Aya: *agarra na gola da camisa de Karol* Karol! Você é a nossa salvação!

Karol: Ein?

Aya: Aquele negócio que você faz, aquilo que você fez quando a gente tava na Itália, aí você mordeu o pescoço da Bia e ressucitou ela! Faz isso com a Mirella!

Karol: Wow! Eu só fiz isso com a Bia porque ela era imortal então nenhuma de nós ia morrer... eu só dei um gás na Bia, agora com a Mirella, ainda nesse estado, vai saber o que pode acontecer comigo! Eu nunca usei o Tooka Kookan em um mortal!

Aya: Por favor! Eu fico em dívida com você!

Karol: Você já está em dívida comigo Aya, eu acabei de salvar a sua vida!

Aya: Por favor! Eu to implorando! Eu nunca achei que eu iria implorar alguma coisa pra você! Eu sei que você não gosta de mim, ainda não consegui entender por que raios você me salvou, mas se não fizer isso por mim, faz pela Thaysa! Imagina o que ela não vai sofrer se perder um membro da família...

Karol:...

Aya: Por favor...

Karol: Ah... ta bom, mas é bom eu estar acordada pra lutar com alguém, se não eu te mato pra tirar sua dívida!

Karol ajoelha do lado de Mirella e começa a limpar o sangue no pescoço de Mirella, Karol sempre gosta de sangue, mas naquele caso o sangue estava sujo de pó do prédio, não era muito apetitoso pra Karol.

Karol: Tooka Kookan... *morde o pescoço de Mirella*

Mirella: Uhh... uh...




CONTINUA...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nekiba
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 2492
Pontos : 3690
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 24
Localização : No pico do Himalaia

MensagemAssunto: Capítulo 106: Akane em perigo! Bia e Naomi VS Junsho!   Dom Jul 10, 2011 2:26 pm

Capítulo 106: Akane em perigo! Bia e Naomi VS Junsho!


Depois de tudo aquilo, Karol voava baixo procurando alguma coisa, mas ela ainda não tinha parado de pensar na Mirella.

Karol: (pensando) Esse povo é dificil de se lidar, mas, eu realmente espero que a Mirella se recupere...

-------------------flashback on------------------------

Karol: *termina de morder o pescoço de Mirella e quase cai* Uhhg!...

Aya: E aí? Ela ainda não acordou!

Karol: Cala a boca! *tentando levantar* Eu fiz a minha parte, agora o resto é com ela, vai depender da vontade de viver da Mirella.

Aya: Mas a Bia acordou e você desmaiou lembra? Por que o mesmo-

Karol: Tem uma enorme diferença, a Bia é imortal, a Mirella não! E ela só vai sobreviver se quiser, porque eu vi que ela tentou morrer pra te salvar, e eu não vou dar a minha vida pra quem não quer viver. *levanta*

Aya:...

Karol: Você não vem?

Aya: *senta do lado de Mirella* Nah... já lutei contra o exército, a marinha, os cachorrões, os gigantes e agora com a Mirella... isso é cansativo até pra mim...

Karol: Heh... Falou... *sai voando*

---------------------flashback off---------------------

Karol: Tenha força de vontade, Mirella, força de vontade!

-------------------------------

Bob: *cai morto*

Preston: Porra, esse era durão... *olha para o exército lutando com os piratas* Parece que chegaram reforços... ou não.

Lana: *ofegante* Aahh... aahh... Terminei...

Kuroda: Huuuu... *cai no chão*

Lana: Me parece que eu vi a Karol-san vindo com esses piratas.

Preston: Ah, então eles devem ser aliados! Vamos, porra!

Mas a luta de Wagner ainda estava de pé, mas Wagner se mexia muito mais que Tohh, então estava mais ofegante e cansado.

Tohh: Hehe... Achou que poderia me vencer? Devia ter deixado a garota morrer!

Wagner: Aaaah... ahh... aahh...

Tohh: Prepare-se para morrer, seu lixo!! *ouve alguma coisa* Uh?

Wagner e Tohh ouvem alguma coisa, como se fosse alguém gritando, o grito era baixo e ia ficando alto.

Tohh: Quem me incomoda no momento que eu vou matar alguém? *olha pra trás* Ein?

Thaysa: *dirigindo um carro* WAG-CHAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAANN!!!

Wagner: T-Thaysa?!

Thaysa coloca um tijolo no acelerador e sobe no teto do carro, da um mortal para trás se afastando bastante do carro e da um tiro bem na entrada do tanque de gasolina assim que o carro chega perto de Tohh, explodindo o carro no gigante.

Tohh: *cai todo queimado*

Wagner: *tambem caído no chão* D-droga, Thaysa! Avisa quando for fazer essas coisas à la Tomb Raider!

Thaysa: Desculpa Wag-chan... *coloca a mão na barriga* U-uhg!

Wagner: Tudo bem?!

Thaysa: Tudo bem, é que eu levei um tiro.

Wagner: Eu fiquei sabendo, e como você veio parar aqui?

Thaysa: Peguei um avião, quando cheguei aqui peguei um carro de um civil mostrando meu distintivo da polícia, depois e vi você perdendo pra esse grandão e resolvi te ajudar.

Wagner: Será que ninguém me deixa ter uma luta decente nessa fic sem interromper? Bom, tanto faz, você não devia ter vindo, todo mundo já ta aqui dando conta de tudo, sua ferida pode abrir.

Thaysa: Mas eu tinha que vir pessoalmente atrás da Mirella.

Wagner: Já deve ser tarde, a Asuka e mais uma negadinha aí foram atrás dela. E a propósito, cadê a Geh?

Thaysa: Alguém tinha que voltar pra Champz pra pegar a casa...

-------------------------------------

Phallus, Champz.

A equipe do Extreme Makeover tinha terminado a casa, e estavam todos atrás daquele onibus junto com Geh, e ainda tinha a vizinhança atrás [quem já viu Extreme Makeover sabe].

Ty: *no megafone* Pronta pra ver a sua nova casa, Geh Agarelliiiiiiiiiii!?!?!?

Geh: Por que você ta gritando em um megafone? Eu to do seu lado...

Michael: Relaxa, bicha, é assim sempre...

Ty: Então, se você está pronta... *no megafone*

Todos: MOVE THAT BUS!!

Onibus: *sai* [Onibus não tem mais acento, né? Ou tem?]

Spoiler:
 

Todos – Geh: UHUUUUUUUUUUUUUUUUU!!!

Ty: Olha só a sua nova casa Geh!

Geh: Legal.

Ty: É incrível né?! Uhuuuuuuuuu!!

Geh: É.

Ed: Ela é linda não é?

Geh: Aham.
[Pode não parecer, mas esta garota está pulando de alegria por dentro]

Miwa: Kyaaaaaaa~ a nova casa da Thaysa-chan e da Geh-chan é tão bonita!

Kyo: Que diferença faz, vamos morrer logo mesmo...

Juh: Nhaa não me lembra, bofe... T_T

-----------------------------

Wagner: Ah, entendi...

Thaysa: Se você ta aqui não deve ter vindo sozinho. Quem veio com você?

Wagner: A Bia e o Leandro ficaram no meio do mar. Eu, a Lana-chan, a Hani-san, a Tsuki, o Preston e o Criss ficaram aqui pra enfrentar esses grandões e o Exército nas margens. A Asuka, o Iago, a Han, a Akane-chan e a Aya foram na frente.

Thaysa: Eu vou seguir a Asu-chan.

Wagner: Não, Thaysa! Você levou um tiro! É perigoso pra você!

Um soldado chega por trás de Wagner correndo apontando a arma na nuca do loiro, mas Thaysa dá um tiro na barriga do soldado antes que ele matasse Wagenr.

Thaysa: É perigoso pra mim?

Jack Sparrow aparece lá coberto com um pouco de sangue de lutar com soldados, sua espada também estava suja, mas ele parecia bem animado.

Jack Sparrow: A senhorita acaba de salvar a vida de um cavalheiro, você tem o meu respeito! *se curva*

Wagner: M-me sinto humilhado... E-eu vou mudar de fic...

Thaysa: Vocês não precisam da minha ajuda aqui, vocês tem o Preston-chan, o Criss-chan e uma tripulação pirata inteira do lado de vocês, eu vou seguir a Asu-chan!

Jack Sparrow: Na verdade, se me permite, parece que estamos com um pequeno problema... Cada vez que derrotamos um soldado, chegam cada vez mais, parecem formigas.

Joy: *aparece do nada* Na verdade, o Exército é muito forte pra ser derrotado!

Thaysa/Wagner/Jack: !!

Joy: Vocês só acham que derrotaram esses homens, mas na verdade eles se levantam quando caem, o desejo de proteger o país é maior do que tudo!

Jack Sparrow: Na verdade-

Joy: NÃO SUBESTIMEM O EXÉRCITO ISRAELENSE!!

Jack Sparrow: Não precisa gritar que eu não sou surdo!

----------------------------

Dalila: *montada nas costas de Iago* Vamos! Anda! Mais rápido!

Iago:... *sai correndo igual uma Lamborghini*

Dalila: KYAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH!!! MAIS DEVAGAR!! MAIS DEVAGAR!!

--------------------------

Akane: Asuka-sama, eu to com medo...

Asuka: Relaxa Akane-chan, provavelmente não tem mais nenhum inimigo, você só vai assistir eu quebrando aquele tal de Ração.

Soldado: Você? Derrotando o Ração?... Digo, Hassan-sama?

Asuka: *aperta mais o pescoço dele* Tem alguma coisa pra dizer?!

Soldado: N-NÃO! NÃO!!

Asuka: Ótimo, bom menino...

Soldado: Ah, sim, tenho uma coisa a dizer...

Asuka: Então desembucha!

Soldado: Seu sapato está desamarrado.

Asuka: Ah, valew, essa porra solta toda hora. *solta o soldado e abaixa pra amarrar o sapato* Espera... meu sapato não tem cadarços!

Soldado: *fugindo* Nunca vão me pegar vivo! Nunca!

Asuka: Filho da puta, me enganou!

Akane: *gota* V-você caiu num truque tão ridículo, Asuka-sama...

Asuka: Mas ele pensa que pode correr mais que eu, haha! Tadinho!

Soldado: NUNCA ME PEGARÃO VIVO!

Asuka: Vamos ver então!

Quando Asuka se prepara pra correr, o soldado sortudo da bunda branca pisa em cima de uma mina e explode, voou um pedaço de soldado pra cada lado.

Akane: KYAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHHHHH!!!! *cobre os olhos*

Asuka: Bom... vivo a gente não vai pegar ele mesmo...

Akane: E-e-e-eu vi... eu vi o braço dele indo a Norte... a perna indo a Leste...

???: NGAAAAHAHAHAHAHAHAHAHA! O Hassan-sama não precisa de soldados inúteis como esse daí!

Asuka: Quem é você?!

???: Meu nome é Cohen Schwartzman [Sim, ainda é o Cohen, só foi revelado o sobrenome dele] O servo mais fiel de Hassan-sama!

Asuka: Ah, ótimo, já que esse daí morreu, eu vou precisar de um novo guia pra me levar até o Ração.

Cohen: Não, não, não, não se mova! Esse lugar está cheio de minas, você não quer acabar como o sortudo ali, quer?

Asuka: Tsc... Akane-chan, não sai desse lugar, pode ser perigoso.

Antes que Asuka terminasse de falar, Cohen passa como um vulto do lado de Asuka, e ainda pega Akane pelo pescoço e sai pulando igual um macaco pelo campo minado carregando Akane.

Asuka: AKANE-CHAN!

Cohen: Não sai daí, Bad Girl! Sou eu quem tem um detector de minas, eu sei aonde pisar, agora você não sabe.

Asuka: Desgraçado!

Akane: Asuka-sama!

Cohen: Então, desculpa, Bad Girl, mas agora o assunto é com essa aqui... até mais!

O chão começa a abrir em baixo de Asuka, com medo de pisar em alguma mina ela não se mexe, mas acaba caindo dentro daquela passagem subterrânea, depois que ela cai o chão se fecha de novo.

---------------

Han: Aaaaagh!! Uuuugh!!

Bia: Fica calma, ok Han? *curando ela*

Junsho: Naomi, como traidora eu serei obrigado a te punir com a morte.

Naomi: Só se você conseguir!

Naomi envolve Junsho com uma parede d’água tão alta que ele não poderia sair dali pulando.

Junsho: *faz uns selos com as mãos* Fuu no Tate no Jutsu! [“Técnica do Escudo de Vento” ou alguma porra assim]

Uma barreira de vento ainda maior derruba toda água em cima de Naomi, Han e Bia.

Naomi: Droga! Bia, leva sua amiga pra mais longe! Essa luta vai começar a ficar foda!

Bia: E-entendi! *pega Han no colo e sai correndo*

Junsho: Bunshin no Justu!

Vários Junsho’s aparecem na frente de Naomi. Naomi estende as mãos na direção de Junsho com os dedos meio dobrados.

Naomi: Water Shotgun! [Shotgun de Água, ou 12 de Água, ou Punheteira de Água]

Dos cinco dedos de Naomi começam a sair pequenos jatos d’água numa velocidade e força tão incrível que derrubavaos Junsho’s falsos, fazendo-os sumir.

Naomi: (pensa) Vai ser difícil, uma pessoa normal seria atravessada por esses tiros, mas como a pele dele é desse jeito vai ser quase que impossível atravessa-lo!

Os Junsho’s começam a jogar kunais e shurikens na direção de Naomi, ela esquivava sem muitos problemas.

Junsho: *faz um selo com as mãos* Fuuton: Tsuite! [Elemento Vento: Seguir]

As kunais e shurikens começam a se mover sozinhas conforme os movimentos que Junsho fazia com os dedos, as armas ninja seguem Naomi atacando-a de todos os cantos. Uma kunais ia acerta-la na barriga, mas ela esquiva e pega essa kunai se defendendo da outra que vinha na direção de sua cabeça, e já abaixa esquivando de outra kunai, uma shuriken passa de raspão em seu braço, Naomi coloca as mãos no chão e dançava um break enquanto esquivava das kuanis e shurikens.

No outro canto, Bia ainda curava Han, eram muitos machucados, por isso demorava.

Bia: Foi bom agente ter saído de perto deles, agora eu não vou precisar me segurar.

Bia começa a aumentar seus poderes, consequentemente aumentando o calor, e consequentemente curando Han mais rápido, e consequentemente fazendo eu usar a palavra “consequentemente” mais vezes.

Han: T-ta ficando muito calor aqui!

Bia: Relaxa, eu ainda não sou tão boa em controlar assim... hehe *sorri* (pensa) Mas o que ta acontecendo? Na hora em que eu tirei a minha pulseira que eu ganhei do padrinho era para os meus poderes terem aumentado bem mais que isso... já era pra eu ter curado ela por completo... por que meus poderes parecem ter diminuído?

Han: C-chega Bia! Chega, eu já to me sentindo bem melhor!

Bia: Mas você ainda ta com um monte de férias abertas, deixa eu continuar te curand-

Han: Deixa isso pro médico! Eu já me sinto bem melhor, viu só? Ahahahaha! *risada forçada* Ahahahahaha! *cospe sangue*

Bia: Viu só? Você ainda ta mal! *continua curando*

Han: Aaaaaaargh! Eu posso ta toda fodida com essas feridas mas se você continuar a me esquentar desse jeito eu vou morrer de vez! Eu prefiro morrer de perda de sangue, é menos agonizante!

Bia: M-mas eu já to acabando... (pensa) Por que eu ainda não terminei? E-eu fiquei mais fraca?

Han: *chorando* Ahaaaaaaaa! Pelo amor de Deus, me mata logo de uma vez! Eu não aguento mais!

Bia: Eu vou ter que anestesiar, pra você não sentir tanta dor e agonia.

Han: I-isso... anestesia... por favor...

Bia: *desce um murro com toda força na cabeça de Han*

Han: *desmaia*

Bia: Pronto! *continua*

Enquanto Bia terminava de curar, Naomi tinha uma dura batalha contra Junsho.
Naomi suga toda aquela água do chão, e faz aquela mesma técnica que fez com Bia, que era uma espécide de kamehameha de água.

Naomi: Mizu no Bakuhatsu!

Junsho: *faz um selo* Fuu no Ryuu!

Um dragão de vento sai de algum lugar de Junsho [não me perguntem da onde] e vai na direção de Naomi, se chocando com o Mizu no Bakuhatsu, os dois poderes ficam competindo por um tempo, Naomi usava a força que tinha para empurrar o Mizu no Bakuhatsu no ninja, que usava a força que tinha para empurrar o Fuu no Ryuu em Naomi, ela estava quase perdendo enquanto aquele dragão chegava mais perto.

Bia: Merda! A Naomi-chan vai perder daquele jeito!

O Mizu no Bakuhatsu não foi tão poderoso quanto o Fuu no Ryuu, e Naomi acaba sendo engolida por aquele dragão de vento, que ainda entra no chão destruindo tudo em sua volta.

Bia: NAOMI-CHAAAAAAAAAAAAAN!!!

Junsho: Ela deveria saber que aqueles que se opoem ao nosso deus, morrem!

Bia: ELA ERA A SUA ALIADA, NÃO ERA?! VOCÊS ERAM DO MESMO TIME, NÃO ERAM?!

Junsho: Ela teve o que mereceu... só isso...

Bia: *vai se aproximando de Junsho* O que aconteceu com a Naomi-chan?!

Junsho: Não se preocupe com o enterro dela, o Fuu no Ryuu já enterra o oponente sete palmos abaixo do solo. Naomi já está no inferno a essa hora. (pensa) Que calor é esse de repente?!

Antes que Junsho percebesse, o punho de Bia já ia de encontro com seu nariz, mas como ele é um jounin muito experiente, consegue esquivar na ultima hora, e dá um soco em Bia, fazendo sangrar muito.

Bia: AAARGH! Mas que porra...?!

Junsho acerta um chute na barriga de Bia, depois duas cotoveladas na cara, uma joelhada nas costas e um jutsu.

Junsho: Shoudou!

Um forte e foderoso vento atinge Bia na costela, quabrando duas delas e mandando Bia pra longe.

Bia: Aaaargh! Akh! *cospe sangue*

Junsho: Vocês deuses e semi-deuses não podem vencer um jounin renomado no mundo shinobi! Muito menos um do clã Fuma!

Bia cura a costela quebrada com seus poderes, se levanta e dá um soco com toda a força no chão junto com seu calor, os escombros vão na direção de Junsho que as destrói sem problemas com kunais. Mas isso era só uma distração, Bia aparece na frente dele dando um soco com calor no meio da cara do ninja.

Bia/Junsho: AAAAAAAGH!!

Junsho voa uns dez metros de distancia com a força do soco, mas a mão de Bia também não estava em um estado muito bom, estava pingando muito sangue.

Junsho: *com a mão no rosto* AaaaaAaAAaGH!! M-meu rosto!! Ta queimando!!

Bia: Eu imagino como aço quente deve arder. Parece que estamos na mesma situação, se eu te socar eu me machuco, e se você me socar você também se machuca. Mas como a gente vai ter que lutar de qualquer jeito, o vencedor vai ser aquele que aguentar a dor por mais tempo.

Junsho: Errado! *se levanta* Vai ser aquele que tiver as melhores técnicas, ou seja, eu! Um Ninja! *começa a fazer um selo com as mãos*

Bia: *esquenta Junsho* Não vou deixar!

Junsho: AAAAAAARGH!! Ta muito quente!

Bia: (pensa) Mas mesmo assim, era pra ser mais quente, eu to sem a pulseira! Por que meus poderes estão reduzidos?

Junsho: *não desiste e termina o selo* Fuu no Ryuu!!

O mesmo dragão que engoliu Naomi vai pra cima de Bia, ela usa a Atalia e corta o dragão ao meio.

Junsho: C-como?! Como alguém consegue parar o Fuu no Ryuu desse jeito?!

Bia ataca Junsho com a Atalia, mas o ninja defende com o braço, arrancando faíscas com a colisão [gostou do vocábulo?] Bia usa a velocidade e começa a atacar Junsho com a Atalia freneticamente sem dar chances de ele revidar. Os golpes eram tão fortes que iam arrancando as farpas de seu corpo.

Junsho: I-impossível! Não tem como duas meninas invasoras tenham conseguido me deixar nesse estado!

Bia se afasta e usa o Faon, logo em seguida usando o Bow of Apollo. As flechas iam atingindo Junsho por todo o seu corpo, as flechas só penetravam as partes de Junsho que estavam quebradas, sem as farpas.
Quando a rajada de flechas termina, Junsho estava sangrando.

Junsho: *olhando para as partes ensanguentadas* S... Sangue...? Eu... to sangrando? Mas é impossível...! Isso dói! Sangrar dói!

Um pedaço do chão começa a secar, Naomi sai dali também toda ensaguentada e cheia de feridas pelo corpo.

Naomi: *ofegante* Aaaah... Merda...!!

Bia: Naomi-chan!

Naomi joga Junsho no chão e começa a encher a cara dele de porrada.

Naomi: Sente dor agora, Junsho Fuma?! *soca mais uma vez*

Junsho: (pensa) Eu to sentindo dor...? Eu to sangrando...? Esse... esse maldito corpo... *olha para as próprias mãos sujas de sangue* Esse maldito corpo!!

-----------------flashback on---------------------

22 anos atrás...

Mulher: *dando a luz num hospital vagabundo* AAAAAAAAAAGH!!! KYAAAAAAAAARGH!!! WAAAAAAAAAAAAAAHHHHHH!!!

Médico1: Calma, fica calma e só empurra!

Mulher: *chorando* WAAAAAAAAAHAAAAAAAA!!! DÓI MUITO!!! DÓI DEMAAAAAAAAIS!! AAAAAAAAHHH!!!

Médico1: *limpa o suor* Nossa... ele já está saindo... só empurra...

Médico2: Cara, nunca vi uma mãe gritar tanto dando a luz...

Mulher: AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHHHHHHH!!!

Médico1: Ele ta saindo! Eu to vendo a cabeça dele!! Empurra!

Médico2: Q-quanto sangue! Ta certo que ela ta dando a luz, mas ta sangrando demais! Mais do que o normal!

Médico1: Ta piorando as coisas, idiota! Cala essa boca! *tira o bebê* Prooooonto!

Mulher: AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHH!!!!

Médico2: Cristo, quanto sangue! Parece que a vagina dessa mulher virou carne moída!

Médico1: Não ouça ele Srta. Tatsumuchi! Você teve um lindo menino, acredite!

Mulher: *chorando* Ahuuuuuu... mas ta ardendo tanto!

Médico2: Mas sério, parece que colocaram uma batedeira dentro da vagina dela e ligaram... ou uma furadeira...

Médico1: Cala essa porra dessa boca! Num ta vendo que só ta piorando as coisas, seu animal!

Srta. Tatsumuchi: Ta tão feio assim?

Médico1: Não! Não, nada, que isso!

Médico2: Sua vagina ta ótima! Perfeita!

Médico1: Ta tudo no seu devido lugar!

Médico2: Chega a me deixar excitado! É!

Srta. Tatsumuchi: Ah... *snf* Certo... mas por que meu filho não ta chorando? E-ele nasceu morto?!

Médico1: Não senhora! Isso se resolve um com tapinha na bunda dele! *dá um tapa na bunda do neném* AAARGH!! Minha mão!

Neném: NHÉÉÉÉÉÉÉÉ! [Isso é um choro de bebê, por incrível que pareça]

Médico2: Eu sabia que esse bebê estava errado! Sua mão ta sangrando, cara!

E assim foi o nascimento de Junsho, nasceu de uma mãe solteira adolescente que nem tinha condições de cuidar do filho. Como a pele de Junsho machucava as pessoas, ele nunca recebeu um abraço, nunca recebeu um beijo, as pessoas se afastavam dele.

Junsho [com 7 anos]: M-mamãe... minha boca dói... quando eu falo...

Quando Junsho falava, as farpas de sua boca se esfregavam, as vezes arrancando algumas farpas.

Srta. Tatsumuchi: Então não fala nada, só fala com gestos, tipo aqueles de surdo-mud-

Junsho: Mas ta doendo...

Consequentemente, as farpas de sua boca foram caíndo, mesmo Junsho não falando muito. Mas, com 11 anos, uma curiosidade cresceu no coração de Junsho...

Junsho: *folheando uma playboy* Nossa... que lekal!

N-não! Não era esse tipo de curiosidade que eu tava falando! Eu sei que essa é uma cuirosidade de qualquer garoto nessa idade, até mesmo de um ninja, mas essa história não é pra isso!

Junsho: *olha para os lados e corre pro banheiro*

Hey! Quem deu essa revista pra uma criança?! O que ela vai fazer com essa revista no banheiro?! Hey!

Junsho: *abaixa as calças e começa a descabelar o palhaço* KYAAAAAAAAAAGH!! DÓI!!

Bom, parece que até mesmo masturbação era difícil para Junsho, na medida em que ele descascava a banana saiam faíscas do atrito, e ele ainda se machucava quando ia no banheiro nos cinco contra um, mas a curiosidade que eu estava me referindo antes, era a de conhecer o seu pai.

Junsho: Mamãe... quem é o meu pai?

A Srta. Tatsumuchi pára imediatamente de cortar as cenouras, e abaixa a cabeça deixando uma sombra cobrindo os olhos.

Srta. Tatsumuchi: Seu pai... era uma homem muito bonito e um ninja incrivelmente forte, ele me salvou de um ataque pós-guerra, desde então eu me apaixonei por ele, e nós nos amamos... foram longos quarenta minutos de puro amor... mas depois eu nunca mais o vi... nem pra dizer que eu estava grávida e que o bebê era dele...

Junsho: (pensa) M-minha mãe... é uma vagabunda...!

Mas Junsho nunca soube o nome de seu pai até então, pois seu nome de nascimento era Junsho Tatsumuchi, mesmo nome de sua mãe.

Um dia, sua vila sofreu um ataque, um enorme grupo de samurais errantes atacaram a pacata vila de Tsumiyaminakiatsumaisansenteitsuhen, ou Tsumi para abreviar, e esses samurais errantes saquearam as casas, matavam aqueles que resistiam e violentavam as mulheres. Um samurai invadiu a casa de Junsho, e matou a Srta. Tatsumuchi bem na frente de Junsho. Naquele momento, no momento de ódio, o chakra de Junsho envolveu seu pequeno corpo, o deixando muito mais rápido e mais poderoso, só a presença de Junsho arrancou as madeiras e a estrutura da casa, mas aquele samurai não era nenhum fraco, e atacou Junsho, mas antes que Junsho morresse nas mãos daquele samurai, um ninja de cabelos brancos e olhos negros, roupas pretas de jounin e um cachecol cobrindo a boca aparece, e mata aquele samurai com várias kunais nas costas dele.

Junsho: *chorando* M-mãe...!!

Ninja misterioso: Não se preocupe, garoto, o clã Fuma está cuidando desses samurais nessa cidade...!!

Uma coisa chama a atenção desse ninja do clã Fuma, e essa coisa era o corpo da Srta. Tatsumuchi.

Ninja misterioso: O-Otsuu!!

Junsho: O senhor... conhece a minha mãe?

Ninja misterioso: Você é filho da Otsuu-chan?! Qual é o seu nome?

Junsho: Junsho... Junsho Tatsumuchi...

Ninja misterioso: Junsho... eu sou o seu pai!

Junsho: *olha pro céu* NÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃOOOOOOOOOO!!

Ninja misterioso: Por que não?

Junsho: P-posso saber o nome do meu pai?

Ninja misterioso: Kotaro... Kotaro Fuma!

Kotaro Fuma pegou Junsho, colocou o seu sobrenome Fuma nele, e, junto com todos do clã Fuma, treinou Junsho para ser o ninja que é hoje.

---------------------flashback off--------------------------

Junsho: *babando sangue* N-Naomi...

Naomi:...

Junsho: Chega mais perto...

Naomi: *aproxima mais*

Junsho: Obrigado...

Naomi: ???

Junsho afasta Naomi, ainda cortando-a um pouco, vai se arrastando, pingava sangue por todos os cantos de seu corpo, agora quase sem farpa nenhuma, mas Junsho não vai muito longe, simplesmente cai no chão e logo uma poça do próprio sangue se forma em sua volta e embaixo dele.

Naomi: Ele... morreu?

Bia: *põe o dedo no pescoço dele* Não sinto mais a pulsação... Deve ter sido perda de sangue, não tem nada que eu possa fazer...

Naomi: Então essas farpas estavam encravadas fundas no corpo dele.

Bia: Ele com certeza era um ninja muito forte... mas por que eu não venci mais rápido? Eu sei que eu podia! Mesmo a Han não vencendo ele... Han!

Bia sai correndo até Han, que ainda estava no chão, toda suja de sangue.

Bia: Han! Ta tudo bem? Han!

Han: Que... porra... de anestesia... foi essa?!

Naomi: É, ela ta bem... com um puta galo na cabeça, mas ta bem.



CONTINUA...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nekiba
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 2492
Pontos : 3690
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 24
Localização : No pico do Himalaia

MensagemAssunto: Capítulo 107: Akane VS Cohen! R.I.P. Bunda Branca   Dom Jul 10, 2011 2:29 pm

Capítulo 107: Akane VS Cohen! R.I.P. Bunda Branca


Akane: Kyagh! *é jogada contra uma rocha*

Cohen: Hahahahaha! Que merda! Você é uma bostinha menina, vou te falar, viu?

Akane: *tentando se levantar com dificuldade* Uuugh!

Cohen: O que você vai fazer caso eu te jogue em cima de uma mina, ein?

Cohen puxa Akane pelos cabelos e vai arrastando a menina até um lugar onde supostamente teria uma mina, ele pega a cabeça dela vai empurrando, quase encostando no chão.

Akane: AAAAAAAAH!! NÃO! POR FAVOR! EU NÃO QUERO MORRER!

Cohen: Eu sei que você não quer! Mas eu quero te matar!

Akane: Se você apertar minha cabeça contra essa mina, eu vou morrer, mas você também vai perder os braços, ou até mesmo a cabeça!

Cohen: Eu não me importo em morrer, eu sou só uma ferramenta nas mãos de Hassan-sama! Então para que você morra, eu também vou me arriscar e morrer!

Akane: NÃO!!

Cohen bate a cabeça de Akane contra o chão onde supostamente teria uma mina em baixo, mas nada acontece a não ser uma ferida na testa da garota.

Akane: *chorando* Aaaaaaaaah! Não! O que...?!

Cohen: Hahahahahahahaha! AHAHAHAHAHAHAHA!! Você tinha que ter visto a sua cara! Hahahahahaha! Impagável! Impagável! Hahahaha!

Akane: *com cara de “ué”*...

Cohen: Eu tava blefando esse tempo todo, idiota! Não tem mina nenhuma aqui! Acha que eu ia me arriscar lutando aqui por causa de um lixo que nem você? Eu menti pra te afastar da Bad Girl!

Akane: M-mas... mas e o soldado bunda branca?

Cohen: Eu explodi ele! Eu usei um lança minas, uma arma que pode lançar uma mina em uma direção e explodir em menos de dois segundos!

Akane: Tipo aquela do Resident Evil 4?

Cohen: Exatamente! E relaxa, eu não vou colocar uma dessas minas em você, não quero te matar desse jeito, a sua morte tem que ser lenta e-
.
.
.

Cohen cai por cima de Akane, paralizado e com os olhos arregalados, Akane empurra ele e sai de baixo dele.

Cohen: O... O q-...

Akane: Enquanto você falava coisa com coisa, eu enfiei uma agulha em você, e essa agulha possuia um veneno que é capaz de paralizar o corpo de uma pessoa por tempo indeterminado, e é bom que você não tente se esforçar muito, ou seus músculos podem ser danificados.

Cohen: D-dani-... ficados... meu pau...!

Cohen se dobra para levantar, e acaba levantando indo contra o que Akane esperava.

Akane: M-mas... ninguém poderia se mexer! É um veneno muito perigoso!

Cohen: Pirralha... você com certeza conhece a Mirella... certo? Digamos que eu sou uma versão masculina da Mirella, ou seja, eu sou até mais forte do que ela!

Akane: Mais forte que a Mirella?!

Cohen dá uma arrancada numa velocidade incrível, acerta uma joelhada na barriga de Akane, fazendo a pequena cuspir sangue, sem dar chances de ela respirar, Cohen da três socos no rosto de Akane, pega ela pelos cabelos de novo e roda uma três vezes e a lança longe, fazendo ela bater as costas em uma casa abandonada feita de pedras.

Cohen ainda não termina e pega Akane pelos cabelos [mais uma vez] e joga ela pela janela, dentro da casa, quebrando uma mesa de madeira velha. Cohen entra na casa derrubando as paredes, enquanto Akane pega o pé da mesa e bate em Cohen, porém nem fez cócegas nele.

Cohen: Hahahahaha! Esse é o seu máximo?

Akane tira um spray de pimenta do bolso e solta nos olhos de Cohen.

Cohen: *cobre os olhos* AAAAAARGH!! AARGH!! QUE MERDA!! ESSA PORRA ARDE!! ARGH! Meus olhos!

Akane aproveita que Cohen não podia ver e espeta várias agulhas em Cohen, e a menina aproveita para escapar daquela casa. Cohen volta a enxergar, mas sua visão estava embaçada, ele estava tonto [mais do que já era] e mal conseguia se mexer.

Cohen: Que merda... você fez...?!

Cohen dá uma duas trombadas na parede, destruindo a mesma, e sai cambaleando procurando Akane.

Cohen: *com a voz mole* Desgraçada...! Cadê você...?! Hey!

Akane: *escondida atrás de uma rocha* (pensa) Isso é impossível! Como ele ainda ta de pé? Uma pessoa normal já teria caído! Mas eu tenho que ter em mente que ele pode ser mais forte que a Mirella-sama, então deve ta na hora de eu usar aquilo que a Lix-sama me deu.

-------------------flashback on----------------------

Lix: Então, você quer alguma coisa que ataque muito e com mais danos, certo?

Akane: Hai! E como eu sei que foi você quem deu a idéia pro Leandro-sama das agulhas eu vim pedir esse favor pra você.

Lix: Como você sabe que a idéia foi minha?

Akane: Lix-sama, eu não nasci ontem. O Leandro-sama, tendo uma idéia dessas?

Lix: Hehe... é, tem razão. Bom, eu estive preparando uma coisa desde quando voltamos da Itália. *vai em direção a uma gaveta e pega uma capsula pequena* Achei!

Akane: O que é isso, Lix-sama? É tão pequeno.

Lix: É pequeno, mas é muito perigoso! Essa capsula vai poder lançar quatro tipos diferentes de veneno. Um deles é o urticante, que causa forte sensaçãode queimaduras e inchaço. Depois de algumas horas a pessoa pode sentir náuseas, tonturas, fraqueza, até espasmos, diarréias e vômitos.

Akane: Que perigo!

Lix: Pode até levar a morte! Todos os venenos são perigosos, Akane-chan, se não, não seriam venenos!

--------------------flashback off-------------------------

Cohen já sai na fúria, procurando Akane, pelo ódio nos olhos dele dava para se ver que se ele pegasse Akane ia fazer um estrago.

Akane joga essa capsula na direção de Cohen, uma linha com uma agulha na ponta sai da capsula e acerta bem na perna de Cohen.

Cohen: Aaaargh! Que merda! *cai de joelhos*

Akane corre e pega a capsula no chão que agora estava ligada em Cohen por um fio e uma agulha.

Cohen: S-sua...! Aaaagh! *sente queimação pelo corpo* Ta queimando! Ta queimando!

Akane: (pensa) Até ele começar a sentir as náuseas e o resto vai demorar, eu preciso me apressar! Uma pessoa normal pode morrer, mas esse cara parece diferente.

Outra agulha presa por uma linha sai da capsula direto no ombro de Cohen.

---------------flashback on----------------------

Lix: O segundo é o cianeto, que podem ocorrer queimação na língua e inflamação mucosa gástrica, dor de cabeça, agitação, náuseas e até desmaios, poderia ser pior, mas eu não coloquei tanto do cianeto pra isso.

------------------flashback off----------------------------

Cohen: *com a língua pra fora* T-ta queimando! Queimando! *cai de quatro e começa a dar vários socos no chão* Porra! Isso queima!

Akane: (pensa) Não mora! Não morra! Não morra!

Cohen: *vômita* Aaahhh... Sua putinha!

Cohen se levanta com muito esforço, ainda muito tonto, com a visão embaçada, sai socando pra todo lado, menos em Akane.

Akane: E-ele ainda ta de pé?!

Cohen: Eu vou te matar! Eu vou te matar!

Cohen vai cambaleando na direção de Akane, mas com a perna inchada, rosto e olhos vermelhos e com quase o corpo inteiro queimando.

Akane: *manda outra agulha da capsula que acerta na barriga de Cohen*

----------------flashback on------------------------

Lix: Agora o veneno neurotóxico! Causa paralisia e pode matar em questão de horas por asfixia... rimei!

Akane: Isso não é brincadeira, Lix-sama!

Lix: Ta ok. Isso aqui vai causar uma dor muito forte, salivação, lacrimejamento, perturbações nervosas, queda das pálpebras, tremura e angústia, respiração difícil, pele azulada, andar cambaleante, cansaço, dores musculares e ligeiras perturbações visuais.

Akane: A pessoa morre com isso?

Lix: Claro! Por asfixia, se não for tratado logo, mata um ser humano adulto.

------------------flashback off--------------------

Cohen: AAAAAAAAAAAAARGH!!!

Akane: Pare de lutar que eu trato você! Você não precisa me matar e eu não mato você! (pensa) Eu falo isso mas acho que não seria capaz de matar esse homem.

Cohen: *babando* Zuaa... vagabaaaa... *com a fala mole* Eu... Argh... Você!! Não... Porra! *cai de novo*

Akane: Senhor, um veneno perigoso está no seu sistema nervoso agora, eu posso curar você, mas tem que ser bonzinho e não me matar!

Cohen: Vá... inferno... merda...

Cohen estava com o corpo vermelho no lugar das picadas, sua pele estava quase azul, seus olhos lacrimejavam muito e ele babava demais, estava quase desmaiandoe paralizado, mas tremia e lutava para se colocar de pé.

Akane: *procurando o antídoto nos bolsos* Agora eu vou curar você, mas você precisa ter calma qu-

Cohen dá um soco no chão, calando a boca de Akane, Cohen começa a se levantar aos poucos, gritando e babando muito.

Akane: C-como?! Ninguém fica de pé depois de ingerir essas três doses de veneno!

Cohen: Hey... Aaaah!... Hmmh!... *vomita de novo*

Cohen, com a boca suja de vômito, vai andando com passos arrastados na direção de Akane que ficou paralizada de medo.

Akane: (pensa) Eu vou ter que usar... o cardiotóxico!

----------------flashback on---------------------

Lix: Agora, senhoras e senhores, rufem os tambores, por ultimo, mas não menos importante, o meu favorito, o cardiotóxico! Palmas!

Akane: Lix-sama gosta mesmo de venenos...

Lix: Esse veneno do satanás afeta o sistema cardiovascular, que pode produzir tanto palidez como vermelhidão no corpo, espasmos, arritmia cardíaca e, eventualmente, parada cardíaca!

Akane: Parada cardíaca? Tipo... morrer?

Lix: Claro! Mas como eu sei que você é totalmente contra matar, eu vou te dar o antibiótico e a vacina antitetânica... se bem que vai ser quase impossível precisar chegar no cardiotóxico, só os três venenos anteriores já dão conta de um valentão.

---------------flashback off--------------------------

Akane: *lança mais uma agulha da capsula*

Cohen: *leva a agulhada na barriga* Ugh!... Akh!...

Akane: D-desculpa!

Cohen cai no chão e começa a ter uns espasmos no corpo, sua respiração era visivelmente ruim, como se ele buscasse ar e não encontrasse.

Akane: C-Cohen-san! N-não morra!

----------------------------------

Uma fileira de soldados batiam continência enquanto Dalila vinha com seu novo brinquedinho, Iago. Os dois chegam até a ultima porta do corredor, que era onde, coincidentemente, Hassan estava saindo.

Dalila: H-Hassan-sama?! Você saindo?

Hassan: Dalila? Então esse é o filho de Norris?

Iago:...

Dalila: Ele mesmo, nhau que peninha que eu vou ter que matar depois de usar, ele é tão gostosinho...

Hassan: Só de saber que ele é filho de Chuck Norris... me da vontade de mata-lo agora, mas vamos esperar, ele pode ser útil.

Os três vão saindo dali enquanto os soldados batem continência quando eles passam.

--------------------------

Asuka estava em um lugar muito grande, cheio de passagens, saídas, entradas, parecia um labirinto.

Asuka: Ah, merda, eu vou morrer aqui!

Ela ouve alguns passos, como se estivessem marchando.

Asuka: Ufa, almas vivas! Hora de pedir informação!

Um exército enorme, junto com Cães do Governo tromba com Asuka.

Asuka: Com licença, como eu faço pra chegar no tal Ração?

Tenente: Quem é você?!

Asuka: Por que? Você quer me conhecer melhor? Você não é tão gatinho assim, soldado, não vai me convencer a sair com você tão fácil, a não ser que seja extremamente rico!

Tenente: É uma intrusa! Atirem!

Os soldados que estavam na linha de frente começam a atirar em Asuka, que só protege o rosto.

Tenente: Ela não morreu?!

Asuka: Aaaaaaaaaaaai! Filho da puta! Isso dói! Como ta meu rosto? Não mudou nada? Eu não quero ficar feia com buracos de bala no rosto!

Os soldados soltam os Cães do Governo em Asuka, ela pega um deles pela orelha e usa como arma pra esmagar outro na parede, monta nas costas de um dos cães e pega outros dois pelos queixos batendo cabeça com cabeça um no outro.

Soldado1: Essa é a garota invasora que todos estavam falando?

Soldado2: Sei lá... falaram que ela era asiática, mas essa tem cara de americana.

Asuka: *pega um cão pela cabeça* O termo certo é ásio-americana, seu desgraçado! *joga o cão no exército*

4 minutos depois...

Soldado1: *todo fodido* Aaahh... aahk... essa é mesmo a garota que derrotou o exército!

Soldado2: *mais fodido ainda* Mas essa foi ainda mais rápido!

Asuka: *suja com o sangue dos soldados* CADÊ O RAÇÃO?! NÃO ESCONDAM ELE DE MIM!!

Asuka já tinha derrotado todos os soldados, tenentes e caralho a quatro, fora os Cães do Governo [que pelo jeito não servem pra porra nenhuma, só pra encher linguiça].

Asuka: *pega um sodado pela gola* Você vai vingar a morte do seu companheiro bunda branca, e vai me levar até onde o Ração se enc-

Soldado: O... O Bunda Branca morreu?!

Soldado2: NÃO! O Bunda Branca não!!

Asuka: Vocês conheciam ele?

Soldado: Claro! Bunda Branca era o apelido dele! Porra, ele era tão gente fina! Não tinha que morrer!! *começa a chorar*

Soldado2: O Bunda Branca era tão engraçado! Era a alegria desse exército!

Todos os soldados começam a chorar e tirar seus capacetes em respeito ao seu companheiro, conhecido apenas como “Bunda Branca”.

Asuka: Mas... mas... *abaixa a cabeça em reverência ao Bunda Branca*

Soldado3: *chorando* POR QUEEEEEEEEEEEEE??? Ele ia se casar!!

Asuka: E-ele ia casar?! M-meu Deus, isso é terrível!

Soldado4: Sim... *snf* Agora quem vai contar essa notícia pra noiva dele?

Soldado5: Vai você, Elishay, você que tinha mais amizade com os dois.

Elishay/Soldado4: Ah nem me lembre! *chorando* A gente ia pescar esse final de semana, já tava tudo preparado!

Asuka: Gente, eu sinto muito. Parte da culpa é minha, que arrastei ele até aqui e ele explodiu por causa disso.

Soldado5: Não se culpe... *snf* Infelicidades como essas acontecem, infelizmente... Ele era um soldado na guerra afinal, foi preparado pra isso... *snf*

Asuka: Mas eu me sinto mal por causa disso agora, tem alguma coisa que eu possa fazer?

Elishay: Aqui, meu celular, ligue pra noiva dele e conte o que aconteceu, o número dela ta na agenda, é Mirai... *entrega o celular*

Asuka: *liga* Ta chamando...

Soldados:...

Mirai: Alô! Elishay! Faz tempo que você não me liga! E aí, como meu Bundinha Branquinha ta indo na guerra?

Asuka: Er... não, aqui não é o Elishay, o Elishay não pode falar agora... eu só liguei pra te dizer que...

Mirai: Quem ta falando? O que aconteceu com o Eli-chan e com o Bundinha Branquinha?

Asuka: Sinto lhe dizer mas... o Bunda Branca... er... morreu na guerra... ele pisou em uma mina por acidente e explodiu...

Mirai: N-não... i-isso não é verdade... pelo amor de Deus, Eli-chan, diga que isso é uma brincadeira de mal gosto!

Asuka: Aqui não é o Elishay, já te falei! Mas infelizmente é verdade, o Bunda Branca morreu...

Mirai: *chorando pakaráiu* NÃO PODE SER VERDADE!! EU ME RECUSO A ACEITAR ISSO!!

Asuka: Olha, moça, eu sei que é dif-

Mirai: NÃÃÃÃÃÃÃÃOOOOOOOOO!! É MENTIRA!! EU IA CONTAR PRA ELE QUE EU TO GRÁVIDA!!

Asuka: Bom, nesse caso: MEUS PARABÉNS, MINHA SENHORA! Você vai ser mamãe... solteira e viúva, mas vai ser!

Soldado2: Grávida?!

Soldado3: Pobre mulher...

Mirai: BUNDINHA BRANQUINHAAAAAA!! POR QUEEEEEEEEE???

Asuka: Olha, minhas sinceras condolências, meus sinceros pêsames pela morte do Bunda Branca, mas... o exército israelita tem um seguro perfeito pra senhora. *faz sinal de jóia pros soldados com cara de dúvida*

Soldados: *fazem jóia pra Asuka*

Asuka: A senhora também ta em busca de outro marido? Eu tenho o telefone de alguns caras bonitos, quem sabe algum deles te agrada.

No meio dessa encheção de linguiça, todos sentem uma forte pressão, alguns soldados não aguentam e caem no chão, sem poder se mexer, a única em pé era Asuka, que ainda sentia essa forte pressão.

Asuka: O que é isso?!

Soldado: É-é... o H-Hassan-sama...!

Asuka: Ah~ Finalmente eu vou poder socar esse filho da puta!

No meio daquele labirinto, Hassan chega com Dalila e Iago, a pressão aumenta tanto que os soldados mal conseguiam se mexer ou falar, só gemiam alguma coisa ou respiravam forte.

Hassan: Você... Norriana...!! [Esse homem está com ódio no coração]


CONTINUA...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nekiba
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 2492
Pontos : 3690
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 24
Localização : No pico do Himalaia

MensagemAssunto: Capítulo 108: Só diga que você é o Vegeta se você realmente for   Dom Jul 10, 2011 2:33 pm

Capítulo 108: Só diga que você é o Vegeta se você realmente for


Osama Bin Laden, vulgo Hassan, junto com Dalila, tinham acabado de encontrar Asuka, o ódio dominou Hassan e só isso mostrou o poder para a Bad Girl.

Asuka: *sente a pressão* Ugh... Nee-nee?! O que você ta fazendo com eles?!

Iago:...

Dalila: Ele agora é o meu brinquedinho, minha marionete, meu cachorrinho submisso e obediente. Ele vai fazer tudo o que eu mandar.

Asuka: Nee-nee? Caiu no meu conceito! Sempre achei que você fosse do tipo que dominava, não que é dominado!

Dalila: Hahahahaha! Ele não vai te ouvir, Bad Girl! Ele agora está sobre meu comando.

Hassan estende os braços para os lados, e só com o impacto da pressão ele derruba as paredes do labirinto. Asuka dá um Roundhouse Kick nos escombros para não esmagar os soldados no chão.

Asuka: Você quase mata seus próprios soldados! Eles já estão sofrendo com a morte de um colega querido e você quer aumentar esse sofrimento?!

Hassan: Desde aquele dia, eu jurei que iria tirar tudo de Chuck Norris, assim como ele tirou tudo de mim!

Dalila: Amor, não perca seu tempo com esses insetos pequenos, deixa que a Dalila aqui faz um show para você, com dois norrianos se matando!

Hassan: Parece interessante.

Dalila: Meu brinquedinho, mate a Bad Girl!

Asuka: Nee-nee, você vai ouvir essa mulher?! Só porque ela é peituda? A aneue é bem peituda tamb-

Antes que Asuka terminasse, Iago dá um soco na boca de Asuka com uma velocidade absurda, Asuka reage e puxa o braço de Iago mirando um murro no primo, mas Iago defende com a outra mão, os dois começam a trocar cabeçadas até sangrar.

Asuka: Nee-nee! Presta atenção no que você ta fazendo! *dá uma cabeçada*

Iago: ...*dá uma cabeçada*

Os dois se afastam com a testa sangrando muito, a pressão já tinha diminuído, o que mostra que Hassan já estava mais calminho.

Dalila: *fazendo massagem nos pés de Hassan* Ta bom?

Hassan: Isso... assim ta gostoso...

Aí qualquer um fica calmo...

Asuka: Nee-nee! Acorda! Vai trair a própria família por uma vagabunda?

Dalila: Eu ouvi isso!

Asuka: Se você ta tão na seca assim eu forço a Akane-chan ou a Han pra transar com você quando a gente voltar!

Iago:...

Asuka: Ok... Já que você quer do jeito difícil... vai ter do jeito difícil! Roundhouse Kick!

Iago também usa o mesmo golpe em Asuka, fazendo os dois Roundhouse’s se chocarem. [Ta muito Dragon Ball esse negócio de fazer os poderes se chocarem]

---------------------------

Cohen: *babando sangue, quase morrendo* Uhh... uh...

Akane: (pensa) Acho que eu fui longe demais... bem que a Lix-sama disse que era perigoso... eu vou ter que fazer alguma coisa, não posso deixar esse homem morrer. Ele pode ser mau mas ainda é um ser humano!

Akane vai até Cohen e pega uma seringa no bolso, injeta um líquido vermelho no corpo de Cohen e fica aguardando.

Akane: Fica calmo, senhor. Eu usei um antídoto que vai tirar os venenos do seu corpo, depois você pode se sentir cansado e enjoado, mas logo passa e você vai estar melhor. *sorriso fofo*

Cohen: *respirando melhor* Aahh... ahh...

Akane: Pode demorar um pouco, mas vai melhorar, acredite.

Mesmo com o rosto todo estourado de tanta porrada, Akane ainda tinha um sorriso muito fofo e kawaii e titicuti tatitaquicutaqui~*... enfim, Cohen já estava melhorando, cada vez mais a respiração dele melhorava, parava de babar e tremer, já estava quase melhor.

Akane: Bom, parece que você está bem, agora o senhor só tem que descansar e-

Cohen: *segura a boca de Akane, interrompendo ela* Sua... vaca... você quase me matou!

Akane: Hmmmmh! *desesperada*

Cohen joga Akane para o alto, antes de ela cair, ele dá um soco no baço dela, pega nos cabelos dela [mais uma vez] e começa a bater ela no chão repetidas vezes.

Cohen: Achou que eu ia me aliar a você só porque você tirou o veneno de mim?!

Akane: Aaaaaah!!

Cohen: *joga Akane no chão e pisa na barriga dela*

Akane: AAAKH! *cospe sangue*

Cohen: Ein?! Responde!

Cohen começa a pisar em Akane várias vezes, fazendo ela cuspir sangue e gritar de dor.

Um tanto longe dali, os dois ouvem uma explosão, e de um buraco no chão dessa explosão saem Asuka e Iago, que não se largavam e continuavam trocando socos e chutes.

Cohen: Ah, olha que legal, a Bad Girl vai poder assistir você morrer!

Akane: A-Asuka...-sama...

Akane mal conseguia falar, de tão estourada que estava. Cohen ainda a pega pela perna e sai arrastando a pequena, jogando contra uma parede e enchendo ela de socos.

Akane: *cai no chão sem nem gemer*

Cohen: Ein? Já morreu?! Você é um lixo! *chuta ela*

Hassan: Poxa vida... o Cohen ainda está vivo.

Dalila: Tsc... Schwartzman... nunca gostei dele... [quem gosta?]

Asuka: *olha pra trás e vê Cohen chutando Akane* Akane-chan!

Asuka ia correr pra salvar a sua pupila, mas Iago entra na frente dando um soco no estômago de Asuka.

Asuka: Aargh! Nee-nee, a Akane-chan ta morrendo! Você não ta nem ligando?! Você sempre protege a Akane-chan e não gosta que ela se machuque!

Iago:...

Asuka: Tenta lembrar da gente, Nee-nee!

Iago: *joga Asuka pro alto e já pula atrás enchendo ela de chutes*

Asuka: *pega Iago pelo braço e joga longe dela* Akane-chan! Eu to indo!

Asuka usa o Correr pra Caralho, mas Iago chuta o lado do pé dela [Quem já fez isso? Quando alguém ta andando e você chega por trás dá um toquinho no pé da pessoa e ela tropeça? É tao legal!] Mas nesse caso, Asuka leva um tombo e sai capotando vários metros.

Iago vem do alto com o dedo brilhando e com o punho fechado, pronto pra usar sua técnica mais fodida, o Madruga’s Crush-a-Head Obliteration!

Asuka: Nee-nee!

Mas antes que Iago acertasse Asuka, um vulto preto acerta Iago primeiro, jogando-o longe.

Asuka: Mas o que...? Karol?!

Karol: Hahahaha! Oi Asuka... já disse que você ta linda hoje?!

Asuka: Como você chegou aqui?! Você não tinha ficado em Phallus?!

Karol: Mas sabe, tava tedioso lá em Phallus sem vocês por perto, por incrível que pareça eu senti falta até da Aya.

Dalila: Quem é essa daí?! Ela machucou meu brinquedinho!

Hassan: Bem que eu senti uma presença demoníaca muito forte... essa menina de cabelos pretos não deve ser fraca.

Karol: Iago! Que coisa feia, primos não deviam brigar... deviam se dar bem, se amar, e cometer incesto!

Asuka: Não vai adiantar, parece que tudo o que a gente disser ele não vai ouvir.

Karol: Você ainda ta aqui, Asuka? Vai salvar sua pupila, ela já deve estar morta nessa altura!

Asuka: A Akane-chan! *Correr pra Caralho*

Hassan: Dalila, você acha que seu brinquedinho pode dar conta desse demônio?

Dalila: Não se preocupe, Osama, meu preto, esse brinquedinho é o melhor que eu já tive! Meu brinquedinho, mate esse demônio!

Karol: Eu sou imortal, idiota! Não vou morrer!

Asuka continuava a correr pra caralho na direção de Akane e Cohen. Quando Cohen percebe, pára de bater em Akane, mas Asuka já estava do lado dele, com o punho fechado e com ódio nos olhos, ela enfia um murro bem no meio da fuça do infeliz, arrancou um dente e ainda jogou ele longe só com o soco [O Cohen, não o dente].

Cohen: B-Bad Girl?!

Asuka: *acode Akane* Akane-chan! Tudo bem? Fala comigo!

Akane: *sangrando muito* Asu... ka...

Asuka: Ta bom, já é o suficiente pra mim!

Asuka, num pulo, alcança Cohen e cai com os dois pés no estômago dele, fazendo o infeliz cuspir muito sangue, Asuka pega ele pela corrente do piercing e puxa com tudo, arrancando um pedaço da orelha e do nariz dele.

Cohen: AAAAAAAAAARGH!! *com a mão no nariz*

Asuka: *mostrando a corrente* Numa luta você não pode usar isso! Não sabe que pode virar uma arma contra você?

Asuka dá um Roundhouse Kick que afunda Cohen contra a parede de uma casa, logo depois dá um Zidane Head Round Strikes, fazendo a casa desmoronar em cima dos dois. Mas esses dois são persistentes e saem dos escombros, Cohen aparece atrás de Asuka e dá um soco na cabeça dela, mas ela já pega uma pedra e quebra na cabeça de Cohen, puxa ele pelo moicano e joga no ar, e enquanto Cohen subia, Asuka pega várias pedras e vai jogando contra Cohen. Antes que ele caísse no chão, Asuka dá um pulo e acerta outro ZHRS no peito de Cohen, tirando todo o ar dele, aindo o pega pela cabeça e joga com tudo no chão, e ainda cai com os dois pés em cima dele.

Hassan: Nossa, o Cohen ta apanhando igual mulher de malandro!

Dalila: Merecido!

------------------------------

Mr. P: *segurando Leandro enquanto voava* Vegeta-sama.

Leandro: Que?

Mr. P: Acho que já passou um bom tempo desde a nossa luta, e pelo que eu sei todo Saiyajin fica mais forte depois de uma luta, então seu ki já não deveria ter voltado?

Leandro: Eu já disse, eu não faço kamehameha! Só o Big Bang Attack!

Mr. P: Não to falando dos golpes, Vegeta-sama, só que eu sempre sonhei em voar do lado do grande rei Vegeta, não carregando o grande rei Vegeta como um bebê.

Leandro: Você quer que eu voe usando meu ki?

Mr. P: Quero!

Leandro: Er... N-não, meu ki não volta tão rápido assim quando eu uso essa nova forma de Super Saiyajin!

Mr. P: Nova forma de Super Saiyajin?

Leandro: Claro! É que essa não foi mostrada no mangá e nem no anime, certo? É chamado de... Super Ultra Mega Blaster Waster Motherfucker in da Fuckin’ Super Saiyajin!

Mr. P: Incrível! Eu lutei com o Vegeta-sama na sua melhor forma! E só você sabe essa?

Leandro: Claro! O Goku é muito burro e ainda não aprendeu!

Mr. P:...

Leandro: Por que esse silêncio?

Mr. P: Sabe... que eu me lembre... você sempre chama o Goku de Kakarotto... nunca de Goku...

Leandro: Bem... eu... depois de tantos anos de convivência... er...

Mr. P: Qual é o nome do ex-namorado da sua esposa?!

Leandro: Como assim, a Bulma só teve eu de namorado!

Mr. P: *pára de voar* ERRADO! Muito antes de te conhecer ela namorou o Yamcha-san!

Leandro: NÃO ME CORRÉGE! E como eu ia saber que ela namorou o Yamcha?! O Yamcha é o mais inutil de todos lá, como a Bulma pode ter namorado ele?!

Mr. P: Não chama o Yamcha-san de inutil! Ele foi o primeiro rival do Goku! Ele tem história, porra!! Você não é Vegeta coisa nenhuma! É só um alquimista de merda! Eu tenho pena de tolos como você!

Mr. P joga Leandro e acerta ele com um tiro que saía de seu mamilo, Leandro cai no mar sangrando com o tiro, fazendo a água ficar vermelha na parte em que ele caiu.

Mr. P: Humpf... logo vai morrer, melhor eu avisar o Hassan-sama. *sai voando*

Leandro: *submerge* Buah... Droga... eu devia ter visto o Dragon Ball antes do Dragon Ball Z, mas pelo menos, meu isqueiro me salvou mais uma vez. *pega o isqueiro de metal que estava furado* Mesmo assim doeu ter que fazer um corte na minha mão pro sangue subir... é, fui inteligente dessa vez...

--------------------------

Rio de Janeiro, Brasil...

Comandante da polícia: Exatamente, Sr. Chuck Norrish, nóish já eshpulsamush osh traficantesh do morro, cerrto cumpadi?

Chuck Norris: Significa que ninguém além de vocês da polícia e da marinha brasileira se envolveu na guerra com os traficantes, ninguém de Gonorrhea, por exemplo?

Comandante da polícia: Isso merrmo, brotherr... agora relaxa com nóish e toma uma açaí aew, parreceiro...

Nascimento: Pirralhos filhos da puta!

Chuck Norris: É da minha filha que você ta falando!

Nascimento: Foi mal.

Taty: Eles passaram a perna na gente, mais uma vez!

Chuck Norris: Eu vou... eu vou... KAROOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLL!!!!!!

--------------------

Karol: *defende um soco de Iago* Nossa... senti por algum momento que minha morte está próxima... *esquiva de um chute de Iago*

--------------------

Chuck Norris: Nascimento! Taty! Vamos voltar para Gonorrhea e obrigar a Karol a contar a verdade do nosso jeito... Gente?

Nascimento/Taty: *tomando açaí com a polícia carioca*

Chuck Norris: O Nascimento e a Taty... também são cariocas afinal... *gota*

Nascimento: Chuck, meu cumpadi, chega maish, toma um açaí com a rapaziada aew...

Taty: Chega maish, pega um cavaquinho, vamo toca um pagode aew...

Chuck Norris: Ta bom, mas só um pagode!



CONTINUA...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nekiba
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 2492
Pontos : 3690
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 24
Localização : No pico do Himalaia

MensagemAssunto: Capítulo 109: A História de Osama, Um Homem Bravo!   Dom Jul 10, 2011 2:39 pm

Capítulo 109: A História de Osama, Um Homem Bravo!


Karol: *no ar* Tsc... lutar com o Iago já foi mais fácil... será que ele treinou tanto assim?

Iago: *lá no chão, olhando pra Karol*...

Karol: *olha pra Dalila* (pensa) Será que se eu matar aquela mulher o Iago volta ao normal? Ou pode ser que ele fique assim pra sempre... ou posso usar o jeito mais fácil, espancar aquela mulher e obrigar ela a mudar isso...

Dalila: O que aconteceu?! Vai ficar fugindo no alto?! Desce aqui e deixa meu brinquedinho acabar com você!

Karol: (pensa) To começando a cogitar mais a possibilidade de matar ela!

Do outro lado, Asuka dava socos de boxe em Cohen, que defendia com os braços, mas os socos de Asuka eram tão fortes e carregados de ódio que logo os braços de Cohen quebraram.

Cohen: Aaahh... ahh... meus braços...

Asuka: *na posição de lutar boxe* Sabia que o soco do boxe é o soco mais forte entre todas as artes marciais? A pesar de não ser uma arte marcial...

Cohen já estava cambaleando, tonto, sangrando, Asuka prepara o soco e estava pronta pra quebrar o crânio do infeliz, mas Akane segura Asuka por trás [AII!!] parando ela.

Asuka: Akane-chan!

Akane: N-não mata ele, Asuka-sama! O Cohen-san não é uma pessoa má, só ta iludido!

Asuka: Mas... ele tentou te matar!

Akane: Mas você lembra que o Criss-sama tentou matar você e hoje ele é nosso amigo! O Preston-sama lutou com você e hoje vocês se dão bem! Assim como a Lana-san, a Karol-sama e a Bia-sama!

Asuka:...

Akane: Por favor, Asuka-sama!

Asuka: *dá um golpe de karate no pescoço de Cohen, desmaiando o infeliz*

Akane: ASUKA-SAMA!

Asuka: Fica sussa, ele só ta desmaiado... agora o próprio chefe vai cuidar do seu empregado.

Asuka pega Cohen pelo moicano e sai arrastando, até onde Hassan e Dalila assistiam a luta entre Karol e Iago.

Dalila: Baby! Ela voltou! E ela matou o Cohen! Boa!

Asuka: *joga Cohen perto de Hassan* A sujeira é sua, você que limpe!

Hassan: Humpf... Já era hora, eu ia me livrar dele mais cedo ou mais tarde...

Hassan só aponta a palma da mão na direção de Cohen, muita pressão desce no local onde todos estavam, até Dalila sente uma tremedeira nas pernas, mas Cohen começa a levitar na direção em que Hassan movia seu braço.

Cohen: Uhh... Ahh... H-Hassan... -sama... Uh!

Hassan: Só fica quieto, Cohen, pelo menos agora antes de sua morte, fica quieto!

Cohen é jogado no chão com toda força por três vezes, até ficar completamente ensanguentado, isso Hassan fez sem ao menos tocar nele, e ainda o joga uns 30 metros pra cima, enquanto Cohen ainda estava no alto, Hassan abre os braços com as palmas das mãos em direção ao chão, o mesmo começa a tremer e rachar, buracos se abrem no chão e finalmente Cohen cai, fazendo uma poça com seu próprio sangue.

Asuka/Karol: ...!!

Dalila: Hahahaha! Tremam de medo com o poder do meu futuro marido, Os-... Digo, Hassan-sama!

Hassan: Não, não, não precisa puxar saco não.

Dalila: Mas eu só tava... er-

Hassan: Ssshh... não precisa, relaxa.

Dalila: Er... ta bom.

Asuka: Ne, Ração-san. Eu lembro que naquele labirinto com os soldados você mencionou o nome do meu Pai. Você conhece ele?

Hassan: Chuck Norris... O Imperador do Universo, pai da Bad Girl... que família complicada essa! Eu lembro como se fosse hoje da dor e do sofrimento que sue pai me causou...

Asuka: ...Por que esconde o rosto? Se mostra!

Hassan puxa o capuz, revelando ser Osama Bin Laden para Asuka, porém o rosto estava diferente, com cicatrizes e partes deformadas.

Asuka: Asuka: Eita... bicho... feio... dos... inferno! Se um cara desses consegue pegar alguém igual essa mulher eu tenho que avisar o Nekiba-senpai que ele ainda tem chances!

Hassan: NÃO TA ME RECONHECENDO?! EU SOU OSAMA BIN LADEN!!

Hassan/Osama: Eu tinha morrido? Seu pai me matou? Bem que ele tentou, mas as forças de Alá são ainda maiores, e graças a ele eu pude sobreviver... produção, roda o flashback!

---------------------flashback on (as partes em itálico é a narração de Bin Laden)---------------

Eu já tinha reunido meus homens- bomba, já estavam pronto para um atentado aos Estados Unidos, porém, os States são diferentes de Israel, eles tinham uma arma muito mais poderosa que qualquer outra... Chuck Norris!

Osama: Zuhanta! Haclhlamech’ Halihalihali! Halahalaporra! [Zuhanta! Traga as plantas dos lugares que vamos atacar!]

Zuhanta: Joch’lamech’kulech’ Kossanoashana shurumella halaocúnarôla halahalahala! Oh-shala-lalala woh-oh-oh! [Sim!] *sai e volta com um papiro grande, mostrando a casa branca*

Homens-bomba: *prestando muita atenção*...

Osama: Yahamisch Xihan halabhulacchlalal? [Alguma pergunta antes de começarmos?]

Árabe qualquer1: *levanta a mão*

Osama: Peganarrôla. [Fale, filho]

Árabe qualquer1: Hanhanihai inathi, helohelo makamaka wakawaka êeê? [Quando vai ser a hora de comer?]

Osama: Shanihami halachch’ holoch’ tchibum chiwawa? [Alguma pergunta SOBRE O PLANO?]

Árabe qualquer2: Xupingole Halalhama na bahama? [Por que a gente tem que morrer?]

Osama: Jagaham halemech rodadanacama? [Você não quer ficar com as virgens depois que morrer?]

Árabe qualquer3: *levanta a mão* Rodadanacama halaeholana cama espahama, lekileki esfihadohabib’s! [Existem virgens aqui na Terra também!]

Osama: Helehelemaha halakhamahdiaojsdhnioajsdia? [Acima de 13 anos?]

Árabe qualquer3: *abaixa a mão* Hailiuwhaka halama. [Tem razão]
[Nota: Esse árabe ta parecendo havaiano! o.O]

Chuck Norris: *destrói a caverna onde Osama se escondia*

Osama: AAAAHHHHH!!!! É CHUCK NORRIS!!! FUDEU, NEGADAAAA!!!

Uma porrada de homens bomba grudam em Chuck Norris explodindo em seu corpo enquanto Bin Laden fugia em um avião.

Osama: Heh! Porco imperialista! Achou que poderia vencer meus homens bomba?

Chuck Norris: *com roupa de piloto, pilotando o avião* Eu acho! E daí?!

Osama: COMO VOCÊ VEIO PARAR AQUI?!

Chuck Norris, o seu pai, destruiu o meu avião comigo dentro, tudo o que eu me lembro são flashes, de ver meu sangue jorrando enquanto eu caía, de ver os pedaços do avião caindo por todos os lados... E então eu caí no chão, por sorte eu caí em cima de uma rocha muito macia e desmaiei com o impacto

Quando eu acordei depois de dois dias, eu estava confinado e acorrentado no calabouço de tortura do exército israelita, apanhando todos os dias, sendo torturado... porque é isso que acontece num calabouço de tortura... eles torturam... [ah vá!] Mas eu nunca abri o bico.

Osama: *acorrentado, pelado, ensanguentado e com a cabeça deformada* Aaaahh... ahh...

Soldado: Ow! Árabe de merda! O chefe quer falar com você!

Satã: *entra com uniforme de Tenente do exército israelita* Muito obrigado, soldado, pode sair agora.

Soldado: Sim, Tenete Lucy! *bate continência e sai*

Osama: *nem aguenta falar* Aahh... ahh...

Satã: Você sabe quem eu sou?

Hassan: Você... está do lado daqueles que... destruiram minha terra!

Satã: Hahahahaha! Eita menino bobinho! *sorriso fofo* Eu na verdade sou Alá... o seu deus!

Osama: ...Ora... seeeeu...! *tenta avançar em Satã, mas estava acorrentado* Como ousa falar assim de Alá?! Alá não estaria do lado dos israelitas!

Satã: Sssshhhh! Fala baixo! Eles podem te ouvir lá fora! Essa de Tenente Lucy é só um disfarce! Olha, se você não acredita em mim, eu vou te mostrar o meu poder.

Satã abre a palma da mão e nela aparece um tridente, assim do nada, igual Yuki e Rie fazem suas espadas aparecerem.

Osama: *assustado* Ahh... m-mas...

Satã: “Palma, palma, não priemos cânico”! Isso aqui é só o básico do básico do básico do básico do meu poder, olha isso.

Satã aponta o tridente pra parede que acaba abrindo um buraco nela. Agora Osama podia ver lá fora, Satã fecha os olhos e aponta sua mão para fora, uma pressão muito forte começa a rachar o chão, até que Satã lança aquela energia de uma vez, abrindo um buraco imenso no chão, que fazia uma trilha daquele calabouço até onde os olhos de Bin Laden alcançavam.

Osama: I-incrível...!!

Satã: Acredita agora que eu sou Alá?

Hassan: Impossível! Você usa um tridente! O Diabo usa um tridente!

Satã: Ué, Poseidon usa tridente também, e ele é um deus. Por que eu não posso usar tridente também? Pôxa vida, preconceito!

Hassan: A-Alá?

Satã: E como eu sei que você é um dos poucos que sobraram nessa guerra, eu vou te transformar no meu servo mais fiel... não! Eu vou te dar todo o meu poder! Você vai se tornar... Deus! Meu querido, Deus!

Osama: Aceito o seu poder! O que eu tenho que fazer?

Satã: Nada, só feche os olhos, eu vou te dar todo o meu poder!

Satã coloca suas mãos na cabeça deformada de Hassan, seu corpo começa a brilhar a marca azul no meio do seu rosto aparece, junto com um símbolo na sua cabeça, esse era o símbolo.
http://www.vivos.com.br/images/ne-sig.gif

Osama: Se você é Alá, por que está do lado dos israelenses?

Satã: Osaminha seu menininho besta, o melhor jeito de vencer o inimigo é se infiltrando em sua base e os destruindo por dentro!

Osama: E o que queres que eu faça?

Satã: Eu quero que você se torne general... não, quero que você se torne o mestre supremo dessa raça!

Osama: Mas eu já sou conhecido, eles nunca iriam me aceitar!

Satã: Isso deixa comigo...

Alá conseguiu fazer com que os homens mais influentes dos judeus me reconhecessem como o mestre deles, daí pra frente foi só ganhar a confiança desses idiotas que todos estariam aos meus pés. Usei o pseudônimo de Hassan para não escandalizar na mídia.

E desde então, Alá, ou seja, Deus me deu todo o poder dele, agora eu tenho domínio sobre esse mundo!

-----------------------flashback off, finalmente-----------------------

Hassan: E como eu tenho esse poder agora, eu vou me vingar de Chuck Norris, matando a filha dele e causando a mesma dor que ele causou a mim!

Asuka: Desculpa, Ração-san, mas se o senhor, por um milagre, passar por cima de mim, vai ser impossível vencer o Imperador do Universo... meu papi!

Hassan: *ri* Ótimo... Eu vou lhe demonstrar o meu poder...

Karol: Aquele símbolo...

Hassan: Deixe a minha aparência de lado, e só contemple o poder do deus Alá!

Hassan aponta a palma da mão para Asuka, só com isso ela é jogada uns 60 metros longe, e ainda bate as costas na parede. Iago desvia a atenção de Karol para Asuka e corre atrás da prima, antes que Asuka caísse, Iago a pega pelo pescoço e aperta com força dando três socos no seu estômago.

Dalila: Ah, a minha ordem de matar a Bad Girl ainda ta valendo, ele vai primeiro matar a Bad Girl, depois esse demônio.

Karol desce com tudo enfiando uma bicuda em Dalila jogando ela longe.

Hassan: Resolveu me enfrentar?

Karol: É que na verdade, eu conheço muito bem esse símbolo na sua cabeça deformada e careca.

Hassan: Isso é uma marca que mostra que eu tenho o poder supremo!

Karol: Na verdade, isso é um símbolo satânico, o que sinifica que você encontrou o meu pai, não Alá.

Hassan: Impossível, Alá me disse o significado!

--------------flashback on---------------

Osama: Mas essa marca na minha cabeça parece muito com o símbolo satânico “O signo de Lúcifer”.

Satã: Coincidência, sua marca é um círculo, esse ponto no meio é uma verruga sua!

Osama: Ah, entendi.

-------------flashback off-----------------

Hassan: Como poder trás consequencias, eu ganhei uma verruga como consequência.

Karol: *dá uma voadora nele* COMO VOCÊ CONSEGUE SER TÃO IDIOTA?!?!

Dalila: Como você ousa faz isso com o Hassan-sama?!

Karol: Você ainda ta aqui?! Sai daqui, personagem elenco de apoio!

Hassan: Dalila, deixa quieto... eu vou enfrentar esse demônio, e depois que eu vencer, eu posso lutar com o norriano vencedor daquela luta, e vou mata-lo com as minhas próprias mãos!

Bin Laden usa o mesmo poder que usou em Asuka, jogando Karol longe, mas Karol fluta e começa a voar em zigue-zague confundindo Hassan, mas “Hassan” levanta os braços, jogando toda a pressão possível em Karol. A vampira se matém forte, sem cair com toda aquela pressão.

Dalila: *cai* O-Osama...! Você vai me esmagar desse jeito!

Hassan: Aguenta mais um pouco, Dalila, por mim.

Karol: Não vou perder... Zansatsu!

Aquela lâmina negra acerta direto no peito de Hassan, mas quando bate, a lâmina se quebra, e Hassan só sangrou um pouco.

Hassan: Olha... que poder legal esse seu Zansatsu.

Karol: N-não te cortou?!

Hassan: Hahahahahaha! Vai precisar muito mais do que isso para me parar!

---------------------

Akane: *meio desmaiada, meio acordada* Asuka... –sama... C-Cohen-san...

Akane acorda de vez com Asuka caindo com tudo em cima dela.

Akane: AAAGH!

Asuka: Akane-chan! Se esconde! Aqui ta foda!

Um Roundhouse Kick de Iago vai na direção das duas, Asuka entra na frente de Akane abrindo os braços, o golpe de Iago acerta em cheio na prima.

Akane: Asuka-sama! Por que você e o Iago-sama...?!

Asuka: *cai de joelhos* Se esconde logo... porra! Depois eu te falo!

Akane: T-ta... *corre pra uma casa abandonada*

Iago chega na voadora em Asuka, que defende com o braço, só a força do impacto levanta poeira e as pedras pequenas em volta dos dois, Asuka consegue segurar Iago pelo pescoço e bater a cabeça dele no chão. Iago envolve as pernas na cabeça de Asuka e a derruba, segura seu braço e começa a torcer [Tipo o que os caras fazem em luta livre] Asuka não conseguia se soltar, começa a socar a perna de Iago com toda força, mas sem sucesso ela puxa a perna dele mais pra cima e morde até sangrar.

Iago: *solta Asuka e se afasta*...

Asuka: *com a mão no braço doendo* Uhh...

--------------------------

Phallus, Champz...
Mansão Norris...

Juh: Obrigado por compartilharem nosso ultimo momento junto com a gente, Geh, Lix-chan.

Geh: Ta.

Lix: Mas eu ainda não entendi a parte em que vocês vão morrer.

Kyo: Simples... só vamos morrer, eu tenho pena desse mundo, perder uma pessoa tão linda quanto eu... mas o Nekiba vai morrer também então acho que equilibra...

Nekiba: *cozinhando* Eu ouvi isso!

Miwa: Se formos morrer, vamos morrer com estilo! Rápido, todo mundo tira a roupa e vamos fazer uma suruba!

Juh: Ótima idéia! Kyo-bofeeee! Vem cá! *baba*

Kyo: Não sei o que é pior, você ou Chuck Norris-sama...

Bruh: Eu preferia ter ido com eles, por que vocês não me avisaram?

Jammal: Relaxa, Bruh, a gente não tava envolvido, Norris-sama vai entender.

Miwa: Acho que a Geh também se livra dessa, não é Geh?

Geh: É.

Miwa: Acha que você se salva?

Geh: Não sei.

Miwa:...

Geh:...

Miwa: Então ta né...

Nekiba: Comida ta pronta~*

http://www.henriquebarbosa.com.br/blog/media/1/20080731-IMG_0056.JPG

Lix: E-eu não vou comer isso...

Juh: *segura o vômito* Neki-bofe, que coisa é essa aí?

Nekiba: Ah, é um prato que eu inventei, se chama Ensopado de Strovinélvis ao molho grelhado! *sorri*

Bruh: E-eu nem to com tanta fome assim, Nekiba-san.

Jammal: Eu to de regime.

Miwa: Eu também, preciso continuar gostosa pra manter o emprego de hostess.

Kyo: E-eu comeria, mas... eu to com tanto medo que... sabe né?

Geh: Eu não vou comer essa bosta. [Acreditem, a Geh é direta desse jeito]

Nekiba: *pega uma colherada* Ah, vamos, não vai matar ninguém.

Kyo: Vai matar sim!

Nekiba: Vai você, Juh. Olha o aviãozinho... viiiiiiiuuuummm [isso é um avião, por incrível que pareça]

Juh: *vira a cara* NÃO! E-eu... não posso comer! Tenho que morrer de barriga vazia!

Nekiba: Então vai você, Miwa-chan, olha o aviãozinho! Vvvvviiiiuuummm...

Miwa: AH! N-Nekiba-san! Eu não to com fome mesmo, sérião!

Nekiba: Você não vai se arrepender!~*

Juh: Vai! Você vai!

Nekiba: Bom, eu vou comer a primeira colherada e vocês vão ver como é gostoso!

Lix: Não! Nekiba-san! É perigoso!

Juh: Você é feio mas é um bom bofe! Não morra!

Nekiba: *come* ...Viram?

Todos:...

Nekiba: Ah... ARGH!

Jammal: NEKIBA!

Nekiba: *coloca a mão no peito* AAAARGH!! *cai no chão com X nos olhos*

Bruh: NEKIBA-SAN MORREU!!

Kyo: O feitiço se virou contra o feiticeiro.

Lix: O Nekiba vai morrer! Alguém, faz respiração boca-a-boca nele!

Todos: NEM A PAU!!

Juh: Depois de ele comer isso ele ta com um bafo dos inferno!

Kyo: Miwa, vai lá! Eu sei que você já pôs a boca em coisa pior!

Miwa: Nada é pior que isso! Tem inseto morto dentro da boca dele!

Nekiba: *tendo convulsões*

Juh: O QUE A GENTE VAI FAZER??

Todos ouvem um estrondo vindo de fora da mansão.

Voz do Chuck Norris: KAROOOOOOOOOOOOOOOLLLL!!!

Todos - Nekiba: KYAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHH!!!

Kyo: É O NORRIS-SAMA!!!

Geh: Já era.

Miwa: A GENTE VAI MORRER... Vamos comer a comida do Nekiba, pelo menos a nossa morte vai ser menos dolorosa!

Voz do Chuck Norris: *mais alta* KAAAAAAAAAAAAROLLLLLLLLL!!!

Bruh: Jammal, vai primeiro!

Jammal: Não, vai você primeiro!

Bruh: *tentando colocar uma colher da gororoba na boca do Jammal* Come, Jammal!

Jammal: *empurrando ela* Não! Eu prefiro o Chuck Norris!

Bruh: *coloca a colher na boca dele*

Jammal:...

Todos:...

Jammal: *fica verde e cai no chão*

Lix: BRUH! VOCÊ MATOU O JAMMAL!

Chuck Norris: *entra* KAROL!

Todos – Chuck Norris, Nekiba e Jammal: WAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHHH!!! *chorando*

Juh: POR FAVOR, NORRIS-SAMA!!

Kyo: POUPE NOSSAS VIDAS!!

Chuck Norris: *sangue nozóio* Cadê... a... Karol...?

Kyo: Israel! Ela ta em Israel! Jerusalém, Faixa de Gaza, esses países de guerra! Procura lá, mas por favor!

Bruh: Kyo-san! Seu dedo duro!

Kyo: Antes a Karol do que eu!

Nekiba: *acorda* NÃO! NÃO MATE A MINHA FILHA, NORRIS-SAMA!! *corre até ele* Pode me matar no lugar dela...

Lix: *tapa a boca dele* Não ouça ele Norris-sama! Ele acabou de comer uma comida que fez mal ao cérebro dele.

Chuck Norris: É, eu percebi pelo bafo... Mas, como eu não confio mais tanto assim em vocês, vocês vão viajar junto comigo, assim eu não preciso voltar pra matar vocês caso for mentira, já mato vocês lá!




CONTINUA...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nekiba
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 2492
Pontos : 3690
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 24
Localização : No pico do Himalaia

MensagemAssunto: Capítulo 110: Asuka VS Iago! Karol VS Bin Laden!   Dom Jul 10, 2011 2:42 pm

Capítulo 110: Asuka VS Iago! Karol VS Bin Laden!


Asuka dá um soco em Iago, mas ele segura o punho dela e tenta um soco com a outra mão, mas Asuka faz o mesmo e eles não se soltam. Os dois começam a bater cabeça com cabeça, a força das cabeçadas eram tão fortes que a poeira levantava em volta deles.

Os dois se afastam com a testa sangrando e ficam se encarando ofegantes.

Iago: *fica em posição de luta, concentra o ki norriano no dedo indicador e do meio, o chakra começa a envolver o seu corpo*

Asuka: Hm... Então esse vai ser o seu golpe especial, nee-nee... o Madruga’s Crush-a-head Obliteration? Eu sempre quis ver!

Iago pula pra cima de Asuka, a prima tenta defender com um Roundhouse Kick, mas o McahO [a abreviação] quebra o Roundhouse Kick, Asuka só tem tempo de ficar assustada e tentar defender com um soco carregado com ki norriano. Os dois atracam os socos, mas o golpe de Iago rasga a roupa de Asuka [Não to fazendo fanservice, acontece essas coisas] e também além de tudo quebra seu braço.

Asuka: AAAGH!! *se afasta segurando o braço*

Akane: *só assistindo com cara de preocupada*...

Asuka: *morde um pedaço de pano da roupa e coloca o braço no lugar com a força* HHHMMMMM!!!

Akane: *cobre os olhos* !!

Asuka: Zidane Head Round Strikes!

Ela dá uma cabeçada no primo, mas ele pára com as mãos, e do mesmo jeito que as roupas de Asuka foram rasgadas, as dele também foram, e também teve ossos quebrados nos braços, mas como estava hipopotizado, já planejou uma joelhada certeira no braço quebrado de Asuka, fazendo a coitada gritar de fortes dores.

Iago parecia estar aguentando os braços quebrados de boa, como se nada tivesse acontecido, mas ele não conseguia levantar os braços.

Asuka: *amarrando um pano para segurar o braço quebrado* Se eu não consigo te acordar falando com você... eu vou te acordar na dor!

Iago vai para cima de Asuka com os braços moles, agora os dois só trocam chutes, batendo canela com canela [deve doer pra caralho!] de vez em quando Asuka tentava um soco com o braço bom, mas Iago parecia estar mais rápido e esquivava dos socos.

Asuka pula bem alto, Iago a segue, mas ela usa um Roundhouse bem em cima de Iago que o acerta em cheio mandando-o com tudo para o chão, fazendo um buraco em volta dele, agora Asuka usa outro Roundhouse, dessa vez no ar, mandando-a com tudo para cima do primo mirando uma cotovelada no peito, mas Iago rola para trás, Asuka acerta a cotovelada no chão e Iago desce um chute na cabeça dela, afundando no chão.

Ta... chega...

---------------------------

Naomi: *sentada numa rocha* Não acha que a gente devia ir até o Hassan agora?

Bia: *idem* Espera só mais um pouco, só to um pouco cansada.

Han: *sentada no chão* Meu corpo ainda dói, deixa eu me recuperar...

Naomi: É, eu também to só o pó...

Mr. P: *passa voando por elas*
.
.
.
.
Mr. P: *volta* Naomi! O que você ta fazendo com os inimigos?!

Bia: Droga... mais um!

Mr. P: Você ta traindo o Hassan?!

Naomi: Não! É que... elas estão do nosso lado!

Bia/Han: Estamos?!

Mr. P: Estão é? Como se eu nunca as vi?

Naomi: Nunca viu? Elas sempre estiveram no exército do Hassan-sama... elas são novas...

Mr. P: Ah... Entendi... Bom, então venham comigo, eu estou indo até o Hassan agora!

Mr. P carrega as três e vai voando em direção a Hassan. [Mr. P é um cara tão fácil de enganar!]

---------------------------

Karol: *voando* Dai Gyakusatsu!

Aquela chuva de lâminas vai na direção de Hassan, mas ele só estende o braço para frente parando as lâminas com a mão, mas depois de tantas lâminas a mão de Hassan sofreu alguns cortes.

Hassan: Tsc... Irritant-

Antes que Hassan terminasse de falar, Karol aparece na frente dele com uma joelhada na boca, Hassan aparece atrás dela e estende o braço na sua direção, Karol começa a se sentir sufocada, cai de joelhos no chão, mal conseguia respirar.

Hassan: Um demônio enfrentando o poder de Alá? Já deveria saber como vai ser esse final!

Karol: *coloca as mãos no chão* Jigoku!

Centenas de rajadas de um ki preto brotam do chão, como Bin Laden era grande, foi atingido por várias delas mandando-o para o alto e cortando a sua pele até terminar aquele inferno. Hassan cai no chão de pé, mas Karol não dá tempo para ele respirar e já chega dando um soco nas costas de Hassan, quase dobrando o infeliz para trás, a demônia já aproveita e segura aquele cabeção deformado, batendo no chão até rachar [o chão].

Hassan abre as pernas e os braços, só a energia dele afasta Karol com poder. Até agora deve estar 7 a 2 para Karol, por aí.

Hassan: Parece que eu me enganei sobre você... Você não é um demônio comum...

Karol: Não somos muito diferentes.

Hassan: Bom, mas você devia estar orgulhosa de você mesma...

Karol: Ah vai, você não é tudo isso não!

Hassan: Porque você vai ser meu primeiro oponente a me fazer lutar com meu máximo poder!

Osama morde o dedo arrancando sangue do mesmo, depois passa esse sangue na testa, bem no símbolo [que eu já nem sei mais o que significa].

Karol: ???

Uma aura vermelha começa a envolver Osama, logo em seguida um chifre sai daquele símbolo.

Dalila: Ein? *olhando para os lados e assoviando*

Logo depois saem oito garras enormes das suas costas, como patas de aranha, os olhos de Hassan ficam completamente brancos, Hassan dá um grito e sua boca abre mais do que o normal, tipo aquele tiozinho sorveteiro do filme “Legião”.
http://www.fearnet.com/fearnetImages/imC7mwzkSsWmFxZBZHchbTCA==.jpg

Dalila: !!... Pensa no dinheiro... pensa no dinheiro... pensa no dinheiro dele, nada mais...

Agora a voz de Osama estava tão demoníaca quando seu corpo. Ele só abre os braços e todo o cenário onde eles lutava é totalmente quebrado, com o chão rachado e cheio de buracos, as montanhas tremem e bambeam. Até Karol estava assustada.

Hassan: Hahahahaha! Está com medo, demônio?! Está com medo de enfrentar Deus agora?!

Karol: Uau... acho que se Deus fosse assim não ia ter tanta gente querendo ir para o céu!

O braço de Hassan estica agarrando o pescoço de Karol e sai arrastando a cabeça dela por todos os lados, a joga para o alto e ela paira no ar para recuperar a respiração, mas as garras nas costas do Hassan batem no chão dando impulso para ele ir até Karol com um pulo. As garras apontam para frente na direção do chifre e Hassan pega impulso até Karol, o chifre e as garras perfuram o peito dela.

Karol: AAARGH!! *jorrando sangue da ferida*

Mas Karol não desiste, pega Hassan pelo chifre e o joga longe.

Karol: *ofegante* Shi no Ame!

Karol estende os braços pra cima e várias rajadas grandes de ki demoníaco saem da sua mão indo em direção ao solo, destruindo tudo que pudesse encontrar.

Dalila: Kyaaaaaaaaaaah!! *se esconde*

Essas rajadas vão na direção de Hassan, que se protege com as garras das costas.

----------------------

Iago tentava chutes em Asuka, que defendia com o braço bom, mas ela já estava ficando cansada enquanto Iago parecia que os braços quebrados eram só um pequeno detalhe.

Asuka: *se afasta ficando perto da janela da casa em que Akane se escondia* Akane-chan... Akane-chan eu preciso de alguma coisa que vai me deixar mais disposta! Você tem?

Akane: Bom, ter eu tenho, mas pode ser perigoso, você pode acabar se esforçando demais.

Asuka: Eu sei, mas eu tenho que acordar o nee-nee na porrada. Me ajuda aí!

Iago: *vindo na direção das duas*

Akane: T-ta bom! *espeta uma agulha em Akane*

Asuka: Hmm... Agora se esconde, rápido!

Akane: Aham! *corre pro fundo da casa*

Iago chega na voadora em Asuka, que só se defende com o braço bom e ainda quase cai com o impacto. E os dois continuam a se matar.

Mas perto deles, pelo ar, Mr. P chegava com Naomi, Bia e Han, Han era a mais estourada, as meninas e o neg-... afro-descendente estavam bem machucados, mas nem tanto quanto Han.

Han: Olha! É o Iago e a Asuka-senpai lutando?!

Mr. P: *pára e fica no ar* Mais desses intrusos! Mas por que estão lutando entre si?

Naomi: São seus amigos, Bia?

Bia: São, mas eu não entendo eles lutarem entre si... eles vivem brigando, mas numa situação dessas...

Mr. P: Peraí, “amigos”? Mas elas não estão do nosso lado, Naomi?

Naomi: Ta, ta, agora fica quietinho aí. Então temos que parar eles certo?

Han: ASUKA-SENPAAAAAAAAAAI! IAGOOOOOOOO!

Asuka: *olha pra cima* Han?! Aneue?! Um preto e uma mina de cabelo roxo?!

Na distração Iago pula e acerta Asuka com as duas pernas no meio da fuça dela.

Bia: Temos que parar eles de algum jeito!

Mr. P: Por que? Não seria melhor deixar esse tolos se matarem na porrada?

Naomi: Phillip...

Mr. P: Mr. P! Por favor!

Naomi: Mr. P, a situação agora é muito crítica. Depois eu te explico tudo, só confia em mim! Deixa a gente lá.

Mr. P: Ta ok! *solta as três*

Han/Bia/Naomi: KYAAAAAAAAAAAAAAAAAHHH!! *cai no chão*

Mr. P: Acho que eu fui meio bruto...

Bia: *levanta* Asuka-chan! Iago! Párem de brigar!

Asuka: Ele não vai te ouvir aneue! *esquiva de um chute de Iago* O jeito é sentar a porrada!

Mas Asuka lembra da vez em que Bia acordou Iago de um transe com um beijo, quando foram para Livorno.

--------------flashback on--------------------
Bia: Ok! *ajoelha e fica cara a cara com Iago* Isso é só pra você acordar, viu? Seu baka! *tinha um emoticon aqui de ela corando*

Bia lasca um beijo em Iago que até a alma dele sentiu, e foi demorado, até Iago perceber que a cabeça dele tava lá [orra, com um beijo desse até defunto volta à vida]

Todos menos Asuka e Karol [porque tava apagada né]: OOOOOOOOOOOOOHHHH!!! *olhinhos brilhando*

Iago: *acorda corando bagarai*

Bia: *solta* Viu? Sua cabeça ainda ta aí! *corada + gota*

Iago: *mexendo na cabeça* Minha cabeça! *mexe no braço* Meu braço! Graças a Deus! *mexe nos lábios* E o que foi... isso?

Bia: Não fala nada!

--------------flasback off--------------------------

Asuka: Isso! Talvez funcione!

Asuka esquiva de outro chute de Iago, e dá uma cotovelada nas suas costas e logo em seguida vira um chute em cheio nele para se afastar.

Asuka: Aneue! Beija o Iago!

Bia: O-o que?! M-mas eu não quero interromper a luta, que isso... *gota*

Asuka: Ele ta hipopotizado! Ele ta seguindo as ordens de uma biscate! Não sei como mas ele ta! Você tem que acordar ele igual acordou na Itália!

Nisso Iago já se levantava, se recuperando da bicuda que levou.

Bia: Aff... Ta bom! Mas alguém tem que segurar ele porque ele pode me atacar.

Asuka: Deixa isso comigo, Han, me ajuda ae!

Han: Claro!

Asuka e Iago correm um na direção do outro, Iago desfere uma cabeçada na prima, mas ela rapidamente segura a testa dele e enfia a cabeça do indivíduo no chão. Han rapidamente segura as pernas de Iago, mas Iago, como um norriano, tem uma força sobrehumana nas pernas e chuta Han no queixo, fazendo-a solta-lo, e ainda da uma joelhada na cabeça da prima, Asuka aguenta o chute, sente muita dor, mas não solta o primo. Han volta e segura suas pernas de novo, mas a cena se repete, e mais uma vez Asuka leva uma joelhada na cabeça. Se ela estivesse com os dois braços bons seria mais fácil, mas só com uma mão era quase impossível continuar... mas ela continuou.

Mais duas ajudas vieram, Naomi e Mr. P pulam em cima de Iago como se fosse um montinho, e ainda ajudam Han a segurar as pernas de Iago, o norriano empurrava a mão de Asuka com a cabeça, mas ela forçava contra o chão com todas as suas forças. Bia aparece lá e segura a cabeça de Iago para Asuka, assim a norriana poderia ajudar a parar o corpo forte do primo.

Bia: Não fica achando que eu vou fazer isso sempre...

Assim como na Itália, Bia beija Iago daquele jeito que só os deuses sabem fazer.

Dalila: *vendo de longe* Hey! O que é aquilo? Estão usando o meu brinquedinho?!

Karol: *idem Dalila* Ein? Suruba?

Akane: *olhando da janela* Oh… que fofo!

Iago parecia mais calmo, sem se debater com antes, então Asuka, Han, Mr. P e Naomi saem de cima dela.

Bia: *corando muito* E é bom isso ficar só entre a gente!

Asuka: Hahaha... Mas que vocês fazem um casal bonitinho fazem...

---------------------------------

*no céu*

Rie: Itte!

Set: Itte!

Yuki: Algum problema com vocês dois?

Rie: Sei lá, de repente meu cotovelo começou a doer...

Set: O meu também... nossa, que estranho...

------------------------------

Han: Mas ta tudo bem agora né?

Asuka: Não, ainda tem o Ração, que pelo jeito virou um monstro de vez!

Dalila: *rindo por dentro* Que idiotas... acham que isso vai fazer meu brinquedinho me deixar...

Iago levanta com um pulo e da um chute no rosto de Bia a jogando longe, mesmo com braço quebrado da uma cotovelada de Muay Thai na cabeça de Han, passa uma rasteira em Mr. P e Naomi e logo uma voadora giratória em Asuka.

Bia: *tentando se levantar* M-mas não funcionou?!

Asuka levanta batendo testa com testa com Iago, os dois ficam com as testas coladas e trocando joelhadas e caneladas.

Mr. P: *levanta* Deixa comigo! Abaixa Bad Girl!

Asuka sai dali e Mr. P começa a atirar em Iago com sua metralhadora do mamilo, a Nipple Shot, Iago é fuzilado pelas costas pela arma, mas como é um norriano, nada acontece, a não ser ter as costas toda cheia de furinhos.

Mr. P: Ele não morreu?!

Asuka: Somos norrianos. Tiros não matam a gente.

----------------------------

Hassan enfia uma de suas garras na barriga de Karol, prensando-a contra a parede.

Karol: Uugh! *cospe sangue* (pensa) Merda... eu não to na minha melhor forma desde que eu dei um pouco da minha vida pra Mirella... Se eu morrer a culpa é daquelas duas!

Karol segura a garra e arranca, sentindo muita dor, mas não liga e usa toda a sua força para jogar Hassan na puta que pariu [to cansado de escrever, não consigo pensar direito, então eu acabo escrevendo essas coisas] e aproveita para usar o Dai Gyakusatsu, Hassan é atingido por todas as lâminas, uma delas arrancou uma das garras, mas ainda tinham mais sete.

Bem longe, Hassan estica o braço, acertando Karol e esmagando ela contra a parede, não satisfeito, ele vai arrastando a morena até o chão, fazendo ela ralar as costas na parede e ainda se arrebentar inteira com o impacto com o chão.

Hassan tenta voltar o braço ao seu tamanho normal, mas Karol segura com toda a força, puxa Hassan para si, esquiva do seu chifre da cabeça e vira um chute bem no pescoço do infeliz.

Hassan: *buscando ar* Uuuuuhhg...!!

Karol: *ainda meio tonta* Por que você não morre logo de uma vez pra que a gente possa terminar logo esse arco e ir pro próximo arco... que por sinal, não tem lutas, então não párem de ler Bad Girl! por favor, isso tudo vai passar...

Hassan: Pare de falar com os leitores e lute comigo! *levanta e continua a pancadaria*

Cohen, que estava no meio dos destroços da luta, vai acordando aos poucos, mas com o corpo ainda totalmente estourado, só conseguia mexer a cabeça mesmo. [Não, essa porra ainda não morreu]



CONTINUA...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nekiba
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 2492
Pontos : 3690
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 24
Localização : No pico do Himalaia

MensagemAssunto: Capítulo 111: A Morte de Osama e o Raio Billy!   Dom Jul 10, 2011 2:45 pm

Capítulo 111: A Morte de Osama e o Raio Billy!


------------------flashback on--------------------

Cenário de uma guerra, uma típica guerra comum entre israelenses e palestinos, coisa normal. Muitos soldados de ambos os lados já estavam mortos e mergulhandos no próprio sangue ou no sangue dos companheiros.

Mirella: Naomi! Phillip! Cubram a retaguarda! Eu e o Cohen vamos avançar!

Mirella, nessa época ainda não tinha a cicatriz no centro do rosto, só a pequena no queixo, mas nesse caso ela estava toda suja de sangue dos palestinos.

Phillip: *com uma metralhadora, atirando pra trás* AAAAAAAAAAAHHH!!! NAOMI, ATIRA!!

Phillip, vulgo Mr. P, ainda não tinha o piercing de boi no nariz, nem era tão bombado, e também não tinha nenhuma parte robótica no corpo.
Um soldado palestino chega por trás de Phillip com uma faca, mirando cortar sua garganta, mas Naomi aparece enfiando uma ka-bar na cabeça do palestino, Naomi na época ainda não tinha o piercing e o cabelo era mais longo, não era tão diferente da Naomi atual, só era mais nova.

Naomi: Toma mais cuidado, Phillip!!

Phillip: Me ajuda aqui, porra! *atirando*

Mirella: Cohen! Cohen! Cadê você?

Uma bomba explode perto de Mirella, ela começa a ficar tonta e surda temporariamente, alguns soldados palestinos avançam em Mirella apontando suas armas para ela, mas ela já estava tonta e com a visão embaçada, até que esses soldados palestinos são fuzilados, todos de uma vez pela arma de Cohen. Cohen na época tinha um cabelo curto arrepiado, sem aquele piercing ou a tatuagem na cabeça e era mais baixo.

Cohen: Mirella! Mirella! Ta tudo bem?

Mirella: *não ouvia* C-Cohen?

Mirella só ouvia uns sons abafados, e conseguia ver, mesmo que meio embaçado, Cohen correndo de uns tiros, umas explosões, Phillip e Naomi lutando para sobreviverem, mas eram muitos soldados palestinos e árabes. Mas no meio dessa putaria toda, um vulto aparece no meio deles, foi tudo que Mirella consegui ver por enquanto, quando ela consegue recuperar a audição e a visão, só vê Hassan de costas, na frente dos seus amigos.

Osama: *estende a mão para Mirella* Vem comigo... Vamos lutar juntos...

Mirella ainda assustada se levanta e ataca Osama com nada mais que uma faca, mas com um movimento rápido dos braços, tão rápido que Mirella não pôde ver, Bin Laden abre um corte no rosto de Mirella fazendo jorrar muito sangue.

Cohen: MIRELLAAAAAAAA!!

Naomi e Cohen vão acudir Mirella enquanto Phillip vai pra cima de Hassan, em segundos Osama acaba com Phillip sem dificuldades, arrancando o braço dele.

Phillip: WAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAGGHHH!!!!! Meu... braço!!!

Hassan: Por que lutam? Eu sou a solução para vocês! Eu sou o caminho! Eu sou aquele que vai libertar a nação de vocês da escuridão... Eu sou Osama Bin Laden!

------------------------------

Mirella: Tem certeza que a gente deveria estar seguindo as ordens do Bin Laden? Ele sempre foi nosso maior inimigo e um terrorista perigoso.

Cohen: Mesmo que a gente não quisesse, ele pode matar a gente a qualquer momento...

Phillip: *mexendo um braço mecânico* E ele teve a chance de me matar e não matou...

Naomi: E se a gente fugir?

Cohen: Fugir pra onde?! Não tem pra onde ir, Naomi!

Mirella: Tem sim, Cohen, um dia eu vou fugir daqui...

Naomi: Eu vou com você!

Cohen: Fugir pra onde, porra?! A gente ta preso aqui nessa merda desse país!! E ainda temos que seguir as ordens de um merda de um árabe!

Phillip: E agora o Osama... não, o Hassan incluiu um cara no nosso bando, Junsho Fuma. E eu acho que ele só ta aqui pra olhar a gente. O Hassan já deve estar desconfiado que um de nós planeja fugir.

Mirella: Eu não ligo pra esses detalhes, eu vou fugir mesmo assim. Isso aqui não é vida!

Phillip: Mas o Hassan salvou nossas vidas... se não fosse ele os palestinos teriam nos matado!

Mirella: Só por causa disso ele pode tomar as nossas vidas e fazer o que quiser delas? Se for pra ter esse tipo de vida eu preferia ter morrido na guerra! Eu sei que tem vida lá fora! Eu sei que podemos encontrar pessoas que realmente se importam com a vida! Vocês não querem conhecer outros tipos de lugares e de pessoas? A não ser campos de guerra e soldados?

Naomi: Eu gosto da Grécia... Não sei por que, mas eu gosto.

Phillip: Eu sempre quis ver a África... Encontrar meus antepassados...

Mirella: Eu acredito que um dia eu vou encontrar pessoas que se importam e valorizam a vida. E espero que um dia vocês encontrem também...

-------------------flashback off---------------------

Mirella vai abrindo os olhos aos poucos, meio que ainda embaçado consegue ver o rosto de Aya.

Aya: Heh... é como dizem... vaso ruim não quebra...

Mirella: A-Aya... E-eu to viva?

Aya: É, você ta... A Karol te salvou, do contrário você estaria morta agora...

Mirella: Hehe... *coloca a mão no rosto, cobrindo os olhos* Huu...

Aya: Não acredito! Você ta chorando!

Mirella: É que... ehe... Eu to tão feliz de poder ver a sua cara feia de novo!

Aya: Ahahaha! Vai se fuder! *da um soco em Mirella*

Mirella: AI! Eu to com um osso quebrado aí!

Aya: Eu nunca achei que eu ia dizer isso, mas... Eu to feliz que você esteja viva... Mirella.

Mirella: Você? Feliz? “Aya” e “feliz” não são coisas que geralmente atuam no mesmo plano!

Aya: A Thaysa vai ficar feliz também, e a Geh... E o Criss, a Bia, o Leandro... Todos vão!

Mirella: ...Vocês realmente dão valor à vida.

---------------------

Naomi/Mr.P: *arrebentados no chão*

Naomi: Ele é bem mais forte do que eu pensava...

Mr. P: Como esperado de um norriano... eu tenho pena da gente...

Iago chega na voadora em Asuka, que esquiva igual o Neo do Matrix, Bia já chega por trás com a Faon mandando flechas para Iago que esquivava mais rápido que... que... que alguma coisa bem... rápida mesmo... [to muito sem inspiração... e doente também... aí é foda!]
Mas uma flecha acerta Iago no ombro, sem nem gemer ele segura o lugar perfurado mesmo com o braço quebrado.

Bia: É impossível que ele não esteja sentindo dor. Mesmo um norriano não aguentaria isso tudo sem dar um único gemido igual o Iago ta aguentando!

Asuka: Isso deve fazer parte da hipopotização!

Iago: *suando muito, com a mão na ferida sangrando*...

Dalila: *chega* Hahahahaha! Vocês acham que os meus brinquedinhos são qualquer coisa? Não! Quando eu crio um brinquedinho, ele é perfeito! E nada vai fazer ele parar de seguir as minhas ordens!

Bia: Tsc!

Asuka: Calma, aneue! Tem que ter um ponto fraco!

Dalila: Mas não tem! É perfeito! Tentar libertar ele com um beijo?! Tá achando que isso aqui é conto de fadas?! Hahahaha! Nada vai parar ele de seguir as minhas ordens, a não ser me matando e... ai caralho, falei demais!

Asuka: Hmmm... então descobrimos como fazer o nee-nee voltar ao normal!

Dalila: E-e-eu tava blefando! Era mentira! Era brincadeirinha! Brincadeira de primeiro de Abril!

Asuka: Hoje é 19 de Janeiro!

Dalila: Brincadeira de Carnaval então!

Asuka: Não brinca comigo, vadia! *indo socar Dalila*

Dalila: B-Brinquedinho! Me proteja!

Iago entra na frente, o soco de Asuka pega bem na perna de Iago, quebrando a perna dele também. Iago agora só tinha um membro bom, e com o ombro fodido, ó a situação.

Dalila: Não fica aí parado, brinquedinho! Faz alguma coisa pra me proteger!

Iago:...

Asuka: Nee-nee... se eu tiver que te bater mais pra matar essa mulher eu faço!

Iago: ...Hm...

Asuka/Dalila/Bia: ?!

Iago: *leva as mãos a cabeça* Hmm... Uh...

Dalila: Brinquedinho...?

Iago: ...A-Aniki...!! *encarando Asuka com um olhar de desespero*

Asuka: Acorda agora, nee-nee! Não desiste!

Dalila: Não! Você segue as minhas ordens! Então mate agor-

Dalila pára de falar do nada e cai no chão, com uma kunai enfiada nas costas e Han atrás dela.

Han: Foi? Acabou?

Asuka: Nee-nee!

Iago: *arregala bem os olhos e cai no chão* Uhh... AAAAAAAAAAGH!!

Han: Hm, parece que ta doendo bastante!

Bia: Não encosta nele! Com os braços e a perna quebrada mais a flecha perfurada no ombro ele ta sentindo muita dor!

Iago: AAAAAGH!... Nada a ver! Eu to suave! Só dói um pouquinho!

Bia: *coloca a mão na flecha* Eu vou tirar a flecha agora ta? Vai doer bastante mesmo, já vou avisando.

Bia puxa a flecha de uma vez do ombro de Iago, ele só solta uns leves gemidos, mas parecia sentir dor.

Bia: Uau, nem gritou...

Iago: *sorri* Eu sou bem mais forte do que você pensa, hehe.

Bia: Deixa eu pressionar a ferida, se não você vai perder muito sangue. Eu vou curar você.

Han: Uma dica, Iago: Não pessa anestesia, de jeito nenhum!

Akane: *saindo da casa* IAGO-SAMAAAAAAA!!!

Asuka: Ta tudo bem agora, Akane-chan, ele já ta melhor... nem tanto...

Iago: Ah, e uma coisa, aniki. Tecnicamente, você apanhou de mim.

Asuka: Ah é? Isso conta como uma luta de verdade? Porque você parece bem mais arrebentado!

Iago: Lógico, a Bia, a Han, a menina de cabelo roxo e o cara negro com partes metálicas entraram na briga! Eu tava muito na desvantagem!

Bia: Pára de falar, Iago! Eu to tentando me concentrar aqui!

Iago: E cara... você sempre encontra motivos pra me beijar, que isso!

Bia: O-o que?! Era parte do plano!

Iago: Aham, sei, um ótimo plano pra você!

Bia: Só cala a boca e me deixa trabalhar!

Mr. P: Naomi, por que eles parecem tão amigos? E por que não estamos atacando eles já que eles são nossos inimigos?

Naomi: *coloca a mão nas costas de Mr. P* Sabe, Phillip... eles são amigos!

Mr. P: Se você ta falando... E é Mr. P! Aprende!

--------------------------

Karol/Hassan: *ofegantes*

Hassan: Parece que você não pode se cansar ou morrer.

Karol: Na verdade eu posso me cansar... é difícil, mas eu posso. E morrer eu não morro mesmo, pelo menos não que eu saiba. Se tem uma forma de me matar nem eu sei, entendeu?

Hassan: E eu sou como você...

Karol: Eu não! Credo! Se você fosse bonito tudo bem, mas...

Hassan: Eu tava falando que somos parecidos! E parece que o resultado dessa luta não vai aparecer tão fácil.

Karol:...

Uma luz aparece do nada no céu, e parecia ficar maior, como se estivesse se aproximando. [Deixa eu explicar, desde que eles saíram de Champz até agora levou um dia (sim, o iate do Norris-sama é muito rápido!) e agora virou esse dia, ou seja, deve ser umas seis da manhã, que ainda ta meio escuro]

Hassan: *olha pra luz* Isso... Isso! Finalmente! Meu plano vai ser realizado! Nyahahahahahaha!

Karol: O que é essa luz?

A luz ia aumentando de tamanho, como se viesse de muito longe no céu e fosse chegando mais perto da Terra.

Cohen: M-mas... Hassan-sama! Se você usar isso... vai matar todos nós!

Hassan: Você ainda ta vivo, criatura?! Mas é! Todos vocês vão morrer!

Mr. P: Esse era o plano do Hassan o tempo todo?

Naomi: Ele já planejava matar a gente também!

Hassan: Assim que essa bomba que eu criei atingir a Terra, mas especificamente em Jerusalém, tudo isso que vocês estão vendo vai virar cinzas! Finalmente vocês, judeus ridículos, verão o poder de Alá!! HWAHAHAHAHAHAHAHA!!!

[Eu sei, ta meio confuso, mas eu vou tentar explicar. Quem já viu aquele filme ou leu o mangá “Akira”? Quando tem uma espécie de satélite no espaço que ia lançar um raio na Terra, o SOL. É mais ou menos igual]

-----------------------------

Aya: Hm? Que luz é essa?

Mirella: Ai cacete! Aya, pega o pessoal e sai daqui agora! Quando essa luz se chocar com Jerusalém tudo vai ser feito em pedaços!

Aya: O que?!

Mirella: Vai embora!

----------------------------

Jack Sparrow: Eu já to bêbado demais ou eu to vendo uma luz caindo?

Joy: Não... o Hassan vai mesmo usar isso... merda!

Thaysa: Isso o que?!

----------------------------

Leandro: *nadando* Eita... que raios é aquilo?
.
.
.
Leandro: AH! Eu fiz uma piada sem querer! “Que ‘raios’ é aquilo”! Hahahahaha! Haha... ai ai... Por que eu só faço piadas boas quando não tem ninguém pra ouvir?!

---------------------------

Hani: Que luz é aquela?

Lana: Não é o sol nascendo, certeza...

Criss: Parece mais com... um cometa, ou algo parecido...

Soldado qualquer: Aquilo é... O Billy!

Criss: Billy? Quem é Billy?

Soldado qualquer: Não é “quem”, é “o que”... Merda! O Hassan-sama vai mesmo usar isso!!

Preston: Fala logo o que é Billy, porra!

Soldado: É um raio criado pelo Exército Israelense, foi feito com várias e várias camadas do poder de Hassan-sama... Multiplicando o poder do Hassan-sama umas 100x... Vai deixar Jerusalém... Vai deixa Israel inteira em cinzas!! Vamos todos morrer!!

Lana: O... o que?!

------------------------------

Hassan: Mas vocês devem estar se perguntando “mas Hassan-sama, ó grande e poderoso Hassan-sama, você também não vai morrer com a explosão?” e eu te respondo, claro que não! Eu não sou tão burro assim! Criei um refúgio subterrâneo onde só eu vou poder entrar!

Karol: *agarra no chifre de unicórnio de Hassan*

Hassan: O que você ta fazendo?!

Karol roda Hassan umas cinco vezes e lança com toda força em direção à luz, antes que Hassa pudesse reagir, Karol usa o Dai Gyakusatsu mais uma vez no infeliz, dando mais força para lança-lo na luz.

Hassan: O-o que você...?!

Karol: Zansatsu! Zansatsu! Zansatsu!

Karol vai lançando uma lâmina atrás da outra em Hassan, dando mais potência e dificultando o infeliz cada vez mais de se salvar.

Hassan: Não! Eu sou Deus! Eu não posso morrer! Não!

Karol: *mostra o dedo do meio para Hassan e abre um sorriso*

Hassan: !!

Cohen: H-... Hassan...

Karol: Todo mundo, se protejam!

Bia: *tenta levantar Iago*

Iago: Ah! Hm! Meu braço!

Naomi: A gente não pode esperar aqui! A destruição vai ser muito grande!

Finalmente, Hassan se choca contra o raio do Billy, não sobra um pedacinho de Hassan pra contar história, mas com isso uma explosão imensa acontece no ar, enquanto Karol e os outros tentam procurar um refúgio. Um anel de fogo se dispersa por toda Israel numa velocidade incrível, saindo da área de guerra e indo para as cidades, destruindo os prédios e as casas, matando pessoas, causando uma destruição imensa nas cidades, principalmente em Jerusalém. A destruição só não foi maior porque Billy não chegou a se chocar com a Terra.

Depois de segundos que pareceram horas nessa explosão, Israel inteira estava parcialmente em destroços, muita gente gravemente ferida, pessoas mortas, pessoas desabrigadas. Uma grande parte da Faixa de Gaza e da Cisjordânia também estava em destroços.
.
.
.
.
.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nekiba
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 2492
Pontos : 3690
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 24
Localização : No pico do Himalaia

MensagemAssunto: Capítulo 112: Isso não é um adeus, Mirella   Dom Jul 10, 2011 2:48 pm

Capítulo 112: Isso não é um adeus, Mirella


Akane: *em posição fetal, vai abrindo os olhos aos poucos, meio assustada* Ein... o que aconteceu? *olha pra cima* Iago-sama?!

Iago: *ajoelhado por cima de Akane com as costas toda estourada* Você ta bem, Akane-chan?

Akane: M-mas... Iago-sama...?!

Iago: Bom... contanto que você esteja bem... hehe... *cai*

Akane: IAGO-SAMA!

Asuka: *chega cambaleando e coberta com poeira* Coff! Coff! Droga... o que aconteceu?!

Akane: O... O Iago-sama... tentou me proteger...

Asuka: *batendo no corpo pra tirar a poeira* Relaxa, ele ta vivo ainda, vaso ruim não quebra.

Bia: *levanta em cima de Naomi* Naomi-chan!

Naomi: S-seu peitos... me esmagaram, Bia... *sobe alminha*

Han: *levanta do lado delas * Minha cabeça...

Mr. P: *levanta sem um braço* Argh... que merda!

Akane: AH QUE HORROR!!

Mr. P: Relaxa, é braço mecânico, eu posso fazer outro.

Akane: Ufa... Cadê a Karol-sama?

Asuka: Óia aquela porra lá em cima…

Karol: *em cima de um empilhado de escombros* EU SALVEI VOCÊS!! VOCÊS DEVEM SUAS VIDAS A MIM!!

Akane: Haha! Ta todo mundo bem! Isso é ótimo, não é Asuka-sama?! *olhos brilhando*

Asuka: É... mas meu braço ainda ta quebrado...

--------------------------------

Joy/Wagner/Thaysa/Jack Sparrow: *olhos arregalados e queixos caídos*

Preston/Criss/Tsuki/Lana/Hani: *espantados*

Estavam todos espantados, mas isso porque quem estava na frente deles, na direção que eles olhavam, era Chuck Norris, com as mãos estendidas para frente, as palmas de suas mãos estavam quentes e machucadas, ele estava com a camiseta rasgada e com uma puta cara de bravo. Atrás de todos estavam todos aqueles que vieram com Chuck Norris, entre eles, Juh, Nekiba, Kyo, Miwa, Lix, Geh, Bruh e Jammal.

Jack Sparrow: E... Esse... Esse é... Haha... Norris-sama... Hehe... Ehe...

Tsuki: T-Tio Norris...!

Jack Sparrow: Haha! Tio?! Haha! Que história é essa de Tio?! Hahaha!

Chuck Norris: *olha para todos com um olhar mortal*

Todos – Chuck Norris: *tremem*

Jack Sparrow: WAH!!... Acho que eu me borrei!

Chuck Norris: LANA-CHAN!

Lana: S-sim, Norris-sama!

Chuck Norris pega uma rocha que voou com a explosão, senta em cima dela, puxa Lana pelo braço e a coloca de bruços no seu colo.

Chuck Norris: Então você fugiu ein? Sabe o quanto a sua mãe ficou preocupada?

Lana: M-m-mas... e-e-eu prometo... prometo que não faço mais! Eu juro! Pela minha vida!

Chuck Norris: *enfia um tapa na bunda dela*

Lana: AAAAAAAAAAAAAAAHHHH!!!

Hani: *vira o rosto*

Chuck Norris: *de novo*

Lana: *chorando* AAAAAAAAAAAAAHH!! NORRIS-SAMA POR FAVOOOOOOOOR!!

Chuck Norris: To fazendo isso pra você aprender! *outro tapa*

Lana: KYAAAAAAAAAAAAAAAHHH!!! *se contorcendo de dor*

Nekiba: E-eu não aguento ver isso... *vira o rosto*

Miwa: To ficando excitada...

Chuck Norris: *solta ela* Proooonto... agora eu tenho outras pessoas pra castigar, fiquem aqui e nada de bagunça! *vai saindo*

Hani/Tsuki: *seguram Lana*

Hani: Lana-chan, tudo bem?

Lana: *tentando ficar em pé* Nunca mais sento...

----------------------

Aya: (pensa) Ta escuro... o que aconteceu?... Eu sinto algo macio... onde estou... *mexendo em alguma coisa* Que coisa macia é essa? *levanta a cabeça*

Mirella: Aya, poderia parar de massagear meus seios, por favor? Eu ainda to com uma costela quebrada.

Aya: *cora* E-eh... T-ta... Desculpa... *sai de cima dela*

Mirella: Será que ta todo mundo bem?

Aya: Não sei, acho que nessa explosão pelo menos alguém morreu... espero que seja o Ração.

Mirella: Vamos até lá, e vamos torcer pra você estar certa. *tenta levantar* Aigh! Acho que eu quebrei mais de uma costela!

Aya: *ajuda ela a levantar* Vem, eu te ajudo, mas não se acostuma não, ta?

----------------------

Karol: Hahahahaha! Eu venci ele! Hahahahaha! Eu sou demais! Hahahaha!

Asuka: *cai de costas* É, é, meus parabéns, você é a repetácula, yaaay...

Karol: *abraça ela* Nhaaaau Asuka-chwan~* Eu não teria conseguido sem você~*

Asuka: A-AI! Meu braço!

Han: Pára de ficar agarrando a Asuka-senpai, Karol!

Karol: Fica com ciúmes não, Han-chan, se você dividir a Asuka comigo eu divido a Thaysa-chan com você!

Han: *cora* K-KAROL! VOCÊ É...

Asuka: Perva! Agora deixa eu descansar.

Naomi: *procurando no meio dos escombros* Acho que eu vi ele por aqui... *acha um moicano* COHEN! *tira ele do meio*

Cohen: Uuuugh! Agh! Não puxa! To cheio de ossos quebrados!

Naomi: Nunca achei que diria isso, mas to feliz que você esteja vivo!

Cohen: Idiota... eu sou uma barata... eu não morro fácil assim não!

Naomi: Hehe... Ta tudo bem agora, os amigos da Mirella deram um fim no Hassan... estamos livres agora!

Cohen: Ele... ele planejava matar a gente desde o começo...

Naomi: Mas agora ta tudo bem! Ele morreu... o Junsho morreu... não tem mais ninguém no nosso caminho...

Cohen: E a Mirella?

Naomi: Eu ainda não tenho notícias dela, mas eu tenho certeza que ela ta bem! Você e ela são praticamente iguais, não é? Se você não morre fácil ela também não.

Iago: *ainda todo zuado no chão* Cara... mataram aquela gatinha possuidora... que disperdício... eu queria fazer dela o meu brinquedinho também...

Han: Hey! Olha quem ta chegando aí!

Aya: *chega carregando Mirella*

Mr. P: Mirella!

Naomi: Ali a Mirella! *sai correndo*

Cohen: Hey! Não me deixa aqui! Hey!

Asuka: Vocês não deviam matar uma a outra?

Aya: Hehe... deixa isso pra outro dia.

Naomi: Mirella-senp-... digo, Mirella! Ta tudo bem?

Mirella: Aham, eu não sei como, mas eu to viva.

Karol: Agradeça a mim! Eu te salvei!

Chuck Norris: ASUKAAAAAAAAAAAAAAA!!!!!! IAGOOOOOOOOOOOOOOOOO!!!!!

Asuka/Iago: KYAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHH!!!

Asuka: M-m-m-m-m-meu Pai chegou!

Mirella: Aya, você é uma idiota! Me trouxe bem aonde Chuck Norris chegou!

Aya: E eu ia saber, sua judia de merda?! [a la Cartman do South Park essa]

Naomi: Chuck Norris? Você quer dizer o Norris-sama?! Ele ta vindo pra cá?!

Asuka/Iago: EU VOU MORREEEEEEEER!!!

Chuck Norris: *tremia a terra a cada passo* Ô Asukaaaaaaaa~ Ô Iagoooooooo~ Quero brincar com vocêêêêêês~

Han: E-ele ta falando fofamente, mas eu sinto o ódio nas suas palavras!

Chuck Norris: *cai do céu fazendo uma cratera no chão*

Todos – Norris: AAAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHHHH!!!!

Chuck Norris: *sangue nozóio* Podem ir falando... De quem foi a brilhante idéia de roubarem o meu iate?!

Asuka/Iago: *apontam um para o outro* FOI DELE(A)!! NÃO, DELE(A)!!

Chuck Norris: Bom... como o Iago já está todo quebrado e a Asuka é quem sempre tem as idéias erradas...

Asuka: *engole seco*

Iago: Ufa...

Chuck Norris: *se aproximando de Asuka* Então, Asuka, o seu castigo vai dobrar... não, vai triplicar... aliás, vai quadruplicar, quintoplicar, tatiquitacutiplicar, plimplomclaqueclequeplicar!

Bia: (pensa) plimplomclaqueclequeplicar? Whattafuck?!

Han: *entra na frente de Asuka* Fui eu quem teve a idéia de roubar o iate do Norris-sama, Norris-sama! *suando frio*

Chuck Norris: Você, Han?!

Bia: E-e eu também tive parte nessa idéia!

Asuka: Han... Aneue...

Karol: E fui eu que ajudei eles a saírem de Champz, por isso eu tinha ficado.

Asuka: G-gente...

Akane: Eu não to envolvida, Norris-sama! Juro!

Asuka: *croque em Akane* Traidora!!

Chuck Norris: Boa tentativa meninas, mas eu sei que a Asuka tem a maior parte nisso! *olhar mortal para Asuka*

Asuka: *arregala os olhos e leva as mãos à cabeça* NÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃOOOO!!! POR FAVOOOOOR!! PÁRA, PAI!! PÁRAAAAAA!! *se joga no chão*

Han: Asuka-senpai!

Iago: Esse é o Olhar Mortal do Tio... Só de olhar nos olhos dele você começa a entrar no maior desespero da sua vida...

Bia: Assustador...

Naomi: Mr. P... Norris-sama da medo...!

Mr. P: *tremendo* E-eu tenho pena da Bad Girl...!

Chuck Norris: E esse é só o começo do começo do seu castigo, Asuka. E você, Iago, só não te castigo agora porque você está muito machucado.

Iago: Ufa... Graças a Deus!

Mirella: *cochicha pra Aya* Se fosse pra apanhar eu preferia apanhar do Hassan...

Chuck Norris: Eu ouvi isso, Mirella! Comigo não adianta cochichar!

Mirella: *engole seco* !!

Nisso chega Taty voando em sua vassoura, do lado dela vinha Isami Kondo, o Comandante do Shinsengumi.

Taty: Chuck! Cheguei assim como você me pediu!

Chuck Norris: Ainda é Norris-sama pra você! E por que o Kondo-san veio junto?

Kondo: *se curva* Norris-sama, quanto tempo. É um prazer em vê-lo.

Taty: O Kondo-san disse que precisava conversar com a Aya.

Aya: Comigo?

Mirella: Por que o Hijikata-san não veio junto? Ele poderia ficar com a Aya.

Aya: *pedala na Mirella* CALA A BOCA! Mas, o que você quer conversar comigo, Kondo-san?

Kondo: Sim, vamos conversar em particular. *sai com Aya*

Naomi: M-M-M-Mr. P-P! É a… é a… Bruxa Ruiva, Taty! E o Comandante do Sinsengumi, Isami Kondo! Eles estão em um nível completamente diferente!!

Mr. P: Eu to começando a sentir pena de mim mesmo!

Chuck Norris: Os mais feridos aqui pelo jeito são o Iago, a Mirella e a Han. Pode começar pelo Iago, Taty.

Taty: Falou, vem cá, Iago.

Iago: Não! Não! Eu não quero ser curado agora, Taty-san! Pode ficar pra depois, eu to bem!

Asuka: *levanta* Argh... cura ele agora, Taty-senpai! Ele também tem que ser castigado um pouco!

Iago: Cala a boca, sua anta!

Taty: ‘-‘

Han: Olha... já que estão todos recusando, eu aceito ser curada primeiro, se não se importarem.

Iago: Isso! Cura a Han primeiro!

Taty estende os braços na direção de Han, uma sombra bem escura sai de suas mãos e envolve Han por inteira, depois de alguns segundos essa sombra vai embora e Han sai curada, ainda com alguns machucados, roupas rasgadas, mas estava curada.

Han: Mas já?! Isso foi rápido! Eu me sinto 100%!! *treinando socos no ar*

Akane: Como Taty-sama fez isso?

Taty: Essa técnica é um segredo das bruxas, Akane-chan~ *piscadinha*

Taty envolve essa sombra em Mirella com uma mão, e com a outra envolve Iago, depois que a sombra vai embora Mirella e Iago ficavam de pé sozinhos, sem ajuda.

Mirella: *olhando para as mãos* Eu to curada...

Iago: *quase chorando* Eu fui curado... Merda!

Chuck Norris: Hmmm... bom saber, Iago.

Bia: Espera... alguém ouviu alguma coisa?

Asuka: Não ouvi nada.

Han: Eu ouvi.

Uma espécie de grito podia ser ouvido bem baixo, mas era como se aumentasse o volume aos poucos.

Chuck Norris: Aff... Nascimento...

Bem longe dali, um pontinho preto vai direto na direção do chão gritando, faz um estrago enorme quando cai no chão, no meio da fumaça dos destroços, Nascimento vem correndo numa velocidade repetácula!

Nascimento: Chuck! Por que a Asuka e o Iago ainda estão bem? Você não os castigou ainda?!

Chuck Norris: Cala a boca! Eu vou castigar ainda, porra!

Nascimento: Precisa ser agora! Eles têm que aprender! 02, traz o cabo!

Asuka/Iago: *protegem a retaguarda*

Karol: *pega uma câmera* Se for usar o cabo neles, deixa eu filmar!

Naomi: Mr. P... o Na... o Na... o Na...

Mr. P: Nascimento... o Capitão Nascimento...

Nascimento: *ouve* É CORONEL NASCIMENTO DE AGORA EM DIANTE!!

Naomi/Mr. P: KYAAAAAAAAAH!! *se abraçam tremendo*

Chuck Norris: Nascimento, Taty, não façam nada com o Iago ou a Asuka, eu preciso cuidar de umas coisas. *vai saindo*

Taty: Cuidar de umas coisas? Espera, mas teve gente que não encontramos ainda, tipo o Leandro.

Chuck Norris: Vocês podem encontrar sozinhos, tenho assuntos para tratar. *sai*

Nascimento: Aonde ele vai numa hora dessas, caralho?

Iago/Asuka: Ufa...

----------------------------

Depois de andar um pouco, Chuck Norris chega em frente a uma árvore, olhando-a de cima a baixo.

Chuck Norris: Hm... *chacoalhando a árvore* Desce daí!

Hanzo: *cai do meio dos galhos até o chao* Itte! Cruel Norris-sama!

Chuck Norris: Senta aí, preciso te contar uma coisa importante.

Hanzo: E o que seria?

--------------------------

Kondo: ...Sacanagem! É o que você deve estar pensando, Aya. Mas não, eu realmente me interessei pelas suas habilidades.

Aya: Já disse que não me interesso, estou no auge dos meus 17 anos, e quero fazer coisas de gente da minha idade.

Kondo: Mas depois que eu fiquei sabendo do que você fez com todo o exército de Israel, deu pra ver que mesmo você sendo mulher, você se tornou uma grande-

----------------------

Chuck Norris: ...“Piranha”! Já viu esse filme?

Hanzo: Não senhor, como é?

Chuck Norris: É simplesmente o filme mais sanguinário e nojento que eu já vi! E é assim que essa guerra vai ser, se não começarmos a nos mexer!

Hanzo: Nossa, isso é terrível! Só de pensar em quantas pessoas vão morrer eu sinto-

----------------------

Aya: ...Um cheiro terrível! Um cheiro de sangue, misturado com a carne dilascerando! Eu já disse, eu tenho dezessete anos, eu quero fazer coisas de gente da minha idade, tipo-

-----------------------

Hanzo: ...Dar... receber... nos amarmos... Eu sonho com um mundo assim, mas pelo jeito as guerras não vão acabar, e o mundo vai continuar-

------------------------

Asuka: ...Cagando nas calças! Eu estava quase cagando nas calças depois que meu Pai me lançou o Olhar Mortal!

Iago: Ah e o castigo vai cair pra mim também! Droga, Aniki! Tudo isso porque você-

------------------------

Chuck Norris: ...Fuma... Junsho Fuma, era o nome dele!

Hanzo: F-Fuma? Do clã Fuma?!

Chuck Norris: *saindo* Aham, se eu fosse você começava a tomar cuidado. Kotaro Fuma não é nenhum fracote.

Hanzo: Sim, Norris-sama, agradeço a sua-

------------------------

Kondo: ...Traseira, o principal lugar onde o inimigo pode te cortar! Você ainda precisa treinar esse tipo de coisa, Aya!

Aya: *saindo* Desculpa, Kondo-san, eu vou encontrar meu próprio caminho da espada. E quando isso acontecer, nós vamos nos-

--------------------------

Thaysa: ...Esfregar. Tem que esfregar essa planta no lugar baleado, Jack-chan.

Jack Sparrow: Já disse que estou bem, sério.

Juh: Nhau, Jack-bofe, você vai acabar com uma infecção aí.

Kyo: Aff, gente feia pra obedecer é uma tristeza!

Wagner: *chega com uma torta* Gente, consegui fazer uma torta, alguém vai querer?

Thaysa: Ah, valew Wag-chan, eu adoraria comer a sua-

-----------------------

Naomi: ...Irmã, foi isso que a Mirella foi pra mim por um bom tempo, como uma irmã mais velha!

Mirella: E agora a nossa família está novamente reunida, como nos velhos tempos, dá até uma nostalgia.

Mr. P: Tirando o Cohen que ainda ta lá, todo quebrado!

Chuck Norris: *chega* Bom, vamos procurar o Leandro agora, eu sei que ele também tem parte nisso, ele também vai ser castigado!

Aya: *chega com Kondo*

Kondo: Espero que possa pensar melhor na minha oferta, Aya.

Aya: Vou pensar, Kondo-san.

Chuck Norris, Nascimento e Taty acharam o Leandro, ele estava nadando em direção ao Marrocos, se perdeu no meio do caminho.

Mas agora estavam todos reunidos uma outra vez, dessa vez para comemorar a vitória, agora com Hassan morto, Israel estaria em paz.

[coloca essa músiquinha e volta a ler] http://www.youtube.com/watch?v=A65Ok9WjOdE

Todos [ou quase todos] estavam dançando, comendo, bebendo e festejando ao som dessa música, isso, eles conseguiram um som não sei onde e fizeram a festa.

Asuka: *dançando rebolando*

Iago: Aniki, você não ta com medo do Tio te matar?!

Asuka: Eu to! Por isso eu to dançando! Essa pode ser a ultima vez que eu danço!

Iago: Tem razão! *começa a dançar também*

Lana: *sentada meio de lado*

Nekiba: Ainda não consegue sentar, Lana-chan?

Lana: Não... eu queria dançar... *quase chorando*

Nekiba: Tadinha...

Preston: *enchendo a cara*

Karol: *bebendo também* Tio Preston, você vai acabar tendo uma cirrose se continuar enchendo a cara!

Preston: Eu odeio dance! Odeeeeio! COLOCA UM METAL PRA TOCAR NESSA PORRA, CARALHO!!

Miwa/Juh: *passando a mão no peito do Mr. P*

Miwa: Então você tem uma bazooka no lugar?

Mr. P: Tenho! E é uma bazookona! Enorme!

Miwa/Juh: Hmmmm~~*

Mr. P: *estranhando Juh* O que você quer aqui?

Lix: *avulsa* Er... er...

Cohen: *todo enfaixado* Pelo menos você pode ficar de pé...

Taty, Criss e Jack Sparrow já estavam bebaços, Geh estava tentando ficar avulsa, mas Bia puxava ela para o meio da festa, Kyo e Wagner chavecavam Naomi, Nascimento e Chuck Norris tentavam impedir Taty de fazer alguma besteira.

Mas estava faltando alguém naquele meio, Mirella não estava comendo, ou bebendo, ou dançando, Thaysa sai para procurar ela. Ela estava na sacada, olhando para Jerusalém toda destruída. A festa acontecia na casa de Cohen [Invadimooooos!] que era em uma montanha muito alta, que dava vista para as cidades, que agora estavam quase destruidas por completo.

[tira a música pra não estragar o clima]

Thaysa: Mirella-cha-... Mirella, por que você não ta na festa?

Mirella: Só estava olhando a cidade... enquanto estamos festejando aqui, muitas pessoas da minha terra natal estão chorando a morte de familiares, procurando lugar para morar, ou morando na rua mesmo. Essa guerra só trouxe desgraça para Israel.

Thaysa: É como dizem... Numa guerra, não há vencedores.

Mirella: Nós que lutamos, e o povo é quem sofre... É assim que é uma guerra. Eu só queria fazer alguma coisa por eles... são meus conterrâneos afinal! Eu queria ajudar eles!

Thaysa: Então faça.

Mirella: ??

Thaysa: Agora que o Hassan morreu, Israel não tem mais um líder, certo? *coloca a mão no ombro de Mirella* [Ela estava quase na ponta do pé, a Mirella é uma gigante e a Thaysa é anã] Se você está sofrendo com eles, tome a dor deles, e começe a lutar por eles.

Mirella: *com os olhos lacrimejando* Entendi... *abraça Thaysa* [ela teve que agaixar]
.
.
.
.
.
.

No dia seguinte, Mirella, Naomi, Mr. P e Cohen estavam naquela mesma montanha, olhando para a cidade de Jerusalém. Chuck Norris chega com Asuka, Iago, Leandro, Bia, Karol, Aya, Thaysa, Han, Akane, Wagner, Hani, Preston, Criss e Tsuki [eita porra!]
O resto que tinha chegado estava no barco do Jack Sparrow e seus piratas para zarpar.

Chuck Norris: Vão ficar bem aqui?

Mirella: *com alguns curativos* Sim, Norris-sama, obrigada por tudo, obrigada a todos vocês pessoal! *se curva*

Mr. P/Naomi: *se curvam* Muito obrigado, pessoal!

Cohen:...

Aya: Não! A gente veio até aqui e fez tudo isso pra te trazer de volta pra Phallus! Você não pode ficar!

Mirella: Mas eu decidi ficar pra cuidar do meu povo.

Aya: Não quero saber! Você vai voltar pra casa pra gente brigar por qualquer coisa de novo!

Thaysa: *coloca a mão na frente de Aya* Ay-chan, a cidade natal da Mirella ta em caos, não acha que ela sofre com isso também? Deixa ela ficar. Mirella, nós vamos sentir saudades de você em casa. *sorri*

Mirella: Eu também vou sentir saudades de você aqui, Thaysa. Manda um “oi” pra Geh pra mim. *sorri*

Thaysa: Aaaahh vem cá! *abraça ela*

Mr. P: *chega no Leandro* Alquimista, eu ainda nem sei qual é o seu nome de verdade.

Leandro: Meu nome... é Neo!

Mr. P: Esse é do Matrix, eu não acredito mais nesses nomes, fala a verdade!

Leandro: Shinji Ikari!

Mr. P: Evangelion! O seu verdadeiro!

Leandro: Apl.de.ap!

Mr. P: É o cara do Black Eyed Peas!

Leandro: Meu nome é Bond, James Bond!

Mr. P: Quer saber? Esquece! Vou continuar te chamando de Alquimista e você continua me chamando de Ciborgue! *volta*

Naomi: *chega na Bia e na Han* Bia, Han, muito obrigada mesmo por terem dado um fim no Junsho Fuma, eu não sei o que teria acontecido se vocês não tivesse vindo.

Bia: Que isso, Naomi-chan! Eu fiquei feliz de saber que tem mais um semi-deus aqui na Terra além de mim e da Miwa.

Han: V-vocês que venceram ele... eu fiquei desmaiada... *gota*

Naomi: Me visita qualquer dia desses?

Bia: Claro! A gente ainda vai se ver muito! *abraça ela*

Han: Vamos sim, Naomi!

Cohen: *todo enfaixado, com vários curativos e se apoiando numa muleta* Tsc...

Mirella: Não tem nada pra falar, Cohen?

Cohen: *só vira a cara e sai* Não...

Akane: *vai atrás dele* Cohen-san.

Cohen: Que é?!

Akane: *dá um beijo no rosto dele e volta*

Cohen: *corando bagaraaaaaaai* Merda...! N-não faz mais isso!! *sai mancando*

Mirella: Vai demorar um pouco pra ele se adaptar, hehe... Ah, e Karol, Asuka, Iago, não tenho nem palavras pra agradecer vocês. Se não fossem vocês o Hassan teria destruido esse país.

Asuka: Agradeça a Karol, ué! Num foi ela a fodona que matou o Hassan?

Karol: *abraça ela* Ah, não fica assim não, não seja modesta Asuka-chwan~ Não teria conseguido sem você!

Iago: Ah, e Mirella, aonde vocês acharam aquela Dalila? Só por curiosidade. *nariz sangra*

Mirella: No que você ta pensando, seu pervertido? *gota*

Chuck Norris: Acho melhor irmos. O resto do pessoal está esperando no barco do Sr. Sparrow. Se não formos logo a Marinha pode encontrar o barco.

Criss: Nah, relaxa, eu já deixei eles ocupados por um tempo.

-----------------------

Lins: Canhões! Atirem!

Os canhões da Marinha atiravam em um barco distante no mar, mas sempre erravam.

Marinheiro: Vamos ter que ir atrás deles!!

Lins: Todos os navios seguindo o barco intruso!!

Mas o barco não passava de uma ilusão de Criss Angel, O Ilusionista!

-------------------------

Preston: Hahahaha! Puta que pariu, esse maluco é foda, porra!

Wagner/Iago: *tapa os ouvidos da Lana*

Asuka: Mas mesmo assim, não é por nada não Mirella, mas eu não gosto desse país e adoro Champz, eu quero voltar logo pra casa.

Mirella: Tudo bem. Mais uma vez, obrigada por tudo, Asuka. Vamos nos ver de novo um dia.

Chuck Norris: *indo embora* Vamos, eu tenho medo de deixar o Juh sozinho com um bando de piratas.

Asuka: Sim, nós vamos nos ver de novo um dia, Mirella, e quando isso acontecer, você já vai ser a líder desse país.

Mirella: ...Certo!

Leandro: *saindo* Ah, e mais uma coisa, Ciborgue... É Leandro-sama!

Mr. P: Leandro...? Phillip... Meu nome é Phillip!

Todos vão saindo junto com Chuck Norris, Aya olha para trás no meio do caminho, Mirella estava sorrindo para ela, um sorriso sincero e inocente. Aya também solta um sorriso de canto e vai com o resto da cambada.

Asuka: Gente! Gente! Vamos fazer aquilo que a gente combinou!

Iago: Certo!

Todos: TCHAU MIRELLA-CHAN! MIRELLA-SAN! MIRELLA-CHWAN! TCHAU! MIRELLA-KUN!

Mirella: *ficando vermelha* E-eles sabem que eu odeio sufixos!!

----------------------------

Kyo: *brincando com o leme* Cara, eu acho que vou deixar a carreira de host e virar pirata!

Jack: Hey! Toma cuidado com isso aí! Paguei caro! *bebendo cerveja*

Juh/Miwa: *cantinho da depressão*...

Lix: O que foi, gente?!

Juh: Tirando o Jack-bofe, só tem pirata feio nesse navio...

Miwa: Tudo banguelo, sujo, peludo, fedendo a cachaça...

Lix: Até numa situação dessas vocês pensam nisso...? *gota*

Bruh: *no canto do navio* Ali! Eles chegaram!

Todos sobem à bordo do navio, o Capitão Jack Sparrow, mesmo ferido, pilota o navio em direção à Champz.

Karol: *senta do lado da Aya* Então... Como é deixar uma amiga pra trás?

Aya: A Mirella não é minha amiga, é minha rival... E eu não to deixando ela pra trás, nosso laço é muito forte pra isso acontecer.

Karol: *sorri* Humpf... Entendo...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nekiba
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 2492
Pontos : 3690
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 24
Localização : No pico do Himalaia

MensagemAssunto: Capítulo 113: Bia, you just got punk’d!   Dom Jul 10, 2011 2:55 pm

Capítulo 113: Bia, you just got punk’d!


Depois da guerra em Israel, as coisas em Phallus aos poucos vão voltando ao normal. Mas, na casa da Thaysa, as coisas mudaram um pouco. Além de ter a sua casa reformada pela equipe do Extreme Makeover, Aya agora se sentia mais sozinha.

Aya: *sentada na sua cama* (pensa) A Thaysa foi trabalhar, a Geh foi pra escola... *olha pra cama que costumava ser de Mirella* ...Ahh... Ta melhor sem ela...

Mas daqui pra frente, Aya, que dividia o quarto com Mirella, vai dormir sozinha, já que no outro quarto são Thaysa e Geh que dividem o quarto.

Aya: *olha pra espada que ganhou de Hijikata* (pensa) Será que eu devo aceitar o que o Kondo-san disse?

Na Mansão Norris, Kyara deu uma bronca grande em Lana, e por falar em Lana, ela voltou a sentar normalmente.

Asuka/Iago/Juh/Akane/Bia/Lana: *sentados em rodinha no quarto*

Asuka: OK... quem vocês acham que o Pai vai castigar primeiro?

Iago: Acho que vai ser você, você que teve a idéia de roubar o iate dele!

Bia: E por falar nisso, o Norris-sama não sai do quarto dele faz dois dias.

Asuka: Isso é mal! Significa que ele está planejando um castigo muito muito muito muuuuuuito foderoso!

Akane: Eu to com medo, Asuka-sama!

Lana: Eu também!

Asuka: Vocês ainda se salvam, a Lana já apanhou e a Akane seduz o Pai com a sua fofice!

Akane: EU NÃO FAÇO ISSO!!

Juh: Eu não acho que vou ser castigado... mas se eu for, eu prefiro que seja com um chicote! *babando*

Iago: Acho que o Tio não vai te castigar, vai que você gosta.

Asuka: O importante agora é que sejamos super calmos, bonzinhos e comportados com ele, eu duvido que ele perdoe, mas quem sabe...

Na casa de Han, as coisas também voltaram a sua rotina, Hani procura emprego e Han ainda trabalha como atriz no Teatro Municipal [é, ela trabalha lá, não sabiam não? Ela também precisa se sustentar e ao Hai-ni] e o Hai-ni continua sendo ele mesmo.

Na casa de Nekiba, Karol continua saindo com Criss, Nekiba procura emprego e Lix tem que sustentar esses dois com um emprego de professora.

Na casa do Wagner está tudo como de costume, Wagner e Kyo continuam fazendo coisas moes...











Spoiler:
 

Na verdade Wagner continua trabalhando num emprego de restaurante pra sustentar o Kyo que continua à procura de um emprego que exija beleza. [Ele pode ser modelo, mas ele não é tão inteligente, então não pensou nisso ainda]

Leandro ainda é um sem-teto, por enquanto mora em um motel, a noite ele tem que aguentar ouvir as pessoas transando, mas é bem mais fácil conseguir profissinais da cama, então de vez em quando ele é feliz... Mas como quase nunca tem dinheiro então...

Leandro: *deitado fumando*...

No quarto ao lado: Aaaahh! HmmmM!... AaaaaAAhh! Uau... Eu vou... eu vou... AAAAHHH!!

Bruh: Leandro... o que ta acontecendo no quarto do lado? Bruh ta com medo! *carinha lolita*

Leandro: Nada que você precise saber, Bruh.

A Miwa continua... bom, é melhor não falar nada, vocês sabem o que ela faz de costume...

Miwa andava pelas calçadas de Phallus com uma sacola de compras, chega em seu apartamento e se depara com seu irmão Rie sentado no sofá.

Rie: Oi Miwa... *sorri*

Miwa: *solta a sacola no chão e agarra Rie* RIEEEEEEEE-NII-SAAAAAAAAAMAAAA!!! Faz tanto tempo que você não aparece! Nem dá sinal de vida! Tava com tantas saudades!

Rie: Eu também tava com saudades de você, senta aí.

Miwa: *senta no sofá* Cadê o Set-chan? E aquele andrógino gatinho que anda com vocês?

Rie: O Yuki ta por aí, o Set está no telhado agora criando uma barreira imperceptível aos olhos de Deus, com essa barreira Deus não pode nos ver aqui ou nos sentir.

Miwa: Mas por que você quer que Deus não te veja?

Rie: Eu preciso te contar uma coisa muito importante, Miwa. Você ta correndo perigo, não só você mas todos os seus amigos, eu não falei pra Bia porque ela com certeza ia se preocupar demais.

Miwa: O que aconteceu, Nii-sama?!

Rie: Zeus... encontrou a Bia!

Miwa: O-o que?!

Rie: Não conta pra ela! Tenho medo de ela fazer alguma coisa imprudente, é do feitio dela!

Miwa: C-como ele descobriu?! Ele vai atrás dela?! E Chuck Norris-sama?! Zeus vai enfrentar ele?!

Rie: Miwa, escuta! Tem um cara que ta por trás disso, Shin Minamoto, chamam ele de Shinigami. Ele pode parecer comum, mas é extremamente forte e filhadaputamente inteligente! Não subestime a inteligência desse cara.

Miwa: M-mas... com quem eu falo isso?

Rie: Com ninguém, eu só disse isso pra você porque eu me preocupo com você, então eu quero que você fique um pouco distante da Bia por uns tempos. Agora eu preciso ir antes que Deus descubra que o Set ta escondendo a gente.

Miwa só assentiu com a cabeça e Rie saiu da casa dela, lá fora Miwa cumprimenta Set. Rie e Set vão saindo da casa dela.

Set: Rie-chin, não acha que só preocupou a cabeça da menina?

Rie: Se ela ficar a par da situação vai ser mais seguro pra ela. Esse Zeus é imprevisível, nunca se sabe o que ele pode fazer.

Set: E a Bia ein? Será que ela ta segura?

Rie: Segura mesmo ela nunca esteve. Mas com Chuck Norris ela tem uma chance de se salvar.

Set: Eh? Se eu fosse você não subestimava Zeus não, ele não é burro. Mas aí, Rie-chin, se Zeus levar a Bia, a gente vai fazer de tudo pra salvar ela né?

Rie: Claro, Set... Com certeza... Nem que isso signifique ir contra a vontade de Deus...

--------------------------------

Satã: Hahahahahaha! AAAAAAAAAAHAHAHAHAHAHA!! HAHAHAHAHAHAHA! Agora SIIIIM!!

Marilyn: *entra na sala do Satã* Pai, posso saber o motivos das gargalhadas?

Satã: Nhaaa você por aqui? Ó só, adivinha quem é que vai se fudeeeeer?

Marilyn: *abaixa as calças e vira* Ta bom vai, mas eu tenho que estender a roupa, então seja breve.

Satã: Não é isso, seu bobo! Isso deixa pra outra hora! Eu to falando disso aqui!

Satã aponta pra parede onde aparece uma tela, como um holograma, mostrando, na visão de Osama Bin Laden, toda a batalha em Israel.

Satã: Olha eles aí! Quem diria? Asuka Ryouma, Iago Ryouma, Bia Winamoto e Karol Yagami, sua irmã mais velha!

Marilyn: Ta, encontramos, e daí? Eles são protegidos por Chuck Norris, Nascimento e outros Fodas e Fodões.

Satã: Ma-chan, Ma-chan... Acho que você se esqueceu de que eu sou um Fodão também. *piscadinha* E tem mais, conseguimos a confiança de Zeus!

Marilyn: Como?

Satã: Fica sussa! O Shinigami já cuidou de TUTÔ! Agora me dê licença que eu vou sair pra beber com o Jeremias... *sai*

Marilyn: *cara de cú*

--------------------------------
Poseidon: N-não pode ser!!

Zeus: Exatamente, meu irmão! Bia Winamoto... estava esse tempo todo... com Chuck Norris!

Poseidon: Ele estava escondendo-a?!

Zeus: Aham, e de mim!

Shin: *deitado no teto*... *arruma o óculos que quase cai* Oops...

Zeus: Shinigami, você sabe o que tem que fazer certo?

Shin: É nóis que ta!

Zeus: Isso é um “sim”?

Shin: Fechou!

Zeus: E isso? É um “sim”?

Shin: Mano, já ta tudo no esquema. Todo mundo sai ganhando, eu, você, Satã...

Zeus: Eu queria ver como vai ser a cara de Bia Winamoto quando ela reencontrar seus amiguinhos no Tártaro...

----------------------

No Tártaro...

Percy, Grover, Annabeth, Quíron e Yoshi andavam com suas roupas rasgadas, cansados, aparentemente machucados, mas cada um deles andava com suas armas.

O Tártaro era um lugar escuro, sombrio, triste, parecia que foi esquecido pelos deuses [tirando Zeus, que sempre lembra daqui quando tem raiva de alguém]. Era parecido com isso:

Spoiler:
 

Percy: *cai de joelhos* Uh... uh...

Annabeth: *tenta levantar ele* Percy... Você tem que ficar de pé... temos que continuar andando...

Percy: Mas... eu já perdi a noção do tempo... nem sei o quanto a gente já andou...

Yoshi: *empunha seu arco* Percy-san! Não temos tempo de lamentar... que eu me lembre, todos nós prometemos a uma pessoa que iríamos ficar mais fortes... então fique mais forte para encontrarmos essa pessoa depois!

Annabeth: (pensa) Esse Yoshi realmente cresceu...

Grover: Gente! Achamos o que a gente tava procurando!

Grover aponta lá na frente, e aonde ele apontou era Kratos, lutando com tudo que tinha contra alguns ciclopes [gigantes com apenas um olho na testa] e alguns hecatônquiros [gigantes com cem braços e cinquenta cabeças].
Os ciclopes eram bons ferreiros, então criam várias armas poderosas, os hecatônquiros... tem cem braços... dá pra fazer muita coisa com cem braços... eles devem ser bons.

Kratos: *corta o pescoço de um ciclope com a Athena’s Blade* MORRA!! *vê o pessoal* Vocês?! *esquiva de uma espada, pega o infeliz que tentou cortar ele e arranca a cabeça* Não fiquem aí parados e me ajudem aqui, porra! *sai decepando igual um louco*

Quíron: E o Kratos pelo jeito já está ficando mais forte...

Grover: *gota* T-tem como ele ficar MAIS forte?

Yoshi: *correndo pra lá* Vocês ouviram ele! Temos que lutar!

Annabeth: *já pega a espada* Certo, Yoshi!

Mas antes que eles chegassem onde Kratos lutava, eles ouvem um barulho muito alto, como se fosse um dinossauro berrando.

Ciclope1: C-Cronos...!!

Ciclope2: E-eu vou embora! *solta as armas e sai correndo*

Ciclope3: Ninguém fala nada pra mamãe! *sai correndo*

Todos os ciclopes e os heci-... heca-... haquicaqui-... os tios dos cem braços fogem deixando Kratos lá.

Percy: Por que eles saíram correndo?

Kratos: ...Cronos? *volta correndo* Guardem suas armas, não temos chances contra o próximo inimigo! Escondam-se!

O resto do pessoal segue Kratos para um abrigo, era uma casa aos pedaços, escura, sem luz, sem comida, cheirando mal, mas era o lugar que tinha para se esconder.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nekiba
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 2492
Pontos : 3690
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 24
Localização : No pico do Himalaia

MensagemAssunto: Capítulo 114: OooOOÔo CastigoOOooÔ!!!!!!   Dom Jul 10, 2011 3:02 pm

Capítulo 114: OooOOÔo CastigoOOooÔ!!!!!!


Asuka treinava sozinha na mesma ilha do sapo-boi-azul [onde muitos já treinaram]. E ela ainda estava com o braço enfaixado da luta contra Iago.

Asuka: HAAAAAAAAAAAAAA!!! *arregaça três árvores num chute* HAAAAAAAAAAAAA!!! *arregaça mais uma com uma cabeçada* HAAAAAAAAAAAAAA!!! *destrói uma rocha maior que ela com um soco*

Han: *assistindo de longe* Eeeeeita... A Asuka-senpai parece brava...

Enquanto Asuka párava um pouco pra respirar, Han se aproxima dela, as duas ainda estavam um pouco machucadas, com alguns curativos.

Han: Asuka-senpai?

Asuka: Que foi, Han?

Han: Sei lá, você parece meio agitada... ta destruindo a floresta que nem uma louca! Tem algum problema?

Asuka: Não tem problema nenhum Han, se não foi ajudar no meio treinamento, pode ir embora.

Han: Eu sei que tem alguma coisa te incomodando... Ta com medo do castigo do Norris-sama?

Asuka: Não, não é isso... é só que... Eu não sou o tipo de pessoa invejosa, mas ultimamente a Karol ta conquistando tanto espaço, um espaço que era meu! A cidade ta comentando sobre ela, ela venceu o Ração sozinha... é como se ela tivesse tomando o meu lugar.

Han: Asuka-senpai... Ninguém vai tomar o seu lugar, pra mim você vai ser sempre única... Te consola se eu disser que eu lutei com um cara e perdi?

Asuka: Você perdeu uma luta em Israel?

Han: Aham, se a Bia e aquela menina de cabelo roxo não tivessem aparecido...

Asuka: Hehe... Não me consola, porque você meio que se inspira em mim, e isso pega mal pra mim.

Han: Eu sei... mas saiba que pra mim você vai ser sempre a número um! A melhor! A mais forte! A mais bonita! A mais... eu disse a mais bonita? De novo?

Asuka: Er... Aham...

---------------------------

Chuck Norris: *saindo do quarto*

Kyara: Ah, Chuck, resolveu sair do quarto? Pra onde você vai?

Chuck Norris: Kyara... já pensei em um castigo para Asuka e para o Iago.

Spoiler:
 

Kyara: *cara de assustada*

-------------------------

Asuka: *voltando pra casa* Hehe... a Han é uma boa pessoa, sabe como animar alguém...

Chuck Norris: *aparece na frente dela*...

Asuka: Ah, oi Pai, finalmente saiu do quarto... Ai caralho!

Chuck Norris: Aham já pensei num castigo! AGOKEN!

Um punho sai da barba de Chuck Norris acertando Asuka no meio da cara, Asuka cai no chão com o nariz sangrando. Logo atrás dela estavam Nascimento, Hades e Taty.

Asuka: Mas que merda...?!

Contra quatro Fodões Asuka não podia mais lutar, uma sombra sai da mão de Taty e cobre Asuka por inteira, ela não podia mais ver nada.

Quando ela finalmente consegue abrir os olhos, ela estava em uma espécia de cabine, totalmente fechada, só com um vidro grande na frente dela e do lado dela estava Iago na mesma situação.

Asuka: Pai! Nee-nee! O que ta acontecendo?

Iago: Aniki... O nosso castigo finalmente vai cair sobre nós!

Chuck Norris: *do outro lado do vidro* Exatamente! E eu vou mostrar a lista de vocês... Iago, você se envolveu numa briga com a Karol, a Bia e a Asuka bem no Festival da Boa Vizinhança; Fugiu para a Itália e destruiu uma Máfia; Ajudou a Asuka a frustradamente separar a Kyara de mim; Causou tumulto na Phallus University of Technology and Aprendization (PUTA) e por fim... roubou meu precioso iate e resultou na destruição dele!

Iago: *engole seco*

Chuck Norris: Mas a ficha da Asuka é ainda maior!

Asuka: IIRRK!!

Chuck Norris: Asuka, você: Machucou a Akane; Destruiu o Host Club do Kyo; Arranjou briga com a Karol e com a Bia no Festival da Boa Vizinhança; Beijou duas garotas no Hostess Club da Miwa; Posou pelada na Playboy; Roubou um avião e fugiu para a Itália; Destruiu uma Máfia; Tentou separar a Kyara de mim; Fez tumulto na PUTA e por sua causa a Lana-chan foi expulsa; E o pior de tudo... Roubou o meu iate que foi destruído por sua causa!

Asuka: *suando frio*

Chuck Norris: Como o Iago não teve parte em algumas das façanhas da Asuka, o Iago vai sofrer menos. Que o casigo comece!

Asuka: O que ele vai fazer com a gente?!

Iago: Eu sei lá!

Asuka: Ta sentindo um calor de repente?

Iago: Eu to... Mas um calor não vai conseguir torturar a gente.

Chuck Norris: Claro, vocês são norrianos... mas e se o calor triplicar, quadruplicar, kakakiclapleplicar, taratatataplicar!

Asuka: Aaahh... aahhh... Nee-nee... Ta começando a esquentar demais... *suando*

Iago: T-também to sentindo... *tira a camiseta* Só tem uma pessoa que pode fazer o calor intenso desse jeito.

Chuck Norris: Se pensam que é a Bia, estão enganados. Tirei esse calor logo da fonte!

Apolo: *com as mãos do lado de fora da sala* Desculpem, amigos da Bia... Eu devo uma pro Norris-sama!

Asuka: *cai de joelhos* E-eu... não acho... que vou aguentar...!

Apolo: Devo parar Norris-sama?

Chuck Norris: Não, continua. Vamos para a segunda parte do castigo!

Umas caixas de som aparecem no teto, começa a tocar A Lua Me Traiu da Banda Calypso.

Asuka: C-Calypso!!

Iago: *se abanando, suando bagarai* N-não pode ser... Isso é muita tortura!

Chuck Norris: *aumenta o som*

Asuka: *tapa os ouvidos* Não aguento mais isso!

Iago vai se arrastando, se levanta e começa a dar socos na parede.

Iago: Eu vou... sair daqui!

Chuck Norris: Não adianta, esse vidro e essas paredes são revestidas com ki norriano, o meu ki norriano, que é muito mais poderoso que o ki norriano de vocês.

Asuka: Nee-nee... V-vamos morrer...!

Iago: Aniki! Não desista!

Chuck Norris: Vamos a próxima etapa do castigo! Nascimento! Taty!

Uma porta secreta na sala se abre, Taty e Nascimento entram por ela, trancando a porta a seguir.

Taty: Uau... ta calor mesmo aqui!

Nascimento: *se abanando* Porra, Chuck! Eu to com essa roupa preta e você faz um calor desse?!

Apolo: Devo amenizar o calor?

Chuck Norris: Só um pouco. Nascimento, Taty, podem começar.

Taty e Nascimento pegam uma lousa cada um, e os dois começama a arranhar a lousa com as unhas, fazendo aquele barulho agonizante, estridente enfadonhamente irritante.

Asuka: *tapa os ouvidos* AAAAHHH!!

Taty: *solta uma sombra de sua mão que serve como uma algema para Asuka*

Asuka: Kuso!

Iago: Isso é muito irritante!

Depois de muito arranhar, Taty e Nascimento vão embora com as lousas, o calor vai abaixando bastante.

Iago: Ufa... o calor passou...

Asuka: Mas o Calypso continua tocando!

Iago: Por favor... Tio! Fala que terminou!

Chuck Norris: Ainda não! Próxima fase do castigo!

A mesma passagem secreta se abre, vários homens e mulheres, extremamente gordos entram na sala, como o calor ainda estava na sala, eles suam muito rapidamente.

Gordão1: Nossa... que calor! *com duas pizzas embaixo do braço*

Gordão2: Ugh! A feijoada me fez mal! *peida*

Asuka: *tapa o nariz* Que nojo! Essa é uma sala fechada!

Iago: Nossa! O peido do gordão se misturou com o cheiro do cecê deles!

Muitos outros obesos entram na sala, estavam todos esmagados, os gordões e gordonas se esfregando em Asuka e em Iago com aquelas banhas suadas, cecezentas, aquelas panças balançando conforme a música.

Asuka: AAAGH!! Que agonia! Aqui ta fedendo demais! Que nojo! Alguém passou a mão na minha bunda!

Iago: Credo! Eles estão esfregando o suor em mim! Argh! Agora eu to fedendo a cecê de gordão!

Apolo: Aumenta mais o calor?

Chuck Norris: Por favor.

Iago: NÃO! APOLO! Não aumenta o calor!

Gordão: *vomita*

Asuka/Iago: EEEEEECAAAAA!!

Gordão2: *peida*

Gordão3: *arrota*

A sala estava completamente fedorenta, todos os gordões com aquelas camisetas ensopadas de suor, se esfregando em Asuka e em Iago, mas logo, Chuck Norris ordena que eles saiam, Asuka e Iago estavam sozinhos na sala de novo.

Asuka: P-por favor... Pai! Eu prometo que nunca mais faço nada pra te desagradar! Eu vou ser uma good girl de agora em diante!

Chuck Norris: Pode deixar agora Apolo.

Apolo: *tira as mãos do lado de fora da sala* Ok.

Iago: Ufa... a temperatura voltou ao normal. E o Calypso parou de tocar.

Asuka: Significa que acabou?

Chuck Norris: Não! Isso ainda é a metade! Eu só tirei o calor e o Calypso porque as pessoas que vão entrar aí agora não merecem isso.

Aquela passagem secreta se abre, e entra Nekiba, logo depois Han.

Nekiba: ASUKA-CHWAAAAAAAAAN~~ MANIIIIIIIIIM!

Han: Asuka-senpai! Iago!

Iago: O Nekiba e a Han? Eu acho que dessa vez não vai ser tão tenso assim.

Chuck Norris: Bom, agora Asuka, você vai ter que beijar o Nekiba. E Iago, você vai ter que beijar a Han.

Asuka/Iago: EEEEEEEEEEEEHHHHH????!!!

Asuka: M-mas o que isso tem a ver?! E outra! Eu posso muito bem falar não, eu sou mais forte que o senpai.

Chuck Norris: Mas se vocês não aceitarem beijar seus respectivos pares, as consequencias vão ser bem piores... muito piores!

Han: Droga... vamos acabar logo com isso, Iago... A propósito, você ta fedendo a cecê!

Iago: Eu não quero beijar a Han! Traz qualquer outra!

Nekiba: *chega bem perto de Asuka* Então Asuka-chwan~* *abraça ela* Vamos! Vamos! A propósito, você ta fedendo a cecê. *sorri*

Asuka: N-Nekiba-senpai... você é muito legal, e é muito meu amigo, mas... você ta de batom?!

Nekiba: É! Vermelho-sangue, gostou? Passei especialmente para essa ocasião! *faz bico* Hmmmmm...

Asuka: *vira a cara* AH! S-senpai!

Chuck Norris: Asuka, Iago, eu dei 150 cunt para cada um deles, vocês tem que beija-los! Asuka, isso é por você ter beijado garotas no hostess club!

Asuka: Eu prefiro beijar garotas! Nee-nee, vamos trocar, eu beijo a Han e você beija o senpai!

Han: *cora muuuuuito* A-Asuka-s-senpai!

Iago: Nunca! Eu vou manter a minha masculinidade ou o Tio me mata! *agarra Han e lasca um beijo foderoso*

Han: *arregala os olhos, mas logo cede e aproveita o beijo*

Iago: *larga ela* Pronto!

Han: *fica com as pernas bambas, corando muuuuuito* I-Iago...

Chuck Norris: Muito bem, Iago, você completou seu castigo. Você e a Han podem sair.

Iago: Maravilha! Aleluia!

A passagem se abre, Iago sai da sala, seguido de Han que ainda estava cambaleando e com as pernas moles.

Asuka: (pensa) Então essa é a ultima parte? É só eu beijar o senpai e essa tortura acaba! Então ok. É só imaginar o Jhonny Depp no lugar, Asuka! (fala) Neki-senpai, vamos acabar logo com isso!... Senpai?

Nekiba: *sentado no chão virado pra parede*

Asuka: Pára de brincar, senpai! Eu preciso terminar esse castigo e... senpai?

Nekiba: *vira olhando pra ela com os olhos cheios de lágrimas e com o batom todo borrado* Você feriu meus sentimentos! Você me odeia!

Asuka: O que?! Não! Senpai!

Nekiba: Você prefere beijar alguém do mesmo sexo que você do que colar lábios com o senpai! Norris-sama, eu devolvo o dinheiro, não vou mais participar disso!

Chuck Norris: Asuka, se o Nekiba desistir o seu castigo vai tomplanclaqueplicar!

Asuka: Eu não sei o que significa isso, mas senpai! Eu não quis te ofender, desculpa! E eu não te odeio, eu gosto de você senpai!

Nekiba: *snf* Mesmo?

Asuka: Claro!

Iago: *do outro lado do vidro* Vai lá, manim! Arrebenta!

Taty: *limpando uma lágrima* Meu pupilo está crescendo...

Asuka: Ok... vamos acabar logo com isso! *agarra Nekiba*

Iago: Hahahaha! Isso ae, manim! Subiu no meu conceito!

Han: *do outro lado do vidro* Nekiba! Faça a minha senpai sentir prazer pelo menos! Se não eu te mato!

Asuka: *solta Nekiba com a boca toda borrada de batom* Pronto! Chega! Nee-nee, Han, se vocês contarem pra alguém…!

Chuck Norris: Não adianta, eu tirei uma foto e vou colocar no seu facebook. *mostrando a câmera*

Asuka: O QUEEEEEEEEE?!?!?!

Nekiba: Ohooo... ohohohooo...

Chuck Norris: Muito bem, Nekiba, pode sair.

Nekiba: *vai saindo com as pernas moles* Ohohohoooo... Eu posso morrer feliz...

Asuka: Só o Nekiba-senpai?! E eu?!

Chuck Norris: Eu disse que a pena do Iago ia ser menor que a sua. A dele acabou, mas a sua continua... olha, rimei!

Asuka: Não é justo! Eu já passei um calor infernal, tive que ouvir Calypso, aguentar arranhadas na lousa, vários gordos nojentos se esfregando em mim e beijar um gorila! Já não acha que ta bom, Pai?

Chuck Norris: NÃO! Aquele iate era muito importante pra mim! Eu ia viajar nele junto com a Kyara nas férias! Você será punida severamente Asuka! Próxima etapa!

Asuka: *olhando pros lados assustada* O que? O que é agora?! *olha pra cima* Puta merda!

Spoiler:
 

E para onde Asuka olhava apareciam baratas, as baratas se multiplicavam a cada segundo.

Asuka: Mas pelo menos são só baratas... Eita! *batendo na calça* Alguma coisa subiu em mim! Ah! Tem mais coisas subindo em mim!! *batendo no corpo todo* SAIAM! SAIAM DAS MINHAS ROUPAS!!

Barata1: *no meio dos peitos da Asuka* Uaaau... baby baby, que belo par de melões deliciosos você tem!

Barata2: *tentando entrar na calcinha da Asuka* Ehehe! Ehehehe! Eu quero! Eu quero! Eu quero!

Asuka: *tirando a roupa ficando só de roupa de baixo* KYAAAAAAAAAAHHH!! SAIAM DE MIM!! *batendo no corpo* SAIAM! SAIAM!

Barata3: Rapaz, essa é gostosa mesmo!

Barata4: Viemos pro lugar certo! Uhuuuuuuuu!!

Cohen: O que eu to fazendo aqui?

As baratas vão todas na direção de Asuka, começam a subir nas pernas dela, Asuka reage e começa a sapatear pra tentar tira-las.

Barata1: Wow! Wow! Não precisa usar violência!

Asuka: Eu uso violência! Vocês são baratas! Merecem morrer!

Barata2: Mas não morremos!

Asuka: Espera... eu to conversando com baratas? Vocês... falam?!

Barata3: Se a gente fala? A gente canta!

Spoiler:
 

Iago: Essas baratas são talentosas.

Chuck Norris: Ok, baratas, podem sair.

Baratas: *saindo de todos os cantos da sala e de Asuka*

Asuka: Eu preciso com urgência de um banho!

Chuck Norris: Próxima fase!

Taty e Nascimento entram rapidamente na sala, Taty lança uma sombra que prende Asuka contra a parede, incapacitando-a de movimentar os braços e pernas.

Asuka: O que vocês vão fazer?! Por que me prenderam assim?!

Taty: Foi mal, Asuka, ordens do seu pai. *sorriso amarelo*

Nascimento: Não é pra se desculpar! Quem manda nessa porra aqui é Chuck Norris!

Chuck Norris: Pode entrar Sr. Kumogawa!

Entra na sala um velho, de aparentemente uns 80 anos, japonês, usando um terno.

Kumogawa: *arranca a dentadura e coloca em um copo d’água*

Asuka: Eca... o que ele vai fazer?

Kumogawa: *morde a orelha de Asuka só com a gengiva*

Asuka: *se debatendo* KYAAAAAAAAAAAAAAAHHH!! QUE NOJO! TIRA ELE DE MIM!! AAAAAAAAAHHHHH!!

Kumogawa: *continua mordendo a orelha dela só com a gengiva*

-----------------------------

Chuck Norris: Próxima fase!

Asuka: *com uma máscara tipo de inalação, com uma mangueira indo direto para a bunda de um gordão* OOOOOOOHHH!!! QUE FEDOOOOOOOOOO!!!

------------------------------

Chuck Norris: Próxima!

Asuka: *presa nas sombras de Taty de novo* AAAAARGH!!!

Nascimento: *torcendo os mamilos dela*

------------------------------

Chuck Norris: Próxima etapa!

Asuka: *comendo um pote de pimenta Bhut Jolokia [a pimenta mais forte do mundo]* ...HUAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA!!! *cuspindo fogo*

----------------------------

Chuck Norris: Próxima!

Asuka: *sentada numa cadeira, amarrada com as sombras da Taty, com a calça levantada mostrando a coxa*

Nascimento: ANTONIOOOOOO... NUNES!! *mete um tapa na coxa de Asuka que quebra a cadeira*

Asuka: WAAAAAAAAAAAHAAAAAAAAAGH!!

--------------------------

Chuck Norris: Próxima etapa!

Ronaldo: *fazendo um strip-tease*

Nascimento/Taty: *segurando as palpebras da Asuka pra ela não fechar os olhos*

Asuka: NOOOOOOOOOOOOOOOOOO!!!

-------------------------

Chuck Norris: Mais um!

Asuka: *presa, amarrada, com prendedores de metal nos mamilos*

Nascimento: *aperta um botão*

Asuka: *toma choque nos mamilos* KYAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHH!!!!!!!!!

-------------------------

Chuck Norris: Tragam o cachorro!

Cachorro: *lambendo o pé de Asuka*

Asuka: *deitada, amarrada e descalça* UHAUHAUAHUAHA!! PÁRA! PÁRA! HAHAHAHAHAHAH! CHEGA! PÁRAAAAA! HAHAHAHAHAHAHA!

---------------------------

Chuck Norris: Não acabou!

Saori [do CDZ]: Blá blá blá blá blá blá blá blá blá...

Asuka: *presa nas sombras de Taty de novo* Naaaaaaao! De novo nãããããão!

---------------------------

Chuck Norris: Próxima!

Asuka: *de bruços no colo do Nascimento com as calças abaixadas*

Nascimento: *batendo na bunda dela com uma avaiana de pau* EEEEEEITA MENIIIIIIIIINA!!!

Asuka: AI! AI! AI! AI! AI! AAAAAAAHHHHH!!

-------------------------

Asuka: *encostada na parede, suada, suja, fedendo e com os mamilos ardendo* P-Pai... chega... eu já aprendi minha lição... Não aguento mais...

Chuck Norris: Que lição você aprendeu?

Asuka: Eu não vou roubar o seu iate... nem posar pelada... nem beijar meninas ou destruir facções criminosas...

Chuck Norris: Asuka, isso não é por ter feitos essas coisas, eu nem ligo tanto assim pro meu iate... mentira, eu amava aquele iate. Mas você está pagando por ter traído a minha confiança, e se você trai a minha confiança, que sou seu pai, imagina a dos seus amigos... se você vai ser uma Fodona, tem que ter isso em mente, não pode trair a confiança dos seus familiares e amigos...

Asuka:...

Porta: *se abre*

Chuck Norris: Um pai normal te trancaria no quarto e diria “uma semana sem video-game”, mas eu não sou um pai normal...

Asuka: Nem de longe você é normal...

Chuck Norris: Agora, vai tomar um banho e vai pro seu quarto, um mês sem mangás, sem play3, sem computador e sem sexo.

Asuka: *tomba*

Chuck Norris: *sai*

Taty: O Chuck foi tão maneiro agora! *saindo*

Nascimento: É, tanto faz... *saindo*

---------------------------------

Naquela noite, Asuka não conseguia dormir, pensando no que Chuck Norris disse.

Asuka: *deitada de costas* (pensa) É... talvez meu Pai tenha razão... *olha pra baixo*

Barata1: *no meio dos peitos dela* Olá, princesa... você vem sempre aqui?

Asuka: KYAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHHHHH!!!!!!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nekiba
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 2492
Pontos : 3690
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 24
Localização : No pico do Himalaia

MensagemAssunto: Capítulo 115: A Mansão Norris nunca mais será a mesma   Dom Jul 10, 2011 3:10 pm

Capítulo 115: A Mansão Norris nunca mais será a mesma


Era quase meia noite, Preston e Lety estavam no ponto de ônibus, não faltava muito tempo para os dois saírem de Champz.

Preston: Que foi que você ta quieta, Lety-chan?

Lety: Nada.

Preston: Você ficou quieta o caminho inteiro da Mansão Norris até aqui.

Lety: Só to cansada, foi uma grande festa.

Preston: Ah... Você acha que a Bia vai casar comigo?

Lety: Só Deus sabe né?

Preston: Ah, entendi... Eu to cansado de esperar a porra do ônibus, então eu vou ali fumar um cigarro e já volto. *sai*

Lety: Humpf... Como se eu me importasse...

Por fora Lety parecia desinteressada no que Preston fazia ou deixava de fazer, mas mesmo assim parecia indecisa com alguma coisa, como sabia que o ônibus ia demorar sete horas para chegar, mas não disse nada porque não quis, ela saiu para esfriar a cabeça, quando Preston sai pra fumar é uma caixa inteira, então ele ia demorar.

Lety continuava andando, por uma estrada de terra rodeada por grama. Na frente dela aparece uma garota com os cabelos castanhos quase pretos, meio ondulados, pele um tanto parda, olhos castanhos escuros, estatura um pouco mais baixa que Lety, corpo normal para a idade que aparentava que era de uns 17 a 18 anos. Usava uma regata florida e uma calça jeans.

???: Com licença, você sabe aonde fica Phallus?

Lety: Você ta em Phallus.

???: Ah, desculpa, eu não sabia, acho que sou meio burrinha, hihi! E você sabe aonda fica a Mansão Norris?

Lety: Mansão Norris? Por que você quer saber?

???: Por que você quer saber o por que de eu querer saber?

Lety: Eu perguntei o por quê primeiro.

???: Mas o meu por quê é saber do seu por quê, assim dependendo do por que eu posso te responder o meu por que.

Lety: Mas a resposta do meu por que do seu por que depende do seu por que, se não nenhum por que será respondido.

???: Do que a gente ta falando mesmo?!

Lety: Eu não sei aonde a Mansão Norris fica, desculpa.

???: Hm... que pena... *vai saindo* Não precisa ficar desconfiada, ok?

Lety: Eu não to desconfiada de nada, apenas não sei.

???: Como não sabe? Você acabou de sair de lá! ^-^

Lety: *arregala os olhos* C-como você...?!

Essa garota levanta a mão para acertar Lety com um tapa, a loira rapidamente tira a faca da cintura e enfia no braço dessa garota, mas como se ela nem sentisse e acerta o tapa mesmo assim, que foi com tanta força que jogou Lety no chão, fazendo o chão rachar.

Lety: *com a cabeça sangrando* Desgraçada!

???: *tira a faca do braço* Isso aqui não é nada pra mim!

Lety tira as duas espadas das costas, tenta decepar a cabeça dessa garota, mas as espadas se quebram como se um escudo muito duro em volta dela causasse isso. Lety só tem tempo de se espantar antes de levar uma Snooplhada na barriga, um soco no queixo, seguido de uma cotovelada no rosto e uma rasteira, Lety se apoia com a mão, já tira seu soco inglês e tenta dar um soco na garota, mas a morena só olha nos olhos da loira, que cai no chão com os olhos apavorados.

???: Que isso sirva de lição... Lety Gama!

A garota ia enfiar a cabeça de Lety no chão com um pisão, pois a loira estava imóvel, quando Preston aparece e dá um chute na cabeça da misteriosa, fazendo ela apenas se afastar um pouco.

Preston: Não voou longe com o chute? Conseguiu deixar a minha pupila nesse estado? Você com certeza não é qualquer uma.

???: Preston Maguines I, ex-nômade, ex-servo de Satã, ex-Fodão e atual Foda... Você perdeu muita coisa na sua vida, Preston.

Preston: Como você sabe de tudo isso? Quem é você, porra?!

???: Desculpa, eu não tenho tempo para você. *some do nada*

Preston: Uh? Isso foi... Teletransporte?

-----------------------

Kyara: *arrumando a casa*

Chuck Norris: *idem* Tsc... Pirralhos irresponsáveis, eles quem deveriam limpar isso!

Kyara: Fica calmo, Chuck. Eles acabaram de voltar de uma batalha perigosa, deixe-os descansar.

Chuck Norris: É... *se espanta com alguma coisa* Uh?!

Kyara: Chuck, o que foi?

Chuck Norris: ...Sei lá... acho que eu to ficando louco mesmo... Kyara, pode ir dormir, deixa que eu limpo essa bagunça.

Kyara: O que? Mas por que?

Chuck Norris: Você já se preocupou demais com a Lana, pode deixar comigo agora.

Kyara: *encosta a vassoura* Bom, se você diz... *saindo*

Chuck Norris espera sua esposa entrar no quarto, ele também encosta a vassoura e sai de casa, andando pelo quintal como se procurasse alguma coisa. Chuck segura alguma coisa no ar, como se fosse alguma coisa invisível.

Chuck Norris: Pode parar, esse truque não funciona comigo, Nymaha!

A pessoa invisível fica visível, revelando ser a garota que Lety encontrou a pouco tempo.

Nymaha: Uh... Uh... você ta bem mais forte... Nii-san!

Nymaha vira um chute na boca de Chuck Norris, pode não ser muito efetivo, mas o Fodão sentiu aquilo, ele tenta pegar a perna de Nymaha, mas ela escapa com dificuldade antes que fosse atingida.

Nymaha: Hehehe... Você está velho agora! Agora eu tenho essa vantagem contra você, eu continuo com a minha juventude!

Chuck Norris: Como você ressucitou? Ele te trouxe de volta?

Nymaha: Se esta falando de Deus, sim, ele me trouxe de volta. É que eu não aguento ficar em casa sem fazer nada, eu prefiro sair e procurar aventura... E também para pegar o que é meu... *aponta para a Mansão Norris* A sua... Aliás, a MINHA mansão!

Chuck Norris: Esqueça! Agora ela está em minhas mãos!

Nymaha: Veremos!... Cross!

Nymaha faz aparecer uma cruz nas suas mãos que era quase do tamanho dela, a cruz era branca com detalhes pretos. Ela joga essa cruz em Chuck Norris, mas ele a pára com a mão, suas mãos começam a queimar, mas ele é Chuck Norris então nem soltou.

Chuck Norris: Eu fiquei mais forte também... Todos esses milênios eu treinei.

Nymaha: Mas como você sabe, os Norris não precisam de muito tempo para liberar seus poderes, e eu sou uma Norris também, nii-san!

A ponta da espada cresce sozinha, perfurando o peito de Chuck Norris, queimando-o por dentro do peito, ele solta a Cross que volta para as mãos de Nymaha Norris.

Nymaha: A diferença é que você só vai continuar enferrujando, e eu vou ficar cada vez mais forte!

As árvores são arrancadas dali sem ninguém mexe-las, essas árvores são lançadas na direção do Norris macho que destrói a todas só com um soco que nem ao menos encosta nelas.

Chuck Norris: Mesmo assim, foi burrice sua. Nesse momento, eu ainda assim conseguiria te derrotar facilmente, não somos mais crianças, Nymaha, eu mudei!

Nymaha: Eu sei, eu só não aguentava mais ficar com esse tédio. E também, são ordens dEle vir pegar a Mansão Norris.

Chuck Norris: O-o que?!

Nessa mesma hora, Kyara chega bem do lado de Chuck Norris, assim como Asuka, Iago, Bia, Akane e Lana.

Asuka: Quem é essa, Pai?

Nymaha: Vejo que você construiu uma família, Chuck.

Kyara: Chuck? Por que ela te chama assim, Chuck?

Chuck Norris: Nymaha, explique essa história direito!

Asuka: Não precisa se alterar, Pai, deixa ela com a gente!

Lana: Sword of Fire!

Lana ataca Nymaha com a sword of fire, mas o fogo da espada se apaga do nada e Lana é jogada para o alto, Asuka aproveita e ataca Nymaha com um soco no estômago, a morena aguenta e segura a cabeça de Asuka dando uma Snooplhada na testa dela, Asuka é levitada e jogada para Iago que vinha atacar também.

Nymaha: A sua família não é tão forte, Chuck... Q-que calor!

Bia: Ela já está enfraquecendo, Akane-chan!

Akane: Hai!

Akane joga umas agulhas em Nymaha, mas a Norris estende a mão mandando as agulhas de volta para Akane com o poder da mente.

Akane: A-argh!! *desmaia*

Bia: Akane-chan! *leva um soco de Nymaha* AAGH!!

Asuka, Iago, Bia e Lana apanhavam consecutivamente, assim que um levava um soco, outro já levava um chute em menos de um quarto de segundo depois, mesmo os quatro estando em lugares diferentes.

Kyara: Akane-chan! *vai acudir*

Nymaha aparece na frente, pega Akane, some e aparece no ar, voando.

Nymaha: Fica tranquilo, fique atento nos jornais da Tv que você vai entender, tenta assistir a Tv lá pra umas seis e trinta da tarde. *some do nada com Akane*

Asuka: AKANE-CHAN!!

Iago: Teletransporte?!

Kyara: Chuck, o que aconteceu?

Chuck Norris: Droga... Essa maldita vai tentar de novo...

-------------------------

Chuck Norris já estava em casa sentado no sofá com a família toda, incluindo Juh.

Kyara: Explica agora Chuck, quem era ela e por que ela te enfrentou?

Asuka: Ela é louca a esse ponto?

Chuck Norris: Aquela era a Nymaha... Ela é... a minha irmã mais nova.

Todos: O QUEEEEEEEEEEEEEEEEE?????!!!!

Asuka: S-sua irmã?! Então ela é a minha tia?!

Kyara: E a minha cunhada?!

Chuck Norris: Exatamente... A muito tempo atrás, quando eu tinha sido criado por Deus para colocar ordem no mundo, a Nymaha também foi criada do mesmo jeito que eu, nós treinávamos e tentávamos ficar fortes, porque nós iamos colocar ordem no mundo. Mas a Nymaha sempre quis ser mais do que eu, sempre querendo ser melhor que eu, então Deus resolveu que teríamos que lutar, e quem vencesse ficaria vivo na Terra e o outro teria que voltar para nunca mais.

Lana: Então, Norris-sama venceu?

Chuck Norris: Sim, na época nós tinhamos sete anos.

Juh: Nossa! E vocês já lutavam?!

Chuck Norris: Aham, é que pra Asuka eu dei muita moleza...

Bia: Mas, por que ela voltou?

Chuck Norris: Bom, o vencedor seria aquele que ia ficar com a Mansão Norris, essa mansão não é só uma casa onde nós moramos, é o símbolo do Fodão dos Fodões, o Imperador do Universo.

Iago: Então por que você não mata ela, Tio?

Chuck Norris: Não posso, tecnicamente a Nymaha é uma Fodona, pois é a minha irmã, e um Fodão não pode matar o outro a não ser que Deus permita, e como eu não ouvi nada dEle ainda...

Kyara: Mas ela disse que era para ficarmos atentos no jornal, amanhã a gente vai ver o que devemos fazer. E claro, salvar a Akane será prioridade.

----------------------------

No dia seguinte, os moradores da Mansão Norris assistiam a tv, no exato horário em que Nymaha pediu. Também na casa de Thaysa, Thaysa, Aya, Geh e Mirella assitiam o jornal, assim como na casa de Han, na casa de Wagner, na casa de Nekiba, na casa de Miwa e no quarto de hotel de Leandro.

Iago: Não vejo nada além do William Boner e da Fátima Bernardes.

Chuck Norris: Acredite Iago, se a Nymaha fala, ela faz. Eu a conheço, coisa pouca ela não vai fazer.

William Boner continuava a dar as reportagens, quando na sala do Jornal Nacional o teto é destruído ao vivo, deixando os escombros caírem na mesa. Nymaha entra no estúdio, dessa vez vestia um casaco azul marinho com duas caudas, usava um colar preto com uma cruz, uma corrente que vinha do bolso do casaco até o ombro, ela também vestia uma calça verde escura.

Kyara: É a Nymaha!

--------------------

Thaysa: Ah, então ela que sequestrou a Aka-chan?

---------------------

Wagner/Kyo: !!

Kyo: M-meu Deus... Adorei o cabelo dela!

--------------------

Karol: Ela não parece tão forte assim...

-------------------

Hani: Han! Começou! *comendo pipoca*

Han: *chega com os refrigerantes* Essa quem levou a Akane-chan?!

--------------------

Leandro: !!

Bruh: Admiro ela, levou minha rival, gosto dela.

Leandro/Jammal: ¬¬

--------------------

William Boner: M-mas o que?! Quem é você?!

Nymaha: Me deem o microfone, agora!

Todos:...

Nymaha: Agora!

Boner: O que quer aqui?

Nymaha: Ué... Acho que invadir o jornal não foi uma boa idéia, cadê as pessoas gritando com medo? Funcionou com o Cell, por que não funciona comigo?!

Fátima: É porque o Cell é um monstro que parece uma barata verde, vocêé uma menininha bonitinha e pequena.

Nymaha: Tsc...

Fátima: *é levitada com força e jogada contra a parede* WAGH!!!

Nymaha: Eu exijo um microfone!

Boner: T-t-t-ta aqui, senhora, aqui! *da o microfone*

Nymaha: *falando no microfone* Teste, teste, alô, alô, som, som... Ahu-hum, talvez vocês não me conheçam, mas em breve conhecerão. Eu sou uma Norris criada por Deus para mandar em vocês, ou seja, a Imperatriz do Universo!

--------------------

Asuka: Tsc... Desgraçada!

-----------------------

Nymaha: Eu sou aquela que deveria estar na Mansão Norris e dominar os Fodões, mas por uma injustiça eu fui recolhida desse mundo, e agora eu voltei para reclamar o que é meu por direito! O posto de Imperatriz do Universo!

--------------------

Aya/Thaysa:...

-------------------

Nymaha: E para isso eu crio o Nymaha Games! Onde um time de cinco pessoas que Chuck Norris escolher contra o meu time de cinco, e eles vão competir em cinco diferentes jogos.

---------------------

Iago: Como se nós fossemos seguir as regras dela!

----------------------

Nymaha: Sim, Iago, vocês vão seguir as minhas regras, se não seguirem eu posso facilmente matar a Akane-chan, aí vocês podem estar pensando “Mas você não vai matar a Akane se te matarmos antes!”. Foi isso que você pensou, não foi Karol Yagami? Pois bem, eu consigo matar uma pessoa sem olhar para ela, ou tocar nela, ou sem nem mesmo estar perto dela. Querem ver? Todos os virgens que assistem a esse canal agora sofrerão um impacto cerebral não-letal!

-------------------------

Bia/Lana: AAAAAAAAAAAAAGH!!! *com as mãos na cabeça*

------------------------

Nekiba/Lix: WAAAAAAAAAAAAAGH!!

-----------------------

Hai: *com as mãos na cabeça* AAAAAAAAAAAAAAIIII!!

Han: Hai-ni!

-----------------------

Thaysa/Geh: AAAAAAAAAAAAAAAAAAAGH!!

------------------------

Bruh/Jammal: AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAGHH!!!

-----------------------

Menina qualquer: *sentada do lado do pai* ‘-‘

Pai da menina: Ò.Ó

Menina qualquer: Er... A-aaaaaaii... *com as mãos na cabeça*

Pai da menina: *pega a cinta* Você é uma péssima atriz!

----------------------

Nymaha: Se eu consigo fazer isso com vocês sem nem mesmo conhece-los, eu posso matar a Akane-chan, então não desobedeçam as regras! ;D Agora eu vou porque eu tenho que me encontrar com meus amigos barmans! Tchau! Fui! Beijos! Tchau! Até mais! Fui! Até! Beijos! Fiquem com Deus! Amém! Fui! *some*
.
.
.
.
Nymaha: *volta* Ah é, esqueci, me encontrem na minha casa às oito da noite de hoje. *some*

--------------------------

Asuka: Mas ela nem falou onde ela mora! Será que ela tava falando daqui?

Juh: *levanta o braço* U-Uh?! O que é isso?

Chuck Norris: Juh, se quiser perguntar alguma coisa pergunta, não precisa levantar a mão.

Juh: N-não sou eu que to fazendo isso! *vai andando até a parede e morde o dedo até arrancar um monte de sangue* Uuugh!!

Kyara: Que horror!

Juh: *escrevendo na parede com sangue* Que isso?!

--------------------

Bruh: *fazendo o mesmo que Juh* B-Bruh não ta conseguindo se controlar!

-------------------

Geh: *idem* Ué... Que isso? ‘-‘

-------------------

Hai: *idem²* N-nee-san!! Ajuda!

Han: Hai!!

Hani: Espera! El eta escrevendo aluguma coisa!

-----------------

Nekiba: *fazendo o mesmo* E-eu não to conseguindo controlar! Karol, ajuda o papai!!

Karol: Não, vou deixar e lamber esse sangue todo depois!

Lix: Você é cruel, Karol...

-----------------

Miwa: *idem* Ugh! D-droga! Meu corpo!!

-----------------

Kyo: *idem* M-meu lindo dedo... c-cheio de sangue!!

Kyo termina de escrever e cai no chão com a mão ensanguentada.

Wagner: Kyo! O que você escreveu na parede?!

Kyo: Sei lá! Eu não fiz isso porque quis!

Wagner: *lendo* Me encontrem na Rua...

-------------------

Karol: *lendo* Rua Hoogle, nº 309...

--------------------

Miwa: *idem* Não chamem ninguém fraco, pois será um jogo...

--------------------

Han: *idem* Extremamente perigoso, que pode custar suas vidas!

--------------------

Thaysa: *idem* Quem for só assistir, terá que pegar o ingresso.

--------------------

Leandro: *idem* 30 cunt antecipado, 35 na porta.

--------------------

Chuck Norris: *idem* Chuck Norris não serão permitidos, deixem o seu Chuck Norris em casa ou na platéia... *termina de ler* O que aquela porra louca tem na cabeça?!

Lana: Ah não, a gente acabou de voltar de Israel e já vai ter outra batalha?

Chuck Norris: Bom, ela disse “cinco jogos diferentes”... Me pergunto quais jogos são...

Asuka: *treinando socos no ar* Hehe... Acho que ela não é mais forte que o Bin Laden, acho que eu vou só pra dar uma aquecida!

Iago: *estalando o pescoço* Se a aniki vai eu também vou, não posso ficar pra trás.

-----------------------------

Em um lugar distante dali, em um bar desconhecido e escondido, Nymaha bebia cerveja junto de um monte de barmans.

Nymaha: Três uhas pra minha futura vitória e possessão da Mansão Norris! Hip-hip...

Todos: UHAAAAA!!

Nymaha: Hip-hip...

Todos: UHAAAAA!!

Nymaha: Hip-hip...

Todos: UHAAAAA!!

Nymaha: Hip-hip...

Todos: JÁ FORAM TRÊÊÊÊÊS!

Um dos amigos barmans de Nymaha puxa o braço dela e fica de frente pra garota.

Barman: E você já escolheu seu time, Nymaha-chan?

Nymaha: Meu time é perfeito... Se encaixam perfeitamente nos jogos do Nymaha Games!

Uma garota de cabelos pretos e lisos até os ombros, tão pretos que chegavam a brilhar, a pele muito branca, olhos vermelhos e grandes, usava um brinco símbolo dos wicca, uma religião pagã, usava roupas que pareciam de uma metaleira, tipo a Cristina Scabbia ou a Amy Lee do Evanescence, ta ligado?

???: Nymaha, pára de beber e vamos logo pro campo!

Nymaha: Pra que a pressa? Nem vai ser você que vai pegar o primeiro jogo, Sophia.

Sophia: Mas eu não quero ficar no meio desse monte de barmans!

Barman: Ow princesa! Dá um beijinho aqui da?

Sophia pega o rosto desse barman e enfia no chão, e ainda senta a porrada em mais outros barmans que não tinham nada a ver com a história.

Sophia: Então quem vai pegar o primeiro jogo?

Nymaha: O Snoop, lembra dele?

Sophia: Aff... Infelizmente lembro!

Nisso entra um rapaz no bar, usando terno e gravata, ele tinha cabelos pretos e arrepiados, uma barba por fazer, usava um tapa-olho e o seu outro olho era preto, pele parda como a de Nymaha, era bem alto e robusto.

???²: Então, eu vou pegar o primeiro jogo?!

Sophia: Seu jogo ainda é legal, Snoop, o meu é idiota!

Snoop: Nymaha, pode mudar o meu jogo pra amanhã a noite? Amanhã a noite é noite de lua cheia.

Nymaha: Bom, acho que vai ser melhor então, eu passo o jogo da Biah pra hoje... A pesar de que ela com certeza vai chegar atrasada! Mas não faz mal, já que é tudo pro seu bem né, Snoop?

Snoop: Exatamente! Hehe!

Nymaha: *passando a mão no queixo de Snoop* Quem é o bom menino? Quem é?

Snoop: Nhaaau sou eu! Sou eu! Hehe! Eu sou um bom menino! *da um tapa na mão de Nymaha* Pára com isso!

Nymaha: Ótimo! Então, pessoas do time Nymaha! Vamos pra minha casa!

Barman: *liga a tv* Nós vamos ver daqui e torcer por você Nymaha!

Nymaha: Thanks~ Então, siga-me os bons! *sai*



CONTINUA...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nekiba
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 2492
Pontos : 3690
Data de inscrição : 20/09/2010
Idade : 24
Localização : No pico do Himalaia

MensagemAssunto: Capítulo 116: MTV Cribs: Chuck Norris   Sab Jul 23, 2011 11:07 am

Capítulo 116: MTV Cribs: Chuck Norris


SPECS
19.3 ACRESS
4 BEDROOMS
2 BATHROOMS
1 TRAINING ROOM

Phallus, CH

*Mostrando a casa de Chuck Norris de frente, era uma Mansão parecida com a da foto*
Spoiler:
 

*Mostrando as outras partes da casa*

Chuck Norris: *abre a porta* E aí, MTV? Aqui é Chuck Norris, e esse é o meu cafofo! Se estiverem prontos pra entrar na casa de um Fodão, podem vir, mas não desrespeitem.

A câmera da MTV vai mostrando a sala de estar, que era enorme, tinham uns sofás brancos e no meio desses sofás, uma mesinha de centro de madeira com um vaso de plantas. Na parede um quadro de arte, e na outra parede uma tv de plasma. No outro canto mais a esquerda da sala tinha uma lareira. Em frente a tv de plasma, no chão, um Playstation 3.

Chuck Norris: Essa é a minha sala de estar... *senta no sofá e liga a tv assistindo a luta* Tv de plasma e home theater, meu cinema em casa! Se tem alguma coisa que eu amo nessa casa, é a minha tv!

Voz da Kyara: E eu?

Chuck Norris: É, é, você também, amor.

*mostra os sofás*

Chuck Norris: Esse sofá é mais confortável que os peitos da sua namorada, feito com pêlos de Schuklavrs, um animal raro do planeta Clumsy, peguei alguns desses animais desse planeta antes de explodi-lo.

*Vai mostrando uma espécie de estante que ficava em cima da lareira, na parede, lá tinha a foto de Matsuko com incenso dos lados*

Chuck Norris: Essa foi a minha primeira mulher, com quem eu tive a minha filha Asuka, ela tá com meu brother Jesus agora, ta ligado?

Agora a câmera da MTV vai para a cozinha que ficava do lado da sala, no meio dela um balcão grande e marrom vernizado, com bancos da mesma cor em volta em volta. Em cima um lustre prateado e cilíndrico estilo japonês. A pia era da mesma cor do balcão e branco na parte de cima, o fogão já vinha embutido no balcão da pia, oito bocas, na frente de tudo um armário para guardar as taças, copos e pratos. Em cima, na parede, um armário da mesma cor da pia e do balcão. A geladeira ficava logo ao lado, que inclusive era três vezes a largura de uma geladeira normal. Kyara estava na pia lavando umas louças.

Chuck Norris: Aqui é a minha cozinha, um dos lugares mais sagrados da Mansão Norris, porque é aqui que os norrianos enchem a pança, ta ligado? *senta num dos bancos e começa a comer um sanduíche igual o da foto*


Chuck Norris: Isso aqui é o básico pra encher um estômago norriano, por isso... *vai até a geladeira e a abre* Eu tenho tudo isso!

A geladeira tinha de tudo, carnes, frios, refrigerantes, bifes, feijão, alface, alcatra, farofa, potes e potes de pimenta, queijo ralado, molho, katchup, maionese, mostarda...

*2 horas depois*

...Rosbife, salsinha, cebolinha, cascão, mônica, nutella, chocolate, peixe, salame, manteiga Doriana, Coca-Cola, gelo, água e etc.

Chuck Norris: Deve estar se perguntando onde eu guardo as loiras geladas, certo? *vai até um frigobar que era do tamanho de uma geladeira comum e a abre, estava lotada se cerveja* Isso é o que não ia faltar na minha cozinha, bitch!

Chuck Norris: Mas isso não é só. *abre uma passagem secreta no chão, estava lotada de cerveja* Caso acabe, temos suprimento extra.

*Mostra Kyara lavando a louça*

Chuck Norris: Essa é a minha atual esposa, a mulher que eu mais amo nesse mundo! *abraça Kyara e da um beijo nela* Me encontra no quarto depois, gata. *aperta a bunda dela*

Kyara: Ui!

Chuck Norris: Hora de subir e checar os quartos!

Chuck Norris volta para a sala e sobe as escadas, que levavam a um corredor, a câmera da MTV o segue, o corredor era grande, com um carpete vermelho e as paredes brancas com detalhes dourados, pinturas nas paredes e algumas fotos antigas de Chuck Norris.

Chuck Norris: Agora nós já estamos adentrando aos quartos, primeiro vamos dar uma checada no quarto do meus sobrinho Iago. *abre a porta do quarto do Iago*

Voz de Iago: T-TIO!! PRIVACIDADE AQUI!!

Chuck Norris: *fecha a porta* B-bom... vamos deixar esse pra depois... Ele é um adolescente afinal, admita, quem nunca fez isso?

Chuck Norris: Pronto pra checar o quarto das minhas meninas? Check it out! *abre a porta do quarto da Asuka*

Asuka: *usando o computador*

Bia: *deitada no chão, jogando sudoku*

Juh: *vendo o que Asuka estava fazendo no computador*

Chuck Norris: Meninas, Juh, digam oi ao pessoal da MTV.

Todas: *desânimo total* Oi Mtv...

O quarto de Asuka era bem grande, com as paredes brancas, com alguns pôsteres daqueles coreanos que a Bia e a Geh adoram, Tinham três camas de solteiro iguais, só a cama da Akane que tinha uma colcha da Hello Kitty. Do lado da cama de Akane, na parede, uma mesa para o computador que Asuka usava para fuçar no facebook dos outros. Do lado dessa mesa a janela com uma cortina branca, em baixo da janela uma estante bem larga, repleta de livros e mangás, de maioria shoujo e shounen-ai. Na outra parede, do lado contrário das camas, um guarda roupa branco que pegava quase a parede inteira. Na parede do lado da porta, tinha uma estante com um aparelho de som, e do lado, vários cd’s, de maioria de rock internacional e heavy metal, ou daquelas bandas coreanas que a Bia e a Geh adoram.

Chuck Norris: Essas são minhas princesas que eu amo de coração, a Akane-chan também é, mas ela foi sequestrada... Asuka, vem aqui apresentar seu quarto agora, porra!

*corte de câmera*

Asuka: Esse aqui é o meu quarto, é meu santuário onde só os presentes são bem-vindos, tirando vocês equipe da MTV, claro, só estou deixando vocês pisarem aqui por piedade.

*vai mostrando as camas*

Asuka: Essa é a minha cama, é aqui que a mágica acontece! *pisca para a câmera*

Lana: *aparece do nada* Sugoooi! Asuka-san vai tirar um coelho da cama? *olhos brilhando*

*corte de câmera*

Lana: *com um olho roxo*

Asuka: *mostra o computador* Esse é o meu bebê, é aqui que eu guardo parte da minha vida, meus gostos, meus segredos, meus-

Juh: Como por exemplo, aquele coreano safadhênho do msn que diz que vai vir pra Champz só pra vocês tr-

*corte de câmera*

Juh: *com um olho roxo*

Asuka: Esqueçam o computador, esse é o meu armário. *abre o armário e mostra todas as roupas dela* Eu tenho um armário enorme e muitas roupas mesmo, muitas roupas aqui são da aneue, da Akane... *vai fuçando no armário* Mas eu separo, claro... *é sugada pra dentro do armário* WAAAHHH!!... Porra! Encontrei Nárnia!!

Mario: *sai de trás do armário* Jujuuuuh~

-------------------------

Chuck Norris: Agora sim, vamos ver o quarto do meu sobrinho, morô irmão? *entra no quarto de Iago* Esse aqui é o meu sobrinho que me dá orgulho... *chega mais perto da câmera* Não desmerecendo a Tsuki.

Iago: Cola na grade, vou mostrar meu cafofo...

O quarto tinha pisos brancos de mármore, parede de madeira vernizada, tinha uma janela logo em cima da cama de solteiro, na cabeceira da cama tinha um mangá de Hokuto no Ken, um abajur e uma gaveta. Um armário do lado da cama e, do lado do armário, um criado-mudo, com um notebook em cima, um skate encostado na parede, uma bola de futebol jogada no chão, alguns calçados no chão. Na parede uns pôsteres de mulheres como a Katy Perry, como a Megan Fox, como a Angelina Jolie, como a Jessica Alba, como a Hayden Panettiere, como a Daianna Agron, como a Beyoncé, quem dera comesse todas elas.

Iago: Meu quarto é onde as melhores coisas da minha vida acontecem, se é que vocês me entendem. *pisca*

Voz do Chuck Norris: SUA MÃO NÃO CONTA! [Chuck Norris = Pai Troll]

*corte de câmera*

Iago: Como eu ia dizendo, no meu quarto eu posso fazer o que eu quero, sem CERTAS PESSOAS ficarem me enchendo o saco. Venham, eu vou mostrar a minha cama, mas não se apaixonem.

A cama de Iago era comum, sem nada de especial, vamos continuar com a fic que eu quero acabar essa porra logo.

Iago: Essa é a minha cama, é aqui que a mágica acontece.

Voz do Chuck Norris: MÁGICA COM A SUA MÃO?

Iago:...

*corte de câmera*

Iago: Então, esse é o meu computador. *mostra o computador* Aonde eu gosto de passar a maior parte do tempo quando eu estou em cas-

Voz do Chuck Norris: REDTUBE QUE O DIGA!

Iago: CHEGA!!

*corte de câmera*

Chuck Norris: *de volta pro corredor* Agora nós vamos para o ultimo quarto, o quarto da minha enteada, Lana-chan, cola na grade.

Chuck Norris abre a porta do quarto de Lana. A pequena estava deitada na cama lendo um livro, ela era rosa com detalhes azuis [a cama, não a Lana], com uma estante em cima com alguns livros e um rádio, vários unicórnios de cêra nas estantes, que erram marrons, um armário da mesma cor na frente da cama, uma corda no teto que levava ao sótão. Em uma das estantes uma foto de Lana com a mãe Kyara.

Lana: Pode deixar, Norris-sama. Esse aqui é o meu cafofo, cola na grade.

*Câmera vai mostrando os detalhes do quarto de Lana*

Lana: Essa aqui é a minha cama. É aqui que a mágica acontece.

Todos – Lana: O QUEEEEEEEEEEEEEEEEEEE???

Lana: *pega uma varinha e bate três vezes na cama e depois tira um coelho do travesseiro* Que foi? Não gostam de mágica?

Todos – Lana: Uuuuuufa...

Lana: *mostra a coleção de unicórnios* Esses unicórnios eu tenho já faz um bom tempo, não sei por que, mas eu gosto de unicórnios desde criança, assim como a minha mãe.

*câmera mostra o carpete de Lana*

Lana: Coloquei esse carpete no meu quarto faz pouco tempo, ele é de uma maciez fofa e suave, faz até dormir no chão ser confortável. *deita no chão e acaba pegando no sono* ZZZzzzzzZZZz...

Cameraman: Ei... Psiu... acorda... Temos que continuar o programa.

Lana: *levanta sonâmbula* Magos à direita! Elfos à esquerda! Não podemos perder para esses humanos podres! Estão com seus arcos e flechas preparados?

*corte de câmera*

Lana: *já acordada* Agora nós vamos para o sótão, se preparem porque é um lugar que eu não ouso entrar, mas já que é para o bem do programa... *se veste com um colete a prova de balas, uma metralhadora e um capacete* Entrem se tiverem coragem...

Antes de todos entrarem no sótão, eles ouvem esse barulho:
Spoiler:
 

Lana: *desce correndo* VOLTA! VOLTA! VOLTA! VOLTA!

Imagens da câmera: *balançando tudo porque o câmeraman estava correndo que nem louco*

*corte de câmera*

Chuck Norris: *no quarto dele* Bem-vindos ao meu lugar favorito da casa, o quarto de Norris-sama!

Spoiler:
 

Chuck Norris: *mostra a tv* Tv de LCD, 32 polegadas, assisto os jogos do meu time enquanto ganho um café na cama trazido pela Kyara... Vida de Fodão não é fácil. *pisca*

Chuck Norris: *pula na cama* Aqui é a cama, aonde a mágica acontece! Mágicas que duram quase quatro ou cinco horas.

Kyara: E quem sofre? *aponta para si mesma*

Chuck Norris: *abre a porta de vidro que levava a sacada* Meu quarto é o único da Mansão que tem sacada, as crianças não conseguiriam lidar com uma, sacada é só pra quem pode... e pra quem vive em apartamento caro também.

Kyara: Só um cômodo a mais que eu tenho que limpar.

*corte de câmera*

Agora Chuck Norris estava nessa sala.
Spoiler:
 

Chuck Norris: Essa é a sala de treinamento, um norriano precisa aprimorar suas técnicas de luta para proteger o universo.

Asuka/Iago/Kyara/Lana/Juh: *treinando golpes no ar* HUA!... HUA!... HUA!

Chuck Norris: *mostra o saco de pancadas, aquele ali com a foto do cachorro* Esse não é um saco de pancadas comum, quer ver? Vem dar um soco.

Diretor do MTV Cribs: Eu?

Chuck Norris: É, você mesmo, você parece forte, vem dar um soco no saco de pancadas.

Diretor: *vai até o saco e dá um soco, o saco nem se mexe* A-Aaaaaaai! Minha mão!

Chuck Norris: Esse saco não foi feito para humanos comuns.

Thaysa: *aparece do nada* Se me permite, Norris-sama... *da um soco no saco que dobra*

Chuck Norris: C-como assim?!

Aya: *idem* Com licença, Norris-sama. *o mesmo que Thaysa*

Chuck Norris: Já tão zika assim é?

Han: *idem* Minha vez, minha vez! *o mesmo que as outras duas*

Leandro: *idem*

Iago: Ta precisando mudar esse saco aí, Tio.

Chuck Norris: Ah, nem tanto assim.

Karol: *chega e da um soco só, o saco arregaça na parede* Hehe!

Chuck Norris: FFFFFUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUU-

*corte de câmera*

Agora Chuck Norris estava nessa sala.
Spoiler:
 

Chuck Norris: Aqui é a minha sala de reuniões, onde eu faço as reuniões com a minha família, como quando decidimos montar o Chuck Norris Host Club. Também serve de reuniões para os Fodões, a Taty-chan e o Nascimento conhecem bem essa sala... Me sinto o chefe de uma grande empresa nessa sala... Ou como se eu fosse da Liga da Justiça...

Kyara: Só mais um quarto pra eu limpar.

*corte de câmera*

Chuck Norris: *em frente a porta de frente* Agora vocês já viram meu cafofo, agora vocês podem dar o fora! Nymaha, você não vai conseguir isso aqui!

*rolando os créditos*

----------------------------------------

Asuka: *veste uma mochila* Ufa... Finalmente os caras da MTV foram embora.

Han: Obrigado por me escolher, Asuka-senpai!

Bia: Não se esqueçam, a prioridade é salvar a Akane-chan!

Han: Eu sei, eu sei, só estou empolgada! É a primeira vez que a senpai escolhe a mim ao invés da Thaysa ou da Aya.

Karol: Já sinto o cheiro de vitória. E lembre-se, Asuka, eu não to fazendo isso por você, pela Mansão ou pela Akane-chan, estou fazendo isso por mim.

Asuka, Iago, Bia, Han e Karol já estavam na frente da Mansão Norris com mochilas nas costas, preparados para a batalha.

Aya: Acha mesmo que esse time é o mais forte?

Thaysa: Sei lá... Mas eu sei que a força deles vem da força de vontade, e isso eles tem de sobra.

Leandro: Quer dizer que a gente não temos força de vontade?

Thaysa: Claro que temos, mas vamos ver o que vai acontecer com o time da Nymaha quando se enfrentarem com o time mais forte da Mansão Norris... E o certo seria “A gente não tem” ou “Nós não temos”, ok?

Leandro: NÃO ME CORRÉGE!!

Aya: Humpf...




CONTINUA...

---------------------

Gostou?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
4ª temporada!
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 2Ir à página : 1, 2  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Água de Mar [Nova temporada]
» Inscrição da Miku/Mikaru [2ª temporada]
» [DAREDEVIL] - Terceira temporada confirmada !!!
» Chefs' Academy [2ª Temporada] - AMANHÃ
» Achas Que Sabes Dançar | 2ª Temporada

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
FanFuck :: Bad Girl! :: Bad Girl! [FanFuck]-
Ir para: